Velocidade Online

Mundial - TCR

MUNDIAL - TODO O TERRENO - BRASIL

Domingo, 15 Dezembro 2019 20:52 | Actualizado em Sábado, 16 Outubro 2021 04:38

Rali: Marcos Baumgart e Kleber Cincea conquistam o tricampeonato brasileiro e o título sul-americano

Equipe X Rally Team fecha temporada dura em 2019 confirmando mais dois títulos; no campeonato nacional, time ocupou as três primeiras posições

Alta  | Web

Tri brasileiro, campeão sul-americano, top-5 no Sertões e top-10 no Dakar (Foto: Fotop)

Tri brasileiro, campeão sul-americano, top-5 no Sertões e top-10 no Dakar
(Foto: Fotop)

Alta  | Web

Marcos Baumgart/Kleber Cincea: tricampeões brasileiros e campeões sulamericanos (Foto: Fotop)

Marcos Baumgart/Kleber Cincea: tricampeões brasileiros e campeões sulamericanos
(Foto: Fotop)

Alta  | Web

Mauro Guedes e Filipe Bianchini foram vice-campeões brasileiros (Foto: Fotop)

Mauro Guedes e Filipe Bianchini foram vice-campeões brasileiros
(Foto: Fotop)

Alta  | Web

Michel Terpins e Maykel Justo fecharam o campeonato em terceiro lugar (Foto: Fotop)

Michel Terpins e Maykel Justo fecharam o campeonato em terceiro lugar
(Foto: Fotop)

Alta  | Web

Fechando os três primeiros lugares da disputa com a equipe X Rally Team (Foto: Fotop)

Fechando os três primeiros lugares da disputa com a equipe X Rally Team
(Foto: Fotop)

A equipe X Rally Team fecha 2019 com mais dois importantes títulos para seu cartel após o encerramento da temporada regular do off road nacional. Com a conclusão do Rota Sul, no último final de semana e a confirmação dos resultados, a dupla formada por Marcos Baumgart e Kleber Cincea conquistaram o tricampeonato brasileiro de rali cross country e também faturaram o título sul-americano da competição.

Foi o segundo título nacional seguido (e o terceiro no geral) para Marcos e Kleber, que em 2019 fecharam com 12 vitórias em 25 especiais em disputa – nas oito etapas, foram quatro vitórias gerais – e um total de 1de 170 pontos. A dupla da X Rally Team, uma das mais longevas da história do rali mundial, com 20 anos de parceria, fecha um ano próximo da perfeição ao conquistar também o título sul-americano com 59 pontos. O certame continental teve três disputas – o Desafio Guaraní, no Paraguai, o Sertões e o Rota Sul.

“As competições neste ano estiveram em outro patamar. O nível foi muito mais alto e todos na equipe tivemos de trabalhar e suar muito para atingirmos os nossos objetivos. Foi um ano fantástico, duríssimo, mas o resultado do trabalho veio e isso nos deixa mais motivados para 2020”, destacou Marcos Baumgart que, ao lado de Kleber Cincea, também disputaram algumas etapas do South Africa Cross Country Series (SACCS), o campeonato sul-africano, e venceram a etapa final.

O navegador Kleber Cincea também destacou as dificuldades que surgiram durante o ano. “Trabalhamos na construção das nossas X Rally Rangers, as desenvolvemos, treinamos, melhoramos, enfrentamos adversários fortíssimos e felizmente atingimos a expectativa. Só posso estar feliz com a qualidade do nosso time e também dos nossos competidores”, destacou o navegador, que ficou ausente de duas etapas por outros compromissos profissionais e foi substituído por Du Sachs no RN e por Maykel Justo no Rally Cuesta.

Para a equipe X Rally Team, a comemoração não é só pelos títulos de Marcos e Kleber. As outras duas X Rally Rangers T1 Brasil da equipe fecharam o campeonato brasileiro ocupando os dois degraus restantes do pódio, com Mauro Guedes e Filipe Bianchini como vice-campeões (com cinco vitórias no total, inclusive no difícil RN) com 134 pontos e Michel Terpins em terceiro ao lado de Maykel Justo com 107.O time ainda foi vice-campeão do Sertões, cortesia dos tricampeões Cristian Baumgart e Beco Andreotti, e no Dakar, Marcos e Kleber terminaram em sexto com Cristian e Beco em nono – primeira participação da equipe na prova entre os UTVs e fechando, ambos, entre os dez melhores no mais difícil rali do planeta.

“Foi um ano muito bom, de muito aprendizado, novidades e também percalços. Conseguimos manter o excelente nível de performance, confiabilidade e segurança dos nossos carros em todos os campeonatos que disputamos e tenho certeza de que estivemos o tempo todo reciprocamente em pressão com nossos adversários, um estimulando o outro a melhorar durante as competições. Isso é muito positivo para o rali nacnacional. Tivemos um Sertões muito difícil, mas também positivo pela vitória da X Rally Ranger que construímos para o Lucas Moraes. Então, 2019 é um ano para ser lembrado como sendo a consolidação do papel da X Rally Team no cenário do rali brasileiro, e em 2020 esperamos fomentar ainda mais o esporte”, concluiu Beco Andreotti, chefe da equipe.


Facebook
Facebook
Visitas
Visitantes em linha
contador gratuito de visitas Total de visitas
Contacte-nos