Velocidade Online

Mundial - Fórmula 1

CAMPEONATO MUNDO DE FÓRMULA 1 - 2019 - GRANDE PRÉMIO DOS ESTADOS UNIDOS - SEGUNDO A PREVISÃO DA PIRELLI

Terça, 05 Novembro 2019 10:33 | Actualizado em Terça, 21 Janeiro 2020 22:44

GRANDE PRÉMIO DOS ESTADOS UNIDOS – CORRIDA

 

VALTTERI BOTTAS VENCE COM UMA TÁTICA DE DUAS PARAGENS, LEWIS HAMILTON SELA O TÍTULO APENAS COM UMA

 

 O piloto da Mercedes Valtteri Bottas conquistou a vitória no Grande Prémio dos Estados Unidos, após uma estratégia de duas paragens na frente do seu companheiro de equipe e já matemáticamente hexacampeão mundial, Lewis Hamilton, que optou por uma tática de apenas uma paragem. Como de costume no circuito das Américas, registaram-se uma grande variedade de estratégias ao longo da corrida, com uma disputa especialmente interessante nas ultimas voltas entre os três primeiros.

PRINCIPAIS MOMENTOS  DO GRANDE PRÉMIO

  • Bottas arrancou da pole, mas perdeu a posição para Hamilton após o seu segundo pit stop. No entanto, o finlandês aproveitou a maior “frescura” dos seus pneus para recuperar a liderança perto da bandeira de xadrez.
  • Hamilton foi um dos cinco pilotos do top 10 que iniciou com o composto macio. O primeiro turno do piloto inglês foi mais longo que o dos seus rivais, antes de mudar para o composto duro com o qual resistiu até ao final do Grande Prémio, demonstrando mais uma vez uma gestão perfeita da degradação.
  • O Red Bull de Max Verstappen elegeu a mesma estratégia que Bottas (médio-duro-médio), no entanto não conseguiu ultrapassar Hamilton nos momentos finais, conformando-se com o terceiro lugar.
  • O Ferrari de Charles Leclerc, quarto na passagem da meta, decidiu por uma via distinta de duas paragens, utilizando os três compostos disponíveis. Durante o seu turno  final com o composto macio, o monegasco obteu o bónus do ponto extra pela volta mais rápida.
  • Por trás do único Ferrari sobrevivente, Alex Albon (Red Bull) classificou-se após subir da última posição como resultado de um pit stop não programado devido a uma colisão durante o primeiro turno. Esta paragem foi a primeira das três que ele completou em todo o Grande Prémio, tornando-se o piloto que mais visitou o pit lane.
  • Registaram-se um total de cinco estratégias diferentes nos seis primeiros, destacando as múltiplas abordagens táticas do Grande Prémio.
  • As condições climáticas durante a corrida foram semelhantes às de sábado, com um clima quente que favoreceu a escolha dos compostos mais duros.

COMPORTAMENTO DOS PNEUS

  • DURO C2: Composto chave na corrida e que foi utilizado por todos os pilotos excepto Alex Albon. Hamilton realizou um impressionante turno final de 32 voltas com este composto na sua infrutifera procura do triunfo com apenas uma visita às Boxes.
  • MEDIO C3: Apenas quatro pilotos não montaram este composto durante a corrida. Essa escolha chegou até a grelha, já que cinco pilotos apenas os montaram para os seus turnos iniciais.
  • MACIO C4: Utilizado por vários pilotos no final da corrida em busca de um sprint final rápido com baixa carga de combustível, entre eles - Leclerc, que terminou às portas do pódio e marcou a volta mais rápida.

MARIO ISOLA, RESPONSÁVEL PIRELLI  F1 E COMPETIÇÃO AUTOMÓVEL

“As últimas voltas do Grande Prémio foram muito tensas, para ver se Lewis Hamilton conseguia a vitória com uma única paragem ou se ele seria ultrapassado pelos seus perseguidores, todos com pneus mais recentes. No final, ele não conseguiu subir ao degrau mais alto do pódio, mas a sua luta para alcançá-lo foi igualmente espetacular, por isso congratulamos Lewis por uma ótima corrida e um merecido sexto título. Parabéns também a Valtteri pelo seu triunfo seguindo um caminho tático oposto. No final, as condições de clima quente após um começo relativamente fresco do fim de semana reduziram o leque de opções estratégicas para uma ou duas paragens, e sempre com os compostos mais duros. De facto, dois dos três classificados optaram pela dupla visita ao pit lane. Além disto, assistimos a numerosas batalhas estratégicas e grande igualdade nas equipes, do semáforo à bandeira, que é exatamente o que todos queremos ver na Fórmula 1".

MELHORES TEMPOS POR COMPOSTO

TURNOS MAIS LONGOS DA CORRIDA

OUTRAS ESTATÍSTICAS 






     


Facebook
Facebook
Visitas
Visitantes em linha
contador gratuito de visitas Total de visitas
Contacte-nos