In order to view this object you need Flash Player 9+ support!

Get Adobe Flash player
Joomla! Slideshow

VELO CAB2012


MANUEL CORREIA FICOU AQUÉM DAS EXPECTATIVAS

 

CAMPEONATO NACIONAL DE MONTANHA

FOX 0307_Copy

RAMPA CAPITAL DO MÓVEL – PAÇOS DE FERREIRA

 

 

MANUEL CORREIA FICOU AQUÉM DAS EXPECTATIVAS


O fim de semana que passou na Rampa Capital do Móvel – Paços de Ferreira não foi de modo algum fácil para Manuel Correia que ao volante do seu já habitual Skoda Fabia S 2000, não conseguiu encontrar o setup mais correcto para o seu carro, e por isso não conseguiu imiscuir-se na luta pelos lugares da frente na categoria 1.

Mesmo assim Manuel Correia fez as três  subidas de prova, em  2.14.662, 2.14.647 e 2.13.690, o que lhe deu o 5º lugar na categoria 1, e o 11º à geral.

Por isso no final da prova , o piloto de Braga fez-nos um resumo da prova “ não foi fácil, pois tentamos sempre à  procura do acerto correcto para o Skoda Fabia nesta rampa, pois ao longo das subidas de treinos o comportamento do carro era estranho, e não deu para tirar todo o potencial. Por isso fui com uma certa apreensão para as subidas de prova, onde nas duas primeiras o tempo foi quase o mesmo, mas para a derradeira fizemos mais umas alterações que deu frutos, pois consegui logo baixar. Estou convencido que se isto tivesse sido logo feito na primeira subida de prova, com certeza que no final o resultado seria outro, mas as corridas têm destes imponderáveis”. Em jeito de finalização “ agora há que começar a preparar a próxima prova, a Rampa do Caramulo”.

CLASSIFICAÇÃO FINAL GERAL

1º  Pedro Castanon – Norma M 20

2º Rui Ramalho – Juno

3º João Fonseca – Silver Car

4º Paulo ramalho – Juno

5º Nuno Guimarães – BRC CM 02

11º MANUEL CORREIA – SKODA FABIA S 2000

CLASSIFICAÇÃO FINAL CATEGORIA 1

1º António Nogueira – Porsche GT 2

2º José Pires – Porsche GT 3

3º Miguel Lobo – Aston Martin

4º Elias Barros – Ford Fiesta

5º MANUEL CORREIA – SKODA FABIA S 2000

 

GUIMARÃES VENCEU GRUPO A EM PAÇOS DE FERREIRA

 

João Guimarães vence o Grupo A em Paços de Ferreira

 

Cada vez mais adaptado ao Peugeot 206 RC, João Guimarães teve uma boa prestação na Rampa Capital do Móvel, onde optou por correr na Categoria 1. Piloto do Peso da Régua foi sexto da categoria e ainda venceu o Grupo A, num fim-de-semana onde o calor não deu tréguas aos concorrentes.

 

Depois de um upgrade à mecânica do Peugeot 206 RC – sobretudo ao nível do motor -, João Guimarães teve de adaptar o seu estilo de condução ao comportamento do carro francês, embora na Categoria 5 nunca tenha tido hipóteses realistas de lutar contra máquinas bem mais potentes como o SEAT León Supercopa ou o Mitsubishi Lancer Evo VI. Foi por isso que o piloto da Régua optou por mudar para a Categoria 1 a partir da Rampa Capital do Móvel, uma classe onde o seu carro se enquadra de forma mais lógica.

Em Paços de Ferreira, João Guimarães teve uma evolução consistente dos seus tempos nas três subidas de provas, ultrapassando um pequeno contratempo na primeira subida: “Apanhei bandeiras amarelas e tive que repetir a subida. Como estava imenso calor, os pneus aqueceram em demasia e não consegui chegar ao tempo que pretendia. Mas depois, em condições normais, já fiz 2m23,7s e 2m21,6s, tempos que me deixaram satisfeito. O sexto lugar na categoria, atendendo a que só estou atrás dos GT, de um R5 e do S2000, acaba por ser um resultado positivo”, refere João Guimarães.

 

O regresso do irmão, Nuno Guimarães, foi outro momento importante para o piloto do Peugeot: “Foi bom ter a companhia do meu irmão, até porque ele dá algumas dicas de pilotagem e ajuda-me a evoluir. Quero continuar assim até ao final da época”, concluiu.

 

 DSC 5659_CopyDSC 5892_Copy

 

JOSÉ CORREIA NO PÓDIO EM PAÇOS DE FERREIRA

 

CAMPEONATO NACIONAL DE MONTANHA

 

 

RAMPA CAPITAL DO MÓVEL – PAÇOS DE FERREIRA

 

 

JOSÉ CORREIA NO PÓDIO EM PAÇOS DE FERREIRA



Depois de ter perdido o pódio na prova anterior na Rampa de Murça, eis que José Correia no passado fim de semana na Rampa Capital do Móvel – Paços de Ferreira, conseguiu de novo o tão almejado pódio em mais uma jornada do Campeonato Nacional de Montanha, sempre ao volante do seu Seat Leon. Assim José Correia fez nas três subidas 2.19.276, 2.19.452 e 2.18.220, onde mesmo na derradeira subida deu o seu máximo para destronar o seu principal adversário, por sinal o seu colega de equipa Ricardo Gomes.

Por isso depois de ter estacionado o Seat Leon no parque fechado, José Correia não escondia a sua alegria “ foi sem dúvida alguma uma rampa bem disputada, sempre a lutar contra o cronómetro, e mesmo na ultima subida de prova, apenas tive um lema,” ou vai ou racha”, e consegui o pódio que pretendia. Quero aqui felicitar todo a oposição feita pelo meu colega de equipa, o Ricardo Gomes, que nunca baixou braços, e foi a lutar até ao fim, o que aumentou o interesse da prova”. Segundo José Correia “ o carro esteve bem, embora me debatesse com falta de pneus novos, pois quando fizemos a encomenda dos mesmos para esta rampa, estavam esgotados, e não chegava a tempo da prova. Por isso, os treinos foram feitos com pneus já velhos, o que obviamente nos limitou os tempos, no entanto para as subidas de prova utilizei o único jogo que tinha, e depois foi utilizá-los de forma doseada, para ver se chegavam ao fim o que consegui, com dois objectivos, obter a classificação que pretendia, e ao mesmo tempo consegui usufruir do bom piso que ainda tinham e que me permitiram chegar onde cheguei, dedicando este resultado a todos que me têm apoiado, à minha família, e à Vettra Motorsport que tem feito um bom trabalho na preparação do Seat Leon”.



INCERTEZA PARA O CARAMULO


FOX 0132_Copy

José Correia ainda não sabe se irá alinhar na rampa do Caramulo, como nos explicou “ tenho um projecto a meias com um amigo meu no Troféu Feup, ao volante dum Alfa Romeo. Começamos em Vila Real, mas mal, pois tive o azar de bater, e agora segue em inícios de Setembro a prova no Algarve, que por coincidência é na mesma altura que  a Rampa do Caramulo. Por isso ainda não sei se irei participar na Rampa do Caramulo, ou vou para o autódromo de Portimão”.

 

Classificação final categoria 5

 

1º Joaquim Teixeira – Seat Leon Super Copa

2º Luís Silva – Mitsubishi

3º JOSÉ CORREIA – SEAT LEON

4º Ricardo Gomes – Seat Leon

5º Paulo Silva – Seat Leon Super Copa

 

REIS FOI REI NA CATEGORIA 3

 

Tiago Reis continua a dominar na Categoria 3

 

Parecem não restar dúvidas que Tiago Reis vai acumular mais um título para a sua carreira, desta feita na Categoria 3 do Campeonato Nacional de Montanha, onde o piloto de Famalicão e o Ford Fiesta RS Cosworth são praticamente imbatíveis.

 

Na Rampa Capital do Móvel, quinta prova da temporada, Tiago Reis bateu claramente a concorrência na sua classe e ficou com o quinto melhor tempo entre todos os concorrentes, só atrás de quatro rapidíssimas barchettas do campeonato absoluto. Foi a quarta vitória consecutiva de Tiago Reis na Categoria 3 e mais um passo rumo ao único título que o atual campeão nacional absoluto pode disputar em 2014: “Fiquei contente com o que fizemos em Paços de Ferreira. O carro esteve quase sempre impecável, só tivemos um pequeno problema no motor de arranque mas que a equipa conseguiu resolver rapidamente. Na segunda subida de prova fizemos uma escolha errada de pneus mas depois voltámos ao nosso ritmo normal e rodámos em 2m03,8s, um tempo que me deixou muito satisfeito”, referiu Tiago Reis, que em simultâneo foi o mais rápido do Grupo X, aberto a todo o tipo de viaturas.

 

O único ponto negativo para o Team Transfradelos foi a ausência forçada de Edgar Reis, segundo classificado do campeonato na Categoria 3, que falhou a rampa minhota devido ao recente despiste com o Renault Clio RS2000 no Rali de Famalicão.

 

O Campeonato Nacional de Montanha fará agora um interregno e só regressa a 6 e 7 de Setembro, com a famosa Rampa do Caramulo.Zoom Motorsport_-_Rampa_da_Agrela_2014_29_Copy

 

RAMPA CAPITAL DO MOVEL - PAÇOS DE FERREIRA

RAMPA CAPITAL DO MOVEL - PAÇOS DE FERREIRA

 

 

AMBIENTES

 

 

Mais um grupo de imagens do ambiente vivido na rampa Capital do Móvel - Paços de Ferreira no passado domiungo na parte da manhã, antes de começarem as "hostilidades" dos pilotos contra o cronómetro.

 

Fotos de João Raposo - www.velocidadeonline.comFOX 9917_CopyFOX 9918_CopyFOX 9919_CopyFOX 9920_CopyFOX 9921_CopyFOX 9922_CopyFOX 9923_CopyFOX 9924_CopyFOX 9925_CopyFOX 9926_CopyFOX 9927_CopyFOX 9928_CopyFOX 9929_CopyFOX 9930_CopyFOX 9931_CopyFOX 9932_CopyFOX 9933_CopyFOX 9934_CopyFOX 9935_CopyFOX 9936_CopyFOX 9937_CopyFOX 9938_CopyFOX 9940_CopyFOX 9941_CopyFOX 9942_CopyFOX 9943_CopyFOX 9944_CopyFOX 9945_CopyFOX 9946_CopyFOX 9949_CopyFOX 9950_CopyFOX 9951_CopyFOX 9952_CopyFOX 9953_CopyFOX 9954_CopyFOX 9957_CopyFOX 9958_CopyFOX 9959_CopyFOX 9960_CopyFOX 9962_CopyFOX 9963_CopyFOX 9964_CopyFOX 9965_CopyFOX 9966_CopyFOX 9967_CopyFOX 9968_CopyFOX 9969_CopyFOX 9971_CopyFOX 9972_CopyFOX 9973_CopyFOX 9974_CopyFOX 9975_CopyFOX 9976_CopyFOX 9977_CopyFOX 9979_CopyFOX 9980_CopyFOX 9981_CopyFOX 9982_CopyFOX 9983_CopyFOX 9984_CopyFOX 9985_CopyFOX 9986_Copy

 

CASSTANON BISOU EM PAÇOS DE FERREIRA

 

Castañon bisa novamente com o Norma da Torres Rally Team

 

O Espanhol Pedro Castañon ‘bisou’ no Campeonato Nacional de Montanha, alcançando nova vitória, desta feita na Rampa Capital do Móvel em Paços de Ferreira.

 

A “Torres Rally Team” voltou a alugar a sua barchetta à ‘Comval Racing’ para nova participação no referido campeonato, tendo esta equipa sido responsável pela afinação do Norma M20 FC em termos de ‘Setup’. Tal como é habitual, a ‘MCO Racing Team’, o preparador da viatura da equipa Aveirense, esteve presente para colaborar na assistência em prova.

Aos comandos do Norma M20 FC da “Torres Rally Team”, o piloto de Santiago de Compostela voltou a impor-se à concorrência, e subiu ao lugar mais alto do pódio, reforçando assim a liderança do CNM.

 

Castañon começou por ser o mais rápido na subida de treinos inaugural, mas na segunda foi surpreendido pelo seu principal adversário. 

A história da corrida iniciava-se com o melhor tempo do piloto Espanhol nas duas subidas inaugurais, tendo inclusive fechado o cronómetro em 1.56,028s na segunda subida, marca que viria a ser a melhor desta edição da Rampa de Paços de Ferreira. 

Enquanto isso, o seu principal opositor sofreu um ligeiro revés mecânico, demonstrando que o nosso Norma tem a fiabilidade e a performance necessária para obter o melhor resultado final. Para isso investimos em ‘Know How’ e meios para o poder alcançar.

Faltava apenas disputar a derradeira subida de prova, mas a confortável margem até aqui conquistada ‘aconselhava’ a um andamento um pouco mais moderado. Assim, foi sem surpresa que viu o seu principal adversário ser o mais rápido, mas nada que pudesse fazer perigar a conquista da segunda vitória consecutiva de Pedro Castañon no Nacional de Montanha 2014.

 

“Gostamos muito deste Champanhe! E há marcas que nos inspiram...,” declarou Carlos J Torres.

 

A “Torres Rally Team” regressa no primeiro fim-de-semana de Setembro ao Nacional de Montanha, para disputar a Rampa do Caramulo.Foto Rampa_de_Paos_de_Ferrereira_2014_Torres_Rally_Team_Pedro_Castanon_Copy

 

RAMPA CAPITAL DO MÓVEL - PAÇOS DE FERREIRA

RAMPA CAPITAL DO MÓVEL

 

GRUPO DE IMAGENS

 

 

Imagens da primeira subida de prova da Rampa Capital do Móvel - Paços de Ferreira.

 

Fotos de João Raposo -

 

FOX 9811_CopyFOX 9812_CopyFOX 9813_CopyFOX 9814_CopyFOX 9815_CopyFOX 9816_CopyFOX 9817_CopyFOX 9819_CopyFOX 9820_CopyFOX 9821_CopyFOX 9822_CopyFOX 9823_CopyFOX 9825_CopyFOX 9826_CopyFOX 9827_CopyFOX 9828_CopyFOX 9829_CopyFOX 9830_CopyFOX 9831_CopyFOX 9832_CopyFOX 9833_CopyFOX 9834_CopyFOX 9835_CopyFOX 9836_CopyFOX 9837_CopyFOX 9838_CopyFOX 9839_CopyFOX 9841_CopyFOX 9842_CopyFOX 9843_CopyFOX 9844_CopyFOX 9845_CopyFOX 9846_CopyFOX 9848_CopyFOX 9849_CopyFOX 9850_CopyFOX 9851_CopyFOX 9852_CopyFOX 9852_CopyFOX 9853_CopyFOX 9854_CopyFOX 9855_CopyFOX 9857_CopyFOX 9858_CopyFOX 9859_CopyFOX 9861_CopyFOX 9862_Copywww.velocidadeonline.com

 

 

RAMPA CAPITAL DO MÓVEL - PAÇOS DE FERREIRA

RAMPA CAPITAL DO MÓVEL - PAÇOS DE FERREIRA

 

GRUPO DE IMAGENS - AMBIENTES EM PAÇOS DE FERREIRA

 

 

Grupo de imagens relativas ao ambiente que se viveu nos bastidores da Rampa Capital do Móvel - Paços de Ferreira no fim de semana que passou.Neste grupo de imagens os "colunáveis " são Vortex Pereira (Fotógrafo), Blondie ( Fotógrafa), Nuno Magalhães (Responsável Comval Racing ), Tiago Allen ( responsável Comval Racing ), João Rebelo Martins - Piloto Troféu Feup, Aurora Cunha - ex atleta , Carlos Torres - Piloto Campeonato Nacional de Montanha, Meninas do Bom Piso, e finalemente grupo de pilotos do Troféu Feup.

 

Fotos de JoFOX 9744_CopyFOX 9746_CopyFOX 9749_CopyFOX 9750_CopyFOX 9751_CopyFOX 9752_CopyFOX 9753_CopyFOX 9755_CopyFOX 9756_CopyFOX 9759_CopyFOX 9760_CopyFOX 9761_CopyFOX 9763_CopyFOX 9764_CopyFOX 9765_CopyFOX 9764_CopyFOX 9765_CopyFOX 9767_CopyFOX 9768_CopyFOX 9776_CopyFOX 9777_CopyFOX 9778_CopyFOX 9779_CopyFOX 9780_CopyFOX 9782_CopyFOX 9785_CopyFOX 9787_CopyFOX 9790_CopyFOX 9791_CopyFOX 9803_CopyFOX 9804_Copyão Raposo - www.velocidadeonline.com

 

NORMA PREPARADO PELA MCO VENCEU DE NOVO

 

Norma M20FC volta a vencer no CNM

 

Não podia ter terminado de melhor forma a presença do Norma M20FC na Rampa 'Capital do Móvel' / Paços de Ferreira, já que foi o elo condutor ao quadrinómio da vitória.

O Espanhol Pedro Castañon impôs-se, pela segunda vez consecutiva no Campeonato Nacional de Montanha, aos comandos do Norma M20FC alugado pela ‘Comval Racing’ à “Torres Rally Team”, resultado que lhe permitiu reforçar a liderança provisória do campeonato.

Tal como se verificou na jornada anteriormente disputada em Murça, a ‘Comval Racing’ foi a responsável pelo 'set-up' do Norma M20FC da "Torres Rally Team", que contou ainda com a assistência do seu preparador habitual, a ‘MCO Racing Team’.

“A “Torres Rally Team” voltou a alugar o seu Norma M20FC à ‘Comval Racing’, de modo a que o Pedro Castanõn pudesse manter-se na luta pelo título do Nacional de Montanha,” começou por declarar Paulo Leite.

E, uma vez mais, a nossa cooperação com a ‘Comval Racing’ deu os seus melhores frutos, já que nos foi possível proporcionar ao Castañon todas as condições para que chegasse à vitória, resultado plenamente alcançado e do qual também muito nos orgulhamos.” concluiu este responsável da MCO Racing Team.

O Norma M20FC da “Torres Rally Team” estará de volta à competição no primeiro fim-de-semana de Setembro para a disputa da Rampa do Caramulo, desta feita com Carlos J Torres aos seus comandos.

 IMG 1317_Copy

 

RAMPA CAPITAL DO MÓVEL - PAÇOS DE FERREIRA

´RAMPA CAPITAL DO MÓVEL -PAÇOS DE FERREIRA

 

O MITSUBISHI DE MANUEL PEREIRA

 

EiFOX 9793_CopyFOX 9794_CopyFOX 9795_CopyFOX 9796_CopyFOX 9797_CopyFOX 9798_CopyFOX 9799_CopyFOX 9800_CopyFOX 9801_Copys como ficou o Mitsubishi de Manuel Pereira depois do "encontro imediato" com os rails e quase com o nosso colega Pedro Ferreira . Felizmente não houve consequencias nem para o piloto nem para o fotógrafo, o mesmo não se poderá dizer do carro que ficou no estado que as fotos documentam...

 

Fotos de João Raposo - www.velocidadeonline.com

 

RAMPA CAPITAL DO MÓVEL - PAÇOS DE FERREIRA

RAMPA CAPITAL DO MÓVEL - PAÇOS DE FERREIRA

 

O SUSTO DE PEDRO FERREIRA

 

O nosso amigo fotoógrafo Pedro Ferreira da revista Topos & Clássicos, não ganhou para o susto na manhã de domingo, na qual numa das mais espectaculares curvas desta rampa(onde tinhamos estado a fotografar na tarde de sábado), acabou por apanhar um valente susto com a saida do Mitsubishi de Manuel Pereira, que deixou o carro um bocado danificado.Em relação a Pedro Ferreira felizmente nada teve, apenas deu um salto para trás para fugir ao impacto.pedroferreirasusrto Copy

 

LUIS SILVA NO PÓDIO

 

Nacional de Montanha

Mais um pódio para Luís Silva

Luís Silva participou recentemente no Rali Sprint B.V. de Famalicão, onde fez equipa com Carmo Reis, e onde a dupla do espetacular BMW repetiu o resultado do ano anterior, ao conquistar um brilhante segundo lugar absoluto.

No regresso aos comandos do Mitsubishi Lancer Evo VI, Luís Silva disputou mais uma jornada do Campeonato Nacional de Montanha ao participar na Rampa Capital do Móvel que se realizou este fim de semana em Paços de Ferreira.

Apesar de alguns contratempos com a suspensão, que a dada altura deixou de funcionar, o que torna o carro dos três diamantes difícil de ser guiado, o piloto de Famalicão conquistou mais um segundo lugar na categoria 5, cimentando a mesma posição em termos de campeonato.

“Como é de conhecimento publico o Evo VI sofreu um acidente no Rali B.V. de Famalicão, e foi recuperado em tempo record, e é claro que à sempre algo que nos escapa, agradeço desde já o empenho de toda a equipa”, começa por dizer o piloto assistido pela Miranda Competições, e que conta com o apoio da Famaconcret, Euroel, TDS, Cercosta, Macominho, Gintaqua, Realizona, Socarfam, Norcana, Tintas Barreiras que prossegue, “apesar do problema com a suspensão a prova correu dentro da normalidade, sem ovos não fazemos omeletes, e enquanto os regulamentos assim continuarem será difícil conseguir a vitória. Mas vamos continuar a trabalhar para inverter a situação”.

Luís Silva regressa à competição após período de férias, estando agendada a sua participação em mais uma edição da rampa do Caramulo que se realiza a 6 e 7 do mês de Setembro.DRP 1997_CopyDRP 2947_Copy

 

PEDRO CASTANON FALA DA VITÓRIA EM PAÇOS DE FERREIRA

 

El piloto español, Pedro Luis Castañón, junto a su equipo Comval Racing, reafirma su liderato en el Campeonato de Portugal de Montaña con una nueva victoria, obtenida este fin de semana, en la Rampa de Pazos de Ferreira (Capital do Móvel)

 

Un buen paso adelante en el Campeonato de Portugal de Montaña para el piloto compostelano, Pedro Luis Castañón, tras su victoria, este fin de semana, en la Rampa de Pazos de Ferreira (Capital do Móvel), aumentando así su liderato en el Campeonato por un diferencia de 26 puntos frente al segundo clasificado.

 

Un fin de semana duro con temperatura muy altas con un coche que se mostró muy subvirador desde el primer momento y que con el set-up del equipo de Comval Racing se pudo ir poco a poco mejorando.

 

Despues de estar rodando en 1'58" durante el sábado peleando con Rui Ramalho, gran conocedor de esta prueba (siendo los dos únicos pilotos capaces de bajar de la barrera de los 2 minutos), el domingo, Castañón, consigue rebajar dos segundos,  desde el 1'58" a 1'56"310 en la primera manga oficial, mientras que su competidor más directo, Ramalho hizo un tiempo de 2'01"

 

En la segunda manga vuelve a ser el piloto más rápido en carrera, logrando el mejor tiempo del todo el fin de semana, a pesar de una pequeña pasada de frenada, con un magnífico 1'56"08, con unas temperaturas muy altas que afectaban a rendimientos de motor y neumáticos, mientras que Ramalho quedaba parado en la salida con problemas, con lo que Joao Fonseca pasa a ser el segundo clasificado, con su Silver Car al hacer un tiempo de 2' 01".

Al contar sólo  la suma de las dos mejores mangas, de las tres oficiales que se celebran, para la clasificación final, el equipo decide poner los neumáticos más desgastados del lote (cuestión de presupuesto) para finalizar la carrera sin yá ninguna presión, con la victoria asegurada, haciendo en esta ascensión, el piloto compostelano un 1'58" y siendo aún así, segundo de esta manga, que vence Ramalho ya con el motor a punto, con un 1'56".8, con lo que consigue clasificarse segundo de la carrera por delante de Fonseca que acaba tercero, siendo éste el orden actual del Campeonato absoluto.

En esta carrera se obtuvieron 25 puntos del primer clasificado más 1 punto por ser el mejor tiempo en los entrenamientos oficiales y 1 punto por registrar el mejor tiempo de la manga que se descuenta de las tres oficiales.

Quedan tres pruebas hasta finalizar la temporada, con una prórroga de un mes hasta la siguiente, y Pedro Castañón y su equipo no tienen garantizado la continuidad en el mismo por falta de presupuesto a pesar de estar luchando por la victoria absoluta en uno de los campeonatos más disputados que se recuerdan.


Gracias a nuestro patrocinadores en esta carrera: TALLERES BASTÓN, ROSADO SPEED, LISBOA REPUESTOS, PINTURAUTO TALAVERA, TERÁN Y BLANCO, COMVAL RACING, y como no, gracias a AGELA (Asociación Galega Esclerosis Lateral amiotrófica por dejarnos llevar sus colores y su lema de este colectivo: LA ELA EXISTE)
rampa ferreira_1_Copy

 

ROADGALAXY EM 5º EM PAÇOS DE FERREIRA

 

Roadgalaxy alcança quinta posição na Agrela

Este fim-de-semana correu-se a quarta prova do Desafio Único FEUP 2, competição onde militam os pilotos da Roadgalaxy João Rebelo Martins e Tó Zé Ferreira - que correm com as cores da Vida Económica, eni, Loba, Norfer, Alfaiate D`Interiores, Arax Gazzo, Powercoaching, fluidotronica, AC Angola, Kartódromo de Oiã, Cerveja Vadia, Oakley, Quinta do Estanho, Molfil, Ginásio Rainha, Konica Minolta e Moçambique Motorsport.

