Velocidade Online

Moto - Pista

MOTOS - RUTTER NO GRANDE PREMIO DE MACAU

Sábado, 23 Novembro 2019 06:19 | Actualizado em Quarta, 15 Janeiro 2020 00:57

MICHAEL RUTTER MELHORA O SEU RECORDE COM HISTÓRICA NONA VITÓRIA

Michael Rutter (Honda RC213V da MGM by Bathams) foi declarado o vencedor do 53º Grande Prémio de Motos de Macau - Suncity Grupo, depois da interrupção por bandeiras vermelhas de duas corridas no Circuito da Guia de 6,2 Km.

O Campeão em título, Peter Hickman (BMW da MGM by Bathams) foi segundo, com David Johnson (em Ducati da Tak Chun by PBM) em terceiro.

A corrida começou com Hickman a fazer o que todos esperavam: lançou-se nas duas primeiras voltas para a construção de uma vantagem de sete segundos sobre Rutter, com David Johnson (Ducati da Tak Chun by PBM), Lee Johnston (BMW da Ashcourt Racing) e Davey Todd (BMW da MGM by Penz 13) todos em perseguição.

Hickman pareceu reduzir o seu andamento, mantendo a sua liderança, quando a terceira volta foi completada, mas então surgiram as bandeiras vermelhas, devido à queda de Rob Hodson (JGH Racing) nos Esses e Marek Červený (BMW da Wepol Racing), que estava logo atrás, não conseguiu evitar cair da sua moto. Ambos os pilotos sofreram lesões ligeiras e regressaram ao paddock no carro de apoio.

Os organizadores declaram um recomeço e a uma nova formação da grelha de partida para uma corrida de oito voltas.

Desta feita, Michael Rutter foi quem arrancou melhor e estava à frente de Hickman ainda antes da primeira curva, mas não conseguiu ganhar vantagem a Hickman da mesma forma que este tinha feito na primeira corrida – ao invés dos três segundos da primeira volta, a diferença entre os dois aproximava-se dos três décimos de segundo e Hickman acabou por suplantar Rutter na travagem para a Curva Lisboa e passou imediatamente a construir uma vantagem.

No entanto, as bandeiras vermelhas voltaram a aparecer alguns segundos mais tarde,  num acidente no Posto 15 com seis pilotos envolvidos -  Erno Kostamo (MGM by Penz 13), Derek Sheils (Suzuki da Burrows Engineering/RK Racing), Didier Grams (BMW da G&G Motorsport), Michael Sweeney (BMW da Martin Jones Racing), Philip Crowe (BMW da Handtrans-Lee-Jackson-AC) e Dan Kruger (BMW da MGM by Penz 13). Três pilotos foram levados para o hospital; Kostamo, Sheils e Kruger, todos conscientes. Kruger e Sheils receberam alta, enquanto que Kostamo está em condição estável e está a ser submetido a uma cirurgia esta noite.

Não houve oportunidade para recomeçar a corrida pela segunda vez. O Regulamento dita que o resultado deve ser declarado com base numa única volta da segunda corrida.


Facebook
Facebook
Visitas
Visitantes em linha
contador gratuito de visitas Total de visitas
Contacte-nos