Velocidade Online

Portugueses no estrangerio -

PORTUGUESES NO ESTRANGEIRO - A REACÇÃO DE MIGUEL OLIVEIRA

Segunda, 17 Agosto 2020 15:13 | Actualizado em Quinta, 16 Setembro 2021 18:18

Miguel Oliveira ficou desolado com o abandono no Grande Prémio da Áustria de MotoGP. Um “não resultado” que o piloto português lamenta, já que na corrida hoje disputada no Red Bull Ring mostrou um excelente andamento enquanto esteve em prova. Depois de um começo forte de prova o titular da KTM RC16 # 88 foi ‘trepando’ na classificação desde o 11º posto em que partiu chegando até à sexta posição, à frente de Valentino Rossi, e estava em luta com o ‘chefe-de-fila’ da KTM, Pol Espargaro quando protagonizou uma colisão com com a RC16 # 44 do piloto espanhol que o levou ao solo.
Naquele incidente, que pode acontecer quando se roda muito próximo dos adversários, terminaram as esperanças dos dois pilotos. Um desfecho “duro” para Miguel Oliveira, que tinha grandes expetativas para esta prova, onde a KTM e a Red Bull competiam ‘em casa’. “Mostramos muita velocidade hoje, e acho que teríamos sido capazes de conseguir um bom desfecho para a equipa. Infelizmente Pol teve dificuldades em parar a moto e vi-o seguir sair largo em várias curvas, por isso na curva quatro vi-o sair mesmo muito largo por isso fui por dentro”, começa por contar. “Normalmente quando um piloto sai de pista tenta-se aproveitar disso de alguma forma. Ele virou de repente e colidimos. Não houve forma de o ver para poder evitar o acidente. Por isso foi uma pena este não resultado. Mas temos outra possibilidade na próxima semana e vamos começar a focar-nos nisso”, acrescenta o piloto de Almada numa referência ao Grande Prémio da Stíria, que se disputa no mesmo traçado dentro de oito dias.


Texto de Nuno Costa / 5ª a Fundo / www.velocidadeonline.com

Facebook
Facebook
Visitas
Visitantes em linha
contador gratuito de visitas Total de visitas
Contacte-nos