A rampa que se corre em Paços de Ferreira foi muito disputada, com os pilotos do top five a realizarem tempos idênticos, mantendo os lugares do pódio em aberto até à subida final.

O Fiat Punto da Vettra Motorsport e os pilotos foram evoluindo ao longo do fim-de-semana, conforme relatou João Rebelo Martins “ Nas subidas iniciais o carro escorregava muito, fruto da estrada estar suja e do forte calor que se fez sentir. Depois fomo-nos adaptando e os tempos surgiram de forma natural”.

Tó Zé Ferreira salientou o “bom trabalho que a Vettra tem vindo a fazer no Punto e que nos permite, de prova a prova, estar mais junto dos carros mais rápidos”.

O Desafio Único volta à competição no primeiro fim-de-semana de Setembro, em Portimão.NunOrganistA-1 CopyNunOrganistA-2 Copy

 

RAMPA CAPITAL DO MÓVEL PAÇOS DE FERREIRA

RAMPA CAPITAL DO MÓVEL - PAÇOS DE FERREIRA

 

A ESTRANHA TRAJECTÓRIA DO SLKODA FABIA DE MANUEL CORREIA

 

Estranha sem dúvida alguma a trajectória do Skoda Fabia S 2000 de Manuel Correia.

 

 

Fotos de João Raposo - www.velocidadeonline.comFOX 8999_CopyFOX 9000_CopyFOX 9001_CopyFOX 9002_CopyFOX 9003_CopyFOX 9004_CopyFOX 9005_CopyFOX 9006_CopyFOX 9007_Copy

 

COMVAL RACING BISOU EM PAÇOS DE FERREIRA

CAMPEONATO NACIONAL DE MONTANHA

 

RAMPA CAPITAL DO MÓVEL - PAÇOS DE FERREIRA

 

COMVAL RACING BISOU EM PAÇOS DE FERREIRA

 

 

 

Foi mais um desafio superado e um grande passo dado em direcção ao objectivo da Comval Racing e do seu piloto Pedro Castañón - vencer o Campeonato Nacional de Montanha 2014. Foi um fim-de-semana difícil, com temperaturas muito altas e com algumas questões na afinação do carro que precisaram de alguma atenção da parte da Comval Racing. Após as devidas afinações e preparação do setup pela Comval Racing o Norma, alugado a equipa Torres Rally Team, começou a ter um comportamento mais equilibrado, o que agradou bastante ao piloto. 


10557308 560393784083431_5281830885167312946_n_Copy

Pedro Castañón começou, desde a primeira subida oficial de corrida, a marcar a sua posição e a mostrar que estava determinado em vencer a 5ª Rampa Capital do Móvel, ganhando com alguma vantagem a 1ª e 2ª subidas. Nuno Magalhães, em comentário no final da prova, disse que "Foi uma excelente vitória e uma fantástica prova, tanto do Pedro como dos nossos mais directos adversários. Foi uma prova renhida, da qual saímos vitoriosos. O Pedro esteve muito bem e conseguiu trazer a taça, provando uma vez mais que a "dupla" Comval Racing/Pedro Castañón funciona em pleno. No entanto, apesar desta vitória ainda faltam 3 rampas para o final do Campeonato, estamos confiantes que o podemos vencer, mas ainda temos muito trabalho pela frente."

Aproveitamos este comunicado para fazer um agradecimento especial ao Paulo Leite - responsável da MCO que faz a manutenção e assistência normal ao Norma da Torres Rally Team - que, para além de ter vestido a camisola da Comval Racing durante todo o fim-de-semana, foi incansável na ajuda prestada.

 

RICARDO GOMES PERDE ACESSO AO PÓDIO POR UM SEGUNDO

 

CAMPEONATO NACIONAL DE MONTANHA

 

RAMPA CAPITAL DO MOVEL – PAÇOS DE FERREIRA

 

RICARDO GOMES PERDE ACESSO AO PÓDIO POR 1 SEGUNDO

 

Na sua curta carreira como piloto a participação de Ricardo Gomes na Rampa Capital do Móvel – Paços de Ferreira irá ficar gravada para sempre na sua memória, pois acabaria por não subir ao pódio por apenas um segundo para um adversário , por sinal o seu colega de equipa José Correia que também conduz um Seat Leon. Mesmo assim Ricardo Gomes faria nas três subidas  2.20.383, 2.19.470 e 2.18.958 respectivamente.

 

 

Assim no final depois de colocar o seu Seat Leon em parque fechado falou-nos um pouco desta sua prova “  correu bem, até poderia ter corrido melhor, pois fui um dos protagonistas na luta na categoria cinco, depois duma grande luta com o meu amigo e companheiro de equipa José Correia que levou a melhor mesmo na derradeira subida. Não deixa de ser curioso que quase sucedeu o mesmo na prova anterior, em que venci, desta feita fiquei na 4ª posição, o que foi sem duvida um resultado positivo, sem duvida alguma”

 

 

Segundo Ricardo Gomes “ a Vettra Motorsport empresa que tem a cargo a preparação dos  Seat Leon, teve assim dois carros em acesa luta na categoria 5, e sou de opinião que a luta que surgiu em Paços de Ferreira este fim de semana  nesta prova,  foi fabulosa, e aproveito para felicitar o José Correia pelo resultado alcançado, após uma luta em que nunca baixamos os braços, foi sempre a “dar”, na procura do melhor tempo, foi uma grande luta contra o cronómetro”.

 

 

Depois de Paços de Ferreira segue-se em Setembro a Rampa do Caramulo, na qual Ricardo Gomes vai já começar a preparação “tenho grandes esperanças no Caramulo, e vou começar a preparação desta prova de imediato, pois tenho de encontrar o set up correcto, que penso que poderá fazer a grande diferença neste traçado desta rampa, embora para ser franco ainda não trato o Seat Leon por “tu”, para além de desconhecer o traçado da Rampa do Caramulo onde nunca corri”.

 

CLASSIFICAÇÃO FINAL CATEGORIA 5

 

1º Joaquim Teixeira – Seat Leon Super Copa

2º Luís Silva – Mitsubishi Evo VI

3º José Correia – Seat Leon

4º RICARDO GOMES – Seat Leon

5º Paulo Silva – Seat Leon Super Copa

 FOX 9643_Copy

 

PAULO SILVA INSATISFEITO NA RAMPA DE PAÇOS DE FERREIRA

 

CAMPEONATO NACIONAL DE MONTANHA

 

RAMPA CAPITAL DO MÓVEL – PAÇOS DE FERREIRA

 

 

PAULO SILVA INSATISFEITO NA RAMPA PAÇOS DE FERREIRA

 

 

Um 5º lugar final em termos de categoria foi a classificação que Paulo Silva alcançou no passado fim de semana na rampa Capital do Móvel – Paços de Ferreira, onde ao volante do seu Seat León, acabaria por estragar tudo na derradeira subida. Mesmo assim Paulo Silva faria  nas três subidas 2.18.916, 2.23.530 e 2.20.309 respectivamente.

 

Por isso no final da prova, depois de retirar o capacete, “ estraguei tudo nesta ultima subida, pois numa destas ultimas curvas, acabei por bater forte numa berma, que me partiu o fundo do carro, e com isso vim a perder tempo, numa altura que estava tudo a correr tão bem, sem cometer erro nenhum. Por causa deste resultado vim a perder a 3ª posição, o que não deixa de ser frustrante depois de tanto empenho por parte da equipe e da minha parte, mas as corridas  são assim mesmo, agora há que olhas para a frente e começar já a preparara a próxima prova, a Rampa do Caramulo, onde espero chegar ao pódio “, disse-nos. “Para terminar, quero dar os meus parabéns ao José Correia pelo 3º lugar que obteve nesta prova.

 

CLASSIFICAÇÃO FINAL CATEGORIA 5


FOX 8898_Copy

1º Joaquim Teixeira – Seat Leon Super Copa

2º Luís Silva – Mitsubishi Lancer Evo VI

3º José Correia – Seat Leon

4º Ricardo Gomes – Seat Leon

5º PAULO SILVA - SEAT LEON

 

 

RAMPA CAPITAL DO MÓVEL - PAÇOS DE FERREIRA

RAMPA CAPITAL DO MÓVEL - PAÇOS DE FERREIRA

 

AS "TROPELIAS " DE PAULA SOUSA  E O BMW M 3

 

SendO uma da senhoras a participar na Rampa Capital do Móvel - Paços de Ferreira, Paula Sousa, oriunda da Trofa na entrada desta curva para a direita atrapalhou-.se um pouco...e depois as imagens mostram o que lhe aconteceu.Mas depois dos espectadores reporem o BMW M 3 na estrada, a mulher piloto da Trofa acaboFOX 8925_CopyFOX 8926_CopyFOX 8927_CopyFOX 8928_CopyFOX 8930_CopyFOX 8931_CopyFOX 8932_CopyFOX 8933_CopyFOX 8934_CopyFOX 8935_CopyFOX 8936_CopyFOX 8937_CopyFOX 8938_CopyFOX 8939_CopyFOX 8940_Copyu a subida.

 

 

Texto e fotos de JOão Raposo - www.velocidadeonline.com

 

RAMPA CAPITAL DO MÓVEL - PAÇOS DE FERREIRA

Aurora Cunha fez hoje 16.400 metros, a subir, em menos de 15 minutos.

“Se pensarmos que o meu melhor tempo nos cinco mil metros é de 15m 06s… Acho que esta é sem dúvida uma das minhas melhores marcas de sempre.” Confidenciou a ex-campeã do Mundo.

Este tempos foi possível, pois Aurora Cunha trocou a corrida a pé, por uma corrida aos comandos de um Fiat Punto do Challenge Desafio Único, na Rampa Capital do Móvel, em Paços de Ferreira.

Da experiência deste fim-de-semana a fundista destaca a “adrenalina que senti ao sentar-me no carro. Mas não há dúvida que ter a estrada toda à minha disposição é fantástico.”

O carro foi assistido pelos alunos do Curso de Engenharia Mecânica da Faculdade de Engenharia da Universidade do Porto, que tiveram o “carro sempre espectacular”.

Quanto a uma possível repetição, Aurora Cunha remata: “esta última subida foi a melhor, acho que agora é que estava pronta para começar”. Fica feita a promessa… 

   

 

VELOSO MOTORSPORT NO PÓDIO

 

Pódio para a Veloso Motorsport em Paços de Ferreira

 

Foi muito positiva a passagem da Veloso Motorsport por mais uma das jornadas que compõem o Campeonato de Portugal de Montanha, com a deslocação a Paços de Ferreira para disputar a Rampa da Capital do Móvel. Miguel Lobo esteve aos comandos do Aston Martin Vantage V8 GT4 da equipa liderada por Luís Veloso, conseguindo um excelente terceiro lugar em termos de Categoria 1. O jovem piloto local, que se estreou nesta prova em competição automóvel, esteve sempre em excelente nível, não cometendo erros e conseguindo melhorar paulatinamente o seu registo, para terminar o fim-de-semana com um resultado que o levou ao pódio.

 

Foi de facto uma estreia excelente para mim. Consegui atingir plenamente os meus objectivos, diverti-me e mostrei que posso ser competitivo e dar retorno aos meus patrocinadores. Penso sinceramente que não podia ter corrido melhor em termos de resultado, até porque à minha frente ficaram dois carros de categoria GT2. Poderia ter feito melhor no que diz respeito aos tempos, mas montamos pneus novos para as subidas de Domingo e detectamos que dois deles apresentavam problemas e isso impediu-me de melhorar. Gostaria de agradecer a todos os que me apoiaram neste projecto, à Veloso Motorsport, à minha família e um especial obrigado ao Pedro Salvador, que me ajudou imenso a melhorar a pilotagem. Estamos a trabalhar para estar presentes na próxima jornada do CNV no Estoril, mas ainda não é possível garantir nada. Gostava de te essa experiência, num circuito mais adaptado ao Aston Martin, que é um carro excelente mas que não se sente à vontade neste tipo de provas de rampa.” Disse Miguel Lobo.        


A Veloso Motorsport esteve também presente no Challenge Desafio Único – FEUP 3, com os irmãos Tiago Mesquita e Hugo Mesquita ao volante do Alfa Romeo 156, preparado e assistido pela equipa nortenha. Os dois jovens pilotos têm estado em muito bom nível ao longo do ano, tendo terminado esta prova no sétimo posto.

 

“Não foi uma prova fácil para nós. Para além da falta de conhecimento do traçado, já que fizemos apenas duas subidas antes da prova, tivemos alguns azares que nos condicionaram em termos de resultado final. Começamos por ter alguma dificuldade em acertar o carro e fomos fazendo alterações a cada subida. Depois partimos uma transmissão na primeira subida de prova e fizemos um pião na segunda, o que não ajudou… Esperávamos melhor, mas não foi possível. Ganhamos experiência e se para o ano aqui estivermos de novo, será certamente melhor.” Referiram Hugo e Tiago Mesquita. VMS270714a CopyVMS270714b CopyVMS270714c CopyVMS270714d Copy

 

RAMPA CAPITAL DO MÓVEL - PAÇOS DE FERREIRA

RAMPA CAPITAL DO MÓVEL - PAÇOS DE FERREIRA

 

Grupo de imagens da primeira descida da Rampa de Paços de Ferreira com uma panorãmica da traseira dos carros de alguns dos participantes.

 

Fotos de João Raposo - www.velocidadeonline.comFOX 8812_CopyFOX 8813_CopyFOX 8814_CopyFOX 8819_CopyFOX 8821_CopyFOX 8822_CopyFOX 8823_CopyFOX 8828_CopyFOX 8829_CopyFOX 8831_CopyFOX 8832_CopyFOX 8833_CopyFOX 8834_CopyFOX 8835_CopyFOX 8837_CopyFOX 8839_CopyFOX 8840_CopyFOX 8841_CopyFOX 8844_CopyFOX 8845_CopyFOX 8846_CopyFOX 8848_CopyFOX 8849_CopyFOX 8850_CopyFOX 8851_CopyFOX 8852_CopyFOX 8853_CopyFOX 8854_CopyFOX 8855_Copy

 

RAMPA CAPITAL DO MÓVEL - PAÇOS DE FERREIRA

CNM – RAMPA CAPITAL DO MÓVEL - FINAL

Pedro Castañon (Norma M20 FC) o primeiro a bisar

Embalado pelo triunfo alcançado, no início do mês, em Murça, o espanhol Pedro Castañon (Norma M20 FC) venceu a Rampa Capital do Móvel e tornou-se no primeiro piloto a alcançar dois triunfos esta temporada.

Ao contrário do que sucedeu na jornada transmontana, onde dominou por completo, sendo o mais rápido nas três subidas de prova, desta vez, Rui Ramalho (Juno CN09) pareceu estar disposto a discutir o triunfo até ao último metro e só um motor pouco colaborante o impediu de lutar pela vitória. 

Sendo os únicos que, nos treinos conseguiram cumprir os 4100 metros de cada subida em menos de dois minutos, aguardavam-se com grande expectativa as subidas de prova, mas logo na primeira tudo ficou resolvido.

É que o motor do carro do português falhou ao longo de toda a subida e o espanhol “viu-se”, de repente, com quase cinco segundos de avanço, em teoria irrecuperáveis.

E como para agravar a situação, Rui Ramalho teve de prescindir da segunda subida, a vitória de Pedro Castañon ficou assegurada.

Na última subida, com o motor reparado e sem nada a perder, Rui Ramalho demonstrou, ao averbar o melhor tempo da tarde, que podia ter sido ele a conquistar o primeiro “bis” do ano.

Com o primeiro lugar assegurado e com o segundo dependente da possibilidade de Rui Ramalho cumprir a última subida, João Fonseca (Silver Car S2) e Paulo Ramalho (Juno SSE) acabaram por discutir o último lugar do pódio que acabou por ser favorável ao primeiro, depois do segundo ter sido mais rápido na primeira subida.

Só que João Fonseca impôs-se nas duas seguintes e acabou por assegurar o terceiro lugar, por quase dois segundos de vantagem.

Sem adversário, Tiago Reis (Ford Fiesta S2000) dominou a Categoria 3 e terminou em quinto lugar da geral, deixando o seu mais directo adversário na categoria, Amaro Melo (BMW E30 M3), 16.º da geral), a mais de 24 s., com Daniel Teixeira (Renault Clio RS2000), que viu reparados os estragos provocados pelo incêndio matinal, a completar o pódio da categoria.

Tal como Tiago Reis, na Categoria 3, António Nogueira (Porsche GT2), sétimo da geral, atrás de Nuno Guimarães (BRC CM 02) dominou na Categoria 1, com o facto de ter ganho mais de cinco segundos a José Silvino Pires (Porsche 996 GT3) a permitir-lhe prescindir da última subida, sem que a sua vitória estivesse em causa.

A fazer a primeira prova no CNM, Miguel lobo (Aston Martin Vantage V8 GT4/Veloso Motorsport) completou o pódio da categoria, impondo-se a Elias Barros (Ford Fiesta R5), que fez a última subida, por pouco mais de um segundo, depois de nas duas primeiras terem feito jogo igual.

Sem surpresa a vitória de Joaquim Teixeira (Seat Leon Super Copa/Bompiso Racing Team), na Categoria 5, sendo Joaquim Teixeira mais um dos pilotos que renunciou à derradeira subida, sem que Luís Silva (Mitsubishi Lancer VI) tivesse colocado em causa a sua vitória, já que no final era da ordem dos nove segundos a diferença entre os dois.

O pódio da categoria seria completado por José Correia (Seat Leon).

O duelo entre Hélder Silva (BMW 323i) e José Pedro Gomes (Ford Escort), que tem marcado a Categoria 6, acabou no final da segunda subida, quando o segundo, que já estava a cerca de 10 s. do seu adversário, optou por não subir pela terceira vez, com o piloto do BMW a garantir a vitória e com José Artur Teixeira (Austin Mini) a completar o pódio.

Sem adversário na Categoria 4, José Paulo Sousa (BMW E30 M3), que não completou a primeira subida, quedou-se pelo 33.º lugar da geral, numa prova em que era ele próprio o seu adversário, tendo a consolação de ter melhorado o seu tempo em mais de dois segundos de uma subida para a outra.

O CNM prossegue, no primeiro fim-de-semana de Setembro, com a Rampa do Caramulo

Classificação final

1.º, Pedro Castañon (Norma M20 FC), 3.52,369; 2.º, Rui Ramalho (Juno CN09), 3.57,981; 3.º, João Fonseca (Silver Car S2), 4.04,299; 4.º, Paulo Ramalho (Juno SSE), 4.06,269; 5.º, Tiago Reis (Ford Fiesta 2000), 4.08,355 (1.º da Categoria 3); 6.º, Nuno Guimarães (BRC CM 02), 4.09,547, 7.º, António Nogueira (Porsche GT2), 4.11,655 (1.º da Categoria 1); 8.º, Joaquim Rino (BRC 05), 4.14,794; 9.º, José Silvino Pires (Porsche 996 GT3), 4.17,084; 10.º, Joaquim Teixeira (Seat Leon Super Copa/Bompiso Racing Team), 4.22,643 (1.º da Categoria 5) Classificaram-se mais 32 pilotos.

Classificações, oficiosas, do Campeonato Nacional de Montanha

ABSOLUTO – 1.º, Pedro Castañon, 98 pontos; 2.º, Rui Ramalho, 75; 3.º, João Fonseca, 68; 4.º, António Nogueira, 59; 5.º, Paulo Ramalho, 48; 6.º, Joaquim Rino, 34; 7.º, Pedro Salvador, Manuel Correia, 26; 9.º, Carlos Torres, Nuno Guimarães, 18; 11.º, Bernardo Sá Nogueira, 15; 12.º, Martine Pereira, 12; 13.º, Joana Barbosa, 9; 14.º, José Silvino Pires, 4; 15.º, João Guimarães, 1

CATEGORIA 1 – 1.º, António Nogueira, 126 pontos; 2.º, Manuel Correia, 95; 3.º, Joana Barbosa, 61; 4.º, Martine Pereira, 45; 5.º, José Silvino Pires, 18; 6.º, João Guimarães, 12

CATEGORIA 2 – 1.º, Pedro Castañon, 105 pontos; 2.º, Rui Ramalho, 75; 3.º, João Fonseca, 73; 4.º, Paulo Ramalho, 51; 5.º, Joaquim Rino, 40; 6.º, Pedro Salvador, 26; 7.º, Carlos Torres, 23; 8.º, Nuno Guimarães, 20; 9.º, Bernardo Sá Nogueira, 18

CATEGORIA 3 – 1.º, Tiago Reis, 105 pontos; 2.º, Edgar Reis, 68; 3.º, Manuel Pereira, 64; 4.º, Paulo Pinto, 45; 5.º, Ricardo Sousa, 22

CATEGORIA 5 – 1.º, Joaquim Teixeira, 135 pontos; 2.º, Luís Silva, 90; 3.º, José Correia, 42; 4.º, João Guimarães, 40; 5.º, Paulo Silva, 27; 6.º, Francisco Marrão, 12

CATEGORIA 6 – 1.º, José Pedro Gomes, 98 pontos; 2.º, Hélder Silva, 96; 3.º, Aníbal Rolo, 46; 4.º, Abel Marques, 43; 5.º, José Pedro Figueiredo, 36; 6.º, Nuno Silva, 32; 7.º, José Pires, 27; 8.º, Francisco Marrão, 24

CATEGORIA 6 até 1300 cc – 1.º, José Pedro Figueiredo, 80 pontos; 2.º, Abel Marques, 60; 3.º, Domingos Fernandes, 33; 4.º, João Pedro Peixoto, 27; 5.º, Rui Castro, 19

TAÇA NACIONAL até 1300 cc – 1.º, Paulo Pinto, 54 pontos; 2.º, Luís Delgado, 27; 3.º, Ricardo Sousa, Roberto Meira, 18; 5.º, Ricardo Moreira, 15

 Pedro Castañon

 Tiago Reis

 António Nogueira

 Joaquim Teixeira 

Hélder S

 

RAMPA CAPITAL DO MÓVEL - PAÇOS DE FERREIRA

RAMPA PAÇOS DE FERREIRA

 

 

JOSÉ PEDRO GOMES A DEIXAR "LASTRO"

 

Pois é na primeira subida de treinos da Rampa Capital do Móvel Paços de Ferreira o Ford Escort de José Pedro Gomes veio a deixar "lastro", pois ao atravessar-se desta maneira, cerca de meio kg de pneu ficou logo neste local, conforme imagem anexa....

 

José Pedro Gomes ao melhor estilo.....FOX 8886_CopyFOX 8887_CopyFOX 8889_CopyFOX 8890_Copy

 

 

Fotos de João Raposo - www.velocidadeonline.com

 

MELHOR ERA IMPOSSIVEL PARA JOAQUIM RINO

 

CAMPEONATO NACIONAL DE MONTANHA

 

RAMPA CAPITAL DO MÓVEL – PAÇOS DE FERREIRA

 

MELHOR ERA IMPOSIVEL PARA JOAQUIM RINO


Sétimo lugar à geral,  e sexto lugar em termos de categoria, foi o que Joaquim Rino obteve este fim de semana que passou na Rampa Capital do Móvel Paços de Ferreira onde participou ao volante do seu BRC CM 05.Assom o piloto da Batalha faria nas três subidas de prova 2.07.364, 2.07.962 e 2.07.430, sendo muito estável em termos de cronometro. No final, após ter colocado o seu BRC em parque fechado, Joaquim Rino falou-nos da sua prova “ não correu mal, tentei ao longo das subidas de prova melhorar os meus tempos, mas as variações foram muito pequenas. O carro esteve bem, sem problemas de maior, consegui pontuar, agora há que preparar a próxima prova na Rampa do Caramulo”. Sobre a rampa “ foi a primeira vez que cá corri, é muito rápida, incrível, e fiquei admirado com tanta gente a assistir”.

 

CLASSIFICAÇÃO GERAL FINAL


1º Pedro Castanon – Norma M 20

2º Rui Ramalho – Juno

3º João Fonseca – Silver Car

4º Paulo Ramalho – Juno

5º Nuno Guimarães – BRC CM 02

6º António Nogueira – Porsche GT 2

7º JOAQUIM RINO – BRC CM 05

 

CLASSIFICAÇÃO CATEGORIA 2

FOX 9026_Copy

1º Pedro Castanon – Norma M 20

2º Rui Ramalho – Juno

3º João Fonseca – Silver Car

4º Paulo ramalho – Juno

5º Nuno Guimarães – BRC CM 02

6º JOAQUIM RINO – BRN CM 05

 

RAMPA PAÇOS DE FERREIRA - CAPITAL DO MÓVEL

CNM – RAMPA CAPITAL DO MÓVEL - DOMINGO

A “vingança” de Rui Ramalho (Juno CN09) 

Resolvido o problema de motor, entre uma subida e outra, Rui Ramalho (Juno CN09) mostrou que podia ter discutido a vitória da Rampa Capital do Móvel até ao último metro, ao averbar o melhor tempo da tarde (1.56,810).

Na derradeira subida, o espanhol Pedro Castañon (Norma M20 FC) optou por não correr riscos e mesmo ficando abaixo dos dois minutos (1.58,033) viu o português impedi-lo de ser o mais rápido em todas as subidas.

