In order to view this object you need Flash Player 9+ support!

Get Adobe Flash player
Joomla! Slideshow

VELO CAB2012


GALERIA DE IMAGENS - RAMPA SANTA MARTA

CAMPEONATO NACIONAL DE MONTANHA 2016

 

RAMPA SANTA MARTA

 

Mais um grupo de imagens de subida e descida da prova.

 

Fotos de JOão Raposo - www.velocidadeonline.comFOX 6037_CopyFOX 6039_CopyFOX 6041_CopyFOX 6043_CopyFOX 6044_CopyFOX 6046_CopyFOX 6053_CopyFOX 6055_CopyFOX 6061_CopyFOX 6063_CopyFOX 6067_CopyFOX 6068_CopyFOX 6069_CopyFOX 6072_CopyFOX 6074_CopyFOX 6076_CopyFOX 6077_CopyFOX 6078_CopyFOX 6084_CopyFOX 6086_CopyFOX 6092_CopyFOX 6094_CopyFOX 6099_CopyFOX 6101_CopyFOX 6106_CopyFOX 6108_CopyFOX 6111_CopyFOX 6112_CopyFOX 6113_CopyFOX 6116_CopyFOX 6117_CopyFOX 6118_CopyFOX 6124_CopyFOX 6126_CopyFOX 6130_CopyFOX 6133_CopyFOX 6135_CopyFOX 6138_CopyFOX 6139_CopyFOX 6140_CopyFOX 6140_CopyFOX 6142_CopyFOX 6143_CopyFOX 6144_CopyFOX 6145_CopyFOX 6147_CopyFOX 6148_CopyFOX 6149_CopyFOX 6150_CopyFOX 6151_CopyFOX 6152_CopyFOX 6153_CopyFOX 6154_CopyFOX 6155_CopyFOX 6157_CopyFOX 6158_CopyFOX 6159_CopyFOX 6160_CopyFOX 6161_CopyFOX 6163_CopyFOX 6164_CopyFOX 6165_CopyFOX 6166_CopyFOX 6167_CopyFOX 6168_CopyFOX 6169_CopyFOX 6170_CopyFOX 6171_CopyFOX 6172_CopyFOX 6173_CopyFOX 6174_CopyFOX 6175_CopyFOX 6178_CopyFOX 6179_CopyFOX 6180_CopyFOX 6181_CopyFOX 6182_CopyFOX 6183_CopyFOX 6185_CopyFOX 6502_Copy

 

WTCC 2016 -LADA EM VILA REAL

 

LADA SPORT ROSNEFT expects a challenging weekend at the narrow streets of Vila Real


LADA SPORT ROSNEFT is up for the fight in the FIA World Touring Car Championship (WTCC) Race of Portugal on the streets of Vila Real (24-26 June), after dominating the most recent round on home soil in Moscow.

The WTCC goes from a circuit where passing is plentiful to an inner-city street track where overtaking opportunities are scarce and perilous, with high speeds reached and barriers an ever-present threat.

Nick Catsburg lies second in the Drivers’ standings after translating pole position into a maiden career win in the WTCC Race of Russia two weeks ago. 

He led LADA’s one-two result on the Russian manufacturer’s home turf at Moscow Raceway in the Main Race, after shadowing teammate Gabriele Tarquini to another one-two in the weekend’s Opening Race. 

Fourth place results for Hugo Valente capped off a sensational team performance in front of thousands of adoring Russian fans and guests of LADA and the squad’s title sponsor, ROSNEFT.

However, the ascent to the Portuguese podium is sure to be steep, as the yellow LADA Vestas will be weight down by 70kgs of ballast following a post-Russia shift in the WTCC’s Balance of Performance (BoP).

A lack of mileage with such heavily laden cars, a fast and undulating circuit with heavy braking zones that tests both tyres and brakes and high track and ambient temperatures could make for a challenging weekend for LADA SPORT ROSNEFT and its drivers.  

Catsburg, though, has a score to settle with the Vila Real street circuit, having got a little too intimate with the Armco barriers in last year’s Race of Portugal, and the Dutchman said: “I need to leave more room for error on this track. Last year I brushed the wall probably ten occasions and the last time ended in a massive crash. As a driver you always search for the limit, as I did last year at Vila Real. This year I'll try to be a bit more careful.

“Each track has its own challenges and sometimes the most "easy" looking circuits can be the most difficult. It's hard to rate them all, but Vila Real is difficult because of changing track conditions throughout the sessions and the very small margin of error! You have some slow chicanes that are particularly hard on tyres, but it is a pleasure to race in Portugal for the climate and the enthusiastic fans.”

Tarquini said: “I like inner-city circuits and Vila Real is a very exciting one, full of very fast corners. I think it’s just after the Nurburgring Nordschleife in terms of difficulty and it’s also very hard, but not impossible to pass. No particular corner offers a safe opportunity for overtaking, but the last sector is maybe the best chance.”

Valente added: “The Vila Real street circuit is great, but tough. It reminds me of Macau, minus the long straight, but it’s very fast, narrow and there are a lot of inclines. Feeling comfortable there is difficult, but that makes it exciting. I rate it highly and it would be up at the top with the Nurburgring Nordschleife for me. 

“It’s particularly hard because of the temperatures, which typically exceed 30 degrees Celsius ambient and 50 degrees in the car. It’s tougher physically than mentally and there are no straight lines, so you’re always focusing and there’s never a chance to breathe! Tyre wear will be tough for us, as this will be the first time we’ve carried more than 40kg of ballast. We don’t know what to expect, but I’m worried about the brakes too. Street circuits have no fresh air and, with 70kg, that's going to make it much harder.” 



 
LADA SPORT ROSNEFT is a racing team, participating in the World Touring Car Championship since 2015 with specially designed LADA Vesta WTCC cars. The General Sponsor of the team is a global energy company Rosneft. Supporting the Russian team in the World Championship, Rosneft together with the leader of the Russian automotive industry – LADA – joined their efforts to promote Russian brands at the world markets. 
alt
Share
Tweet
Forward

 

JOAQUIM RINO VENCE DE NOVO A RAMPA PORTO DE MÓS

 

RAMPA DE PORTO DE MÓS

 

JOAQUIM RINO VENCE DE NOVO NA RAMPA PORTO DE MÓS


FOX 6126_Copy

Uma vez mais Joaquim Rino foi o brilhante vencedor da Rampa Porto de Mós, que teve lugar no passado fim de semana. Desta feita o piloto da Batalha, ao volante do seu BRC  CM 05 Evo, não deu qualquer tipo de tréguas aos seus mais directos adversários, e venceu de forma clara, não conseguindo suplantar os tempos feitos na edição anterior como nos explicou “ a prova correu muito bem, na realidade não consegui bater os tempos feitos no ano passado, pois estava muito calor, e a pista estava muito escorregadia. Por isso optei por não correr riscos, recordo-me que no ano passado fiquei  em 16, e este anos não passei dos 19, paciência fica para o ano. Penso que foi um bom resultado, entre os noventa participantes “.

 

RAMPA PORTO DE MÓS

Porto de Mós 2016 - Fotos e Classificações!

Durante o passado domingo decorreu mais uma prova do NDML, desta feita, na Rampa de Porto de Mós contando com 93 equipas inscritas.
Bom tempo, muito publico, foram os condimentos para que o NDML virasse mais uma página no seu vasto currículo de organizador, notando-se uma maior procura das suas provas, tanto de automobilismo como de karting.
De realçar a participação dum velho conhecedor desta prova, o Felgueirense Alberto de Freitas regressado novamente a Porto de Mós com o seu 'velhinho' Morris 1275 GT azul com o qual foi campeão do agrupamento B1 em 1981. Com participações tanto no troféu VW G40 como posteriormente nas provas de velocidade viria ainda a vencer os clássicos no Campeonato de Montanha em 2003 então com o Mini grupo 5 da Intermadeiras, por sinal, ambos os Minis preparados pelo Mestre Narciso Almeida actualmente em Leiria.
Assim, neste domingo nos Clássicos viria a vencer a equipa Rui Rito/José Luís Reis em Toyota Starlet, seguido por Gonçalo Figueiroa/João Marques em Ford Escort RS e por Armando Rito em Opel Corsa Turbo. O troféu foi para 'Antunes Motorsport'.
Em Desportivos mais uma vez Paulo Caldeira/Ana Gonçalves em Mitsubishi Evo impuseram-se ao irrequieto Tiago Prata no seu Citroën AX GTI que se classificou em segundo, seguido de Luís Lourenço/Paula Rente em Porsche 911 GT3. O troféu foi ganho pela 'Green Boots'.
Nos Protótipos venceu Joaquim Rino em BRC 05 EVO, com Samuel Vina em segundo e Ricardo Capela em terceiro, ambos em Kart Cross.
As Classificações totais e quase 1700 fotografias da organização estão publicadas ( sem filtros ) no nosso site em www.ndml.pt, muitas representando trajectórias completas para possibilitar criação de 'gif animado'! ( https://goo.gl/photos/oWQqHADdL9yDsZox9 )
A outra reportagem, neste caso profissional, esteve a cargo de www.abtfoto.com local onde podem ser adquiridas as fotografias.

