Velocidade Online

Nacional - Clássicos

CLÁSSICOS - IBERIAN HISTORIC ENDURANCE - NATURALMENTE O FORD GT 40

Terça, 14 Novembro 2017 09:32 | Actualizado em Sexta, 17 Janeiro 2020 22:33

Poderoso Ford GT40 dita as regras na jornada de resistência no Estoril



Po­de­ro­so Ford GT40 dita as re­gras na jor­na­da de re­sis­tên­cia no Estoril

  • Ge­org Nol­te e Frank Stip­pler ven­cem lon­ga cor­ri­da de fi­nal de época
  • Di­fe­ren­ças en­tre os pri­mei­ros mais pe­que­nas do que se esperava
  • Duas ho­ras de com­pe­ti­ção e vá­ri­os lí­de­res para ter­mi­nar da me­lhor forma
  • In­dex de Per­for­man­ce ga­nho pelo Mar­cos 1800 de Al­len Tice e Ch­ris Conoley

Mui­tos e in­te­res­san­tes au­to­mó­veis de com­pe­ti­ção, uma par­ti­da ao me­lhor ní­vel das cor­ri­das de re­sis­tên­cia e dis­cus­sões in­ten­sas e ca­lo­ro­sas em pis­ta. Foi as­sim que fi­ca­ram mar­ca­dos os 250 KM do Es­to­ril, a der­ra­dei­ra pro­va do Ibe­ri­an His­to­ric En­du­ran­ce que fe­chou o ano da me­lhor forma.

Ge­org Nol­te e Frank Stip­pler fo­ram os pri­mei­ros a ver a ban­dei­ra de xa­drez em mais uma jor­na­da em que a pai­xão pelo des­por­to au­to­mó­vel e pe­los de­sa­fi­os de re­sis­tên­cia mar­ca­ram a com­pe­ti­ção. O Ford GT40 foi um dos mui­tos icó­ni­cos mo­de­los em pis­ta, mas aca­bou por ser o que mais bri­lhou por­que foi com o po­de­ro­so car­ro nor­te-ame­ri­ca­no que a du­pla ale­mã triun­fou e ven­ceu a ca­te­go­ria H65-GTP.

A pro­va teve con­tor­nos qua­se dra­má­ti­cos. A sair da pole-po­si­ti­on, o Ford GT40 afun­dou-se na clas­si­fi­ca­ção. Nes­se mo­men­to, Mi­chi­el Cam­pag­ne, com o seu im­pres­si­o­nan­te Cor­vet­te Grand Sport, Je­sus Fus­ter, no Pors­che 911 RS 3.0, e Pe­dro Bas­tos Re­zen­de, em mo­de­lo igual, sal­ta­ram para a fren­te. Foi en­tre este trio que se dis­cu­tiu a li­de­ran­ça da cor­ri­da até à pa­ra­gem nas boxes.

Com a tro­ca de pi­lo­tos, o es­pa­nhol Fus­ter con­so­li­dou o pri­mei­ro lu­gar. Ape­sar de tudo, os cin­co se­gun­dos não o dei­xa­va res­pi­rar. E isso foi evi­den­te quan­do Paul Da­ni­els e Car­los Bar­bot se apro­xi­ma­ram e co­me­ça­ram a fa­zer mais pres­são. Esta tor­nou-se im­pos­sí­vel de con­tro­lar e o in­glês pas­sou para a fren­te. A par­tir daí, a si­tu­a­ção pa­re­cia es­ta­bi­li­za­da até que, a dez mi­nu­tos do fi­nal de uma cor­ri­da de duas ho­ras, Frank Stip­pler trou­xe o atra­sa­do Ford GT40 até ao pri­mei­ro lu­gar que de­fen­de­ria até ver a ban­dei­ra de xadrez.

Al­len Tice e Ch­ris Co­no­ley jun­ta­ram um pres­ti­gi­an­te oi­ta­vo lu­gar de uma hi­po­té­ti­ca clas­si­fi­ca­ção ge­ral à vi­tó­ria, com o seu Mar­cos 1800, no In­dex de Performance.

Não po­día­mos fe­char a épo­ca de ma­nei­ra tão boa e in­te­res­san­te. A cor­ri­da de hoje foi su­bli­me. Numa com­pe­ti­ção em que se pro­cu­ra re­vi­ver o que de me­lhor a com­pe­ti­ção já teve e em que os pi­lo­tos se di­ver­tem mui­to, as­sis­ti­mos a uma cor­ri­da es­pec­ta­cu­lar. Era di­fí­cil pe­dir mais. Hou­ve mui­tas mu­dan­ças de lí­der, in­ten­sas dis­cus­sões pe­las po­si­ções, mas sem­pre com um fair-play unâ­ni­me. Ter­mi­na­mos 2017 com a sa­tis­fa­ção ple­na e acre­di­ta­mos, ain­da mais, que 2018 tem tudo para ser mag­ní­fi­co”, afir­mou Di­o­go Fer­rão, lí­der da Race Re­ady que or­ga­ni­za o Ibe­ri­an His­to­ric Endurance.

Facebook
Facebook
Visitas
Visitantes em linha
contador gratuito de visitas Total de visitas
Contacte-nos