João Fonseca (Silver Car S2) averbou o terceiro tempo, à frente de Paulo Ramalho (Juno SSE) e assegurou o derradeiro lugar do pódio, com Tiago Reis (Ford Fiesta S2000), o mais rápido da Categoria 3, a quedar-se pelo quinto posto, posição que ocuparia no final.

As ausências de António Nogueira (Porsche GT2) e de Joaquim Teixeira (Seat Leon Super Copa/Bompiso Racing Team) permitiram a José Silvino Pires (Porsche 996 GT3) e a Luís Silva (Mitsubishi Lancer VI) serem os mais rápidos nas Categorias 1 e 5, cujos vencedores estavam encontrados desde as duas primeiras subidas, com Joaquim Teixeira a contar por vitórias as provas efectuadas.

Na Categoria 6, e face à ausência de José Pedro Gomes, que prescindiu da terceira subida, Hélder Silva (BMW 323i), que tinha dominado a categoria, assegurou o triunfo, depois de ser 11.º, na derradeira subida.

Tempos da 3.ª subida:

1.º, Rui Ramalho (Juno CN09), 1.56,810; 2.º, Pedro Castañon (Norma M20 FC), 1.58,033; 3.º, João Fonseca (Silver Car S2), 2.02,545; 4.º, Paulo Ramalho (Juno SSE), 2.03,331; 5.º, Tiago Reis (Ford Fiesta S2000), 2.03,802 (1.º da Categoria 3); 6.º, Nuno Guimarães (BRM CM02), 2.04,450; 7.º, Joaquim Rino (BRC 05), 2.07,430; 8.º, José Silvino Pires (Porsche 996 GT3), 2.08,416 (1.º da Categoria 1); 9.º, Miguel Lobo (Aston Martin Vantage V8 GT4), 2.13,111; 10.º, Manuel Correia (Skoda Fabia S2000), 2.13,690. Classificaram-se mais 27 pilotos.

 António Nogueira 

Motor trai Rui Ramalho (Juno CN09) 

Vítima de problemas de motor, que o fizeram perder mais de quatro segundos para o espanhol Pedro Castañon (Norma M20 FC), Rui Ramalho (Juno CN09) viu esses problemas agravarem-se e fez a segunda, o que o coloca desde já fora da discussão da vitória, ficando por saber se alinhará na derradeira subida.

Indiferente aos problemas dos seus adversários, o espanhol, que voltou a ser o único a baixar a barreira dos dois minutos, tem tudo a seu favor para ser o primeiro piloto a alcançar duas vitórias e dar um importante passo rumo ao título.

Como consequência dos problemas de Rui Ramalho, Paulo Ramalho (Juno SSE) e João Fonseca (Silver Car S2) vão decidir na derradeira subida, os restantes lugares do pódio, enquanto Tiago Reis (Ford Fiesta S2000), que domina a Categoria 3, deverá assegurar o quarto lugar final.

Indecisão quanto ao quinto lugar da geral, com Nuno Guimarães (BRM CM 02) a suplantar António Nogueira (Porsche GT2), dominador da Categoria 1, o que faz com que seja a última subida a definir quem fica com a posição.

De assinalar que Joaquim Teixeira (Seat Leon Super Copa/Bompiso Racing Team), nono na subida, dominador da Categoria 5, optou por prescindir da terceira subida, por considerar que a vantagem de que dispõe, mais de oito segundos, sobre Luís Silva (Mitsubishi Lancer VI) é suficiente para lhe assegurar a quinta vitória do ano, noutras tantas provas.

A decisão de Joaquim Teixeira foi seguida por José Pedro Gomes (Ford Escort), o que deixa Hélder Silva (BMW 323i), 11.º na subida, à vontade para vencer a Categoria 6, e por Aníbal Rolo (Renault 5 Turbo 2).

Tempos da 2.ª subida:

1.º, Pedro Castañon (Norma M20 FC), 1.56,028; 2.º, João Fonseca (Silver Car S2), 2.01,754; 3.º, Paulo Ramalho (Juno SSE), 2.03,760; 4.º, Tiago Reis (Ford Fiesta S2000), 2.05,040 (1.º da Categoria 3); 5.º, Nuno Guimarães (BRM CM02), 2.05,097; 6.º, António Nogueira (Porsche GT2), 2.05,926 (1.º da Categoria 1); 7.º, Joaquim Rino (BRC 05), 2.07,962; 8.º, José Silvino Pires (Porsche 996 GT3), 2.08,827; 9.º, Joaquim Teixeira (Seat Leon Super Copa/Bompiso Racing Team), 2.11,596; 10.º, Elias Barros (Ford Fiesta R5), 2.13,355. Classificaram-se mais 31 pilotos.

 Tiago Reis

Pedro Castañon (Norma M20 FC) arranca na frente 

Mais rápido na primeira subida de prova, o espanhol Pedro Castañon (Norma M20 FC) pode ter dado um passo importante para assegurar a vitória, já que suplantou Rui Ramalho (Juno CN09), por quase cinco segundos, o que ainda não tinha sucedido.

A explicação, para esta, inesperada, diferença de tempos, entre aqueles que têm assumido o papel de principais candidatos à Rampa Capital do Móvel, está no facto do motor do Juno ter falhado, por vezes, ao longo da subida, com o piloto a não conseguir bater a barreira dos dois minutos, ao contrário do espanhol, que só tem de gerir a vantagem angariada, para ser o primeiro a bisar no CNM.

Ao contrário do que sucedeu nas três subidas anteriores, desta feita, João Fonseca (Silver Car S2) foi suplantado por Paulo Ramalho (Juno SSE) por escassos 0,129 s., o que quer dizer que a luta pelo derradeiro lugar do pódio vai ser intensa.

Tiago Reis (Ford Fiesta S2000), quinto da geral,apesar de se debater com problemas no motor de arranque do Fiesta, foi o mais rápido na Categoria 3, com uma vantagem de 12 s., sobre Amaro Melo (BMW E30 M3), pelo que tudo aponta para que conquista a quarta vitória, em cinco provas, na categoria, com o piloto do Fiesta a bater António Nogueira (Porsche GT2), sexto da geral, que continua a ser o mais rápido na Categoria 1, tendo ganho quase três segundos a José Silvino Pires (Porsche 996 GT3).

Joaquim Teixeira (Seat Leon Super Copa/Bompiso Racing Team) que fechou o “top ten”, continua imbatível na Categoria 5 e vai a caminho do quinto triunfo do ano, depois de ganhar mais de quatro segundos a Luís Silva (Mitsubishi Lancer VI).

É, também, da ordem dos quatro segundos, a diferença de tempo que separa Hélder Silva (BMW 323i) e José Pedro Gomes (Ford Escort), os dois primeiros da Categoria 6, que prosseguem o duelo que têm travado desde o início da temporada, com a vantagem a pender para o lado do piloto do BMW, que venceu por duas vezes, contra uma do seu adversário, sendo a quarta vitória de José Silvino Pires, desta vez a competir na Categoria 1.

José Paulo Sousa (BMW E30 M3), o único inscrito na Categoria 4, foi um dos cinco pilotos que não concluiu a subida, juntando-se aos acidentados da subida matinal e a Filipe Barbosa (Ford Escort) 

Tempos da 1.ª subida de prova:

1.º, Pedro Castañon (Norma M20 FC), 1.56,341; 2.º, Rui Ramalho (Juno CN09), 2.01,171; 4.º, Paulo Ramalho (Juno SSE), 2.02,937; 4.º, João Fonseca (Silver Car S2), 2.03,066; 5.º, Tiago Reis (Ford Fiesta S2000), 2.04,553 (1.º da Categoria 3); 6.º, António Nogueira (Porsche GT2), 2.05,720 (1.º da Categoria 1); 7.º, Nuno Guimarães (BRM CM02), 2.06,012; 8.º, Joaquim Rino (BRC 05), 2.07,364; 9.º, José Silvino Pires (Porsche 996 GT3), 2.08,668; 10.º, Joaquim Teixeira (Seat Leon Super Copa/Bompiso Racing Team), 2.11,047. Classificaram-se mais 29 pilotos.

 Paulo Ramalho

De novo Pedro Castañon (Norma M20 FC)

O segundo dia da Rampa Capital do Móvel, organizada pelo CAMI, abriu com uma subida de treinos livres, para os envolvidos no Campeonato Nacional de Montanha (CNM), com Pedro Castañon (Norma M20 FC) a regressar ao topo da tabela de tempos.

A subida seria interrompida por duas vezes: primeiro, em consequência de um princípio de incêndio no Renault Clio S2000, de Daniel Teixeira, quando o piloto estava a preparar-se para arrancar e depois, por causa de um despiste de Manuel Pereira (Mitsubishi Lancer VI), que deixou o carro bastante danificado, a ponto de ser difícil à equipa de assistência recuperar os estragos para permitir ao piloto participar nas subidas de prova.

Sérgio Monteiro (Alfa-Romeo 147) foi outro piloto a quem “faltou” estrada, mas o “toque” foi pequeno e o piloto pode concluir a subida e tudo indica que venha a alinhar na prova.

Quando tudo regressou à normalidade, o espanhol voltou a superiorizar-se à concorrência, por quase um segundo (0,918 s.), com a particularidade de Pedro Castañon e Rui Ramalho terem sido dos poucos dos homens da frente que melhoraram os tempos da véspera.

João Fonseca (Silver Car S2) manteve-se no derradeiro lugar do pódio, mas já a mais de seis segundos dos homens da frente, enquanto António Nogueira (Porsche GT2), apesar de continuar a ser o mais rápido na Categoria 1, desceu um lugar em termos de geral suplantado por Paulo Ramalho (Juno SSE) que, ontem, não efectuou a segunda subida.

Tiago Reis (Ford Fiesta S2000), sétimo, Joaquim Teixeira (Seat Leon Super Copa), 10.o, Hélder Silva (BMW 323i), 15.o, e José Paulo Sousa (BMW E30 M3), 25.o, foram os mais rápidos das Categorias 3, 5, 6 e 4, respectivamente.

Melhores tempos:

1.o, Pedro Castañon (Norma M20 FC), 1.56,933; 2.o, Rui Ramalho (Juno CN09), 1.57.851; 3.o, João Fonseca (Silver Car S2), 2.03,280; 4.o, Paulo Ramalho (Juno SSE), 2.05,396; 5.o, António Nogueira (Porsche GT2), 2.07,453 (1.o da Categoria 1); 6.o, Joaquim Rino (BRC 05), 2.08,143; 7.o, Tiago Reis (Ford Fiesta S2000), 2.08,511 (1.o da Categoria 3); 8.o, Nuno Guimarães (BRM CM02), 2.09,893; 9.o, José Silvino Pires (Porsche 996 GT3), 2.11,755; 10.o, Joaquim Teixeira (Seat Leon Super Copa/Bompiso Racing Team), 2.13,217.

Classificaram-se mais 31 pilotos.

 Pedro Castañon

 

RAMPA PAÇOS DE FERREIRA - CAPITAL DO MÓVEL

A paixão de Almiro

Provavelmente o padre mais rápido do mundo…

Já alguma vez foi comprar um carro em segunda mão e lhe disseram que aquele automóvel andou sempre muito devagarinho, está pouco mais do que rodado, pois era de um padre… desconfie.

O facto de um automóvel ser de um padre não quer dizer que tenha sido conduzido lentamente por toda a sua vida. A prova disso aconteceu ainda este fim-de-semana em Paços de Ferreira.

Padre Almiro Mendes, pároco de Ramalde, no Porto, foi o primeiro sacerdote católico a ter participado numa corrida de automóveis. Tal aconteceu no circuito da Boavista e repetiu-se este fim-de-semana na Rampa Capital do Móvel.

Padre por vocação, Alimiro Mendes, faz dos automóveis paixão, um dos “prazeres legítimos” de que pode gozar na vida, pois como costuma dizer, citando o Pentateuco, “há de Deus pedir-nos contas dos prazeres legítimos não gozados na terra”.

Em Paços de Ferreira esteve ao volante de um Fiat Punto, do Challenge Desafio Único, um troféu monomarca desenvolvido pela Faculdade de Engenharia da Universidade do Porto (FEUP).

Mais do que uma corrida, foi toda uma experiência vivida ao volante do Fiat, em que confessou “divertir-se muito, numa rampa muito engraçada com algumas curvas matreiras…”

Mais do que tudo, Almiro Mendes conquistou os alunos da FEUP que lhe deram assistência ao carro, assim como todos quantos partilharam com ele a experiência de partir à desfilada rampa acima.

  

 

 

RAMPA PAÇOS DE FERREIRA - CAPITAL DO MÓVEL

CNM – RAMPA CAPITAL DO MÓVEL - SÁBADO

A vez de Rui Ramalho (Juno CN09)

Ao tirar mais de três segundos ao tempo feito na primeira subida, Rui Ramalho (Juno CN09) alcandorou-se ao topo da tabela de tempos, quebrando, também ele, a barreira dos dois minutos e deixando o espanhol Pedro Castañon (Norma M20 FC), que piorou a sua marca, a 0,209 s.

João Fonseca (Silver Car S2) manteve o terceiro lugar depois de, tal como o espanhol, ter feito pior na segunda subida e está, já, a mais de cinco segundos do duo que, tudo indica, irá lutar pela vitória.

Ao contrário do que sucedeu na primeira subida, António Nogueira (Porsche GT2) averbou a quarta marca, a melhor da Categoria 1, mas, em termos absolutos, a sua evolução não lhe permitiu fazer melhor do que Tiago Reis (Ford Fiesta S2000), que foi quinto desta vewz, no conjunto das duas subidas.

José Silvino Pires (Porsche 996 GT3) voltou a ser o segundo classificado da Categoria 1, mas quedou-se a mais de cinco segundos de António Nogueira.

Ausente na primeira subida, Nuno Guimarães (BRM CM02) registou a oitava marca, na subida, o que o coloca na 10.a posição da geral, enquanto Paulo Ramalho (Juno SSE), quarto na primeira subida, e Manuel Pereira (Mitsubishi Lancer VI), oitavo, não concluíram a segunda, o primeiro por a transmissão ter cedido e o segundo em consequência de um curto-circuito.

Sem surpresa, Joaquim Teixeira (Seat Leon Super Copa/Bompiso Racing Team), 11.o da geral, foi o mais rápido da Categoria 5, com Hélder Silva (BMW 323i) a voltar a superiorizar-se a José Pedro Gomes (Ford Escort), que em termos absolutos se colocaram atrás do piloto do Seat.

A prova prossegue, amanhã, com a terceira subida de treinos e as três de prova, a partir das 10.00 horas.

Melhores tempos:

1.o, Rui Ramalho (Juno CN09), 1.58,271; 2.o, Pedro Castañon (Norma M20 FC), 1.58,647; 3.o, João Fonseca (Silver Car S2), 2.04,205; 4.o, António Nogueira (Porsche GT2), 2.05,506 (1.o da Categoria 1); 5.o, Tiago Reis (Ford Fiesta S2000), 2.05,792 (1.o da Categoria 3); 6.o, José Silvino Pires (Porsche 996 GT3), 2.10,513; 7.o, Joaquim Rino (BRC 05), 2.11,269; 8.o, Nuno Guimarães (BRM CM02), 2.11,504; 9.o, Elias Barros (Ford Fiesta R5), 2.12,915; 10.o, Miguel Lobo (Aston Martin Vantage V8 GT4/Veloso Motorsport), 2.13,434. Classificaram-se mais 30 pilotos.

 Rui Ramalho

Pedro Castañon (Norma M20 FC) mais rápido na primeira subida

Mais adaptado ao Norma M20 FC, que guiou pela primeira vez em Murça, o espanhol Pedro Castañon foi o mais rápido na primeira subida de treinos da Rampa Capital do Móvel, quinta prova do Campeonato Nacional de Montanha.

E para que não houvesse dúvidas quanto à sua superioridade, Pedro Castañon foi o único a baixar a barreira dos dois minutos, nos 4 100 metros da subida, batendo por 2,999 s. Rui Ramalho (Juno CN09), com João Fonseca (Silver Car S2) a registar a terceira marca.

Face à vantagem conquistada na primeira subida, o piloto espanhol perfila-se, desde já, como o mais sério candidato à segunda vitória da época, o que a concretizar-se lhe permitirá ser o primeiro a assegurar dois triunfos.

Tiago Reis (Ford Fiesta S2000), o mais rápido da Categoria 3, registou o quarto tempo, à frente dos dois Porsche da Categoria 1, com António Nogueira (Porsche GT2) a bater José Silvino Pires (Porsche 996 GT3), que faz a estreia ao volante do carro da marca alemã, por 2,219 s., o que quer dizer que António Nogueira, habitual dominador da categoria, terá desta vez, um adversário mais competitivo do que aqueles que têm sido os seus opositores.

A fechar o “top ten”, Joaquim Teixeira (Seat Leon Super Copa/Bompiso Racing Team) voltou a dominar a Categoria 5, enquanto Hélder Silva (BMW 325i), 13.o da Geral, averbou o melhor tempo na Categoria 6, impondo-se a José Pedro Gomes (Ford Escort), por 0,424 s., enquanto José Paulo Sousa (BMW E30 M3), único concorrente da Categoria 4, foi 21.o da Geral.

Melhores tempos:

1.o, Pedro Castañon (Norma M20 FC), 1.58,477; 2.o, Rui Ramalho (Juno CN09),2.01,476; 6.o, João Fonseca (Silver Car S2), 2.03,529; 4.o, Tiago Reis (Ford Fiesta S2000), 2.04,671 (1.o da Categoria 3); 5.o, Paulo Ramalho (Juno SSE),2.07,392; 6.o, António Nogueira (Porsche GT2), 2.08,488 (1.o da Categoria 1);7.o, José Silvino Pires (Porsche 996 GT3), 2.10,707; 8.o, Manuel Pereira (Mitsubishi Lancer Evo VI), 2.11.338; 9.o, Joaquim Rino (BRC 05), 2.12,796; 10.o, Joaquim Teixeira (Seat Leon Super Copa/Bompiso Racing Team), 2.13,289 (1.o da Categoria 5). Classificaram-se mais 31 pilotos.

 Pedro Castañon

 

AMN SPORT VENCE CATEGORIA 1 EM PAÇOS DE FERREIRA

 

CAMPEONATO NACIONAL DE MONTANHA

 

RAMPA PAÇOS DE FERREIRA


 

AMN SPORT VENCE CATEGORIA 1 EM PAÇOS DE FERREIRA


Uma vez mais a equipa da AMN Sport venceu a categoria 1, com António Nogueira ao volante do seu já habitual  Porsche GT 2 na Rampa Paços de Ferreira, quinta prova a contar para o Campeonato Nacional de Montanha. Assim o piloto que corre com as cores da Vodafone e da CNE Aveiro apenas fez duas subidas de prova, fazendo os tempos de  2.05.729 e 2.05.926, conseguindo assim o score suficiente para vencer a categoria. Por outro lado, António Nogueira tinha chegado duma viagem de negócios mesmo ao inicio da prova na tarde de sábado, acusando um certo cansaço, mas mesmo assim alcançou o objectivo a que se propunha, que foi vencer a categoria, como nos afirmou” correu tudo bem, o carro esteve impecável, quase diria foi meter combustível e cumprir as subidas. Cheguei a esta prova um bocado cansado, por isso fisicamente falando não dei o meu máximo, mas andei o melhor que podia para assegurar a vitória na categoria, o que consegui, embora desta vez a concorrência era maior e melhor apetrechada, mas correu bem. Se por acaso em termos físicos estivesse melhor poderia aspirar um pouco mais em termos de classificação geral, e poderia ter ficado com o 5º lugar , mas assim está bem”.

FOX 9819_Copy

Para já é bem provável, que António Nogueira não  esteja presente na Rampa do Caramulo, pois segundo o piloto da AMN Sport” ainda não sei, pois no fim de semana de 6/7 Setembro, há o Algarve Racing Weekend ter lugar no autódromo de Portimão no Algarve, por isso só mais para diante irei decidir”, disse-nos

 

NEGRAIS E VILELA EM PAÇOS DE FERREIRA

 

Rampa Capital do Móvel Tiago Vilela e Hugo Negrais apostam no pódio
Depois da passagem pelo circuito citadino de Vila Real, o Desafio Único, Categoria 2, segue agora para Paços de Ferreira nos dias 26 e 27 de Julho, onde Tiago Vilela e Hugo Negrais apostam forte. A dupla de Braga, na única etapa do Campeonato Nacional de Montanha que alinharam este ano, – Rampa da Falperra -, deram-se muito bem, pois foram segundos classificados. Assim, não será de estranhar que em mais esta presença em provas deste género, as expectativas sejam grandes para alcançar um bom resultado, podendo ler-se, lutar pela vitória: “Estamos de regresso às provas de rampa e nesta, particularmente, sempre obtivemos bons resultados”, explica Tiago Vilela, destacando: “Em Paços de Ferreira terminámos sempre nos cinco primeiros e por isso estamos optimistas. Depois de termos sido segundos na Rampa da Falperra, o objectivo agora é o pódio, mas sempre com os olhos na vitória”. Por seu turno, Hugo Negrais não foge da opinião do seu colega de equipa, salientando o facto da formação da capital do Minho encarar: “Sempre da mesma forma as provas e nesta queremos lutar pela vitória que nos tem escapado. Depois de Vila Real, onde os azares nos bateram à porta, queremos retomar os bons resultados, e quem sabe, com a vitória que este ano ainda não alcançámos”. A prova começa no dia 26 de Julho com os treinos oficiais a partir das 15h00. No dia seguinte é altura para as três subidas oficiais com início marcado para as 11h30.
HNTiago Hugo_VilaReal2014_2_Copy

 

IRMÃOS RAMALHO EM PAÇOS DE FERREIRA

 

NEWS PRMINIRACING
JULHO # 2014

Será já no próximo fim de semana em Paços de Ferreira que terá lugar a 5ª prova do Campeonato de Portugal de Montanha. Esta prova organizada pelo Clube Aventura do Minho – CAMI - é reconhecida pela fantástica afluência de público entusiasta e pelo seu rápido traçado.

Não faltarão assim motivos de interesse nesta prova que encerrará esta primeira parte do Campeonato, seguindo-se depois um merecido período de férias para toda a comitiva deste popular Campeonato.

RUI RAMALHO # JUNO CN09

Rui Ramalho depois do desaire de Murça devido a avaria mecânica no seu Juno CN09, espera voltar a ter o seu protótipo em perfeitas condições técnicas para discutir uma das posições do pódio e com isso manter acesa a discussão pelo título do Campeonato.

Rui fez ainda referência ao excelente trabalho da equipa na recuperação do seu Juno, agradecendo o esforço e a dedicação de todos os elementos da sua equipa.

 

PAULO RAMALHO # JUNO SSE

Paulo Ramalho depois do bom resultado alcançado em Murça, espera voltar a ser competitivo neste traçado, tendo no entanto consciência que a rapidez deste traçado penaliza a menor performance do seu Juno SSE. Contudo, o piloto do Porto tudo fará para discutir uma posição no top 5 e com isso ajudar o seu irmão nas contas do Campeonato.

HORÁRIO

SÁBADO #26 JULHO

Subida treinos livres

15h00

Subida treinos cronometrados

16h00

DOMINGO #27 JULHO

Subida treinos livres

10h30

1º subida prova

11h30

2º subida prova

13h30

3º subida prova

14h30

 

ENTREVISTA TV - RAMPA MURÇA

Vejaas Reportagens que passaram na TV!

 

TIAGO REIS EM PAÇOS DE FERREIRA

 

Tiago Reis defende liderança na Capital do Móvel

 

 

A quinta prova do Campeonato Nacional de Montanha disputa-se em Paços de Ferreira e Tiago Reis quer dar mais um passo rumo ao título da Categoria 3. Edgar Reis, por outro lado, será obrigado a falhar a ronda minhota.

 

Com três vitórias nas quatro provas já realizadas, Tiago Reis e o Ford Fiesta RS Cosworth são naturais favoritos a novo triunfo na Categoria 3 em Paços de Ferreira. A Rampa Capital do Móvel, sob organização do CAMI Clube Aventura do Minho, terá uma abordagem habitual por parte do Team Transfradelos. O objetivo é ganhar a categoria, refere Tiago Reis, atual campeão nacional absoluto. Já conheço esta rampa e isso é sempre um bónus, mas a nossa meta para este ano é sempre a mesma. Passo a passo vamos ficando cada vez mais próximos de novo título, concluiu o piloto de Famalicão.

 

O Team Transfradelos sofreu um rude golpe no recente Rali B.V. Famalicão, onde Edgar Reis teve um despiste que danificou o Renault Clio RS2000 da equipa nortenha. O carro francês não estará pronto para a Rampa Capital do Móvel e Edgar Reis, atual segundo classificado da Categoria 3, terá de falhar a rampa minhota.

 DSC 8584_Copy

 

RAMPA DE MURÇA

RAMPA DE MURÇA

 

GALERIA DE IMAGENS

 

Grupo de imagens da segunda subida de treinos da rampa de Murça, disputada ainda com piso molhado.