 

CAMPEONATO NACIONAL DE MONTANHA 2016

CAMPEONATO NACIONAL DE MONTANHA 2016

 

RAMPA SANTA MARTA

 

A descer para o final do primeiro dia de provas, já com hora avançada, e com o sol práticamente escondido.

 

Fotos de João Raposo em Santa Marta - www.velocidadeonline.comFOX 5820_CopyFOX 5821_CopyFOX 5822_CopyFOX 5823_CopyFOX 5824_CopyFOX 5825_CopyFOX 5826_CopyFOX 5827_CopyFOX 5829_CopyFOX 5830_CopyFOX 5831_CopyFOX 5832_CopyFOX 5833_CopyFOX 5834_CopyFOX 5835_CopyFOX 5836_CopyFOX 5837_CopyFOX 5838_CopyFOX 5839_CopyFOX 5840_CopyFOX 5841_CopyFOX 5843_CopyFOX 5844_CopyFOX 5845_CopyFOX 5847_CopyFOX 5849_CopyFOX 5850_CopyFOX 5851_CopyFOX 5852_CopyFOX 5853_CopyFOX 5854_CopyFOX 5855_CopyFOX 5856_CopyFOX 5857_CopyFOX 5864_CopyFOX 5865_CopyFOX 5866_CopyFOX 5867_CopyFOX 5868_CopyFOX 5869_CopyFOX 5870_CopyFOX 5871_CopyFOX 5872_Copy

 

RAMPA DE SANTA MARTA

CAMPEONATO NACIONAL DE MONTANHA 2016 - VALVOLINE

 

Rampa Santa Marta

 

Mais um grupo de imagens da rampa Santa Marta.

 

Fotos de JOão Raposo - www.velocidadeonline.comFOX 5730_CopyFOX 5740_CopyFOX 5741_CopyFOX 5746_CopyFOX 5749_CopyFOX 5751_CopyFOX 5754_CopyFOX 5755_CopyFOX 5756_CopyFOX 5762_CopyFOX 5763_CopyFOX 5768_CopyFOX 5770_CopyFOX 5772_CopyFOX 5778_CopyFOX 5779_CopyFOX 5785_CopyFOX 5786_CopyFOX 5792_CopyFOX 5793_Copy_CopyFOX 5794_CopyFOX 5802_CopyFOX 5810_CopyFOX 5812_CopyFOX 5816_CopyFOX 5818_Copy

 

CAMPEONATO NACIONAL DE MONTANHA 2016

CAMPEONATO NACIONAL DE MONTANHA 2016 - VALVOLINE

 

RAMPA SANTA MARTA

 

Grupo de imagens de uma das subidas de prova.

 

Fotos de João Raposo - www.velocidadeonline.comFOX 5572_CopyFOX 5575_CopyFOX 5578_CopyFOX 5582_CopyFOX 5584_CopyFOX 5586_CopyFOX 5594_CopyFOX 5595_CopyFOX 5596_CopyFOX 5606_CopyFOX 5610_CopyFOX 5641_CopyFOX 5644_CopyFOX 5649_CopyFOX 5651_CopyFOX 5654_CopyFOX 5655_CopyFOX 5656_CopyFOX 5660_CopyFOX 5661_CopyFOX 5665_CopyFOX 5666_CopyFOX 5669_CopyFOX 5670_CopyFOX 5671_CopyFOX 5672_CopyFOX 5674_CopyFOX 5675_CopyFOX 5676_CopyFOX 5677_CopyFOX 5678_CopyFOX 5679_CopyFOX 5680_CopyFOX 5681_CopyFOX 5682_CopyFOX 5683_CopyFOX 5686_CopyFOX 5688_CopyFOX 5697_CopyFOX 5698_CopyFOX 5699_CopyFOX 5705_CopyFOX 5710_CopyFOX 5712_CopyFOX 5717_CopyFOX 5720_CopyFOX 5722_CopyFOX 5723_CopyFOX 5724_CopyFOX 5725_Copy

 

JOSÉ PEDRO GOMES SEM SORTE

 

2ª SUPER ESPECIAL DE RIBA D ´AVE

 

JOSÉ PEDRO GOMES SEM SORTE NA 2ª SUPER ESPECIAL DE RIBA D´AVE

 

 

José Pedro Gomes não teve a sorte pelo seu lado na 2ª edição da Super Especial de Riba D ´Ave, ao ter de abandonar numa das mangas, motivado por um problema eléctrico que afectou o desempenho do seu Ford Escort WRC.

Segundo o piloto advogado" tudo estava a correr bem, tinha como objectivo a vitória como já tinha acontecido no fim de semana anterior na Trofa, só que um problema eléctrico deixou-me pelo caminho, o que foi pena, pois estava delineado para lutar pela vitória, e depois acontece isto, paciência"..

Para terminar " no meio disto tudo o que valeu, é que emprestei ao meu genro  o meu Ford Escort com que fui Campeão de Montanha nas épocas anteriores, que viria a terminar a prova na 2ª posição, numa prova excelente, sem cometer erros, só que o carro que venceu foi um Porsche GT 3, e contra certos factos.....não houve argumentos...."

 

 

CAMPEONATO NACIONAL DE MONTANHA 2016 - VALVOLINE

 

JOSÉ PEDRO GOMES DEVERÁ ESTAR AUSENTE NA RAMPA DO CARAMULO

 

 

O Ford Escort WRC de José Pedro deverá estar ausente da próxima prova do Campeonato Nacional de Montanha, na Rampa do Caramulo. Segundo José Pedro Gomes " por razões profissionais fora de Portugal, não vou poder infelizmente  alinhar nesta prova, pois estarei ausente a partir de meados desta semana até ao final da 1ª semana de Julho. Tenho  pena de não poder estar presente, pois é uma rampa que gosto muito, por sinal bem adaptada ao meu carro, mas para já deverei estar ausente. Por acaso, se os assuntos que vou resolver terminarem mais cedo do que o previsto, pode ser que ainda venha a tempo de participar, mas para já quanto a certezas é muito difícil, só depois de ver o que se passa é que ficarei com todas as certezas  disse-nos.

 DRP8449_Copy

Foto de Rui Couto

 

FAMILIA RINO PRESENTE EM FORÇA

 

RAMPA PORTO DE MÓS

 

 

 

FAMILIA RINO PRESENTE EM FORÇA



FOX 5793_Copy

Joaquim e Alexandra Rino, respectivamente pai e filha são um dos 93 participantes que este fim de semana irão alinhar em mais uma edição da Rampa Porto de Mós, prova   organizada sob a égide do NDML.

Joaquim Rino irá alinhar ao volante do seu BRC CM 05 Evo, carro com que habitualmente participa nas provas do Campeonato Nacional de Montanha. Quanto a Alexandra Rino, será  uma estreia no automobilismo ao volante dum Volkswagen Golf .

Sobre esta participação, Joaquim Rino, o piloto que é originário da Batalha começou por nos dizer “ vou participar para lutar pela vitória, esta minha participação tem, dois objectivos previamente definidos, antes de mais divertir-me o mais possível, estar com a família e os amigos, e poder lutar pela vitória. Sei que é uma lista de inscritos com quase uma centena de participantes, espero que o meu carro esteja perfeito, o trabalho do Rui da FR Power, equipa responsável pela preparação  e manutenção do meu BRC CM 05 Evo tem sido perfeito, agora há que encontrar o melhor compromisso técnico, de forma a poder tirar partido das suas potencialidades, e assim poder fazer excelentes cronos em todas as subidas”.

Em relação a Alexandra Rino “ estou um bocado expectante, para mim tudo isto é novo, por isso é natural que a primeira subida irá ser feita com cuidados. É lógico que os ensinamentos do meu pai vão ser preciosos, e espero fazer o melhor possível “.

