Velocidade Online

Nacional - Montanha

CAMPEONATO PORTUGAL MONTANHA JC GROUP - JC GROUP QUER GARANTIR VICE - CAMPEONATO

Quinta, 27 Setembro 2018 19:24 | Actualizado em Quarta, 08 Janeiro 2020 14:11

JC Group quer garantir vice-campeonato na Rampa de Boticas

 

José Correia (Nissan Nismo GT-R GT3) ruma a Boticas com a intenção de ser vice-campeão nacional absoluto de Montanha, naquela que será a oitava e derradeira prova da temporada. Gabriela Correia (SEAT León Mk3) vai tentar explorar os limites do carro no traçado transmontano e Augusto Vasconcelos (Ford Escort Mk1) quer repetir pódio nos Clássicos.

 

O Campeonato de Portugal de Montanha JC Group encerra no próximo fim de semana, com a Rampa de Boticas, palco da oitava prova da temporada. José Correia será uma das figuras da ronda transmontana, já que o piloto do Nissan assegurou a conquista do campeonato na categoria GT e agora quer assegurar o segundo lugar absoluto, posição que ocupa neste momento.

“Boticas é uma rampa desafiante e vamos tentar confirmar a boa forma que temos demonstrado ao longo desta época. Claro que o nosso objetivo é o vice-campeonato absoluto, só atrás de uma barchetta. Seria muito positivo encerrar o campeonato com esse resultado, mas vai ser preciso estar muito concentrado e tentar evoluir os nossos tempos em cada uma das subidas de prova”, afirmou José Correia.

A jovem Gabriela Correia tem sido uma das revelações da Montanha nacional e a piloto de Braga quer aproveitar a derradeira rampa do CPM para dar mais um passo na sua evolução. “Nas últimas provas senti-me à vontade com o carro e penso que é a hora de tentar ir um pouco mais além. Até aqui preocupei-me em não cometer erros, em acumular quilómetros e aprender tudo sobre as rampas. Agora quero explorar um pouco mais os meus limites e os limites do carro”, referiu a jovem piloto de apenas 16 anos.

Augusto Vasconcelos também vai representar a JC Group Racing Team em Boticas, como habitualmente ao volante do Ford Escort Mk1. “Esta será a terceira vez que corro em Boticas e claro que a confiança vai aumentando. Continuo a achar que ainda tenho muito para explorar na condução do carro mas o meu espírito é sobretudo de superação pessoa a cada subida. É por isso que estou nas corridas e quero sobretudo melhorar os meus tempos do ano passado. Se voltar a terminar no pódio dos Clássicos, ótimo”, apontou o piloto e arquiteto de Fafe.

A Rampa de Boticas começa no próximo sábado (dia 29) com a primeira subida de treinos às 14h00. No domingo (dia 30) os pilotos do CPM entram em pista a partir das 10h00.

 


Facebook
Facebook
Visitas
Visitantes em linha
contador gratuito de visitas Total de visitas
Contacte-nos