 

Fotos de João Raposo - www.velocidadeonline.ocmFOX 7618_CopyFOX 7619_CopyFOX 7620_CopyFOX 7621_CopyFOX 7622_CopyFOX 7623_CopyFOX 7624_CopyFOX 7625_CopyFOX 7626_Copy_CopyFOX 7627_CopyFOX 7628_CopyFOX 7631_CopyFOX 7631_CopyFOX 7632_CopyFOX 7634_CopyFOX 7635_CopyFOX 7635_CopyFOX 7636_CopyFOX 7637_CopyFOX 7637_CopyFOX 7638_CopyFOX 7638_CopyFOX 7639_CopyFOX 7640_CopyFOX 7641_CopyFOX 7642_CopyFOX 7643_CopyFOX 7644_CopyFOX 7645_CopyFOX 7646_CopyFOX 7647_CopyFOX 7649_CopyFOX 7650_CopyFOX 7651_CopyFOX 7652_CopyFOX 7653_CopyFOX 7657_CopyFOX 7658_CopyFOX 7659_CopyFOX 7661_CopyFOX 7662_CopyFOX 7663_CopyFOX 7664_CopyFOX 7665_CopyFOX 7667_CopyFOX 7668_CopyFOX 7669_CopyFOX 7670_CopyFOX 7671_CopyFOX 7672_CopyFOX 7673_CopyFOX 7674_CopyFOX 7675_CopyFOX 7676_CopyFOX 7677_CopyFOX 7678_CopyFOX 7679_CopyFOX 7680_CopyFOX 7681_CopyFOX 7683_CopyFOX 7684_CopyFOX 7685_CopyFOX 7685_CopyFOX 7686_CopyFOX 7687_CopyFOX 7689_CopyFOX 7690_CopyFOX 7691_CopyFOX 7692_CopyFOX 7693_CopyFOX 7694_CopyFOX 7695_CopyFOX 7696_CopyFOX 7697_CopyFOX 7698_CopyFOX 7699_CopyFOX 7711_CopyFOX 7712_CopyFOX 7713_CopyFOX 7714_Copy

 

LISTA DE INSCRITOS DEFINITIVA RAMPA PAÇOS DE FERREIRA - TROFÉU FEUP

LISTA DE INSCRITOS DEFINITIVA RAMPA PAÇOS DE FERREIRA - TROFÉU FEUP

 

 

 

200
ABEL SANTOS
P
1977
ABEL SANTOS
P
1977
PEDRO ALBUQUERQUE
P
X
201
DIOGO GONÇALVES
P
1478
DIOGO GONÇALVES
P
1478
PEDRO MONTEiRO
P
1479
X
202
AMOB RACING
P
1776
VASCO BARROS
P
1851
MANUEL BARROS
P
1779
X
208
CARLOS PEREIRA
P
1890
CARLOS PEREIRA
P
1890
JOÃO SIMÕES
P
1892
X
211
ANDRÉ MARTINS
P
1835
ANDRÉ MARTINS
P
1835
JOSÉ MONTEIRO
P
1836
X
214
ANTÓNIO COELHO
P
1702
ANTÓNIO COELHO
P
1702
A DEFINIR
X
217
PAULO MAIA
P
1629
PAULO MAIA
P
1629
GONÇALO RODRIGUES
P
1627
X
219
FRANCISCO LEITE
P
FRANCISCO LEITE
P
A DEFINIR
X
224
TIAGO VILELA
P
2446
TIAGO VILELA
P
2446
HUGO NEGRAIS
P
2447
X
233
JOÃO REBELO MARTINS
P
1694
JOÃO REBELO MARTINS
P
1694
ANTÓNIO FERREIRA
P
1689
X
266
ANDRE PINTO
P
1740
ANDRE PINTO
P
1740
JOÃO BRITES
P
1828
X
301
JOAQUIM R. SOARES
P
1652
JOAQUIM R. SOARES
P
1652
ANTÓNIO BARROS
P
1833
X
303
MONTEIROS COMPETIÇÕES
P
1868
JOSÉ ROCHA
P
1869
DIOGO ROCHA
P
1872
X
308
DAVID SARAIVA
P
1909
DAVID SARAIVA
P
1909
SÉRGIO SARAIVA
P
1910
X
309
VENTILAÇÕES MOURA
P
1656
GUSTAVO MOURA
P
1654
HELDER MOURA
P
1655
X
310
JJ MAGALHÃES
P
1614
JOSÉ JOÃO MAGALHÃES
P
1614
PAULO RODRIGUES
P
1613
X
312
MÁRIO MOREIRA
P
1738
MÁRIO MOREIRA
P
1738
GILBERTO BRITO
P
1551
X
324
PAULO RIBEIRO
P
1601
ALEXANDRE GONÇALVES
P
1814
PAULO RIBEIRO
P
1601
X
327
Sousa Magalhães
P
2622
Sousa Magalhães
P
2622
A DEFINIR
X
333
VELOSOMOTORSPORT
P
1916
TIAGO MESQUITA
P
1950
HUGO MESQUITA
P
1944
X
388
AMOB RACING
P
1776
LUÍS DELGADO
P
1860
RAUL DELGADO
P
1861

 

LISTA DE INSCRITOS DEFINITIVA PARA A RAMPA PAÇOS DE FERREIRA

LISTA DE INSCRITOS DEFINITIVA PARA A RAMPA DE PAÇOS DE FERREIRA

 

 

 

 

101
António Nogueira
P
695
António Nogueira
P
695
PORSCHE GT2
1
GT
102
José Pires
P
2458
José Pires
P
2458
PORSCHE 996 GT3
1
GT
103
VELOSO MOTORSPORT
P
1916
Miguel Lobo
P
ASTON MARTIN VANTAGE V8 GT4
1
GT
104
Manuel Correia
P
1649
Manuel Correia
P
1649
SKODA FABIA
1
S20
116
Joana Barbosa
P
2069
Joana Barbosa
P
2069
ABARTH 500
1
A
120
Sergio Monteiro
P
2703
Sergio Monteiro
P
2703
ALFA ROMEO 147
1
A
122
Elias Barros
P
622
Elias Barros
P
622
FORD FIESTA R5
1
S20
205
Paulo Ramalho
P
1999
Paulo Ramalho
P
1999
JUNO SSE
2
CN/E2-SC
206
Pedro Castanõn
E
E942GA
Pedro Castanõn
E
E942GA
JUNO CN09
2
CN/E2-SC
207
Rui Ramalho
P
50
Rui Ramalho
P
50
JUNO CN09
2
CN/E2-SC
220
João Fonseca
P
2373
João Fonseca
P
2373
SILVER CAR S2
2
CM
221
Joaquim Rino
P
2229
Joaquim Rino
P
2229
BRC 05
2
CM
224
Nuno Guimarães
P
2032
Nuno Guimarães
P
2032
BRC CM 02
2
CM
302
Tiago Reis
P
2375
Tiago Reis
P
2375
FORD FIESTA 2000
3
X -E1 FIA
303
Edgar Reis
P
2376
Edgar Reis
P
2376
CLIO RS2000
3
X
308
Manuel Pereira
P
424
Manuel Pereira
P
424
MITSUBISHI EVOVII
3
X
309
Daniel Teixeira
P
3347
Daniel Teixeira
P
3347
CLIO RS2000
3
X
314
Filipe Barbosa
P
3197
Filipe Barbosa
P
3197
FORD ESCORT
3
X
315
Paulo José Pinto
P
1079
Paulo José Pinto
P
1079
PEUGEOT 106 RALLYE
3
X
X
340
ESCUDERIA RIAS BAIXAS
E
EC 38 GA
Rocio Fernandez
E
E1057GA
CITROEN SAXO
3
X
341
Amaro Melo
P
2751
Amaro Melo
P
2751
BMW E30 M3
3
X
342
Paulo Nogueira
P
Paulo Nogueira
P
CITROEN SAXO CUP
3
X
343
João Paulo Sousa
P
2049
João Paulo Sousa
P
2049
BMW E30 M3
3
X
344
Sergio Nogueira
P
Sergio Nogueira
P
CITROEN SAXO CUP
3
X
345
Jorge Melo
P
2083
Jorge Melo
P
2083
BMW E30 M3
3
X
346
José Miguel Cardoso
P
2098
José Miguel Cardoso
P
2098
CITROEN SAXO
3
X
347
José Paulo Sousa
P
2536
José Paulo Sousa
P
2536
BMW E30 M3
3
X
348
Martinho Melo
P
2753
Martinho Melo
P
2753
BMW E30 325
3
X
349
Paula Sousa
P
2623
Paula Sousa
P
2623
BMW E36 325I
3
X
350
Ventilações Moura/Moura Laser
P
Nuno Mota
P
3770
CITROEN SAXO
3
X
351
Carlos Gonçalves
P
1477
Carlos Gonçalves
P
1477
FIAT UNO
3
X
X
352
Romulo Moura
P
Romulo Moura
P
FIAT UNO
3
X
X
501
Joaquim Teixeira
P
1899
Joaquim Teixeira
P
1899
SEAT LEON SUPER COPA
5
VHFC
502
José Correia
P
1648
José Correia
P
1648
SEAT LEON
5
VHFC
503
Luís Silva
P
1733
Luís Silva
P
1733
MITSUBISHI EVO VI
5
VHFC
504
João Guimarâes
P
2034
João Guimarâes
P
2034
PEUGEOT 206 RC
5
VHFC
511
João Paulo Oliveira Silva
P
2290
Paulo Silva
P
2290
SEAT LEON SUPER COPA
5
VHFC
515
Ricardo Gomes
P
2008
Ricardo Gomes
P
2008
SEAT LEON
5
VHFC
516
Francisco Marrão
P
2033
Francisco Marrão
P
2033
SEAT LEON SUPER COPA
5
VHFC
532
AMOB RACING
P
1776
Manuel Barros
P
1779
FIAT PUNTO 85
5
VHFC
X
533
AMOB RACING
P
1776
Vasco Barros
P
1851
FIAT PUNTO 85
5
VHFC
X
605
José Pedro Gomes
P
2172
José Pedro Gomes
P
2172
FORD ESCORT
6
2
606
Anibal Rolo
P
1339
Anibal Rolo
P
1339
RENAULT 5 TURBO 2
6
4
607
Abel Marques
P
2036
Abel Marques
P
2036
AUTOBIANCHI A112
6
A
X
608
Helder Silva
P
2273
Helder Silva
P
2273
BMW 323I
6
5
612
José Artur Teixeira
P
2639
José Artur Teixeira
P
2639
AUSTIN MINI
6
5
Porto, 23.07.2014
A Comissão Organizadora
TOTAL INSCRITOS - 46

 

ARAUJO COMPETIÇÃO NOS SINGLE SEATERS

ARAUJO COMPETIÇÃO NOS SINGLE SEATERS

 

 

 

 

Na corrida dos Single Seaters Series disputada em Portimão, Gonçalo Inácio lutou sempre pela primazia, quer nos treinos, que acabou a centésimas da “pole” de Tiago Raposo Magalhães, quer nas duas corridas do fim-de-semana, em que só teve um adversário à sua altura.

Já João Cristóvão mostrou grande melhoria, chegando a rodar em quarto nos treinos.

Na primeira corrida, Inácio lutava pela vitória com o eventual vencedor quando foi traído pela caixa de velocidades do Ray, acabando com uma volta de atraso. Na segunda, de novo um duelo titânico opôs os dois em pista, com a vitória a sorrir por escassos metros a Raposo de Magalhães, deixando Inácio num excelente segundo que coroou de êxito os esforços da Araújo Competição num fim de semana difícil com mais este pódio.

 

RICARDO GOMES QUER CONTINUAR A EVOLUIR EM PAÇOS DE FERREIRA

 

CAMPEONATO NACIONAL DE MONTANHA

 

 

RAMPA DE PAÇOS DE FERREIRA

 

RICARDO GOMES QUER CONTINUAR A EVOLUIR EM PAÇOS DE FERREIRA


FOX 7626_Copy

Depois do brilharete alcançado na Rampa de Murça, onde logo na estreia, Ricardo Gomes subiu ao pódio em termos de categoria, para a prova deste fim de semana, a ter lugar em Paços de Ferreira, , o piloto de Braga, está com expectativas elevadas, como nos confirmou “ é lógico que estou muito motivado para esta prova, nunca participei nesta rampa, por isso as primeiras subidas irão ser feitas com alguma cautela, e é preciso não esquecer que ainda não trato o Seat Leon com que corro por “tu”, por isso a precaução irá ser a palavra de ordem nas subidas de treinos. Por outro lado os meus adversários não irão dar qualquer tipo de facilidades, mas acredito ter boas possibilidades de poder lutar por uma posição no pódio. Outro handicap com que me irei debater, vai ser encontrar o set up correcto a nível de suspensões e pneus, que com certeza que irão ditar toda a diferença, pois sei que a Rampa de Paços de Ferreira é muito rápida”.

Para terminar Ricardo Gomes acrescentou “ quero agradecer a todos os meus patrocinadores, que acreditaram neste meu projecto”.

O Seat Leon irá ser verificado no sábado de manhã, para na parte da tarde do mesmo dia fazer as primeiras subidas de treinos, estando as subidas de prova marcadas para o dia de domingo.

 

SILVINO PIRES VAI ESTREAR NOVO PORSCHE

SILVINO PIRES VAI ESTREAR NOVO PORSCHE

 

José Silvino Pires que nas ultimas provas do Nacional de MOntanha participou com o seu Ford Escort, um carro que já foi pertença de António Nogueira, para a rampa de Paços de Ferreira irá estrrear um Porsche GT 3, que com certeza irá dar dores de cabeça aos seus mais directos adversários.PENHA23 500x332_Copy

 

PAULO SILVA QUER LUTAR PELO PÓDIO EM PAÇOS DE FERREIRA

 

CAMPEONATO NACIONAL DE MONTANHA

RAMPA PAÇOS DE FERREIRA

 

 

PAULO SILVA QUER LUTAR PELO PÓDIO EM PAÇOS DE FERREIRA


FOX 7635_Copy

Estando cada vez mais adaptado ao comportamento em prova por parte do Seat Leon Copa com que corre, Paulo Silva, está já preparado para a Rampa de Paços de Ferreira, que irá ter lugar este fim de semana. Em termos de objectivos, o piloto de Braga foi claro “ lutar por uma posição no pódio, pois sinto-me cada vez mais adaptado ao comportamento do Seat Leon, de prova para prova tenho aumentado o andamento, por isso sinto-me capaz de lutar por uma posição no pódio, e esse é o meu objectivo para esta prova. Já vi a lista de inscritos, na minha categoria tenho grandes adversários, por isso sou de opinião que a luta irá ser renhida, mas é bom que assim seja, pois assim a motivação será muito grande, e agora há que concentrar, e andar o mais depressa possível, sem cometer erros”.

 

Paulo Silva irá fazer a verificação do seu Seat Leon no sábado de manhã, para da parte da tarde, dar inicio às subidas de treinos, com as subidas de prova marcadas para domingo,.

 

COMVAL RACING PRONTA PARA A RAMPA DE PAÇOS DE FERREIRA

 

CAMPEONATO NACIONAL DE MONTANHA

 

RAMPA DE PAÇOS DE FERREIRA

 

COMVAL RACING PRONTA PARA A RAMPA DE PAÇOS DE FERREIRA


COMVAL Copy

A equipa da Comval Racing está pronta para a próxima rampa a contar para o campeonato nacional de montanha, desta feita na cidade de Paços de Ferreira.
A equipa irá alugar o carro à Torres Rally Team e, uma vez mais, prescindirá da sua assistência, deixando a cargo da Comval Racing toda a preparação, set up e afinação do mesmo para a Rampa de Paços de Ferreira. 

Pedro Castañón prepara-se para mais um desafio, do qual espera sair novamente vitorioso e assim consolidar a sua posição no Campeonato – 1º lugar absoluto. A Comval Racing é, assim, candidata ao titulo juntamente com o piloto Pedro Castañón e pelo qual lutará na próxima ronda do Campeonato Nacional de Montanha.

 

PISO NOVO NA RAMPA DO CARAMULO

PISO NOVO NA RAMPA DO CARAMULO

 

Parte do precurso que faz parte da Rampa do Caramulo, que terá o seu fim de semana em Setembro próximo está a ser beneficiado com um novo tapete de asfalto, o que logicamente vem dar o seu incremento em termos de segurança desta rampa.

 

Foto de Fernando Baptista - www.velocidadeonline.comPISONOVOCARAMULO-FOTODEFERNANDOBATISTA Copy

 

LISTA DE INSCRITOS PROVISÓRIA PARA A RAMPA DE PAÇOS DE FERREIRA

LISTA PROVISÓRIA DE INSCRITOS PARA A RAMPA DE MURÇA

 

TROFÉU FEUP

 

 

 

 

200 ABEL SANTOS P ABEL SANTOS P PEDRO ALBUQUERQUE P FIAT PUNTO 85
201 DIOGO GONÇALVES P 1478 DIOGO GONÇALVES P 1478 PEDRO MONTEiRO P FIAT PUNTO 85
202 AMOB RACING P 1776 VASCO BARROS P 1851 MANUEL BARROS P 1779 FIAT PUNTO 85
208 CARLOS PEREIRA P CARLOS PEREIRA P JOÃO SIMÕES P FIAT PUNTO 85
211 ANDRÉ MARTINS P 1835 ANDRÉ MARTINS P 1835 JOSÉ MONTEIRO P 1836 FIAT PUNTO 85
214 ANTÓNIO COELHO P ANTÓNIO COELHO P A DEFINIR FIAT PUNTO 85
217 PAULO MAIA P 1629 PAULO MAIA P 1629 GONÇALO RODRIGUES P 1627 FIAT PUNTO 85
219 FRANCISCO LEITE P FRANCISCO LEITE P A DEFINIR FIAT PUNTO 85
224 TIAGO VILELA P TIAGO VILELA P HUGO NEGRAIS P FIAT PUNTO 85
233 JOÃO REBELO MARTINS P JOÃO REBELO MARTINS P ANTÓNIO FERREIRA P FIAT PUNTO 85
266 ANDRE PINTO P 1740 ANDRE PINTO P 1740 JOÃO BRITES P 1828 FIAT PUNTO 85
301 JOAQUIM R. SOARES P JOAQUIM R. SOARES P ANTÓNIO BARROS P ALFA ROMEO 156
303 MONTEIROS COMPETIÇÕES P JOSÉ ROCHA P DIOGO ROCHA P ALFA ROMEO 156
308 DAVID SARAIVA P 1909 DAVID SARAIVA P 1909 SÉRGIO SARAIVA P 1910 ALFA ROMEO 156
309 VENTILAÇÕES MOURA P 1656 GUSTAVO MOURA P 1654 HELDER MOURA P 1655 ALFA ROMEO 156
310 JJ MAGALHÃES P 1614 JOSÉ JOÃO MAGALHÃES P 1614 PAULO RODRIGUES P 1613 ALFA ROMEO 156
312 MÁRIO MOREIRA P 1738 MÁRIO MOREIRA P 1738 GILBERTO BRITO P 1551 ALFA ROMEO 156
324 PAULO RIBEIRO P 1601 ALEXANDRE GONÇALVES P 1814 PAULO RIBEIRO P 1601 ALFA ROMEO 156
327 Sousa Magalhães P 2622 Sousa Magalhães P 2622 A DEFINIR ALFA ROMEO 156
333 VELOSOMOTORSPORT P 1916 TIAGO MESQUITA P 1950 HUGO MESQUITA P 1944 ALFA ROMEO 156
388 AMOB RACING P 1776 LUÍS DELGADO P 1860 RAUL DELGADO P 1861 ALFA ROMEO 156
TOTAL INSCRITOS - 21
 

200 ABEL SANTOS P ABEL SANTOS P PEDRO ALBUQUERQUE P FIAT PUNTO 85
201 DIOGO GONÇALVES P 1478 DIOGO GONÇALVES P 1478 PEDRO MONTEiRO P FIAT PUNTO 85
202 AMOB RACING P 1776 VASCO BARROS P 1851 MANUEL BARROS P 1779 FIAT PUNTO 85
208 CARLOS PEREIRA P CARLOS PEREIRA P JOÃO SIMÕES P FIAT PUNTO 85
211 ANDRÉ MARTINS P 1835 ANDRÉ MARTINS P 1835 JOSÉ MONTEIRO P 1836 FIAT PUNTO 85
214 ANTÓNIO COELHO P ANTÓNIO COELHO P A DEFINIR FIAT PUNTO 85
217 PAULO MAIA P 1629 PAULO MAIA P 1629 GONÇALO RODRIGUES P 1627 FIAT PUNTO 85
219 FRANCISCO LEITE P FRANCISCO LEITE P A DEFINIR FIAT PUNTO 85
224 TIAGO VILELA P TIAGO VILELA P HUGO NEGRAIS P FIAT PUNTO 85
233 JOÃO REBELO MARTINS P JOÃO REBELO MARTINS P ANTÓNIO FERREIRA P FIAT PUNTO 85
266 ANDRE PINTO P 1740 ANDRE PINTO P 1740 JOÃO BRITES P 1828 FIAT PUNTO 85

301 JOAQUIM R. SOARES P JOAQUIM R. SOARES P ANTÓNIO BARROS P ALFA ROMEO 156
303 MONTEIROS COMPETIÇÕES P JOSÉ ROCHA P DIOGO ROCHA P ALFA ROMEO 156
308 DAVID SARAIVA P 1909 DAVID SARAIVA P 1909 SÉRGIO SARAIVA P 1910 ALFA ROMEO 156
309 VENTILAÇÕES MOURA P 1656 GUSTAVO MOURA P 1654 HELDER MOURA P 1655 ALFA ROMEO 156
310 JJ MAGALHÃES P 1614 JOSÉ JOÃO MAGALHÃES P 1614 PAULO RODRIGUES P 1613 ALFA ROMEO 156
312 MÁRIO MOREIRA P 1738 MÁRIO MOREIRA P 1738 GILBERTO BRITO P 1551 ALFA ROMEO 156
324 PAULO RIBEIRO P 1601 ALEXANDRE GONÇALVES P 1814 PAULO RIBEIRO P 1601 ALFA ROMEO 156
327 Sousa Magalhães P 2622 Sousa Magalhães P 2622 A DEFINIR ALFA ROMEO 156
333 VELOSOMOTORSPORT P 1916 TIAGO MESQUITA P 1950 HUGO MESQUITA P 1944 ALFA ROMEO 156
388 AMOB RACING P 1776 LUÍS DELGADO P 1860 RAUL DELGADO P 1861 ALFA ROMEO 156
TOTAL INSCRITOS - 21

 

 

 

 

RACE CAR RENT BY TORRES RALLY TEAM

 

Race Car Rent "aluguer de viaturas de competição" Torres Rally Team

O TORRES RALLY TEAM é uma equipa desportiva de automóveis que está a ressurgir neste desporto. A sua atividade teve o seu início há várias décadas, precisamente no ano de 1973, já venceu diversas provas em diferentes Campeonatos e variantes deste desporto e inclusive já foi Campeã Nacional de Ralis e venceu várias provas Mundiais de Ralis no seu grupo.

Realçamos que iniciamos novamente a atividade em 2013 não com o objetivo único de correr, nomeadamente da família que lhe deu origem, mas num âmbito mais alargado, permitindo a outros pilotos o acesso a todo um know-how e investimento existente e partilhá-lo em manifestações desportivas ou atividades lúdicas.

Quando pensamos em ressurgir a marca/equipa fizemo-lo a imaginar num conceito mais moderno do que tínhamos realizado até aqui. Pois no passado a preocupação principal era somente correr, próprio de quem nutre uma paixão muito forte; agora todo o espírito continua, mas pretendemos muito mais do que correr(… ). Assim sendo, humildemente falando, temos como ambição valorizar o nosso desporto e a nossa sociedade. É neste sentido que fizemos uma parceria com a Universidade de Aveiro, em ordem uma investigação na área onde esta é uma referência, a eletrónica, desta forma pretendemos desenvolver centralinas de motor na área de competição automóvel. Aqui também disponibilizamos todo o nosso Know how e equipamento de maneira a permitir que preparadores de referência nacional e internacional desta área partilhem informação com a Universidade, inclusive, futuramente, aspiramos que os próprios fabricantes de automóveis cheguem até nós.

Como dificilmente alguém consegue sobreviver muitos anos sem otimizar recursos, pensamos que ao percebemos de automóveis e conhecermos bem todo o mundo das corridas este é o nosso caminho. Mas para podermos sobreviver dentro deste mundo ou fazemos mais do mesmo ou procuramos outras formas de estar no mercado. Mais do mesmo é ser pura e simplesmente preparador, ter um pavilhão, mecânicos, etc. Estes últimos conseguem viver, têm valor e como em tudo existem os de destaque e os de referência. Continuando o nosso pensamento, isto é o que temos de ter; mas, não deixamos de ser mais um! Então, para além de prepararmos automóveis, corrermos e procurarmos patrocínios para cobrir os custos, como os outros(…) No entanto, temos de procurar novos mercados! Ora, para alguns novos mercados, é por exemplo ir para Angola, mas sair do país não faz parte da estratégia. Então julgamos que tal e qual como nós estivemos em inatividade durante anos também existe um número bastante elevado de pessoas que apesar de gostar do desporto automóvel não tem contacto com este mundo há muito tempo… e até mesmo há quem nunca teve contacto direto algum, embora gostasse de ter; pois bem, é aqui que damos o nosso contributo.  