 

RAMPA SANTA MARTA 2016

CAMPEONATO NACIONAL DE MONTANHA 2016 - VALVOLINE

 

RAMPA SANTA MARTA

 

Mais uma série de imagens da Rampa Santa Marta numa das subidas.

 

Fotos de JoFOX 4768_CopyFOX 4769_CopyFOX 4770_CopyFOX 4781_CopyFOX 4782_CopyFOX 4791_CopyFOX 4792_CopyFOX 4793_CopyFOX 4836_CopyFOX 4840_CopyFOX 4843_CopyFOX 4844_CopyFOX 4846_CopyFOX 4852_CopyFOX 4855_CopyFOX 4858_CopyFOX 4862_CopyFOX 4875_CopyFOX 4876_CopyFOX 4877_CopyFOX 4882_CopyFOX 4883_CopyFOX 4886_CopyFOX 4910_CopyFOX 4911_CopyFOX 4912_CopyFOX 4921_CopyFOX 4922_CopyFOX 4923_CopyFOX 4932_CopyFOX 4933_CopyFOX 4934_CopyFOX 4946_CopyFOX 4947_CopyFOX 4948_Copyão Raposo na Rampa Santa Marta - www.velocidadeonline.com

 

PÓDIOS EM SANTA MARTA

CAMPEONATO NACIONAL DE MONTANHA 2016 - VALVOLINE

 

 

GRUPO DE IMAGENS

 

PÓDIOS EM SANTA MARTA

 

SeFOX 6655_CopyFOX 6656_CopyFOX 6657_CopyFOX 6658_CopyFOX 6659_CopyFOX 6661_CopyFOX 6663_CopyFOX 6664_CopyFOX 6667_CopyFOX 6668_CopyFOX 6670_CopyFOX 6671_CopyFOX 6672_CopyFOX 6675_CopyFOX 6676_CopyFOX 6678_CopyFOX 6680_CopyFOX 6681_CopyFOX 6683_CopyFOX 6685_CopyFOX 6686_CopyFOX 6689_CopyFOX 6691_CopyFOX 6692_CopyFOX 6693_CopyFOX 6694_CopyFOX 6695_CopyFOX 6696_CopyFOX 6697_CopyFOX 6699_CopyFOX 6701_CopyFOX 6702_CopyFOX 6703_CopyFOX 6705_CopyFOX 6706_CopyFOX 6708_CopyFOX 6709_CopyFOX 6710_CopyFOX 6712_CopyFOX 6713_CopyFOX 6713_CopyFOX 6715_CopyFOX 6716_CopyFOX 6717_CopyFOX 6720_CopyFOX 6722_CopyFOX 6724_CopyFOX 6725_CopyFOX 6726_CopyFOX 6727_CopyFOX 6728_CopyFOX 6729_CopyFOX 6730_CopyFOX 6731_CopyFOX 6733_CopyFOX 6735_CopyFOX 6736_CopyFOX 6737_CopyFOX 6738_CopyFOX 6740_CopyFOX 6741_CopyFOX 6743_CopyFOX 6748_CopyFOX 6749_CopyFOX 6751_CopyFOX 6752_CopyFOX 6753_CopyFOX 6754_CopyFOX 6756_CopyFOX 6757_CopyFOX 6758_CopyFOX 6759_CopyFOX 6761_CopyFOX 6762_CopyFOX 6763_CopyFOX 6764_CopyFOX 6768_Copygundo grupo de imagens dos pódios da Rampa Santa Marta.

 

Fotos de João Raposo em santa Marta - www.velocidadeonline.com

 

RAMPA SANTA MARTA

CAMPEONATO NACIONAL DE MONTANHA 2016 - VALVOLINE

 

RAMPA DE SANTA MARTA

 

Mais um grupo de imagens de uma das subidas desta prova.

 

Fotos de JOão Raposo na Rampa Santa Marta - www.velocidadeonline.comFOX 4308_CopyFOX 4310_CopyFOX 4315_CopyFOX 4317_CopyFOX 4319_CopyFOX 4323_CopyFOX 4324_CopyFOX 4332_CopyFOX 4333_CopyFOX 4341_CopyFOX 4346_CopyFOX 4352_CopyFOX 4543_CopyFOX 4544_CopyFOX 4551_CopyFOX 4559_CopyFOX 4560_CopyFOX 4568_CopyFOX 4573_CopyFOX 4574_CopyFOX 4579_CopyFOX 4580_CopyFOX 4592_CopyFOX 4593_CopyFOX 4605_CopyFOX 4606_CopyFOX 4622_CopyFOX 4623_CopyFOX 4630_CopyFOX 4638_CopyFOX 4652_CopyFOX 4658_CopyFOX 4659_CopyFOX 4670_CopyFOX 4672_CopyFOX 4680_CopyFOX 4681_CopyFOX 4692_CopyFOX 4693_CopyFOX 4703_CopyFOX 4704_CopyFOX 4717_CopyFOX 4718_CopyFOX 4732_CopyFOX 4733_CopyFOX 4745_CopyFOX 4746_CopyFOX 4755_CopyFOX 4756_Copy

 

CAMPEONATO NACIONAL DE MONTANHA 2016

CAMPEONATO NACIONAL DE MONTANHA 2016 FOX 6569_CopyFOX 6570_CopyFOX 6571_CopyFOX 6573_CopyFOX 6574_CopyFOX 6578_CopyFOX 6579_CopyFOX 6580_CopyFOX 6582_CopyFOX 6583_CopyFOX 6584_CopyFOX 6586_CopyFOX 6587_CopyFOX 6588_CopyFOX 6590_CopyFOX 6592_CopyFOX 6593_CopyFOX 6594_CopyFOX 6596_CopyFOX 6597_CopyFOX 6598_CopyFOX 6599_CopyFOX 6600_CopyFOX 6601_CopyFOX 6602_CopyFOX 6604_CopyFOX 6605_CopyFOX 6607_CopyFOX 6608_CopyFOX 6609_CopyFOX 6611_CopyFOX 6614_CopyFOX 6615_CopyFOX 6616_CopyFOX 6617_CopyFOX 6619_CopyFOX 6620_CopyFOX 6621_CopyFOX 6622_CopyFOX 6623_CopyFOX 6625_CopyFOX 6626_CopyFOX 6627_CopyFOX 6628_CopyFOX 6630_CopyFOX 6631_CopyFOX 6632_CopyFOX 6633_CopyFOX 6634_CopyFOX 6636_CopyFOX 6637_CopyFOX 6639_CopyFOX 6642_CopyFOX 6643_CopyFOX 6644_CopyFOX 6646_CopyFOX 6647_CopyFOX 6649_CopyFOX 6651_CopyFOX 6652_CopyFOX 6653_Copy- VALVOLINE

 

 

RAMPA SANTA MARTA

 

PÓDIOS

 

Grupo de imagens referentes aos pódios da Rampa Santa Marta

 

Fotos de JOão Raposo - www.velocidadeonline.com

 

RAMPA PORTO DE MÓS

Porto de Mós 2016 - 93 Inscritos!

Avizinha-se mais uma grande festa na rampa de Porto de Mós para domingo próximo, 19 de Junho, com um naipe de equipas extraordinárias que, certamente, tudo farão para conseguir o melhor resultado e, ao mesmo tempo, darem ao grande publico habitualmente presente, um verdadeiro espectáculo desportivo durante todo o dia.
Com 93 equipas inscritas, entre Clássicos, Desportivos e Protótipos, a prova inicia-se com duas sessões de reconhecimento ( 9:00 e 10:30h ) às quais se seguirão as três subidas de prova ( 12:00, 14:30 e 16:30h ) sendo uma certeza termos muito bom tempo e uma super animação dentro e fora da competição!
Assim publicamos no nosso site www.ndml.pt a lista de inscritos aproveitando, mais uma vez, para chamarmos a atenção de participantes e publico para a necessidade de cumprirem as indicações dadas pelas autoridades e pela organização para que tudo possa correr com a máxima segurança.

