Velocidade Online

Mundial - TCR

MUNDIAL - WTCR - YVAN MULLER VENCE A 1ª CORRIDA EM MACAU

Quinta, 21 Novembro 2019 10:07 | Actualizado em Domingo, 12 Janeiro 2020 20:57

YVAN MULLER VENCE PROVA DE ABERTURA DA CORRIDA DA GUIA MACAU SUNCITY GRUPO

Yvan Muller controlou a prova de abertura da Corrida da Guia Macau Suncity Grupo, enquanto que Andy Priaulx falhou a sua primeira subida ao pódio desde que regressou ao mundo dos carros de turismo devido a ordens de equipa da Cyan Racing.

Muller arrancou da pole-position para a corrida e manteve a liderança, uma vez que Norbert Michelisz colocou-se atrás do Lynk & Co 03 e repeliu o ataque do terceiro classificado na grelha de partida, Priaulx.

Depois de criar uma vantagem de 1,12 segundos na primeira volta, Muller passou as restantes sete com menos de um segundo para Michelisz, mas nunca foi ameaçado pelo piloto da BRC Racing Hyundai, numa corrida contida de abertura do fim-de-semana.

Muller deveria liderar a Cyan a um 1º e 3º lugares, até que Priaulx deixou passar Bjork na Curva dos Pescadores durante a última volta de modo a melhorar a situação do sueco na tabela de pontos da FIA WTCR. No entanto, o derradeiro lugar do pódio acabaria nas mãos de Kevin Ceccon, em Alfa Romeo Giulietta, que arrancou mal, mas subiu na classificação quando Priaulx e Yann Ehrlacher reduziram o andamento propositadamente.

Rob Huff terminou em quarto, no seu Volkswagen Golf GTI da Sebastien Loeb Racing, à frente de Bjork, com Priaulx em sexto na linha de meta a defender-se de Frederic Vervisch, que estava a tentar capitalizar os seus ataques.

Ehrlacher, que no início da corrida deixou passar Bjork, foi oitavo no quarto Lynk & Co 03, ao passo que os Hyundai da BRC, do Campeão em título, Gabriele Tarquini, e Nicky Catsburg completaram os dez primeiros.

Robert Dahlgren marcou pontos na sua primeira corrida de regresso ao mundo dos carros de turismo, terminando no décimo terceiro lugar aos comandos do Cupra da PWR. O “wildcard” restante, Billy Lo, foi o último piloto a terminar na volta do vencedor, em vigésimo terceiro.

O segundo posto de Michelisz significa que este tem agora uma vantagem de dezoito pontos sobre Esteban Guerrieri, da Münich Motorsport Honda. O argentino iniciou a prova do final da grelha de partida devido a uma mudança de motor depois da primeira qualificação e, muito embora tenha progredido no pelotão, perdeu uma volta nas boxes e ficou classificado em vigésimo quinto.

Guerrieri deveria iniciar a corrida, a realizar amanhã, com grelha invertida da pole-position, mas recebeu uma penalização de três lugares na grelha de partida na noite de sexta-feira devido a uma altercação com Catsburg.


Facebook
Facebook
Visitas
Visitantes em linha
contador gratuito de visitas Total de visitas
Contacte-nos