Desta forma, procuramos novos mercados na busca de franjas no mercado que ainda estão pouco exploradas, alugando carros de competição automóvel a quadros médios e médios superiores que tenham a nossa paixão mas que têm as suas vidas profissionais e familiares bastante intensas, estamos a falar de médicos, advogados, engenheiros, empresários, gestores, etc. Pois como sabemos estes têm muito pouca disposição para comprar um carro de valor elevado, uma carrinha de assistência; ter um grupo de mecânicos ou preparadores (…) mas não se importam de despender uma percentagem do seu rendimento anual para fazer o que gostam! Até porque já o fazem com viagens, compras de bons carros de estrada, etc. Assim, nós esperamos disputar este mercado! Comunicar que existimos! E que trabalhamos de um modo sério e profissional. Pois, temos bons carros e de qualidade, bons mecânicos, pagamos impostos e proporcionamos emoções! O cliente não tem de se preocupar com nada, como: condições normais de corrida, inscrições, seguro contra-todos-os-riscos, imagem, entre outras. Portanto, o piloto só tem de se preocupar em participar e tirar o máximo partido do gosto, emoção, adrenalina e paixão!

Infelizmente não podemos facultar a toda a população estas condições. E até muitos perguntarão se ao estarmos em crise existirá bastantes pessoas que pretendam este tipo de serviço. Não existe… mas o facto é que nem todos pensam só em guardar dinheiro e ter uma avultada conta bancária; pois, também há quem pense que o dinheiro lhe serve para alguma coisa! Até porque a vida é escassa e acaba. Com isto não queremos transmitir que as pessoas devam comprometer a sua “saúde” financeira… mas que a vida não é só investimentos! Tais como a casa, carro, profissão, empresas, etc.. O dinheiro também serve para nos proporcionar bem-estar e prazer!

No entanto, não nos queremos limitar a participações desportivas, falamos igualmente em atividades lúdicas, como por exemplo: alguém que pretenda ter um dia ou uma parte do dia em contacto com um carro de corrida, nós permitimos-lhe todas as condições, incluindo as de segurança. Pois alugamos uma pista para o efeito, desde o Circuito “Vasco Sameiro” em Braga ou o circuito “Alto do Roçario” em Sever do Vouga; ou mesmo um troço de Rally, dependendo dos objetivos pretendidos. Estas atividades podem ser individuais ou em grupo, desde empresas, grupos de amigos, associações (...) ou nós mesmos fazemos grupos de pessoas que queiram contratar os nossos serviços, onde os custos podem ser divididos. Nesta área, inclusive, já fomos contactados por pessoas que queriam proporcionar ao seu marido/namorado uma prenda de aniversário diferente, próprio de quem quer partilhar muito sentimento, tal e qual como nós!FOX 9503_Copy

 

JOSÉ CORREIA PRONTO PARA NOVO DESAFIO

 

CAMPEONATO NACIONAL DE MONTANHA

 

FOX 7652_Copy

RAMPA DE PAÇOS DE FERREIRA

 

 

JOSÉ CORREIA PRONTO PARA NOVO DESAFIO

 

Mais uma estreia absoluta para José Correia que se vai estrear este fim de semana na rampa de Paços de Ferreira ao volante do seu Seat Leon. Sobre este novo desafio, o piloto de Braga falou-nos um pouco “ mais um desafio, nunca corri nesta rampa, vou ter de treinar a mesma, sei por aquilo que me disseram que é rápida, espero poder encontrar o set-up correcto para o meu carro, de forma a poder lutar pelos lugares da frente, pois na prova passada perdi o acesso ao pódio por uma margem bem reduzida, e para este fim de semana não gostaria de repetir a mesma situação. Por isso o meu objectivo é poder terminar entre os três primeiros, não vai ser nada fácil, mas irei lutar com todos os meios de que disponho, esperando que o carro esteja a 100% “.

 

JOAQUIM RINO QUER MAIS NA RAMPA PAÇOS DE FERREIRA

 

CAMPEONATO NACIONAL DE MONTANHA

 

 

RAMPA PAÇOS DE FERREIRA

 

 

JOAQUIM RINO QUER MAIS NA RAMPA DE PAÇOS DE FERREIRA

FOX 8501_Copy

Depois do brilhante 5º lugar á geral na Rampa de Murça, motivação é o que não falta a Joaquim Rino, para mais uma prova do calendário do Campeonato Nacional de Montanha. Esta será a primeira vez que Joaquim Rino irá corre na Rampa Paços de Ferreira, mas isso só motiva o piloto da Batalha, que nos confirmou “ é verdade nunca corri nesta rampa, por aquilo que me disseram é rápida, por isso até poderá ser favorável ao meu BRC, que se dá bem com este tipo de percurso.

 Vou ter de reconhecer muito bem, pois ambiciono mais em termos de classificação geral. O carro tem estado impecável, e fruto disso têm sido os resultados alcançados. Na prova anterior correu muito bem, pois eu já conhecia bem a rampa de Murça, mas para a prova deste fim de semana o meu objectivo é poder intrometer-me na luta pelos lugares da frente, acredito que não irá ser uma tarefa fácil, mas é mais um desafio que se vai deparar pela frente, e que quero como é óbvio poder vencer, e fazer o melhor resultado possível, para os largos milhares de espectadores que se desloca a esta rampa”.

 

Joaquim Rino irá fazer as verificações técnicas no sábado de manhã, com as primeiras subidas marcadas para as 15h.

 

MANUEL CORREIA QUER A VITÓRIA NA CATEGORIA 1

 

CAMPEONATO NACIONAL DE MONTANHA

RAMPA PAÇOS DE FERREIRA

 

 

MANUEL CORREIA QUER A VITÓRIA NA CATEGORIA 1

 

Estando ainda numa fase de adaptação ao Skoda Fabia S 2000, Manuel Correia já demonstrou nas suas participações que há que contar com ele para a discussão da vitória em termos e categoria 1.Por isso o piloto de Braga, está pronto para mais uma “batalha” como nos confirmou “ como é lógico corro para vencer, nem sempre é possível, é um facto, mas já demonstrei o andamento que tenho com o meu Skoda Fabia S 2000.É lógico que tenho plena consciência que é sempre muito difícil chegar ao Porsche GT 2 do António Nogueira, pois estamos a falar dum carro com mais de 600 cv de potência, mas uma certeza eu garanto, serei sempre a “sombra” do Porsche, e vou para esta prova, animado, pois vou participar para lutar pela vitória. Nunca lá corri na Rampa de Paços de Ferreira, sei que é uma rampa rápida, por aquilo que me disseram bem diferente daquelas por onde já passei, mas é logico que estou confiante num bom resultado final, pelo menos vou para lutar e assim será até ao baixar da bandeira de xadrez no final da ultima subida de prova. Pôr outro lado, ao longo do fim de semana conto na sessão de treinos poder testar novos set up no Fabia S 2000, para incrementar ainda mais o seu desempenho, e só espero encontrar um set up que me possa levar à vitória, pois este carro tem ainda muito para evoluir”, comentou-nos.

As verificações técnicas irão decorrer na parte da manhã de sábado, com as subidas de treinos marcadas para a parte de tarde .As subidas de prova terão lugar a partir das 1oh de domingo.FOX 8478_Copy

 

LISTA DE INSCRITOS PROVISÓRIA PARA A RAMPA DE PAÇOS DE FERREIRA

LISTA DE INSCRITOS PROVISÓRIA PARA A RAMPA DE PAÇOS DE FERREIRA

 

 

 

 

101 António Nogueira P 695 António Nogueira P 695 PORSCHE GT2
104 Manuel Correia P 1649 Manuel Correia P 1649 SKODA FABIA
116 Joana Barbosa P 2069 Joana Barbosa P 2069 ABARTH 500
120 Sergio Monteiro P 2703 Sergio Monteiro P 2703 ALFA ROMEO 147
121 Martine Pereira P 1580 Martine Pereira P 1580 ALFA ROMEO 147
José Pires P 2458 José Pires P 2458 PORSCHE 996 GT3
VELOSO MOTORSPORT P Miguel Lobo P ASTON MARTIN VANTAGE V8 GT4
205 Paulo Ramalho P 1999 Paulo Ramalho P 1999 JUNO SSE
206 Pedro Castanõn E E942GA Pedro Castanõn E E942GA JUNO CN09
207 Rui Ramalho P 50 Rui Ramalho P 50 JUNO CN09
220 João Fonseca P 2373 João Fonseca P 2373 SILVER CAR S2
221 Joaquim Rino P 2229 Joaquim Rino P 2229 BRC 05
224 Nuno Guimarães P 2032 Nuno Guimarães P 2032 BRC CM 02
302 Tiago Reis P 2375 Tiago Reis P 2375 FORD FIESTA 2000
303 Edgar Reis P 2376 Edgar Reis P 2376 CLIO RS2000
308 Manuel Pereira P 424 Manuel Pereira P 424 MITSUBISHI EVOVII
309 Daniel Teixeira P 3347 Daniel Teixeira P 3347 CLIO RS2000
310 Jorge Meira P 2294 Jorge Meira P 2294 CITRÖEN SAXO CUP
311 Sofia Mouta P 2448 Sofia Mouta P 2448 CITROEN SAXO
312 Leonel Rodrigues Brás P 3617 Leonel Rodrigues Brás P 3617 VW GOLF 3
314 Filipe Barbosa P 3197/14 Filipe Barbosa P 3197/14 FORD ESCORT
Paulo José Pinto P 1079 Paulo José Pinto P 1079 PEUGEOT 106 RALLYE
ESCUDERIA RIAS BAIXAS E EC 38 GA Rocio Fernandez E E1057GA CITROEN SAXO
Amaro Melo P Amaro Melo P BMW E30 M3
Paulo Nogueira P Paulo Nogueira P CITROEN SAXO CUP
João Paulo Sousa P 2049 João Paulo Sousa P 2049 BMW E30 M3
Sergio Nogueira P Sergio Nogueira P CITROEN SAXO CUP
Jorge Melo P Jorge Melo P BMW E30 M3
José Miguel Cardoso P 2098 José Miguel Cardoso P 2098 CITROEN SAXO
José Paulo Sousa P 2536 José Paulo Sousa P 2536 BMW E30 M3
Martinho Melo P Martinho Melo P BMW E30 325
Paula Sousa P 2623 Paula Sousa P 2623 BMW E36 325I
Carlos Gonçalves P 1477 Carlos Gonçalves P 1477 FIAT UNO
Romulo Moura P Romulo Moura P FIAT UNO
501 Joaquim Teixeira P 1899 Joaquim Teixeira P 1899 SEAT LEON SUPER COPA
502 José Correia P 1648 José Correia P 1648 SEAT LEON
503 Luís Silva P 1733 Luís Silva P 1733 MITSUBISHI EVO VI
504 João Guimarâes P 2034 João Guimarâes P 2034 PEUGEOT 206 RC
511 João Paulo Oliveira Silva P 2290 Paulo Silva P 2290 SEAT LEON SUPER COPA
514 Luis Nunes P 3373 Luis Nunes P 3373 SEAT LEON
515 Ricardo Gomes P 2008 Ricardo Gomes P 2008 SEAT LEON
516 Francisco Marrão P 2033 Francisco Marrão P 2033 SEAT LEON SUPER COPA
530 Rui Pedro Mendonça P 3553 Rui Pedro Mendonça P 3553 ALFA ROMEO 156
AMOB RACING P 1776 Manuel Barros P 1779 FIAT PUNTO 85
AMOB RACING P 1776 Vasco Barros P 1851 FIAT PUNTO 85
602 Domingos Fernandes P 1768 Domingos Fernandes P 1768 AUTOBIANCHI A112
603 José Figueiredo P 1619 José Figueiredo P 1619 DATSUN 1200
604 Flávio Sainhas P 2594 Flávio Sainhas P 2594 FORD ESCORT MK1
605 José Pedro Gomes P 2172 José Pedro Gomes P 2172 FORD ESCORT
606 Anibal Rolo P 1339 Anibal Rolo P 1339 RENAULT 5 TURBO 2
607 Abel Marques P 2036 Abel Marques P 2036 AUTOBIANCHI A112
608 Helder Silva P 2273 Helder Silva P 2273 BMW 323I
611 Luis Pedro Martins P 3409 Luis Pedro Martins P 3409 FORD ESCORT MK1
TOTAL INSCRITOS - 41

 

JOSÉ PEDRO GOMES PRONTO PARA PAÇOS DE FERREIRA

 

CAMPEONATO NACIONAL DE MONTANHA

 

 

RAMPA DE PAÇOS DE FERREIRA

 

JOSÉ PEDRO GOMES PRONTO PARA A RAMPA DE PAÇOS DE FERREIRA


FOX 8273_Copy

Após ter sido declarado vencedor na rampa de Murça, José Pedro Gomes está com outro espirito para a rampa de Paços de Ferreira, que irá ter lugar já este fim de semana, onde o piloto advogado, tem apenas um objectivo ” vencer a minha categoria e tentar subir o maior numero de posições em termos de classificação geral. O meu carro chegou a um nível de perfeição, que me poderá permitir ter maiores aspirações, e por isso vou para Paços de Ferreira, uma rampa que gosto muito, onde quero andar a fundo, e fazer o melhor resultado possivel.Ainda não vi a lista de inscritos, nem sei quem irão ser os meus adversários pois neste tipo de prova por vezes aparecem uns outsiders, que dão uma certa luta, vamos esperar para ver, e só espero que tudo me corra pelo melhor, são estes os meus objectivos para esta prova, antes do período de férias”.

 

MARTINE PEREIRA AUSENTE DA RAMPA PAÇOS DE FERREIRA

 

CAMPEONATO NACIONAL DE MONTANHA

 

FOX 8458_Copy

RAMPA PAÇOS DE FERREEIRA

 

 

MARTINE PEREIRA AUSENTE DA RAMPA PAÇOS DE FERREIRA



Por razões de ordem profissional, Martine Pereira não vai estar á partida da próxima jornada do Campeonato Nacional de Montanha, que irá ter lugar já este fim de semana em Paços de Ferreira. Segundo Martine Pereira “ a razão desta ausência prende-se com questões de ordem profissional, pois nas ultimas quatro semanas tive um importante incremento de trabalho nas minhas empresas, e vou ter de me deslocar fora de Portugal, para uma viajem de negócios, que não me permite estar presente na rampa. No entanto, conto alinhar nas restantes provas que estão em falta”, disse-nos.

 

DOMINGOS FERNANDES AUSENTE EM PAÇOS DE FERREIRA

 

CAMPEONATO NACIONAL DE MONTANHA

 

 

RAMPA PAÇOS DE FERREIRA

 

 

DOMINGOS FERNANDES AUSENTE NA RAMPA DE PAÇOS DE FERREIRA


FOX 7900_Copy

O Autobianchi A 112 de Domingos Fernandes não irá alinhar no próximo fim de semana em mais uma prova do Campeonato Nacional de Montanha, neste caso a Rampa de Paços de Ferreira. Segundo Domingos Fernandes “ por razões de ordem profissional, fui obrigado a fazer o meu período de férias de verão nesta altura, por isso não irei estar presente no próximo fim de semana na Rampa de Paços de Ferreira. No entanto irei participar nas restantes provas do Campeonato, no Caramulo, Penh a e Sra.Graça”, garantiu-nos.

 

RAMPA CAPITAL DO MÓVEL SEMPRE VAI PARA A FRENTE

Rampa Capital do Móvel é já no próximo fim de semana.

Há um ano, o Campeonato de Portugal de Montanha decidiu-se em Paços de Ferreira, este ano, as decisões estão ainda muito longe de ficarem encerradas e, por isso, prevê-se que esta seja uma das melhores edições de sempre, na qual participam convidados muito especiais.

Definitivamente este é o campeonato mais disputado dos últimos anos. Quatro provas até agora corridas, outros tantos vencedores, com Pedro Castañon a destacar-se, com 16 pontos de vantagem sobre Paulo Ramalho.

A primeira prova foi disputada na Penha, em Guimarães. O Demoporto organizou e João Fonseca manteve-se na frente quase todo o tempo. mas feitas as contas finais e a vitória foi para Cesar Rodriguez, que veio de Espanha para vencer a primeira prova.

Seguiu-se a Falperra, do Clube Automóvel do Minho e entre tempos realizados e reuniões do colégio de comissários desportivos (CCD) tudo ficou  decidido, com a vitória a ser entregue a Rui Ramalho.

A decisão do CCD prendeu-se com a questão de Pedro Salvador estar a participar num carro cuja condução era partilhada, pois assim se faz no Campeonato Nacional de Velocidade, que visitou a montanha nesta prova e na seguinte. Ora segundo o colégio de comissários desportivos não era possível tal acontecer, com a regulamentação internacional a sobrepor-se à nacional.

Na Covilhã, Pedro Salvador ditou lei, depois de se ter esclarecido a questão regulamentar que o tinha impedido de vencer na prova do Campeonato da Europa. Afinal sempre era possível que um participante do Campeonato Nacional de Velocidade, pontuasse para o Nacional de Montanha. Salvador vence nas duas frentes, na prova do Clube Aventura do Minho.

Chegamos a Murça e ainda nos treinos Rui Ramalho fica impedido de lutar pela liderança do campeonato. O motor de Juno parte e Castañon fica com o caminho aberto para ganhar. O piloto espanhol aparece em Trás-os-montes  com o Norma de Carlos Torres e ganha.

Na Categoria Um o domínio mantém-se e é exercido por António Nogueira, com o Porsche a ditar lei no plano inclinado. Ainda na Um registem-se as vitórias de Manuel Correia nos S2000 e de Martine Pereira nos Turismos que apesar de ter vencido em Murça, é quarto na classificação geral da categoria, atrás de Joana Barbosa, que simultaneamente comanda a classificação das senhoras.

Na Categoria Três, depois dos problemas sentidos no início da época, Tiago Reis passou a dominar com o Ford Fiesta RS 2000. Manuel Pereira, em Mitsubishi Lancer Evo VI, tem vindo a afirmar-se como oposição, mas face a uma época muito regular, Edgar Reis lidera a classificação geral da categoria, apesar de participar com um Renault Clio bem menos potente que os automóveis dos adversários.

A Categoria Quatro teve até à data a participação de Joaquim Santos em Ford Focus RS e de António Teixeira em Ford Fiesta RS. O Team Bompiso a dominar a categoria destinada aos supercarros de Ralicross, com Joaquim Santos a andar na frente.

Joaquim Teixeira em Seat Leon Supercopa, mantém-se invicto na Categoria Cinco. Luís Silva, em Mitsubishi Lancer Evo VI mantém uma presença constante no segundo posto, se bem que cada vez mais se nota um maior equilíbrio no andamento  dos participantes.

Por fim, entre os clássicos, da Categoria Seis, depois de um início de época em que Hélder Silva se manteve na frente com o BMW 323i, assistimos à vitória de José Pedro Gomes, o Campeão Nacional de Clássicos de Montanha em título, em Murça, depois de ter sido provado que o BMW não estava regulamentar.

Por fim, na Taça Nacional de Montanha 1.300cc, Paulo Pinto está na frente, enquanto José Pedro Figueiredo se destaca nos Clásscos 1.300 cc

Os convidados

Aurora Cunha e o Padre Almiro Mendes, vão estar aos comandos de um Fiat Punto, do Challenge Desafio Único.

Aurora Cunha é uma referência da corrida a nível mundial, fazendo parte de uma geração de ouro do Atletismo português. Venceu as principais maratonas mundiais; dominou o Campeonato do Mundo de Estrada entre 1984 e 86 e acumulou medalhas ao longo de uma carreira que durou entre 1978 e 2000, grande parte dela, ostentando as cores do Futebol Clube do Porto.  Em Paços de Ferreira vai trocar as corridas e pé, pelas corridas de automóvel.

Almiro Mendes é o Pároco de Ramalde no Porto. Padre por vocação, mas automobilista por paixão, tornou-se no Circuito da Boavista de 2013 no primeiro sacerdote católico a participar numa corrida de automóveis oficial. Vê as corridas como um “prazer legítimo” e cita uma frase do Pentateuco, para justificar esta sua paixão pelas corridas: “Há de Deus pedir-nos contas dos prazeres legítimos que não gozamos.” Pois em Paços de Ferreira, Almiro Mendes vai ao encontro de um  prazer legítimo, ao volante do Fiat Punto do Challenge Desafio Único.

A Rampa Capital do Móvel, é organizada pelo CAMI, com o apoio da Associação Empresarial de Paços de Ferreira. Tem arranque marcado para as 15.00 horas de Sábado, com as realização dos treinos livres e oficiais. A primeira prova está agendada para as 17.00 horas. Domingo a rampa recomeça às 10.30 horas com subidas de treinos  e as subidas oficiais de prova.

 Pedro Castañon na Rampa Porca de Murça

 

DOMINGOS FERNANDES AUSENTE EM PAÇOS DE FERREIRA

DOMINGOS FERNANDES AUSENTE EM PAÇOS DE MFERREIRA

 

O piloto do Autobianchi A 112, que tem participado de forma assidua nas provas do campeonato Nacional de MoFOX 7509_Copyntanha, vai estar já este fim de semana ausente na rampa de Paços de Ferreira, isso motivado por estar a usufruir das suas férias, no entanto o piloto de Armamar já assegurou a sua participação nas restantes provas que fazem parte do calendário.

 

RAMPA DE MURÇA

RAMPA DE MURÇA - GALERIA DE IMAGENS

 

 

Grupo de imagens relativas à primeira descida da rampa de Murça, feita ainda debaixo de chuva.

 

Fotos de João Raposo - www.velocidadeonline.comFOX 7501_CopyFOX 7502_CopyFOX 7503_CopyFOX 7504_CopyFOX 7505_CopyFOX 7506_CopyFOX 7507_CopyFOX 7508_CopyFOX 7509_CopyFOX 7510_CopyFOX 7512_CopyFOX 7513_CopyFOX 7515_CopyFOX 7516_CopyFOX 7517_CopyFOX 7518_CopyFOX 7519_CopyFOX 7520_CopyFOX 7521_CopyFOX 7522_CopyFOX 7523_CopyFOX 7524_CopyFOX 7525_CopyFOX 7526_CopyFOX 7527_CopyFOX 7528_CopyFOX 7529_CopyFOX 7530_CopyFOX 7531_CopyFOX 7532_CopyFOX 7533_CopyFOX 7534_CopyFOX 7535_CopyFOX 7536_CopyFOX 7537_CopyFOX 7538_CopyFOX 7544_CopyFOX 7545_CopyFOX 7546_CopyFOX 7547_CopyFOX 7548_CopyFOX 7549_CopyFOX 7551_CopyFOX 7552_CopyFOX 7555_CopyFOX 7556_CopyFOX 7557_CopyFOX 7558_CopyFOX 7564_CopyFOX 7565_CopyFOX 7567_CopyFOX 7568_CopyFOX 7569_CopyFOX 7571_CopyFOX 7572_CopyFOX 7573_CopyFOX 7574_CopyFOX 7575_CopyFOX 7576_CopyFOX 7577_CopyFOX 7578_CopyFOX 7578_CopyFOX 7580_CopyFOX 7581_CopyFOX 7582_CopyFOX 7583_CopyFOX 7584_CopyFOX 7587_CopyFOX 7588_Copy

 

RAMPA DE MURÇA

RAMPA DE MURÇA

 

GALERIA DE IMAGENS

 

 

Grupo de imagensFOX 7423_CopyFOX 7424_CopyFOX 7425_CopyFOX 7426_CopyFOX 7427_CopyFOX 7428_CopyFOX 7428_CopyFOX 7431_CopyFOX 7432_CopyFOX 7433_CopyFOX 7436_CopyFOX 7437_CopyFOX 7438_CopyFOX 7439_CopyFOX 7440_CopyFOX 7441_CopyFOX 7442_CopyFOX 7443_CopyFOX 7444_CopyFOX 7445_CopyFOX 7446_CopyFOX 7447_CopyFOX 7448_CopyFOX 7449_CopyFOX 7450_CopyFOX 7451_CopyFOX 7452_CopyFOX 7453_CopyFOX 7454_CopyFOX 7457_CopyFOX 7458_CopyFOX 7460_CopyFOX 7461_CopyFOX 7463_CopyFOX 7465_CopyFOX 7466_CopyFOX 7469_CopyFOX 7470_CopyFOX 7471_CopyFOX 7472_CopyFOX 7473_CopyFOX 7474_CopyFOX 7475_CopyFOX 7476_CopyFOX 7477_CopyFOX 7478_CopyFOX 7479_CopyFOX 7480_CopyFOX 7487_CopyFOX 7488_CopyFOX 7489_CopyFOX 7490_CopyFOX 7491_CopyFOX 7492_Copy da primeira subida de treinos da rampa de Murça.

 

Fotos de João Raposo - www.velocidadeonline.com

 

RAMPA DE MURÇA

RAMPA DE MURÇA

 

GALERIA DE IMAGENS - AMBIENTES

 

 

Mais uma série de imagens da rampa de Murça, na zona de chegada, mesmo no final da rampa.