 

RAMPA SANTA MARTA 2016

 

NEWS PRMINIRACING - JUNHO #2016
Finalmente e após as 3 primeiras provas consecutivas a chuva deu tréguas, permitindo a realização da Rampa de Santa Marta de Penaguião com bastante sol e calor, potenciando o espectáculo, dando assim maior “liberdade” aos 55 pilotos inscritos, para satisfação do muito público presente. Esta foi assim a primeira prova em que as condições mantiveram-se constantes e idênticas ao longo de todo o fim-de-semana, permitindo o equilíbrio de variáveis para todos os pilotos. O sol possibilitou ainda o realce da fantástica paisagem circundante, com as vinhas e Quintas a terem um papel de destaque no coração do Douro Vinhateiro.
O Team PRMiniracing que fez alinhar os irmãos Rui e Paulo Ramalho ao volante dos seus respectivos protótipos, realizou uma prova sem percalços técnicos de referência, permitindo uma excelente progressão na melhoria dos tempos alcançados por cada um dos seus pilotos, culminando com mais um fantástico duplo pódio.
RUI RAMALHO – OSELLA PA21S EVO # 102

Rui Ramalho finalmente teve oportunidade de realizar a sua primeira prova completa em condições de seco e mesmo sendo a sua primeira oportunidade nestas condições, demonstrou não só o potencial técnico do seu Osella PA21S EVO, bem como as suas capacidades para imprimir um forte andamento que lhe permitiu melhorar o seu melhor crono do ano passado em que venceu neste traçado em cerca de 5 segundos, demonstrando bem o ritmo diabólico em que se rodou este ano e o elevado nível competitivo da presente época.
A sua Equipa realizou um trabalho fantástico na recuperação do seu Osella após a ruptura da jante na Rampa da Serra da Estrela, que lhe custou um garantido pódio, bem como identificou e resolveu os problemas sentidos no utilização do rápido sistema de mudança de velocidades por patilhas no volante (padle shift). Sendo a 1ª prova em que utilizou de fio a pavio os pneus slick para seco, existiu a necessidade de compreender bem o funcionamento das borrachas Pirelli que utiliza, nomeadamente em termos de pressão e temperatura, trabalho esse que a sua Equipa realizou subida a subida, conhecimento esse acumulado no sábado que lhe permitiu melhorar significativamente os seus tempos para Domingo. Isento de problemas técnicos no seu protótipo, o piloto teve oportunidade de se concentrar na pilotagem pura conseguindo rodar muito próximo do vencedor, conseguindo inclusive ser o mais rápido na 1ª subida de Domingo. Com  este excelente andamento, Rui Ramalho alcançou um meritório 2º lugar, a uma curta distância do 1º classificado, demonstrando um auspicioso andamento que poderá replicar nas seguintes provas. 
Vídeos
alt
Best of Rui Ramalho
alt
On Board Rui Ramalho
PAULO RAMALHO – JUNO CN09 # 103
Paulo Ramalho ao volante do protótipo Inglês Juno CN09, sentiu bastantes dificuldades com os pneus que utilizou este fim-de-semana, nomeadamente no sábado em que o piloto do Porto se queixava de falta de “grip” no eixo dianteiro do seu protótipo, que aliado ainda ao facto de utilizar um rapport de caixa de velocidades distinto do que utilizou no ano passado neste traçado, alterou-lhe as referências que possuía. Com estas dificuldades sentidas no sábado, terminava o 1º dia numa modesta 6ª posição provisória, terminada a 1ª subida de prova. 
De sábado para domingo, Paulo e a sua Equipa fizeram uma profunda análise das razões pelas quais o piloto não alcançava os tempos registados como referência no ano passado neste traçado, identificando os motivos e corrigindo-os para Domingo. De imediato o piloto baixou consideravelmente os seus tempos, embora sem margem para falhar nas 2 subidas de prova de que dispunha, conseguindo assim subir “a ferros” na classificação, terminando num suado 3º lugar, secundando assim o seu irmão Rui no pódio.
Este foi mais um brilhante resultado global para o Team PRMiniracing, traduzido num duplo pódio, sendo esta a melhor forma que os pilotos da Equipa encontraram para agradecer o esforço e dedicação de todos os elementos da Equipa e o imprescindível apoio dos seus Patrocinadores.
Vídeos
alt
Best of Paulo Ramalho
alt
On Board Paulo Ramalho

 

BMW COM NOVOS TRAVÕES ????

RAMPA SANTA MARTA

 

BMW COM NOVOS TRAVÕES AERODINÂMICOS??

Pelos vistos a potencia que o motor do BMW de Helder Silva debita , obriga a que o piloto para ajudar a travar a bomba de origem alemã, tenha de abrir a porta do seu lado, conforme imagens anexas.

 

Se a concorrência fizer o mesmo, as provas do Nacional de Montanha vão ser bem mais interessantes....

 

 

Texto e fotos de João Raposo na Rampa Santa Marta - www.velocidadeonline.comFOX 4363_CopyFOX 4364_CopyFOX 4365_CopyFOX 4367_CopyFOX 4368_Copy 

 

RAMPA SANTA MARTA - GALERIA DE IMAGENS

CAMPEONATO NACIONAL DE MONTANHA 2016

 

GALERIA DE IMAGENS - RAMPA SANTA MARTA

 

Grupo e imagens das subidas da Rampa Santa Marta

 

Fotos de João Raposo - www.velocidadeonline.comFOX 4137_CopyFOX 4359_CopyFOX 4360_CopyFOX 4361_CopyFOX 4363_CopyFOX 4364_CopyFOX 4365_CopyFOX 4367_CopyFOX 4368_CopyFOX 4372_CopyFOX 4373_CopyFOX 4374_CopyFOX 4382_CopyFOX 4382_CopyFOX 4383_CopyFOX 4384_CopyFOX 4388_CopyFOX 4389_CopyFOX 4390_CopyFOX 4397_CopyFOX 4398_CopyFOX 4399_Copy_CopyFOX 4407_Copy_CopyFOX 4417_CopyFOX 4420_CopyFOX 4429_CopyFOX 4430_Copy_CopyFOX 4431_CopyFOX 4433_CopyFOX 4444_CopyFOX 4446_CopyFOX 4447_CopyFOX 4466_CopyFOX 4468_CopyFOX 4469_CopyFOX 4470_Copy_CopyFOX 4471_CopyFOX 4484_CopyFOX 4485_CopyFOX 4487_CopyFOX 4495_CopyFOX 4497_CopyFOX 4504_CopyFOX 4505_CopyFOX 4506_CopyFOX 4515_CopyFOX 4516_CopyFOX 4517_CopyFOX 4529_CopyFOX 4530_CopyFOX 4531_CopyFOX 4671_Copy_CopyFOX 4797_CopyFOX 4798_CopyFOX 4815_CopyFOX 4816_CopyFOX 4817_CopyFOX 4822_CopyFOX 4825_CopyFOX 4828_Copy_CopyFOX 4829_CopyFOX 4830_Copy_CopyFOX 4946_Copy_CopyFOX 4996_Copy_CopyFOX 5007_Copy_CopyFOX 5019_Copy_CopyFOX 5031_Copy_CopyFOX 5055_Copy_CopyFOX 5524_Copy_Copy

 

EDGAR REIS EM SANTA MARTA

 

Edgar Reis assume liderança da Categoria 2

O Campeonato Nacional de Montanha prosseguiu na Rampa de Santa Marta, onde Edgar Reis garantiu o 3º lugar da Categoria 2 e o 7º posto da geral absoluta.

Depois da vitória na Rampa da Covilhã - Serra da Estrela, Edgar Reis chegava motivado à Santa Marta de Penaguião, palco da quarta prova da temporada. O piloto do Porsche 997 GT3 Cup terminou novamente no pódio, a apenas nove décimos do 2ºclassificado da Categoria 3, sendo condicionado por um toque na segunda subida de prova.

No domingo demos um toque na chicane e isso obrigou-nos a arriscar tudo na terceira e última subida de prova. Aí também sofri um pequeno toque mas fiz 1:57.115, ficando a apenas nove décimos do António Nogueira. Acaba por ser um bom resultado porque nos permite liderar o campeonato com um ponto de vantagem. Esta categoria é a mais renhida de todo o campeonato e basta ver que já houve três vencedores diferentes nas quatro primeiras provas, lembrou o piloto de Famalicão, que conseguiu um positivo 7º lugar da geral.

Agora, Edgar Reis e o Team Transfradelos vão preparar a quinta prova do Campeonato Nacional, a emblemática Rampa do Caramulo, agendada para os dias 2 e 3 de Julho.ZMF 7039_CopyZMF 7047_Copy

 

JOSÉ FRANCISCO AMBICIONAVA MAIS

 

RAMPA SANTA MARTA

 

JOSÉ FRANCISCO AMBICIONAVA MAIS EM SANTA MARTA

 

Um a vez mais o piloto de Amarante José Francisco marcou presença À  partida da Rampa de Santa Marta ao volante do seu já habitual Seat Leon, na qual foi autor dum desempenho interessante.