 

 

Fotos de João Raposo - www.velocidadeonline.comFOX 8225_CopyFOX 8226_CopyFOX 8228_CopyFOX 8229_CopyFOX 8230_CopyFOX 8231_CopyFOX 8232_CopyFOX 8233_CopyFOX 8234_CopyFOX 8235_CopyFOX 8236_CopyFOX 8237_CopyFOX 8239_CopyFOX 8241_CopyFOX 8242_CopyFOX 8243_CopyFOX 8244_CopyFOX 8245_CopyFOX 8246_CopyFOX 8247_CopyFOX 8248_CopyFOX 8249_CopyFOX 8251_Copy

 

RAMPA DE MURÇA

RAMPA DE MURÇA

 

GALERIA DE IMAGENSFOX 7406_CopyFOX 7407_CopyFOX 7408_CopyFOX 7409_CopyFOX 7410_CopyFOX 7411_CopyFOX 7412_CopyFOX 7413_CopyFOX 7414_CopyFOX 7415_CopyFOX 7416_CopyFOX 7418_CopyFOX 7419_CopyFOX 7420_CopyFOX 7422_Copy

 

Pequeno grupo de imagens  da 1ª subida de treinos da rampa de Murça.

 

 

Fotos de João Raposo - www.velocidadeonline.com

 

RAMPA PAÇOS DE FERREIRA EM RISCO?

RAMPA PAÇOS DE FERREIRA EM RISCO?

 

 

A 5ª edição da Rampa Capital do Móvel, em Paços de Ferreira, poderá não se realizar.

O Jornal IMEDIATO soube que a prova, organizada pela Associação Empresarial de Paços de Ferreira e marcada para os próximos dias 26 e 27 de Julho, na Serra da Agrela, na Seroa, poderá não se concretizar por falta de apoios. 
A prova tem um custo associado de cerca de 30 mil euros, dinheiro este que é suportado por patrocinadores e apoios, nomeadamente do município, que este ano ainda não estão assegurados e que podem levar a que a mesma não se realize.
O Jornal IMEDIATO soube também que entre hoje (quinta-feira) e amanhã (sexta-feira) a Associação Empresarial irá reunir com o executivo municipal para debater algumas questões que serão essenciais para uma tomada de posição quanto à realização ou não da mesma.
Há cinco anos que o município pacense acolhe esta prova, que conta para o Campeonato de Portugal de Montanha.


texto de Raurino Monteiro - www.velocidadeonline.com

 

RAMPA DE MURÇA

RAMPA DE MURÇA

 

AMBIENTES - GALERIA DE IMAGENS

 

Mais um grupo de imagens referentes ao ambiente que se sentia no final da terceira e derradeira subida da rampa de Murça

 

 

Fotos de João Raposo - www.velocidadeonline.comFOX 8565_CopyFOX 8566_CopyFOX 8567_CopyFOX 8570_CopyFOX 8570_CopyFOX 8571_CopyFOX 8575_CopyFOX 8577_Copy

 

RAMPA DE MURÇA

RAMPA DE MURÇA

 

AMBIENTES

 

 

Grupo de imagens do ambiente que se fazia sentir na derradeira subida da Rampa de Murça, antes dos carros participantes seguirem para o parque fechado situado mesmo no centro da cidade de Murça.

 

 

Fotos de João Raposo - www.velocidadeonline.comFOX 8539_CopyFOX 8540_CopyFOX 8542_CopyFOX 8543_CopyFOX 8544_CopyFOX 8545_CopyFOX 8547_CopyFOX 8551_CopyFOX 8553_CopyFOX 8554_CopyFOX 8555_CopyFOX 8556_CopyFOX 8561_CopyFOX 8564_Copy

 

LUIS NUNES ESTREIA LEON EM PAÇOS DE FERREIRA

LUIS NUNES ESTREIA SEAT LEON COPA EM PAÇOS DE FERREIRA

 

Tal como já aqui tinhamos anunciado, Luis Nunes tinha previsto fazer a estreia do novo Seat Leon Copa, na Rampa da Murça, só que afazeres profissionais, levaram a que  o piloto transmontano fposse obrigado a fazer uma viagem de negócios pelo continente africano.Assim tudo indica que será na rampa de Paços de Ferreira( a ter lugar no outro fim-de-semana) que Luis Nunes finalmente irá sentar-se aos comandos do Seat Leon, que fez a sua primeira aparição em Portugal no circuito de Vila Real, pelas mãos de Manuel Pedro Fernandes, que teve a assistencia a cargo da Martinspeed.

 

PAULO SILVA SEMPRE A MELHORAR EM MURÇA

 

RAMPA DE MURÇA

 

 

PAULO SILVA SEMPRE A MELHORAR


De prova para prova, Paulo Silva está-se a mostrar cada vez mais adaptado ao comportamento do Seat Leon Copa, e prova disso foi a sua participação pela primeira vez na rampa de Murça, onde ficou classificado em 17º da geral, e em quinto em termos da sua categoria.

Paulo Silva fez nas três subidas de prova 2.42.987, 2.31.246 e 2.49.644 respectivamente.

No final da rampa, já com o Seat Leon em parque fechado, o piloto de Braga falou-nos da prova “ podia ter corrido melhor, a rampa de Murça não é nada fácil, para quem corre cá pela primeira vez como foi o meu caso. Gostei muito da rampa, mas para se poder tirar uma boa posição tem de se conhecer bem todo o percurso, mas mesmo assim correu bem, e cada vez mais me sinto adaptado ao carro”.

 

C LASSIFICAÇÃO FINAL


1º Pedro Castanon – Norma

2º Paulo Ramalho – Juno

3º António Nogueira – Porsche GT 2

17º PAULO SILVA – SEAT LEON COPA

 

CLASSIFICAÇÃO CATEGORIA 5

FOX 8333_Copy

1º Joaquim Teixeira – Seat Leon

2º Luís Silva – Mitsubishi

3º Ricardo Gomes – Seat Leon

4º José Correia – Seat Leon

5º PAULO SILVA – SEAT LEON COPA

 

RAMPA DE MURÇA

RAMPA DE MURÇA

 

Grupo de imagens da derradeira subida da Rampa de Murça, prova a contar para o Campeonato Nacional de MoFOX 8404_CopyFOX 8405_CopyFOX 8406_CopyFOX 8407_CopyFOX 8407_CopyFOX 8408_CopyFOX 8409_CopyFOX 8412_CopyFOX 8413_CopyFOX 8414_CopyFOX 8415_CopyFOX 8416_CopyFOX 8417_CopyFOX 8418_CopyFOX 8419_CopyFOX 8420_CopyFOX 8424_CopyFOX 8425_CopyFOX 8426_CopyFOX 8427_CopyFOX 8428_CopyFOX 8429_CopyFOX 8430_CopyFOX 8431_CopyFOX 8431_CopyFOX 8432_CopyFOX 8436_CopyFOX 8437_CopyFOX 8438_CopyFOX 8452_CopyFOX 8453_CopyFOX 8454_CopyFOX 8455_CopyFOX 8456_CopyFOX 8457_CopyFOX 8458_CopyFOX 8462_CopyFOX 8463_CopyFOX 8464_CopyFOX 8465_CopyFOX 8466_CopyFOX 8467_CopyFOX 8468_CopyFOX 8469_CopyFOX 8470_CopyFOX 8472_CopyFOX 8472_CopyFOX 8473_CopyFOX 8474_CopyFOX 8475_CopyFOX 8476_CopyFOX 8477_CopyFOX 8478_CopyFOX 8479_CopyFOX 8480_CopyFOX 8482_CopyFOX 8483_CopyFOX 8484_CopyFOX 8485_CopyFOX 8486_CopyFOX 8487_CopyFOX 8488_CopyFOX 8489_CopyFOX 8490_CopyFOX 8493_CopyFOX 8494_CopyFOX 8495_CopyFOX 8496_CopyFOX 8497_CopyFOX 8498_CopyFOX 8499_CopyFOX 8500_CopyFOX 8501_CopyFOX 8505_CopyFOX 8506_CopyFOX 8507_CopyFOX 8508_CopyFOX 8509_CopyFOX 8511_CopyFOX 8512_CopyFOX 8513_CopyFOX 8515_CopyFOX 8516_CopyFOX 8516_CopyFOX 8516_CopyFOX 8517_CopyFOX 8519_CopyFOX 8520_CopyFOX 8521_CopyFOX 8522_CopyFOX 8523_CopyFOX 8526_CopyFOX 8527_CopyFOX 8528_CopyFOX 8529_CopyFOX 8530_CopyFOX 8531_CopyFOX 8534_CopyFOX 8535_CopyFOX 8536_Copyntanha.

 

 

Fotos de João Raposo - www.velocidadeonline.com

 

BALANÇO POSITIVO PARA JOÃO GUIMARÃES EM MURÇA

 

João Guimarães com balanço positivo no regresso à Rampa de Murça

 

 

A famosa prova transmontana voltou este ano ao Campeonato Nacional de Montanha e João Guimarães conseguiu o sexto lugar da Categoria 5. Piloto do Peugeot 206 RC teve de ultrapassar condições meteorológicas difíceis.

 

Depois de um interregno que durava desde 2010, a Rampa Porca de Murça regressou no passado fim-de-semana ao calendário do Nacional de Montanha, agora sob organização do Clube Aventura do Minho (CAMI). João Guimarães foi um dos pilotos que fez questão de regressar à rápida e exigente prova transmontana, voltando a alinhar com o Peugeot 206 RC. Desta feita, o estado do tempo foi mesmo o principal adversário dos concorrentes, já que a chuva marcou presença até às primeiras subidas de prova e dificultou as escolhas de pneus e de set-up. O piloto do Peso da Régua foi surpreendido na primeira subida de prova, para a qual tinha arriscado montar pneus slicks. “De facto, só a chuva esteve a mais. A rampa correu muito bem, pude divertir-me e é sempre um prazer pilotar em Murça. Eu sabia que os SEAT León Supercopa são carros bastante mais potentes e que, em condições normais, o sexto lugar da categoria seria o melhor resultado possível. Fiquei contente com os meus tempos porque não quis arriscar em demasia, mas pelos tempos de 2010 sei que posso andar mais rápido nesta rampa”, analisou João Guimarães.

 

A quinta prova da temporada será a Rampa Capital do Móvel, em Paços de Ferreira, a 26 e 27 de Julho. Na ronda minhota João Guimarães terá a companhia do seu irmão, Nuno Guimarães, que regressa ao campeonato ao volante do BRC CM02.

 DSC 10331200_CopyDSC 11661200_Copy

 

MANUEL CORREIA DENTRO DOS OBJECTIVOS EM MURÇA

 

CAMPEONATO NACIONAL DE MONTANHA

RAMPA DE MURÇA

 

 

MANUEL CORREIA DENTRO DOS OBJECTIVOS EM MURÇA


Mostrando-se cada vez mais adaptado à condução do Skoda Fabia S 2000, Manuel Correia na sua estreia na Rampa de Murça, foi autor dum excelente segundo lugar logo atrás do imbatível Porsche GT 2 de António Nogueira. Mesmo assim o piloto de Braga faria nas três subidas os tempos de 2.35.444; 2.40.509 e 2.27.059, sempre a subir de ritmo, evidenciando uma adaptação ao comportamento do Skoda Fabia S 2000.

No final antes da cerimónia da entrega de prémios, Manuel Correia fez-nos o balanço desta jornada “ duma maneira geral foi uma participação positiva, sinto-me cada vez mais adaptado ao comportamento do Skoda Fabia, que é uma máquina fabulosa. Por isso  é  que numa das subidas, à procura dum tempo melhor, acabei por fazer um pião e bati nos rails. Os danos foram pequenos, e deu para prosseguir. Acredito que senão acontecesse isto, conseguiria subir um pouco mais na classificação geral, mas estou confiante que na próxima prova irá ser para andar mais depressa”.

Sobre a Rampa de Murça onde correu pela primeira vez “ gostei muito, espectacular com muitos tipos de curvas, bem competitivo”.


CLASSIFICAÇÃO GERAL FINAL

 

1º Pedro Castanon – Norma M 20

2º Paulo Ramalho – Juno

´3º António Nogueira – Porsche GT 2

12º MANUEL CORREIA – SKODA FABIA S 2000

 

CLASSIFICAÇÃO CATEGORIA 1

FOX 8478_Copy

1º António Nogueira – Porsche GT 2

2º MANUEL CORREIA – SKODAS FABIA S 2000

 

JOSÉ CORREIA PERDE 3º LUGAR POR UM SEGUNDO EM MURÇA

 

CAMPEONATO NACIONAL DE MONTANHA

RAMPA DE MURÇA

 

 

JOSÉ CORREIA PERDE 3º LUGAR POR UM SEGUNDO


Um segundo foi o tempo que José Correia perdeu e com isso originou que não conseguisse ascender ao degrau mais baixo do pódio. Assim , o piloto de Braga que surgiu ao volante do seu Seat Leon, faria as três subidas de prova em 2.40.438, 2.34.238 e 2.31.656, mas no final  explicou-nos o seu desempenho “ globalmente foi bom, podia ter sido melhor, mas nem tudo corre como pretendemos. Na última subida, numa das curvas, de repente o Seat Leon de forma incompreensível foge de traseira, acabo por fazer um pião, não chegando a tocar nos rails de protecção.Com isso perdi imenso tempo, para os meus mais directos adversários, e  com isso acabei por perder o terceiro lugar em termos de categoria, o que foi pena, por cima ainda por uma diferença tão pequena, mas agora há que olhar em frente, e preparar a próxima prova em Paços de Ferreira “.

 

CLASSIFICAÇÃO FINAL GERAL


1º Pedro Castanon – Norma M 20

2º Paulo Ramalho – Juno

3º António Nogueira – Porsche GT 2

14º JOSÉ CORREIA – SEAT LEON

 

CLASSIFICAÇÃO CATEGORIA

FOX 8366_Copy

1º Joaquim Teixeira – Seat Leon Copa

2º Luís Silva – Mitsubishi

3º Ricardo Gomes – Seat Leon

4º JOSÉ CORREIA – SEAT LEON

 

JOAQUIM RINO COM O MELHOR RESULTADO

 

CAMPEONATO NACIONAL DE MONTANHA

 

 

RAMPA DE MURÇA

 

 

JOAQUIM RINO COM O MELHOR RESULTADO DE SEMPRE EM MURÇA


FOX 8501_Copy

O piloto da Batalha, Joaquim Rino obteve este fim de semana o melhor resultado de sempre nesta sua época de retorno ao campeonato Nacional de Montanha, ao conseguir o 5º lugar da classificação geral.

Assim, o saldo final ficou-se pelo 2º lugar em termos de categoria CN, e 5º na classificação geral. Por isso no final, Joaquim Rino estava satisfeito, como explicou “ foi o meu melhor resultado da época, fiz logo na primeira subida de prova 2.30.870, e nas duas subidas seguintes 2.19.951 e 2.20.362 respectivamente, o que foi bom. Na segunda subida de prova fizemos algumas alterações na transmissão, e com isso ganhamos logo onze segundos, o que é excelente. Sou de opinião que melhor seria difícil, pois ir buscar o João Fonseca ao era nada fácil, e por cima ainda com o estado do piso, que estando molhado, o BRC perdia muito da sua eficiência, mas estou satisfeito”.

 

CLASSIFICAÇÃO GERAL FINAL

1º Pedro Castanon – Norma M 20

2º Paulo Ramalho – Juno

3º António Nogueira – Porsche GT 2

4º João Fonseca – Silver Car

5º JOAQUIM RINO – BRC

CLASSIFICAÇÃO CATEGORIA 2

1º Pedro Castanon – Norma M 20

2º Paulo Ramalho – Juno

3º João Fonseca – Silver Car

4º JOAQUIM RINO – BRC

CLASSIFICAÇÃO CATEGORIA CN

1º João Fonseca – Silver Car

2º JOAQUIM RINO - BRC

 

MARTINE PEREIRA NO PÓDIO NO REGRESSO AO 147

 

RAMPA DE MURÇA

 

MARTINE PEREIRA NO PÓDIO NO REGRESSO AO 147

 

No regresso ao Nacional de Montanha ao volante do Alfa Romeo 147, Martine Pereira acabou por alcançar o terceiro lugar na categoria 1, e 15ª da geral.

Martine Pereira fez as três subidas de prova em 2.42.884, 2.34.796 e 2.35.757, onde se debateu com alguns problemas como nos explicou “ o novo motor está perfeito, o problema aqui é a gestão electrónica que ainda não está como eu quero. Por isso no intervalo de três semanas, vamos tentar fazer os reajustes necessários, para na próxima prova, na Rampa de Paços de Ferreira poder dar o meu melhor, e poder assim entrar na luta pelos lugares da frente, pois é esse o meu objectivo”.

 

CLASSIFICAÇÃO GERAL FINAL


1º Pedro Castanon – Norma M 20

2º Paulo Ramalho – Juno

3º António Nogueira – Porsche GT 2

15º MARTINE PEREIRA – ALFA ROMEO 147


CLASSIFICAÇÃO CATEGORIA 1

FOX 8458_Copy

1º António Nogueira – Porsche GT 2

2º Manuel Correia – Skoda Fabia S 2000

3º MARTINE PEREIRA – ALFA ROMEO 147

 

JOSE PEDRO GOMES VENCEU CATEGORIA EM MURÇA

 

CAMPEONATO NACIONAL DE MONTANHA

 

 

RAMPA DE MURÇA

 

 

JOSÉ PEDRO GOMES VENCEU CATEGORIA EM MURÇA


FOX 7590_Copy

Tudo indicava perante os tempos alcançados pelo Ford Escort de José Pedro Gomes, que o piloto advogado do Porto, iria ter de se contentar de novo com a 2ª posição, depois duma prova isenta de qualquer tipo de erro, e com o carro em perfeitas condições.

Assim José Pedro Gomes faria nas três subidas 2.48.734, 2.20.946 e 2.30.709, o que foi muito bem evidenciando a evolução do Ford Escort nesta prova, como nos foi confirmado pelo piloto que acrescentou “ esta foi a prova final para eu poder aquilatar o estado do motor do meu Ford Escort que está perfeito, andei o mais rápido possível, mas no final quando pus o carro em parque fechado, os comissários técnicos quiseram fazer uma verificação ao meu carro. Mais tarde fui surpreendido com as noticias que vim a receber, isso já depois da entrega de prémios em que o meu carro estava completamente legal, o mesmo não se passou com o adversário que estava à minha frente, que pelos vistos o seu carro tinha irregularidades. Como foi desclassificado, fui declarado o vencedor da categoria 6, mostrando que a minha equipa de mecânicos o que fez foi perfeito, e quero dedicar esta minha vitória a todos os elementos da minha equipa de assistência, aos meus patrocinadores, assim como a minha família e amigo que me têm apoiado”.

CLASSIFICAÇÃO GERAL FINAL

1º Pedro Castanon – Norma M 20

2º Paulo Ramalho – Juno

3º António Nogueira – Porsche GT 2

4º João Fonseca – Silver Car

5º Joaquim Rino – BRC

6º Tiago Reis – Ford Fiesta

7º Manuel Pereira – Mitsubishi

8º Joaquim Teixeira – Seat Leon

9º Luís Silva – Mitsubishi

10º JOSÉ PEDRO GOMES – FORD ESCORT

CLASSIFICAÇÃO CATEGORIA 6

1º JOSÉ PEDRO GOMES – FORD ESCORT

2º Flávio sainhas – Ford Escort

3º José Figueiredo – Datsun 1200

4º Domingos Fernandes – Autobianchi A 112

5º Abel Marques – Autobianchi A 112

 

AMN SPORT VENCEU EM MURÇA

 

CAMPEONATO NACIONAL DE MONTANHA

 

 

RAMPA DE MURÇA

 

 

AMN SPORT VENCE CATEGORIA 1 NA RAMPA DE MURÇA


FOX 7431_Copy

Mais uma vitória na categoria 1 e terceiro lugar na geral para a equipa da AMN Sport, com que com o seu Porsche GT 2 com António Nogueira ao volante  .

Segundo António Nogueira “ não correu mal, o problemas foram as condições meteorológicas, pois quando montava pneus de chuva, parava de chover, depois quando montava os slicks para piso seco, começava de novo a chover em certas partes da rampa, o que logicamente veio a provocar dificuldades acrescidas, e não conseguia tirar maior partido das potencialidades do meu Porsche GT 2”.

António Nogueira começou por fazer 2.26.394 na primeira subida, para nas duas subidas restantes conseguir melhorar para 2.15.887 e 2.15.761. ficando no final a uma distancia curta do 2º lugar à geral, que foi  pertença do Juno de Paulo Ramalho.

Em jeito de conclusão “foi pena, a diferença para a barqueta do Paulo Ramalho foi muito curta, e foi por pouco que não cheguei ao 2º lugar, o que foi pena, confesso”

CLASSIFICAÇÃO FINAL GERAL

1º Pedro Castanon – Norma M 20

2º Paulo Ramalho – Juno

3º ANTÓNIO NOGUEIRA – PORSCHE GT 2

 

CLASSIFICAÇÃO CATEGORIA 1

1º ANTÓNIO NOGUEIRA – PORSCHE GT 2

2º Manuel Correia – Skoda Fabia S 2000

3º Martine Pereira – Alfa Romeo 147

4º Sérgio Monteiro – Alfa Romeo 147

 

RAMPA DE MURÇA

RAMPA DE MURÇA

 

GALERIA DE IMAGENS

 

FOX 7330_CopyFOX 7331_CopyFOX 7332_CopyFOX 7333_CopyFOX 7334_CopyFOX 7335_CopyFOX 7336_CopyFOX 7337_CopyFOX 7338_CopyFOX 7340_CopyFOX 7341_CopyFOX 7342_CopyFOX 7343_CopyFOX 7344_CopyFOX 7345_CopyFOX 7346_CopyFOX 7347_CopyFOX 7348_CopyFOX 7349_CopyFOX 7350_CopyFOX 7351_CopyFOX 7352_CopyFOX 7353_CopyFOX 7354_CopyFOX 7355_CopyFOX 7356_CopyFOX 7357_CopyFOX 7358_CopyFOX 7359_CopyFOX 7360_CopyFOX 7361_CopyFOX 7362_CopyFOX 7363_CopyFOX 7364_CopyFOX 7365_CopyFOX 7366_CopyFOX 7367_CopyFOX 7368_CopyFOX 7369_CopyFOX 7370_CopyFOX 7371_CopyFOX 7372_CopyFOX 7373_CopyFOX 7374_CopyFOX 7375_CopyFOX 7376_CopyFOX 7377_CopyFOX 7378_CopyFOX 7379_CopyFOX 7380_CopyFOX 7381_CopyFOX 7382_CopyFOX 7383_CopyFOX 7384_CopyFOX 7385_CopyFOX 7386_CopyFOX 7387_CopyFOX 7388_CopyFOX 7388_CopyFOX 7389_CopyFOX 7390_CopyFOX 7391_CopyFOX 7392_CopyFOX 7393_CopyFOX 7394_CopyFOX 7395_CopyFOX 7396_CopyFOX 7397_CopyFOX 7398_CopyFOX 7403_CopyFOX 7404_Copy

Mias uma série de imagens da primeira subida de treinos da Rampa de Murça, feita debaixo de chuva.

 

Fotos de João Raposo - www.velocidadeonline.com

 

DOMINGOS FERNANDES SATISFEITO

 

RAMPA DE MURÇA

 

DOMINGOS FERNANDES SAIU SATISFEITO DE MURÇA


FOX 7259_Copy

Uma vez mais o Autobianchi A 112 de Domingos Fernandes não deu qualquer tipo de problema ao piloto de Armamar, que fez todas as subidas  da rampa de Murça, sempre a melhorar os seus cronos.

Assim, Domingos Fernandes na primeira subida feita debaixo de chuva constante, faria apenas 4.12.438, para nas duas subidas seguintes  fazer o percurso  das famosas curvas de Murça em 3.05.131 e 3.01.839 respectivamente.

Por isso no final, após a distribuição de prémios, quando se preparava para colocar o pequeno Autobianchi A 112 no atrelado para efectuar o regresso a casa, Domingos Fernandes fez-nos a síntese da prova dizendo “ correu muito bem, sem problemas no carro, foi só meter gasolina e fazer as subidas. A primeira subida feita coim muita chuva , fiz com muitas cautelas, para não cometer erros, pois o piso estava muito escorregadio, e havia um ou dois pontos no percurso que parecia que havia sabonete na estrada….Depois nas subidas seguintes já com o piso quase seco, foi sempre a melhorar os meus tempos, mas correu tudo bem “.

CLASSIFICAÇÃO CATEGORIA

1º José Pedro Gomes – Ford Escort

2º Flávio sainhas – Ford Escort

3º José Figueiredo – Datsun 1200

4º DOMINGOS FERNANDES – AUTOBIANCH A 112

5º Abel Marques – Autobianchi A 112

 

RAMPA DE MURÇA

RAMPA DE MURÇA

 

GALERIA DE IMAGENS

 

Grupo de imagens da 1ª subida de treinos, feita debaixo de chuva.

 

Fotos de João Raposo - www.velocidadeonline.comFOX 7279_CopyFOX 7280_CopyFOX 7281_CopyFOX 7282_CopyFOX 7283_CopyFOX 7284_CopyFOX 7285_CopyFOX 7286_CopyFOX 7287_CopyFOX 7288_CopyFOX 7289_CopyFOX 7290_CopyFOX 7291_CopyFOX 7292_CopyFOX 7293_CopyFOX 7294_CopyFOX 7295_CopyFOX 7296_CopyFOX 7298_CopyFOX 7299_CopyFOX 7300_CopyFOX 7301_CopyFOX 7302_CopyFOX 7303_CopyFOX 7304_CopyFOX 7305_CopyFOX 7307_CopyFOX 7309_CopyFOX 7310_CopyFOX 7311_CopyFOX 7312_CopyFOX 7313_CopyFOX 7314_CopyFOX 7315_CopyFOX 7316_CopyFOX 7318_CopyFOX 7319_CopyFOX 7320_CopyFOX 7321_CopyFOX 7322_CopyFOX 7323_Copy

 

REIS VENCEU CATEGORIA 3 EM MURÇA

 

Tiago Reis com estreia vitoriosa na Rampa de Murça

 

O campeão nacional de Montanha nunca tinha disputado a famosa prova transmontana, que este ano regressou ao calendário do CNM. Ainda assim, Tiago Reis geriu bem um fim-de-semana difícil e garantiu nova vitória na Categoria 3.

 

Sem conhecer o rápido e exigente traçado da Rampa Porca de Murça, Tiago Reis encarou a quarta prova da temporada com naturais cautelas. Com a instabilidade das condições meteorológicas a obrigar a constantes mudanças no set-up do Ford Fiesta RS Cosworth, o piloto da Transfradelos foi evoluindo os seus tempos e chegou à terceira vitória consecutiva na Categoria 3. Foi um fim-de-semana difícil não só porque nunca tinha disputado esta rampa mas também porque tivemos chuva até à segunda subida de treinos. Foi precisar mudar as afinações do carro à medida que o piso ia secando e tivemos uma luta intensa com o segundo classificado (ndr, Manuel Pereira). Felizmente, a terceira subida de prova correu muito bem e deu para ganhar, resumiu Tiago Reis.

 

Com este resultado, o piloto de Famalicão reforça a liderança da Categoria 3 do Campeonato Nacional de Montanha, onde curiosamente o seu irmão Edgar Reis também está nos lugares do pódio. A quinta prova da época será a Rampa Capital do Móvel, em Paços de Ferreira, a 26 e 27 de Julho.Tiago Reis_-_Rampa_de_Mura__Foto__2_Copy

 

VELOSO MOTORSPORT APADRINHA MIGUEL LOBO

 

Veloso Motorsport apadrinha estreia de Miguel Lobo

 

 

A Veloso Motorsport vai estar presente na próxima prova do Campeonato de Portugal de Montanha, a Rampa da Capital do Móvel, que se disputa em Paços de Ferreira no final do corrente mês de Julho. A equipa da Póvoa do Lanhoso vai inscrever o seu Aston Martin Vantage V8 GT4 nesta jornada, ao volante do qual vai estar Miguel Lobo, piloto que se estreia na competição automóvel.

Natural de Paços Ferreira, Miguel Lobo tem experiência ao nível do karting e cumpre desta forma um sonho, disputando a rampa da sua cidade integrado na formação da Veloso Motorsport, que vai colocar toda a sua experiência à disposição do jovem piloto.  

Estou muito satisfeito por poder confirmar a minha presença na rampa da minha terra, integrado naquela que é para mim a melhor equipa em termos nacionais. Os objectivos principais passam por me divertir ao máximo e divulgar os nomes dos patrocinadores que me apoiam e viabilizaram esta minha presença. Conheço muito bem o traçado da rampa, já que passo lá todos os dias, o que aliado ao facto de depois de curto contacto com o Aston Martin, o ter achado moderadamente fácil de conduzir, me deixa optimista em relação a um bom resultado final, se bem que este não seja o mais importante.” Referiu Miguel Lobo.

 

Esta experiência pode vir a ter continuidade ainda este ano, como refere o piloto pacense. “Vou tentar estar presente em mais uma prova este ano, possivelmente uma jornada do CNV. Em paralelo já estamos a trabalhar com vista a colocar de pé um projecto para participar no nacional de velocidade em 2015, mas neste caso com uma equipa de dois pilotos e com outras aspirações.

Para além do Aston Martin entregue a Miguel lobo, a Veloso Motorsport vai igualmente inscrever e assistir o Alfa Romeo 156 dos irmãos Tiago e Hugo Mesquita, que vão disputar mais uma jornada do Challenge Desafio Único – FEUP 3.

 VMS080714 Copy

 

EDGAR REIS DE NOVO NO PÓDIO

 

Novo pódio para Edgar Reis

 

A Rampa Porca de Murça confirmou a regularidade de Edgar Reis no Campeonato Nacional de Montanha. O piloto do Renault Clio RS2000 nunca tinha disputado a rampa transmontana mas terminou no terceiro lugar da Categoria 3.

 

Só a chuva esteve a mais no passado fim-de-semana em Murça. Na edição de regresso da prova nortenha ao Nacional de Montanha (a última edição tinha sido em 2010), Edgar Reis voltou a demonstrar que é um dos pilotos mais competitivos da Categoria 3, levando o Clio RS2000 ao melhor lugar possível atendendo ao poderio das máquinas que ocuparam os dois primeiros lugares. “A prova correu bem mas a chuva acabou por causar problemas a toda a gente, principalmente aos pilotos que não conheciam a rampa”, comentou Edgar Reis. “Na primeira subida de prova levei pneu de chuva mas o piso foi secando e só pude mesmo andar no meu ritmo nas duas últimas subidas, onde fiz tempos que me deixaram satisfeito. Mas sei que poderia ter melhorado se os treinos tivessem sido feitos em piso seco, para ficarmos a conhecer melhor a pista. Esta rampa tem algumas zonas muito rápidas, onde é preciso ter confiança, e com a chuva não deu para treinarmos como queríamos”, concluiu o piloto da Transfradelos.

 

Agora, Edgar Reis vai disputar o Rali Sprint Vila Nova de Famalicão nos próximos dias 20 e 21 de Julho, em Fradelos,. No fim-de-semana seguinte, o piloto terá a quinta prova do Nacional de Montanha, a Rampa Capital do Móvel, em Paços de Ferreira.DSC 06861200_CopyDSC 09621200_Copy

 

NOVO PROJECTO DA TORRES RALLY TEAM DEU FRUTOS EM MURÇA

NOVO PROJECTO DA TORRES RALLY TEAM DEU FRUTOS EM MURÇA

 

 

Fomos contactados pela empresa e equipa “Comval Racing” para alugarmos o carro de competição que dispomos - “Norma M20 FC” de 2011- e parte da estrutura que dispomos para dar suporte a participações desportivas. Desafio esse que, desde a primeira hora, nos dispusemos a efetuar, até porque sabemos que é um parceiro que acrescenta valor.

Nesse seguimento decidimos preparar em conjunto com a “Comval Racing” o carro para proporcionar as melhores condições possíveis ao Piloto “Pedro Castañon” para participar na Rampa Porca de Murça/2014 pois está em excelentes condições de disputar o CNM – Campeonato Nacional de Montanha.

Contudo, não houve condições para que o referido piloto pudesse ter um primeiro contacto com o carro antes mesmo de participar na prova, o que tornaria um grande andicap, apesar do mesmo ter bastante experiência em monolugares, pois já participou em vários campeonatos neste tipo de carros.

No entanto, foi com bastante surpresa que no primeiro contacto com o carro e na primeira subida de treinos da prova vimos “Pedro Castañon” a fazer o 2º melhor tempo à geral e o melhor tempo das barquetas! Percebemos logo que a vitória estaria ao nosso alcance… A segunda subida foi mais uma adaptação do piloto ao nosso carro. Mas, depois desta fase inicial, um dos maiores problemas que se nos colocava era a  instabilidade climatérica, porque primeiro causa incerteza quanto aos pneus e set-up a usar e segundo porque alguns pilotos poderiam efetuar a subida a seco e outros com chuva, ora como devem imaginar estas condições causam diferenças que se refletem nos tempos.

Porém, “Pedro Catañon” faz a primeira subida de prova, ainda com tempo de chuva, e mostra ao que veio, ganhar!

Havia ainda mais 2 subidas a efetuar e estas foram realizadas com tempo seco com o Piloto a vencer as 2, adaptando-se rapidamente ao carro. Pensamos que se “Pedro Castañon” tivesse tido oportunidade der treinar com o carro antes da prova a diferença para os outros ainda seria maior.

Nesta hora de consagração, agradecemos, mais uma vez, a todos os nossos parceiros nomeadamente à “MCO Racing” que dá suporte técnico à nossa equipa, à Comval Racing” que nos proporcionou um maior “Know How”, à Universidade de Aveiro que desenvolve connosco um projeto inovador em Portugal e aos nossos patrocinadores: “Dinac”, “Salsamotor” e “Brancaturbo”.

Esperamos que esta seja somente a primeira vitória à geral desta nova geração da nossa equipa “Torres rally Team” e que bastantes se repitam.Foto Norma_M20_FC_aps_Rampa_Mura_2014_Torres_Rally_Team_Copy

 

RAMPA DE MURÇA

RAMPA DE MURÇA

 

 

CAMPEONATO NACIONAL DE MONTANHA

 

GALERIA DDE IMAGENS

 

Grupo de imagens do nosso amigo e colaborador Armindo C01 Copy02 Copy03 Copy04 Copy05 Copy06 Copy07 Copy08 Copy09 Copy10 Copy11 Copy12 Copy13 Copyerqueira da Foto GTI.

 

 

Fotos de Armindo cerqueira - Foto0 GTI - www.velocidadeonline.com

 

RAMPA DE MURÇA

RAMPA DE MURÇA

 

GALERIA DE FOX 7250FOX 7251FOX 7251FOX 7252FOX 7253FOX 7254FOX 7255FOX 7256FOX 7257FOX 7258FOX 7259FOX 7260FOX 7261FOX 7262FOX 7264FOX 7265FOX 7266FOX 7267FOX 7268FOX 7270FOX 7272FOX 7273FOX 7274FOX 7275FOX 7276FOX 7277FOX 7278FOX 7279FOX 7280FOX 7281FOX 7282FOX 7285FOX 7286FOX 7287FOX 7288FOX 7289FOX 7290FOX 7291FOX 7292FOX 7293FOX 7294FOX 7295FOX 7296FOX 7298FOX 7299FOX 7300FOX 7301FOX 7302FOX 7303FOX 7304FOX 7305FOX 7324IMAGENS

 

 

Grupo de imagens referentes à primeira subida de treinos para a rampa de Murça.

 

Fotos de João Raposo - www.velocidadeonline.com

 

RICARDO GOMES NO PÓDIO EM MURÇA

 

CAMPEONATO NACIONAL DE MONTANHA

 

 

RAMPA DE MURÇA

 

PILOTO BRACARENSE CONQUISTA PRIMEIRO TROFÉU NA ESTREIA DO SEAT LEON

 

 

Ricardo Gomes chega ao pódio em Murça

FOX 7279

Contra todas as probabilidades, Ricardo Gomes arrancou um merecido terceiro lugar da Categoria 5 na quarta prova do Campeonato Nacional de Montanha, na Rampa Porca de Murça, que se disputou no passado final de semana.

 

O piloto de Braga que conduziu pela primeira vez o Seat Leon Copa, que há muito pouco tempo tem nas suas mãos, conseguiu duas brilhantes subidas com "tempos canhão", tendo registado na sua melhor subida 2,31.722.Por isso a alegria era mais do que evidente no final da rampa, onde após ter retirado o capacete disse-nos logo "Confesso que me deu muito prazer conduzir o Seat Leon sem amarras. É um carro extraordinário e estou muito feliz por esta primeira conquista", referiu, acrescentando que "não estava à espera de um resultado tão bom com este carro logo na primeira prova de estreia, mas todos os factores se conjugaram para que assim fosse", explicou.   

 

As condições atmosféricas não foram as ideais, com a aparição da chuva por diversas, o que logicamente limitou o desempenho de Ricardo Gomes que explicou-nos"A chuva não ajudou a melhorar os tempos e comecei com bastantes cautelas. O piso estava muito escorregadio nas duas primeiras subidas e ainda não estou completamente familiarizado com o comportamento o carro", referiu. A sintonia perfeita entre o piloto e o carro surgiu já com o piso seco, nas últimas subidas de prova. Ricardo Gomes conquistou literalmente o público de Murça, com subidas muito rápidas e sem erros técnicos, o que permitiu a obtenção do 3º lugar da categoria 5, cujo primeiro lugar foi conquistado pelo experiente piloto de Murça Joaquim Teixeira, em Seat Leon Supercopa.

 

Ricardo Gomes, que integra a equipa VettraMotorsport e que corre com as cores da LXS Group e Ribeiro Lda avança assim para a próxima prova do Campeonato Nacional de Montanha, que se disputa a 26 e 27 de Julho, em paços de Ferreira, na Rampa Capital do Móvel.

 

 

GALERIA DE IMAGENS

GALERIA DE IMAGENS

 

TROFÉU ABARTH NO CIRCUITO DE VILA REAL

 

 

Grupo de imagens da 1ª corrida do Troféu Abarth no circuito de Vila Real.

 

 

Fotos de João Raposo - www.velocidadeonline.comFOX 5116FOX 5117FOX 5118FOX 5119FOX 5120FOX 5121FOX 5122FOX 5123FOX 5124FOX 5125FOX 5126FOX 5128FOX 5129FOX 5130FOX 5131FOX 5132FOX 5133FOX 5134FOX 5135FOX 5136FOX 5137FOX 5138FOX 5140FOX 5141FOX 5142FOX 5143FOX 5144FOX 5145FOX 5146FOX 5147FOX 5148FOX 5149FOX 5150FOX 5151FOX 5152FOX 5153FOX 5154FOX 5156FOX 5157FOX 5158FOX 5159FOX 5160FOX 5161FOX 5162FOX 5163FOX 5165FOX 5166FOX 5167FOX 5168FOX 5169FOX 5170FOX 5171FOX 5172FOX 5173FOX 5174FOX 5175FOX 5176FOX 5179

 

JOANA BARBOSA COM MAIS UM PÓDIO EM MURÇA

 

Campeonato Nacional de Montanha Joana Barbosa consegue mais um pódio

 

Joana Barbosa_Mura
Joana Barbosa conseguiu mais uma presença no pódio da Categoria 1, Grupo A, na quarta jornada do Campeonato Nacional de Montanha que teve lugar este domingo em Murça. Depois de dois triunfos no seu Grupo, desta vez a jovem piloto de Braga foi a terceira classificada, numa jornada totalmente desconhecida para si, mas onde, mais uma vez, a evolução foi grande ao longo das três subidas oficiais. De facto, Joana Barbosa melhorou cerca de 16 segundos entre a primeira e a derradeira subida, denotando a sua rápida adaptação ao exigente traçado transmontano, onde as condições climatéricas provocaram alternância entre os pisos molhados e secos: “Foi uma experiência muito agradável num traçado muito giro, mas as duas subidas de treinos foram com chuva e tive algumas dificuldades. De qualquer forma, ficou como positiva a adaptação aos pisos molhados com pneus de chuva”, começou por explicar a piloto, que para as subidas oficiais já encontrou outras condições: “A primeira ainda fiz com pneus de chuva, pois o tempo estava instável, mas as duas restantes já foram com pneus de piso seco e notou-se bem a evolução. No entanto, sei que tenho que ultrapassar a barreira da condução com chuva, mas, à medida que fui andando, fui melhorando e isso é muito positivo”, destacou, sendo a segunda mais rápida do Grupo A, na terceira subida oficial.
Já com o Abarth 500 que tripula, Joana Barbosa, desta vez, não apontou nada e gostou da sua performance: “O carro esteve impecável sem qualquer problema, mas podia ter corrido um pouco melhor. De qualquer forma, saio daqui satisfeita, pois aprendi um pouco mais a guiar com chuva e evoluí em termos gerais”, concluiu.

 

PEDRO CASTANON VENCEU EM MURÇA

CNM – RAMPA PORCA DE MURÇA: AS CONTAS FINAIS

Primeira vitória de Pedro Castañon (Norma M20 FC)

O espanhol Pedro Castañon (Norma M20 FC) junta-se ao seu compatriota César Rodriguez, a Rui Ramalho e a Pedro Salvador no lote dos vencedores das provas pontuáveis para o Campeonato Nacional de Montanha (CNM).

O equilíbrio tem sido a nota dominante do CNM, como o demonstra o facto de em quatro provas terem surgido outros tantos vencedores.

E desta vez não houve dúvidas quanto à vitória de Pedro Castañon que, penalizado pelo facto de ter guiado o carro pela primeira vez, na subida inaugural de treinos, soube evoluir ao longo do dia e assegurar um triunfo claro, como o atesta o facto de ter sido o mais rápido nas três subidas de prova.

Como consequência da vitória alcançada em Murça, o espanhol ascendeu ao comando do campeonato com 16 pontos de avanço sobre Rui Ramalho, anterior ocupante do primeiro lugar, que viu a hipótese de defender a primeira posição esfumar-se quando o motor partiu na segunda subida de treinos.

O segundo lugar, também, nunca esteve em causa, porque Paulo Ramalho (Juno SSE) foi sempre o mais directo perseguidor do vencedor, apesar de ter assegurado o lugar intermédio do pódio por menos de um segundo, diferença de tempo que o separou de António Nogueira (Porsche GT2), o vencedor da Categoria 1 e mais rápido na primeira subida do dia.

Foi, também, por menos de um segundo que António Nogueira assegurou o derradeiro lugar do pódio, com João Fonseca (Silver Car S2) a só conseguir suplantar o piloto do Porsche na derradeira subida, mas por uma margem (0,039 s.) que não deu para neutralizar a desvantagem acumulada, embora tenha garantido o terceiro lugar na Categoria 2.

O pódio da Categoria 1 completou-se com Manuel Correia (Skoda Fabia S2000) e Martine Pereira (Alfa Romeo 147), que nunca estiveram em condições de incomodar o vencedor, que suplantaram Sérgio Monteiro (Alfa Romeo 147) e Joana Barbosa (Abarth 500), vencedora da Taça das Senhoras.

Na Categoria 3, Tiago Reis (Ford Fiesta RS2000) bateu Manuel Pereira (Mitsubishi Lancer VI) por 1,306 s., com o piloto do Ford a impôr-se na primeira e na terceira subidas, enquanto Manuel Pereira foi mais rápido na segunda.

Edgar Reis (Renault Clio RS 2000) assegurou o derradeiro lugar do pódio da categoria, à frente de Daniel Teixeira (Renault Clio RS 2000), que fez a estreia no campeonato e deu um “toque” na segunda subida, e de Jorge Meira (Citroen Saxo Cup).

A Categoria 5 não teve história, tal a superioridade patenteada por Joaquim Teixeira (Seat Leon Super Copa/Bompiso Racing Team), com Luís Silva (Mitsubishi Lancer VI) e Ricardo Gomes (Seat Leon), que guiou pela primeira vez o carro, a completarem o pódio da categoria, com o piloto do Seat a garantir o terceiro lugar por pouco mais de um segundo, distância que o separou de José Correia (Seat Leon), com Paulo Silva (Seat Leon) a fechar o lote dos cinco mais rápidos.

Na Categoria 6, Hélder Silva (BMW 323i) acabou por levar a melhor sobre José Pedro Gomes (Ford Escort), cabendo a Flávio Sainhas (Ford Escort MK 1) completar o pódio, com José Figueiredo (Datsun 1200) a ser quarto e a vencer a categoria até 1300 cc, à frente de Domingos Fernandes.

O CNM prossegue, no último fim-de-semana de Julho, com a Rampa Capital do Móvel, que decorre em Paços de Ferreira.

Classificação final

1.º, Pedro Castañon (Norma M20 FC), 4.25,976; 2.º, Paulo Ramalho (Juno SSE), 4.30,770; 3.º, António Nogueira (Porsche GT2), 4.31,648 (1.º da Categoria 1); 4.º, João Fonseca (Silver Car S2), 4.32,419; 5.º, Joaquim Rino (BRC 05), 4.40,313; 6.º, Tiago Reis (Ford Fiesta 2000), 4.42,729 (1.º da Categoria 3); 7.º, Manuel Pereira (Mitsubishi Lancer VI), 4.44,035; 8.º, Joaquim Teixeira (Seat Leon Super Copa/Bompiso Racing Team), 4.46,396 (1.º da Categoria 5); 9.º, Hélder Silva (BMW 323i), 4.55,560 (1.º da categoria 6); 10.º, Luís Silva (Mitsubishi Lancer VI), 4.57,970. Classificaram-se mais 21 pilotos.

Classificações, oficiosas, do Campeonato Nacional de Montanha

  Pedro Castañon é, após a Rampa Porca de Murça, o primeira classificado no CNM

 

VILLORBA CORSE EM BUDAPESTE

 

Villorba Córsega show em GT Open em Budapeste

 

Apesar de uma desvantagem de 45 segundos Montermini, estabelece a volta mais rápida Você e Schirò, Você luta para trás, fechar o pódio Super GT (quinto no geral) no Ferrari 458 na primeira corrida da quarta rodada da temporada

Treviso (Itália), 05 de julho de 2014. Villorba Scuderia Corse International GT Open está entre os principais contendores novamente. Equipe italiana liderada por Raimondo Amadio conquistou Alguns itens valiosos para a classificação eficaz tem emocionante corrida 1 da quarta rodada da temporada em Andamento em Budapeste. No Hungaroring Andrea Montermini e Niccolò Schirò-se colocar em um grande show em sua Ferrari 458. Apesar de uma obrigatória de 45 segundos de handicap a ser pago caindo sobre as mudanças de driver, e estabelecendo a volta mais rápida eficazes e alguns ultrapassagens impressionantes, a dupla fez uma Villorba grande retorno até o terceiro lugar na classe Super GT (um pódio crucial para o campeonato) e quinto no geral. Após tal um bom resultado, fim de semana de corrida húngara terminará no domingo, quando Montermini / Schirò Vai começar a corrida-2 a partir da terceira linha da grelha. O início da corrida de 60 minutos às 12:55 e Will será transmitido ao vivo em www.gtopen.net (clicando em Fechar na TV WEB) canais de televisão e Motors TV (Europa, ao vivo) RaiSport2 (Itália, adiada em 9:40) , Canal + (Espanha, ao vivo) Teledeporte RTVE (Espanha, adiada em 9:05), Sport TV (Portugal, adiada em 09:00 na TV3) DigiSport (República Checa e Eslováquia, e viver em DigiSport1 adiada em 07:00 nós DigiSport2) e, por vezes, a ser confirmado em BT Sport2 (UK), Esporte TV1 Poverkhnost (Rússia), Sport TV (Turquia) e DigiSport (Hungria e Roménia.

O segundo compromisso do fim de semana para Villorba Corse foi a terceira rodada da Sprint Series Blancpain andamento em Zandvoort. Nos holandês rastrear Alessandro Balzan (pela primeira vez com a equipe italiana) e Filip Salaquarda Mostrou um ritmo muito bom na parte da manhã que cai sobre a sessão de qualificação (terceira fila conquistou por Balzan) e depois no aussi corrida de qualificação, tanto em seco e quando a chuva molhar as condições começaram a cair. Infelizmente, a tripulação Villorba Fui fora da pista com apenas 16 minutos para ir embora Salaquarda estava lutando pelo quarto lugar geral e, como resultado, a equipe não pode participar da principal corrida no domingo.

 

Google TradutorVillorba Ferrari_458_in_action_in_BSSVillorba Ferrari_458_in_action_in_GT_Open

 

BOMBA EXPLODE NO NACIONAL DE MONTANHA

BOMBA EXPLODE NO NACIONAL DE MONTANHA

 

VERIFICAÇÃO TÉCNICA DITA EXCLUSÃO DA CLASSIFICAÇÃO FINAL

Após a última subida de prova três carros foram verificados e tal facto fez com a entrega de prémios da Categoria 6 ficasse suspensa até que existisse um veredicto por parte dos comissários técnicos.

As verificações técnicas incidiram sobre os homens da frente da categoria dedicada aos clássicos e como tal  o BMW 323i de Hélder Silva foi alvo do escrutínio dos técnicos da FPAK.

De acordo com fonte da direcção de prova, o piloto solicitou a não abertura do motor, assumindo que existiriam irregularidades na cilindrada que em vez de 2.300, seria de 2.500 cm3.

O motor  acabou por não ser aberto e Hélder Silva seria excluído da classificação oficial. Nos restantes carros, não foram detectadas irregularidades.

Segundo apuramos, a FPAK pretende realizar mais acções como esta noutras disciplinas, pretendendo desta forma pugnar pela legalidade das mecânicas.

 

ESTREIA DE REIS EM MURÇA

 

Tiago Reis estreia-se na Rampa de Murça

 

O campeão nacional em título nunca disputou a Rampa Porca de Murça, que regressa ao calendário do Nacional de Montanha no próximo fim-de-semana. Também por isso, o piloto da Transfradelos está expectante quanto à performance do Ford Fiesta RS Cosworth na prova transmontana

 

A Rampa Porca de Murça é um dos eventos com forte tradição no Campeonato Nacional de Montanha mas esteva 'hibernada' nas últimas épocas. Por esse motivo, o campeão Tiago Reis só agora fará a estreia na prova organizada pelo C.A.M.I.: “Vou à descoberta desta rampa mas confio no trabalho que temos feito no carro e na evolução que já demonstrámos desde o início da época. Como sempre, o objetivo é a vitória na Categoria 3”, referiu o piloto de Famalicão.

 

A Rampa Porca de Murça terá as verificações técnicas no próximo Sábado e depois os carros ficarão em exposição no Parque Urbano de Murça, entre as 17h30 e as 21h30. Paralelamente decorrerá uma sessão de autógrafos que servirá para potenciar o contacto dos pilotos do campeonato com o público. No Domingo, a partir da 09h30, começa a ação nas já famosas curvas de Murça.DSC 0502DSC 0916

 

CONVAL PRESENTE ME MURÇA

 

O piloto castelhano, Pedro LuisCastañón, poderá finalmente competir na 4ª prova do Campeonato Português  de Montanha, Rampa da Murça, com o Normal M20 da equipa Torres Rally Team.