 

Nas duas subidas de treinos, José Francisco obteria os tempos de 2.17.212 e 2.14.417.Para as três subidas de prova, faria respectivamente 2.15.441, 2.10.593 e 2.07.244.

 

Depois de ter colocado o seu Seat León em parque fechado, e ter bebido um pouco de água fresca, o piloto de Amarante falou-nos  do que se passou ao longo do fim de semana “ durante o sábado andamos sempre com problemas no motor que falhava e não debitava a sua potencia normal, aliás o carro já estava assim na Covilhã só que na altura pensamos que a falha do motor fosse devida à altitude da Serra.

O melhor deste fim de semana foi mesmo termos dado com a causa deste problema técnico tendo o mesmo sido corrigido de sábado para domingo em mais uma noitada de trabalho da Vettra Motorsport a quem agradeço o empenho.

Claro que o facto de ter rodado com o carro tão lento no sábado fez com que não tivesse assimilado as melhores referencias da rampa para o andamento que o carro permite o que me obrigou a reaprender tudo no domingo impedindo-me de evoluir os tempos conforme seria normal, pois partimos duma base de trabalho errada.”

 

Sobre a rampa “Foi a primeira vez que corri aqui, gostei da rampa e penso que podia ter feito bastante melhor, caso tivesse tido o carro em boas condições no sábado, agora há que pensar na próxima prova no Caramulo que também é novidade para mim e vai ser um grande desafio.

Vou ter algum trabalho para reconhecer o traçado e sei que o pessoal da Vettra me vai por o carro a 100% para o Caramulo.”

 

Agradeço o apoio do muito publico que esteve em Santa Marta, em particular aos muitos amarantinos que como eu adoram este desporto e que ao vivo ou pela internet acompanharam a minha prova, agradeço também aos meus patrocinadores pois só com a seu apoio financeiro eu consigo estar a participar neste campeonato espetacular.

 

Patrocínios:

  • JC Group - Braga
  • Centrocor - Soluções de Reparação Automóvel - Penafiel
  • CLSL Auto - Marco de Canaveses
  • BOSCH / Video Visão - Electrónica - Porto
  • Porto Clássico, Automóveis - Porto
  • AMC - Alexandrino Matias & Cª SA - Oficinas Metalúrgicas - Amarante
  • Reciclacar - Centro de abate automóvel - Maia
  • Portucoler - Tecnologia em reparação de veículos - Arrifana - S. João da Madeira
  • Município de Amarante, Sinta-se ConvidadoFOX 4137_CopyFOX 4470_CopyFOX 5055_Copy
 

RICARDO GOMES COM 4º PÓDIO EM SANTA MARTA

 

Ricardo Gomes conquista 4 pódios em 4 provas do Nacional de Montanha

 

A região do Douro provou, este fim-de-semana, uma vez mais, que é única no mundo: excelente vinho, paisagens de cortar a respiração e público aficionado pelo desporto motorizado.

Foi sob este cenário que o piloto Bracarense Ricardo Gomes enfrentou os seus adversários tendo alcançado de forma brilhante o quarto pódio, das quatro provas do Campeonato Nacional de Montanha, tendo alcançado o 3º lugar das viaturas Turismo, que se realizou no passado final de semana em Santa Marta de Penaguião, bem no coração do Alto Douro Vinhateiro.  

Ricardo Gomes era um homem satisfeito no final da corrida porque “fomos capazes de ultrapassar de forma muito eficaz as adversidades mecânicas com que fomos confrontados neste final e semana”, explicou, acrescentando que “ao longo de todo o primeiro dia de prova o Seat Leon que competia pelos melhores lugares do pódio revelou-se insuficiente, com graves problemas mecânico, nomeadamente com perdas de pressão de turbo, contudo o magnífico trabalho da Vettra Motorsport colocou o carro em perfeitas condições para as subidas de prova de Domingo”. O excelente desempenho do piloto bracarense, que não deu hipótese à fortíssima concorrência, culminou com mais um lugar no pódio, neste caso na Categoria mais disputada do Campeonato Nacional de Montanha, Catergoria Turismos.   

O próximo desafio do piloto bracarense está marcado para 02 e 03 de Julho, na complexa Rampa do Caramulo.DSC 231111_CopyIMG 8571_Copy

 

VITÓRIA ESCAPOU POR POUCO A TIAGO SILVA

 

CAMPEONATO NACIONAL DE MONTANHA 2016 – VALVOLINE

 

FOX 4828_CopyFOX 4830_Copy

RAMPA REGIONAL SANTA MARTA

 

VITÓRIA ESCAPOU POR POUCO A TIAGO SILVA



Embora inscrito com  um Alfa Romeo, Tiago Silva à última da hora teve o seu BMW pronto, e assim alinhou com o mesmo na Rampa de Santa Marta.

Na subida de prova, no sábado, seria o autor do segundo melhor crono com 2.20.496, para no domingo, melhorar de forma substancial obtendo 2.16.382.

Depois da cerimónia da entrega de prémios, o piloto fez-nos um resumo do que foi esta prova “ o BMW teve alguns problemas eléctricos, que foram parcialmente corrigidos no final do dia de sábado. Assim para domingo, o carro estava com um comportamento muito melhor, e fruto disso foi o tempo que fiz, embora poderia ter corrido muito melhor, pois uma falha na passagem de caixa de velocidades, na última chicane, originou que perdesse tempo suficiente para não superar o tempo do Seat Ibiza de Alberto Pereira que venceu. As corridas são mesmo assim, mas esta participação foi para mim muito importante para aquilatar o estado do carro com vista á próxima prova.

Gostava também de deixar uma palavra de apreço aos meus Patrocinadores, Família, Amigos, equipa e a todos aqueles que me apoiaram nesta prova: Obrigado!"



CLASSIFICAÇÃO FINAL


1º Alberto Pereira – Seat Ibiza

2º TIAGO SILVA – BMW

3º Sónia Pereira – Seat Ibiza

4º Martas Neves – Citroen Saxo

5º Arnaldo Guedes – Fiat Punto

PATROCINADORES

 

MJ Vendeiro - Instinto Natural; 

Gonditerra,SA; 

Casa Dolores - Materiais de Construção; 

Bluechem-Adblue; 

Carpneu; 

Marshgo,SA; 

Mesquimatic; 

Tubofuro; 

Predial Poveira;

Miraparque,SA;

Passos&Pernas; 

Academia Corpos 3;

MARSIL.

JORGE AMORTECEDORES

 

PEDRO CERQUEIRA EM GRANDE PLANO NA RAMPA SANTA MARTA

 

CAMPEONATO NACIONAL DE MONTANHA 2016 – VALVOLINE

 

RAMPA SANTA MARTA

 

PEDRO CERQUEIRA EM GRANDE PLANO NA RAMPA SANTA MARTA


Pedro Cerqueira esteve em excelente plano no fim de semana que passou na Rampa de Santa Marta, quarta prova a contar para o Campeonato Nacional de Montanha, onde participou pela primeira vez.

O piloto do BMW branco  começou por fazer as duas subidas  de treinos em 2.16.841 e 2.33.794.Nas três subidas de prova, o piloto da Póvoa de Varzim conseguiu melhorar os seus tempos obtendo 2.15.111, 2.14.581      e 2.15.086 respectivamente.

No final da prova, antes de se sentar para almoçar disse-nos logo “ foi a primeira vez que corri nesta rampa, o balanço foi muito positivo, gostei muito do traçado da rampa. Para ser franco não tinha muitas expectativas, mas o carro portou-se muito bem. Não quero terminar sem deixar de agradecer o trabalho da organização do Clube Automóvel da Régua que no meu ponto de vista foi muito positivo, em jeito de conclusão foi uma rampa cinco estrelas….”