O piloto castelhano, Pedro LuisCastañón, vai competir na Rampa da Murça, a 4ª prova pontuável para o Campeonato Português de Montanha, a realizar neste fim-de-semana e no qual se encontra classificado em segundo lugar absoluto. Nesta prova irá seguir a bordo de um NORMA M20 FC pertencente à equipa Torres Rally Team, dada a impossibilidade de ter pronto a tempo o predileto JUNO CN, que à 10 dias foi sujeito a uma saída de pista durante o Campeonato Português de Circuitos, no qual o piloto castelhano não participava.

Mesmo com toda a dedicação demonstrada pela COMVAL RACING, foi de facto impossível reparar a tempo os danos a que o JUNO 09 foi sujeito, dado estar a aguardar desde o inicio da semana a recepção das peças necessárias ao arranjo do carro, vindas de Inglaterra, e que não chegaram a tempo. A partir daí, vários contactos e esforços foram feitos por parte da COMVAL RACING e de Castañón, com o intuito de obter um veículo para participar na prova de Murça e assim tentar, pelo menos, conquistar alguns pontos para o campeonato luso.

Após uma semana bastante complicada, as equipas COMVAL RACING e TORRES RALLY TEAM, chegaram finalmente a um acordo para que Castañón pudesse correr com um veiculo pelo menos semelhante ao que utilizou até ao momento. Desta maneira, o piloto castelhano terá a oportunidade de participar com o apoio de uma das equipas com mais história em Portugal, tendo também a colaboração da sua equipa habitual.

Declarações do piloto: “Foi duro saber que não iriamos ter a tempo o nosso JUNO, mas tenho de agradecer a todos os amigos, equipas e mecânicos todo o seu apoio para que pudesse correr. No entanto, por diversos fatores e considerando as circunstâncias presentes, penso que a escolha do NORMA M20 FC seja a mais acertada. Estes dias foram bastante complicados, só ontem confirmou-se a nossa participação, tendo mesmo havido alguns momentos em que pensamos atirar a toalha ao chão. Um obrigado a todos eles. Para nós é um orgulho correr com uma equipa histórica em Portugal como é a TORRES RALLY TEAM. Estamos muito agradecidos por toda a compreensão e facilidades que nos proporcionaram. A nível de resultados, à priori, não esperamos nada, pois não fazemos ideia de onde poderemos estar e não há tempo para testar o carro até à corrida (tentaremos fazer um pequeno teste no Circuito de Braga, mas não sei se realmente teremos tempo pois tudo tem sido assim, contra o relógio). Tínhamos de estar presentes nesta prova de forma a pontuar e podermos continuar na luta por um dos três primeiros ligares da classificação final do campeonato.

Devemos a nossa presença nesta prova a TALLERES BASTÓN, COMVAL RACING, ROSADO SPEED, LISBOA REPUESTOS, TERÁN Y BLANCO, CAMPUS STELLAE, INCEPTUM, PINTURAUTO e, como sempre, agradecer ao grupo de afetados por esclerose lateral amiotrófica e, particularmente, a sua associação em Galiza (AGELA), por nos permitir envergar as suas cores.FOX 4187

 

EDGAR REIS EM MURÇA

 

Edgar Reis: “A Rampa de Murça parece ser bastante rápida”

 

Na sua estreia absoluta na prova transmontana, Edgar Reis antevê uma Rampa Porca de Murça com médias elevadas e uma luta cerrada pelos lugares do pódio na Categoria 3.

 

O piloto do Renault Clio RS2000 é neste momento o líder do Campeonato Nacional de Montanha na sua classe, mas também sabe que, em teoria, existem carros superiores ao seu na prova organizada pelo C.A.M.I. “Vamos mais uma vez lutar pela melhor posição possível na Categoria 3, onde o Fiesta e o Mitsubishi são teoricamente superiores ao meu Clio. Mas temos cumprido os nossos objetivos até aqui e espero manter essa tendência, apesar de não conhecer a prova. Pelos vídeos que já vi parece-me ser uma rampa bastante rápida, com duas curvas mais apertadas e o resto sempre em alta velocidade”, analisou Edgar Reis.

 

A Rampa Porca de Murça terá as verificações técnicas no próximo Sábado e depois os carros ficarão em exposição no Parque Urbano de Murça, entre as 17h30 e as 21h30. Paralelamente decorrerá uma sessão de autógrafos que servirá para potenciar o contacto dos pilotos do campeonato com o público. No Domingo, a partir da 09h30, começa a ação nas já famosas curvas de Murça.DSC 0168DSC 0519

 

PRMINIRACING EM MURÇA

 

NEWS PRMINIRACING
JUNHO # 2014

Será já no próximo Domingo, em Murça, que terá lugar a 4ª etapa do Campeonato de Portugal de Montanha 2014. Este conhecido traçado volta a fazer parte do calendário de Montanha após 3 anos de ausência, com organização assegurada pelo Clube Aventura do Minho – CAMI, que uma vez mais proporcionará a todos os pilotos e público em geral as reconhecidas condições organizacionais para o efeito.

Este traçado é reconhecido pelas suas “infindáveis” curvas, daí ser extremamente sinuoso e técnico, exigindo bastante aos pilotos e seus carros. Caso o calor ocorra, como é normal nesta época, poderá ainda ser outro factor a pesar no desempenho dos pilotos/carros.

Estão portanto garantidas as condições para mais uma prova deveras competitiva.

RUI RAMALHO # JUNO CN09

Rui Ramalho voltará a ter como objectivo defender a liderança do Campeonato, tendo para tal em mente a discussão dos primeiros lugares do pódio. O desconhecimento deste traçado voltará a jogar contra si, implicando um esforço suplementar ao piloto mais jovem da equipa no reconhecimento do traçado. Tratando-se de um traçado deveras sinuoso, o factor conhecimento terá bastante importância na obtenção dos melhores tempos em cada subida, como tal, as subidas de treino serão fundamentais para o piloto do Porto encontrar as afinações desejáveis para o seu Juno e adaptar-se ao traçado rapidamente. De qualquer das formas, é esperado que Rui Ramalho volte a demonstrar a rapidez que já demonstrou nas provas anteriores.

PAULO RAMALHO # JUNO SSE

Paulo Ramalho volta a marcar presença, com o intuito de reforçar a representatividade da sua equipa e incrementar o seu ritmo competitivo. Embora Serra da Estrela tenha marcado o seu regresso ao activo e como tal sem qualquer tipo de pressão no que respeita a resultados, mesmo assim o piloto mais velho da equipa ficou pouco satisfeito com a performance do seu Juno SSE, identificando algumas áreas de melhoria no mesmo. Assim, a equipa vai proceder a algumas alterações no protótipo Inglês com o intuito de incrementar a sua rapidez, indo de encontro às pretensões do piloto. Paulo conhece muito bem este traçado, no qual tem como recordação algumas vitórias no passado e que utilizará esse facto como uma vantagem para tentar aproximar-se das primeiras posições do pódio./p>

HORÁRIO

DOMINGO #6 Julho

Subidas Treinos

09h30

1ª Subida Prova

11h30

2ª Subida Prova

12h30

3ª Subida Prova

13h30

ENTREVISTA TV - TEAM PRMINIRACING

Veja as Reportagens que passaram na TV!

VIDEOS ON BOARD

Paulo Ramalho

 

Rui Ramalho

 

ATENÇÃO

ATENÇÃO A TODOS QUE VÃO ASSISTIR À RAMPA DE MURÇA

 

 

 

ACESSO PÚBLICO

Dada a limitação que o acesso pelo início da Rampa tem pela existência do Parque de Assistência, Parque Pré-Partida e Partida aconselha-se o acesso pelo final da mesma seguindo os passos abaixo descritos.

Saindo de Murça pela A4 na direcção de Vila Real, no Km 115,9 sai para Alijó – Miranda do Douro. Seguidamente, sai para Pópulo - M15 – V. Verde. Ao chegar à rotunda segue para a E.N. 15 para Murça – Pópulo. Ao chegar ao Km 138,4 da EN 15 deve estacionar a sua viatura seguindo as instruções dos Agentes da Autoridade.

Se vier de Vila Real para Murça pela A4, no Km 115, saída 27, sai para Alijó – Miranda do Douro.  Seguidamente, sai para Pópulo - M15 – V. Verde. Ao chegar à rotunda segue para a E.N. 15 para Murça – Pópulo. Ao chegar ao Km 138,4 da EN 15 deve estacionar a sua viatura seguindo as instruções dos Agentes da Autoridade.

Poderá deslocar-se a pé e apreciar o desenrolar da Prova em sítios fantásticos sendo que em determinados pontos pode mesmo ter uma ampla visão da Rampa.

 

NÃO É POSSÍVEL FAZER UMA PROVA SEGURA SEM A COLABORAÇÃO DE TODOS

 

A SUA SEGURANÇA É A SEGURANÇA DA RAMPA PORCA DE MURÇ
 

JOSÉ CORREIA PRONTO PARA MURÇA

 

RAMPA DE MURÇA

 

JOSÉ CORREIA PRONTO PARA MURÇA


FOX 5011

José Correia está pronto para a próxima prova do Campeonato Nacional de Montanha, a rampa de Murça, onde uma vez mais vai alinhar ao volante do seu Seat Leon. Não será demais referir que José Correia esteve há duas semanas atrás a participar no Troféu Feup 3, ao volante dum Alfa Romeo 156, na qual a sorte nada quis, pois acabaria por ter “um encontro imediato” com os rails de protecção, que assim o obrigaram a regressar mais cedo a casa, como nos explicou “ esta aventura na velocidade, foi apenas uma brincadeira de que gostei muito, embora tivesse azar, pois acabaria por bater nos rails, e com isso inviabilizei a minha participação, o que foi pena pois dá muito gozo conduzir neste circuito citadino, que digo já que não tolera erros de qualquer tipo, que se pagam caro, e eu que o diga….”

 

Mas para o fim de semana que se aproxima José Correia está a postos para a quarta prova do Campeonato Nacional de Montanha, na qual foi incisivo nas suas palavras em relação aos objectivos “ para já terminar sem problemas técnicos com o carro. Depois vir sempre a melhorar em cada subida, embora saiba que a rampa de Murça é complicada, pelo tipo de curvas que tem, e que requer alguma habituação e acima de tudo conhecimento. Sou um estreante, por isso vou deparar-me com algumas dificuldades, mas não há-de ser nada, é mais um desafio que tenho pela frente, semelhante a outros que tenho pela vida fora. Em termos de objectivos, quero terminar todas as subidas se possível sempre a melhorar os meus tempos, e por ultimo ficar o melhor classificado em termos de geral, e lutar pelos lugares da frente em termos de categoria”.

 

DANIEL ESTREIA-SE NA RAMPA DE MURÇA

DANIEL TEIXEIRA A ESTREIA EM CASA

Daniel é um jovem de Murça, que sempre sonhou em correr. Este fim-de-semana o sonho torna-se realidade, graças ao apoio do pai: Joaquim Teixeira.

Os automóveis são para Daniel mais do que um simples sonho. Quase se pode dizer que nasceu no meio. O pai é um dos pilotos da frente do Campeonato Nacional de Montanha e a correr em casa, quase se pode dizer que a Rampa da Porca de Murça, se transformou numa questão familiar.

“Participar nesta prova para mim é uma alegria imensa, porque embora já não esteja a morar diariamente em Murça, nunca vai deixar de ser a prova da minha terra, onde tenho muitos amigos, família e é a terra que mais me toca, por isso este é um momento de enorme alegria para mim.” Confessa Joaquim Teixeira, que nesta prova tem um adversário muito especial.

O seu filho Daniel, vai encarar a participação como a realização de um desejo antigo, natural para quem há vários anos acompanha por dentro o desporto automóvel, mas que por falta de apoios nunca  foi possível realizar. Além disso, reveste-se esta estreia de um interesse muito especial, por acontecer na minha terra natal.”

Quanto à “questão familiar”, Daniel desvaloriza o facto: Seria uma “competição” bastante mais equilibrada caso acontecesse num qualquer kartódromo, com “armas” equivalentes.  No caso da Rampa porca de Murça, não existirá qualquer “competição familiar” dada a minha falta de experiência, associada a menor competitividade do Clio face ao Leon.”

Mas competições à parte a “questão familiar” está bem presente e nota-se nas palavras (babadas) do pai: “Este ano a alegria é enorme, porque consegui que pela primeira vez o meu filho participe nesta prova. Sabia que era um desejo dele desde pequeno e com a ajuda de um grande amigo que é o Martine Pereira, que desde a primeira vez que lhe falei neste assunto, me disponibilizou o Clio e toda a logística, me permitiu conseguir concretizar este desejo do meu filho.”

“Espero que a prova lhe corra bem, sem contratempos, até porque ele não vai lutar por pontos no campeonato, e sei que é consciente e não vai exceder os limites numa prova onde vai ser tudo novo para ele.” Remata o líder da classificação da Categoria 5.

Daniel Teixeira vai estrear-se aos comandos de um Renault Clio RS200 que, à data, é uma grande incógnita para o piloto estreante: “se por um lado o meu profundo conhecimento do traçado poderá ser um elemento facilitador desta estreia no desporto motorizado, por outro o meu total desconhecimento do comportamento do carro em estradas de montanha será o principal elemento condicionante. Mas fazer parte de uma prova onde também participará o meu pai torna esta experiência ainda mais interessante.” Confessa o mais jovem dos Teixeiras.

 O Renault Clio RS com que Daniel Teixeira se vai estrear

 

RICARDO GOMES ESTREIA SEAT LEON EM MURÇA

 

Campeonato Nacional de Montanha 2014

 

Ricardo Gomes estreia Seat Leon nas “curvas” de Murça

 

Depois de um início de Campeonato atribulado, ao volante de um Fiat Punto Abarth ex-troféu, Ricardo Gomes, piloto de Braga, alterou a sua estratégia desportiva o que o levou a optar por outra máquina, sendo que a escolha recaiu num Seat Leon da Vettra Motorsport, integrando a equipa do Grupo LXS, Ribeiro Lda.

Com este novo projecto, Ricardo Gomes acredita que tem em mãos “um carro bem mais competitivo. Este Seat Leon é fabuloso e acredito que esta prova de estreia será um excelente momento para me adaptar ao seu comportamento”, referiu Ricardo Gomes, acrescentando “sei que me espera um período de adaptação a este carro cujas características são totalmente distintas dos carros que anteriormente conduzi. Esta é uma circunstância que irá suceder nas próximas provas, depois disso, acredito que poderei andar bem mais depressa e disputar alguns dos lugares cimeiros do grupo. Tudo é novo para mim, não conheço ainda o comportamento do carro, por isso as primeiras subidas de Murça irão ser feitas com cautela, para perceber o carro e caso consiga melhorar os meus tempos, então aí poderei arriscar um pouco mais, evitando cometer erros, e acima de tudo poder dar o máximo de mim e um excelente espectáculo ao público de Murça, que certamente espera uma extraordinária prova desportiva no próximo final de semana”, explicou Ricardo Gomes.

Para além do piloto bracarense, também a marca Ribeiro Lda regressa à Montanha em Portugal, como patrocinadora oficial no Campeonato de Montanha. Com um histórico de mais de três décadas a apoiar o desporto automóvel, patrocinando pilotos de referência como Mauro Nesti, Rudgier Faustman, Alberto Gonzalez, entre outros, a Ribeiro Lda volta agora a assumir o importante papel de sponsor, abraçando o projecto desportivo do piloto bracarense para este Campeonato de 2014.

Ricardo Gomes ainda, neste Campeonato Nacional de Montanha com o apoio do Grupo LXS, Dream Houses, Mobil 1, J. Correia, AC Angola, Novo Modelo Europa, Dez Vezes Dez, PDAuto e Tacominho.  45DSC 0188

 

MANUEL CORREIA QUER LUTAR PELA VITÓRIA NA CATEGORIA 1

 

CAMPEONATO NACIONAL DE MONTANHA

RAMPA DE MURÇA

 

MANUEL CORREIA QUER LUTAR PELA VITÓRIA NA CATEGORIA 1


FOX 3217FOX 3218

Depois do sucesso que foi a participação na rampa da Covilhã, onde venceu a categoria 1, Manuel Correia está lançado para lutar de novo pela vitória, como nos confirmou “ é a primeira vez que irei correr em Murça, sei que é uma rampa muito técnica, com muitos tipos de curva. Espero poder adaptar-me rapidamente, e consiga assim tirar o maior partido possível das potencialidades do meu Skoda Fabia, que está cada vez mais rápido, para além de eu próprio estar cada vez mais à vontade aos seus comandos. A evolução do carro continua, e estamos no bom caminho, pois os resultados estão à vista e espero que assim continue, pois quero lutar pela vitória na categoria, embora saiba que não é fácil fazer oposição ao Porsche GT 2 do António Nogueira, mas como esta rampa não tem grandes rectas, pode ser que nem fique assim tão longe deste GT”.

 

MOUTA NA RAMPA DE MURÇA

 

Sofia Mouta de volta na Rampa de Murça!

O regresso das “curvas de Murça”!

É já nos próximos dias 6 e 7 de Julho que o Campeonato Nacional de Montanha se desloca à regressada Rampa Porca de Murça.

Depois de um interregno de 4 anos este belíssimo traçado volta a por à prova os pilotos deste campeonato já que se trata de um traçado bastante sinuoso e técnico.

Sofia Mouta, que este ano volta a disputar o Campeonato Portugal de Montanha vai a Murça para tentar obter o melhor resultado possível.

Para a piloto Sofia Mouta este traçado não é novo embora seja a primeira vez que o disputa com o Citroen Saxo powered by 9.5 Cold Wine, “ Já participei em 2010, na altura ao volante do Ford Sierra, mas alguns problemas de motor não me deixaram usufruir em pleno deste bonito traçado. Espero conseguir andar a um bom ritmo e acima de tudo divertir-me e sair desta prova transmontana com um bom resultado.”

A piloto apoiada pelo Grupo José Pimenta Marques espera que o público apareça em força e que faça desta prova uma grande festa.

As verificações estão marcadas para o dia 6 a partir das 15h30 e a prova em si começa no domingo, dia 7, com as subidas de treinos marcadas para as 9h30 da manhã.

Sofia Mouta conta mais uma vez com o apoio do Grupo José Pimenta Marques, 9.5 Cold Wine, ETPos, Balanças Marques, Robstep Portugal, Baldi Drinks, Cru Design, SDILab, Champanheria de Janes, Paulo para Toda a Obra, LxPack, Baldi Company, EPS e Drappier.10250146 738006176221891_6216464828216960446_n10487052 10154314484910035_894289183_n

 

ATENÇÃO ESPECTADORES

A Rampa de Murça tem o seguinte horário:

 

 

SABADO:

 

 

verificações tecnicas e documentais entre as 14h30 e 17h30. Exposição de viaturas entre as 17h30 e as 21h30.

 

 

 

DOMINGO:

 

 

Fecho da pista às 09h00 e inicio das subidas de treinos às 09h30.

 

NOTA: o publico passa de carro até às 09h00, depois pode levar o carro até 250 m da partida ou da chegada, onde tem acesso a uma zona com boa vista da parte final da Rampa.

 

PAULO SILVA PROSSEGUE ADAPTAÇÃO AO SEAT LEON

 

CAMPEONATO NACIONAL DE MONTANHA

 

RAMPA DE MURÇA

 

PAULO SILVA PROSSEGUE ADAPTAÇÃO AO SEAT LEON


FOX 2836FOX 4278

Quarta prova ao volante do Seat Leon para Paulo Silva, a rampa de Murça é mais um desafio que se lhe vai deparar este fim de semana, na qual o piloto de Braga, vai ter novos adversários em termos de categoria, trata-se de Luís Nunes, um piloto que conhece muito bem esta rampa, por isso, segundo o nosso interlocutor “ não vai ser um fim de semana fácil, pois segundo me disseram outros pilotos, a rampa de Murça, tem que ser bem treinada. Por isso na sexta feira irei para lá, para reconhecer todo o percurso, no sentido de o decorar, para depois poder fazer um bom tempo. Os meus principais adversários em termos de categoria, no caso do Joaquim Teixeira que é de Murça ,assim como o Luís Nunes conhecem bem todo o percurso, por isso espero que tudo me corra pelo melhor, não cometa erros, e que consiga lutar por uma dos lugares da  frente, pois gostava de poder subir de novo ao pódio , como sucedeu na rampa da Covilhã.”

 

JOANA BARBOSA EM MURÇA

 

Campeonato Nacional de Montanha


Joana Barbosa esperançada para Murça

Joana Barbosa_Serra_da_Estrela2014_2
Depois de os últimos resultados terem sido positivos, Joana Barbosa prepara-se para mais uma etapa do Campeonato Nacional de Montanha, desta vez em terras transmontanas.
A Rampa Porca de Murça, agendada para os dias 5 e 6 de Julho, deverá ser de confirmação e afirmação para a piloto de Braga que tem dado bem conta de si nesta competição onde é estreante.
Nesta altura, Joana Barbosa é terceira classificada na Categoria 1, onde está inscrito o seu Abarth 500, e já venceu por duas vezes o Grupo A. Por isso, não esconde a expetativa para mais esta etapa: “Estou bastante entusiasmada com esta quarta prova do Campeonato Nacional de Montanha”, começa por referir a jovem piloto, sublinhando: “Apesar ser a minha estreia neste traçado, estou curiosa para saber o meu desempenho uma vez que esta á uma das «Clássicas» provas da Montanha em Portugal, sendo por isso, também, uma das provas mais queridas de alguns pilotos”.
Sem colocar a fasquia muita alta, como é seu costume, Joana Barbosa prefere alinhar pelo pensamento de se: “Divertir ao máximo, em primeira linha, mas sempre com o objetivo também de dar o meu melhor e chegar à melhor classificação possível”, concluiu.
O programa desta Rampa Porca de Murça começa com as subidas de treinos oficiais às 09h30 do dia 6 de Julho, a que se seguem as três subidas de prova oficiais com início agendado para as 11h30.

 

RINO APOSTA NA LUTA PELOS LUGARES DA FRENTE

 

RAMPA DE MURÇA

 

 

JOAQUIM RINO APOSTA NA LUTA PELOS LUGARES DA FRENTE


FOX 4461

De prova para prova, Joaquim Rino está a melhorar a olhos vistos o seu desempenho em cada subida que faz ao volante do seu competitivo BRC CM 02, como nos confirmou “ tem sido sempre a evoluir, e o meu objectivo é continuar a aproximar-me do Silver Car do João Fonseca, que é um carro da minha categoria. Não tem sido fácil, é um facto, mas de prova para prova tenho aumentado o ritmo de andamento, e a prova disso tem sido os resultados obtidos”.

A Rampa de Murça não é estranha para Joaquim Rino “ já lá corri, é uma rampa que tem muito que se lhe diga, tem de se conhecer bem, tem muita condução, é o tipo de rampa adequada a carros como o BRC, por isso creio que um bom resultado final estará ao meu alcance, esperando que não hajam contratempos de ordem técnica, e que esteja tudo a 100% com o BRC, são esses os meus objectivos para esta edição da renovada Rampa de Murça”.

 

JOSÉ PEDRO GOMES QUER VENCER CATEGORIA

 

CAMPEONATO NACIONAL DE MONTANHA

 

FOX 4003

RAMPA DE MURÇA

 

 

JOSÉ PEDRO GOMES QUER VENCER CATEGORIA



Contando sempre com a forte oposição do BMW 323 de Hélder Silva, José Pedro Gomes está crente que este fim de semana poderá ter uma palavra a dizer na discussão pela vitória  entre os clássicos” depois dos problemas que sentimos com falta de potência no motor do meu Escort, na rampa da Covilhã serviu para fazer os reajustes necessários. Ao mesmo tempo observamos que em termos de tempos, aproximamo-nos do Hélder Silva, o que vem demonstrar que estamos no bom caminho. Depois da rampa de Murça não é uma rampa fácil ,bem pelo contrário, não tem grande rectas, com muitas curvas diferentes, que requerem algum conhecimento, por isso estou esperançado num bom resultado final, disse-nos.

 

DOMINGOS FERNANDES PRESENTE EM MURÇA

 

CAMPEONATO NACIONAL DE MONTANHA

 

 

RAMPA DE MURÇA

 

DOMINGOS FERNANDES PRESENTE EM MURÇA


FOX 4260

Uma vez mais o Autobianchi A 112 vai marcar presença na Rampa de Murça, que assim regressa ao calendário do Campeonato Nacional de Montanha, sendo um traçado muito do agrado de Domingos Fernandes “ é lógico que estou muito satisfeito com a reintegração de Murça no calendário, pois tem um traçado espectacular, com curvas para todos os gostos, e onde se tem de andar depressa para fazer bons tempos. Tem de se conhecer muito bem, pois há curvas muito semelhantes em diferentes tipos de percurso, mas é por isso mesmo que gosto desta rampa, onde quero vencer a minha categoria, esperando que o carro esteja a 100%, e consiga atingir os meus objectivos “, confidenciou-nos.

 
Mais artigos...

João Raposo

Telemóvel: +351 961 686 867
E-mail: jraposo-air@portugalmail.pt