CLASSIFICAÇÃO GERAL FINAL


1º Pedro Salvador – Norma

2º Rui Ramalho – Osella

3º Paulo Ramalho – Juno

4º Nuno Guimarães – BRC

5º Gonçalo Manahu – Porsche GT 3

27º PEDRO CERQUEIRA – BMW


CLASSIFICAÇÃO CATEGORIA

FOX 4430_CopyFOX 5019_Copy

1º Flávio Sainhas _ Ford Escort

2º PEDRO CERQUEIRA – BMW

3º Parcido Summnavielle – Datsun 240 Z

 

MÁRIO MESQUITA COM OBJECTIVOS ALCANÇADOS EM SANTA MARTA

 

CAMPEONATO NACIONAL DE MONTANHA 2016 – VALVOLINE

 

RAMPA SANTA MARTA

 

MÁRIO MESQUITA  COM OBJECTIVOS ALCANÇADOS   EM SANTA MARTA

 

Uma vez mais Mário Mesquita  ao volante do seu Datsun 1600 SSSS, chegou ao final de mais uma jornada do Campeonato Nacional de Montanha, numa prova em que o sol e o calor voltaram para saudar  a meia centena de participantes na Rampa de Santa Marta.

 

Logo nas duas subidas de treinos, Mário Mesquita faria dois excelentes tempos, tendo em consideração tratar-se dum "clássico". Para as subidas de prova, motivação foi algo que não faltou a Mário Mesquita, e assim nas três subidas de prova, foi sempre a melhorar os tempos de forma significativa, fazendo 2.31.234, 2.31.144 e 2.28.810 .

 

No final depois de ter colocado o Datsun 1600 SSS no parque fechado, Mário Mesquita começou por nos dizer “ correu muito bem, o carro esteve impecável, consegui melhorar os tempos em cada subida e fiz melhores tempos que em 2015. Em suma, tudo perfeito, pois consegui mais um 1º lugar na classe e o 3º lugar no Grupo". Agora, há que preparar bem a Rampa do Caramulo, que é já daqui a três semanas".FOX 4407_CopyFOX 4996_Copy

 

GARAGEM AURORA SEM SORTE NO PASSADO FIM DE SEMANA

 

CAMPEONATO NACIONAL DE MONTANHA

 

RAMPA SANTA MARTA – RALI DE MONCHIQUE

 

GARAGEM AURORA SEM SORTE NO FIM DE SEMANA PASSADO

FOX 4399_Copy

O fim de semana que passou não foi de modo algum fácil para a equipa da Aurora Motorsport, que acabaria por ser obrigada a desistir na Rampa de Santa Marta com o Porsche 911 SC de Carlos Oliveira, e com o Porsche 911 da dupla João Mexia/Nuno Machado no Rali de Monchique.

Segundo Eduardo Santos Júnior “ foi na realidade um fim de semana para esquecer, estivemos presentes em duas frentes e fomos obrigados a desistir em ambas.” Segundo o nosso interlocutor “ no caso do Carlos Oliveira que está a participar no Campeonato Nacional de Montanha com um Porsche 911 SC, acabaria no sábado por partir a caixa de velocidades. Perante este facto, a nossa carrinha veio de Santa Marta à cidade do Porto, às nossas oficinas para carregar uma caixa de velocidades que tenho sempre de reserva para algumas situações. Assim foi feito, só que no domingo de manhã, o Carlos Oliveira continuou a debater-se com problemas na caixa, e para não haver mais danos optou pela desistência. Em relação ao Porsche 911  de João Mexia/Nuno Machado, acabaram por ter uma aparatosa saída de estrada por um barranco abaixo, na qual tiveram muita sorte, pois eram mais uns centímetros para o lado, e uma árvore e respectivos galhos poderiam ter ferido esta dupla. Felizmente nada disso aconteceu, tivemos dificuldades em retirar o Porsche do local, de resto foi pena, isto ter acontecido numa altura em que estava a dominar a prova, mas as corridas de automóveis têm destes imponderáveis”, disse-nos.

 

TEAM ARFDG MOTORSPORT DENTRO DOS OBJECTIVOS

 

CAMPEONATO NACIONAL DE MONTANHA 2016 – VALVOLINE

 

 

RAMPA SANTA MARTA

 

TEAM ARFDG MOTORSPORT DENTRO DOS OBJECTIVOS

 

Contando apenas com a participação de Victor Ramos e Jorge Gonçalves, a equipa do Team ARFDG Motorsport esteve em bom plano neste fim de semana que passou na rampa de santa Marta.

 

Quanto a Victor Ramos de regresso ao Campeonato Nacional de Montanha, depois de não ter podido alinhar na Rampa da Covilhã, o Ford Escort MKI mostrou uma grande fiabilidade que o piloto de Braga aproveitou, fazendo logo nas subidas de treinos os tempos de 2.15.327 e 2.12.560.Mostrando maior confiança no desempenho do Escort, Victor Ramos não se fez rogado e rubrica logo  nas subidas de prova mais três excelente cronos com 2.10.986, 2.10.148 e finalmente 2.09.314.

 

 

Em relação a Jorge Gonçalves ao volante dum Fiat Punto S1600 cada vez mais competitivo, também esteve em grande plano, fazendo nas duas subidas de treinos os cronos de 2.19.328 e 2.17.988.Já nas três subidas de prova faria 2.20.014, 2.16.974 e 2.16.212.

 

 

No final da prova, nos minutos que antecederam a cerimónia da entrega de prémios, Victor Ramos fez-nos o balanço desta jornada “ correu muito bem, sem problemas técnicos, o Escort esteve impecável .No inicio fiz as subidas de treinos com alguma cautela para ver qual era o comportamento do carro, e aos poucos fui ganhando confiança. Fiquei em segundo lugar em termos de categoria, para ser honesto, gostava de ter ganho, mas não é tarefa fácil chegar-me ao BMW de Hélder Silva. Quero agradecer à Vettra Motorsport pelo trabalho feito no meu Ford Escort. Os meus parabéns à organização da Rampa de santa Marta pelo trabalho efectuado “

 

 Jorge Gonçalves que ao lado de Victor Ramos acrescentou “ correu bem, sem problemas no carro, diverti-me, estive com os amigos. Depois procurei em cada subida melhorar os meus tempos, fui terceiro na classe A 1, 30ª â geral, e 8º na categoria “. A minha adaptação ao carro e aos traçados continua e a cada prova me sinto melhor, mais apto, como se tem visto pelas classificações finais. 

 

 

CLASSIFICAÇÃO GERAL FINAL

 

1º Pedro Salvador – Norma

2º Rui Ramalho – Osella

3º Paulo Ramalho – Juno

4º Nuno Guimarães – BRC

5º Gonçalo Manahu – Porsche GT 3

20º TEAM  ARFDG MOTORSPORT – VICTOR RAMOS Campeonato Nacional de Classicos  – FORD ESCORT MK1

27º TEAM AFRDG MOTORSPORT – JORGE GONÇALVESCampeonato Nacional de montanha – FIAT PUNTO S1600

 

CLASSIFICAÇÃO CATEGORIA 6

 

 

1º Hélder Silva – BMW

2º TEAM ARFDG MOTORSPORT – VICTOR RAMOS – FORD ESCORT MK1

3º Fernando Salgueiro – Ford Escort

 

CLASSIFICAÇÃO CATEGORIA 2 Grupo A1 

 

1º Joao Guimarães 

2º Pedro Marques 

3º TEAM  ARFDG MOTORSPORT – JORGE GONÇALVES – FIAT PUNTO S1600 (primeiro da classe 15 )FOX 4671_CopyFOX 4946_CopyFOX 5215_Copy

 

NUNO FLORES COM PROVA CONDICIONADA

 

CAMPEONATO NACIONAL DE MONTANHA 2016 -  VALVOLINE


RAMPA SANTA MARTA

 

NUNO FLORES COM PROVA CONDICIONADA EM SANTA MARTA


Nuno Flores esteve ausente na Rampa da Covilhã, desta feita o Ford Sierra participou na Rampa Santa Marta, onde um problema no escape condicionou    uma das subidas de prova.

A verdade é que Nuno Flores logo nas subidas de treinos, faria os tempos de 2.55.319 e 2.46.747, para nas subidas de prova conseguir melhorar um pouco mais alcançando 2.45.618, 2.38.864 e 2.42.509, quando foi detectado o problema no escape, sendo rapidamente debelado pela equipa de mecânicos.

Enquanto esperava  pelo inicio da cerimónia de entrega dos prémios, Nuno Flores explicou-nos como foi o fim de semana, “ correu bem, o único problema foi o escape que foi rapidamente solucionado. De resto tudo bem, sem maiores problemas, diverti-me, estive com os amigos, e agora há que preparara a próxima prova que é Rampa do Caramulo “.

 

Por outro lado Nuno Flores, foi o 2º classificado em termos de classe.


CLASSIFICAÇÃO GERAL FINAL


1º Pedro Salvador – Norma

2º Rui ramalho – Osella

3º Paulo ramalho – Juno

4º Nuno Guimarães – BRC

5º Gonçalo Manahu – Porsche GT 3

45º NUNO FLORES – FORD SIERRA


CLASSIFICAÇÃO CATEGORIA 3

FOX 5161_CopyFOX 5162_Copy

1º Manuel Correia Ford Fiesta

2º Luis Silva – BMW

3º Sérgio Nogueira – Citroen Saxo

10º NUNO FLORES – FORD SIERRA

 

 

MANUEL CORREIA CONTINUA A VENCER

 

Terceira vitória em quatro provas para Manuel Correia e o Ford Fiesta R5

O Campeonato Nacional de Montanha prosseguiu em Santa Marta de Penaguião e Manuel Correia obteve mais um triunfo na Categoria 3. O piloto de Braga reforçou o comando do campeonato.

Num dos traçados mais atípicos da temporada, Manuel Correia esteve irrepreensível e somou a sua terceira vitória consecutiva na Categoria , sendo cada vez mais uma das figuras do Campeonato Nacional de Montanha em 2016. O piloto bracarense nunca tinha rodado com o competitivo Fiesta R5 em condições de piso seco, mostrando uma rápida adaptação e fazendo a sua melhor subida de prova em 1:58.965.

“Correu tudo bem e felizmente desta vez tivemos bom tempo durante todo o fim-de-semana”, afirmou Manuel Correia. “Foi o primeiro teste com o Fiesta em seco e o carro esteve impecável, tenho de agradecer o trabalho da ARC Sport. Esta rampa é muito técnica mas diverti-me e acho que fui evoluindo o meu andamento. Tenho três vitórias este ano mas os adversários também estão fortes e nunca é fácil”, concluiu o piloto minhoto.

               Agora o Campeonato Nacional de Montanha prossegue na famosa Rampa do Caramulo, agendada para os próximos dias 2 e 3 de Julho.ZMF 7116_CopyZMF 8155_Copy

 

PARCIDIO SUMMAVIELLE ALCANÇOU OBJECTIVO

 

CAMPEONATO NACIONAL DE MONTANHA 20916 – VALVOLINE

 

RAMPA SANTA MARTA

 

PARCIDIO SUMMAVIELLE ALCANÇOU OBJECTIVO


Uma vez mais Parcidio Summavielle esteve em grande plano na Rampa de Santa Marta, onde voltou a rubricar de novo um grande resultado.

Logo nas duas subidas de treinos, Parcidio Summavielle ao volante do seu Datsun 240 Z seria o autor dos tempos de 2.26.176 e 2.22.877 para assim cumprir o percurso de aproximadamente os três mil metros da Rampa de Santa Marta. Nas subidas de prova, o piloto de Fafe consegui bater todos os tempos anteriores, conseguido fazer 2.22.700, para depois  ser autor de dois excelentes cronos com 2.18.413 e 2.19.130.

Mal colocou o seu Datsun 240 Z  no parque fechado, e ter retirado o capacete, Parcidio Summavielle estava satisfeito com o resultado obtido, como nos confirmou “ correu muito bem, conseguimos nesta prova resolver  os problemas com a carburação, no entanto não consegui melhor, pois fiz esta prova com uns pneus muito usados, o que foi um erro crasso da minha parte. O correcto seria ter usado pneus novos, e estou ciente que poderia subir mais algumas posições, no entanto para a prova seguinte, a Rampa do Caramulo, o meu Datsun 240 Z, já vai  calçar  dois “pares de sapatos” novos, isso com o objectivo de poder andar mais depressa, de resto o carro esteve perfeito, e para ser honesto, cada vez mais gosto de participar nas provas do Campeonato Nacional de Montanha “.


CLASSIFICAÇÃO GERAL FINAL


1º Pedro Salvador – Norma

2º Rui Ramalho – Osella

3º Paulo Ramalho – Juno

4º Nuno Guimarães – BRC

5º Gonçalo Manahu – Porsche GT 3

34º PARCIDIO SUMMAVIELLE – DATSUN 240 Z


CLASSIFICAÇÃO GERAL CATEGORIA

FOX 5007_CopyFOX 5524_Copy

1º Flávio Sainhas – Ford Escort

2º Pedro Cerqueira – BMW

3º PARCIDIO SUMMAVIELLE – DATSUN 240 Z

4º Mário Mesquita – Datsun 1600

 

 

LUIS NUNES VOLTA A VENCER E CONSOLIDA LIDERANÇA

 

CAMPEONATO NACIONAL DE MONTANHA 2016 - VALVOLINE

RAMPA de SANTA MARTA

LUÍS NUNES VOLTA A VENCER E CONSOLIDA LIDERANÇA NO CAMPEONATO



Luís Nunes e o seu espectacular Seat Leon Cup Racer, conseguiu este fim de semana na Rampa de Santa Marta, no meio das belas paisagens
do Douro, mais uma excelente vitória, fazendo o pleno até agora, quatro provas quatro vitórias no Campeonato Nacional de Montanha 2016.

Foi com tempo seco e quente, que esta bonita região do Douro recebeu a excelente lista de 48 concorrentes à Rampa de Santa Marta, factores estes, que trouxeram muito público até ao traçado da prova. Luís Nunes evoluiu positivamente ao longo das subidas de treinos, melhorando o “set up” do seu carro de acordo com as condições encontradas, preparando as subidas oficiais onde o esperava uma forte oposição.


No decorrer das duas subidas de treinos, Luís Nunes mostrou logo aos seus adversários  que estava ali para lutar pela vitória, e rubricou logo de seguida dos excelentes crono com 2.03.338  e 2.02.396.
 

Perante estes tempos o piloto do Seat Leon da Gelcurto, não se fez rogado e logo na primeira subida de prova voltaria a melhorar os tempos, fazendo 2.00.181.Com a motivação crescida, nas duas restantes subidas de prova ainda baixaria mais os tempos, com  um crono “canhão”  de 1.59.2011, para na derradeira subida fazer 2.00.036.

Com estes tempos foi o suficiente para que Luís Nunes fosse o vencedor, assim antes da cerimónia de entrega de prémios começou por nos dizer,

“Com o piso seco as minhas dificuldades para vencer aumentam, dado que o meu carro não é o mais potente nesta categoria e é mais difícil fazer a diferença.  Ainda assim estive sempre no topo da classificação e estava confiante de que poderia vencer.  Ataquei forte na primeira subida de prova disputada no Sábado e consegui um bom tempo, facto muito positivo, já que deixava os meus adversários sob pressão. Mesmo assim no Domingo tive de forçar o andamento para conseguir vencer, baixei do minuto 2 e fui bastante constante nos tempos, o que foi fundamental para triunfar. Aqui em Santa Marta já se pôde ver que o resto da época não vai ser fácil, com a oposição a estar cada vez mais perto, algo que eu já sabia que ia acontecer. De qualquer forma este início de época sempre a ganhar, deu-me uma boa vantagem em termos de campeonato, situação que me permite gerir da melhor forma as próximas jornadas. Nada está ainda garantido, mas sinto agora que posso de facto cumprir o principal objectivo do início da época, ser campeão. Vamos com calma e fazer tudo que estiver ao nosso alcance para que assim seja. Agradeço uma vez mais à Martinsspeed pelo excelente trabalho que fizeram para acertar com o Setup do carro, à  Veloso Motorsport, por me entregar mais uma vez um excelente carro e com uma  fiabilidade mecânica incrível.” Afirmou Luís Nunes.

Quero aproveitar para dedicar esta vitória a todos os meus patrocinadores, em especial as marcas do meu concelho " VALPAÇOS a Essência Natural ".  É para mim um prazer enorme poder, no Douro Capital do vinho do Porto, levar ao lugar mais alto do pódio os vinhos das CAVES de Valpaços e o azeite ROSMANINHO.

 

O Campeonato Nacional de Montanha regressa a 2 e 3 de Julho, para disputar a Rampa do Caramulo, quinta prova desta emocionante competição em 2016.

 

CLASSIFICAÇÃO FINAL

 

1º LUIS NUNES – SEAT LEON

 

2º Joaquim Teixeira – Renault Mégane Trophy

 

3º Ricardo Gomes – Seat LeónFOX 4447_CopyFOX 5031_Copy

 

INFORMAÇÃO INCORRECTA NO CAMPEONATO NACIONAL DE MONTANHA

INFORMAÇÃO INCORRECTA

 

No passado fim de semana a Race Spirit, entidade que edita os comunicados do Campeonato Nacional de Montanha, informava que a próxima prova a ter lugar será a Rampa do Caramulo em 9 e 10 de Julho, conforme  anexo.

 

Fomos contactados por uma série de de pilotos, que nos quFOX 5283_Copyestionaram sobre a data da prova, e por isso consultamos a Federação Portuguesa de Automobilismo e Karting, onde fomos informados que a Rampa do Caramulo terá lugar no fim de semana de 2 e 3 de Julho próximos, e não a 9 e 10 de JUlho, conforme informação vinculada pela entidade que emite os comunicados.

 

 

"O Campeonato Nacional de Montanha Valvoline segue agora para o Caramulo, onde se disputa a 09 e 10 de Julho a quinta jornada desta competição em 2016. "


Todos os resumos das diversas subidas de prova e treinos, estão disponíveis quer no site oficial do campeonato em www.campeonatomontanha.com, quer no facebook em https://www.facebook.com/CampeonatoMontanha/

 

 

LUIS SILVA COM MAIS UM PÓDIO EM SANTA MARTA

 

Luís Silva soma o quarto pódio consecutivo

Na sua estreia absoluta na Rampa de Santa Marta, Luís Silva garantiu o 2º lugar da Categoria 3 apesar de um pequeno toque que condicionou a sua prova no sábado.

 

O piloto do BMW M3 E30 não tinha disputado a edição de 2015 da Rampa de Santa Marta, que no ano passado voltou a integrar o calendário nacional após uma longa ausência. Num traçado algo atípico, esse desconhecimento acabou por condicionar a prova do piloto de Famalicão, que sofreu um toque na primeira subida de prova, no sábado, vindo depois a recuperar o seu andamento normal para garantir o 2º lugar da categoria e o quarto pódio em quatro provas esta época.

“Às vezes temos de correr riscos para tentar diminuir a diferença entre o nosso carro e o dos nossos adversários. Foi isso que fiz no sábado mas infelizmente dei um toque. O carro depois foi reparado para domingo e fiz duas subidas em 2'02, um tempo que se calhar poderia ter melhorado com mais tempo em pista. Esta é uma rampa onde a experiência conta muito porque é difícil encontrar as melhores trajetórias. Para o ano vamos voltar aqui mais fortes”, afirmou Luís Silva, que voltou a vencer a classe E1-C.

A quinta prova do Campeonato Nacional de Montanha será a famosa Rampa do Caramulo, agendada para os próximos dias 2 e 3 de Julho.ZMF 6901_CopyZMF 7118_Copy

 

RAMPA SANTA MARTA

RAMPA SANTA MARTA - CAMPEONATO NACIONAL DE MONTANHA 2016 - VALVOLINE

 

BASTIDORES

 

Mais uma série de imagens dos bastidores da Rampa de Santa Marta.

 

Fotos de João Raposo em SantaFOX 4201_CopyFOX 4203_CopyFOX 4205_CopyFOX 4206_CopyFOX 4207_CopyFOX 4208_CopyFOX 4209_CopyFOX 4211_CopyFOX 4213_CopyFOX 4217_CopyFOX 4218_CopyFOX 4219_CopyFOX 4222_CopyFOX 4223_CopyFOX 4225_CopyFOX 4246_CopyFOX 4226_CopyFOX 4228_CopyFOX 4229_CopyFOX 4232_CopyFOX 4237_CopyFOX 4242_CopyFOX 4245_CopyFOX 4246_CopyFOX 4247_CopyFOX 4249_CopyFOX 4252_CopyFOX 4255_CopyFOX 4256_CopyFOX 4257_CopyFOX 4258_CopyFOX 4259_CopyFOX 4260_CopyFOX 4261_CopyFOX 4262_CopyFOX 4263_CopyFOX 4264_CopyFOX 4269_CopyFOX 4269_CopyFOX 4270_CopyFOX 4271_CopyFOX 4272_CopyFOX 4273_CopyFOX 4274_CopyFOX 4275_CopyFOX 4277_CopyFOX 4280_CopyFOX 4281_CopyFOX 4282_CopyFOX 4283_CopyFOX 4285_CopyFOX 4286_CopyFOX 4298_CopyFOX 4299_CopyFOX 4301_CopyFOX 4302_CopyFOX 4303_CopyFOX 4304_Copy Marta - www.velocidadeonline.com

 

REIS NA LIDERANÇA DA CATEGORIA 2

 

Edgar Reis assume liderança da Categoria 2

O Campeonato Nacional de Montanha prosseguiu na Rampa de Santa Marta, onde Edgar Reis garantiu o 3º lugar da Categoria 2 e o 7º posto da geral absoluta.

Depois da vitória na Rampa da Covilhã - Serra da Estrela, Edgar Reis chegava motivado à Santa Marta de Penaguião, palco da quarta prova da temporada. O piloto do Porsche 997 GT3 Cup terminou novamente no pódio, a apenas nove décimos do 2º classificado da Categoria 3, sendo condicionado por um toque na segunda subida de prova.

No domingo demos um toque na chicane e isso obrigou-nos a arriscar tudo na terceira e última subida de prova. Aí também sofri um pequeno toque mas fiz 1:57.115, ficando a apenas nove décimos do António Nogueira. Acaba por ser um bom resultado porque nos permite liderar o campeonato com um ponto de vantagem. Esta categoria é a mais renhida de todo o campeonato e basta ver que já houve três vencedores diferentes nas quatro primeiras provas, lembrou o piloto de Famalicão, que conseguiu um positivo 7º lugar da geral.

Agora, Edgar Reis e o Team Transfradelos vão preparar a quinta prova do Campeonato Nacional, a emblemática Rampa do Caramulo, agendada para os dias 2 e 3 de Julho.ZMF 7039_CopyZMF 7047_Copy

 

JOAQUIM RINO ANDOU DEPRESSA NA RAMPA SANTA MARTA

 

CAMPEONATO NACIONAL DE MONTANHA 29016 – VALVOLINE

 

 

RAMPA DE SANTA MARTA

 

JOAQUIM RINO ANDOU DEPRESSA NA RAMPA DE SANTA MARTA



Com piso seco, Joaquim  Rino demonstrou o que é conduzir um BRC CM 05 Evo, onde andou muito depressa, acabando por não ter sorte na segunda subida de prova , quando deu um toque num rail de segurança, provocando alguns danos no seu carro.

Mas a verdade é que Joaquim Rino logo nas duas subidas de treinos faria os cronos de 2.05.258 e 2.00.401, mostrando que estava ali para lutar pelos lugares das frente. Para as subidas de prova, e estando motivado pelos tempos obtidos, Joaquim Rino , faria na primeira subida de prova 2.00.210. No domingo, na primeira subida alcançou o tempo de 1.57.777, no entanto na segunda subida acabaria por bater. Toda a equipa da FR Power  conseguiu recuperar o BRC em tempo recorde, para na última subida conseguir alcançar um tempo de 2.00.298.

Assim no final, antes de colocar o BRC no parque fechado, o piloto da Batalha fez-nos o balanço de mais esta jornada “ não correu mal, tive a pouca sorte de bater na segunda subida de prova, pois na realidade ia muito depressa, isso logo a seguir à chicane que está antes de entrar na zona da rampa velha. Para ganhar tempo travei muito tarde, e acabei por não conseguir fazer a curva, e fui contra os rails, provocando alguns danos no carro que a equipa liderada pelo Rui da FR Power operou milagres, a tempo de poder fazer a ultima subida “.



CLASSIFICAÇÃO  GERAL FINAL


1º Pedro Salvador – Norma

2º Rui Ramalho – Osella

3º Paulo Ramalho – Juno

4º Nuno Guimarães – BRC

5º Gonçalo Manahu – Porsche GT 3

10º JOAQUIM RINO – BRC CM O5 EVO


CLASSIFICAÇÃO FINAL CATEGORIA 1

FOX 5283_CopyFOX 5284_CopyFOX 5285_Copy

1º Pedro Salvador – Norma

2º Rui Ramalho – Osella

3º Paulo Ramalho – Juno

4º Nuno Guimarães – BRC

5º JOAQUIIM RINO – BRC CM 05 EVO

 

 

RAMPA SANTA MARTA 2016

RAMPA SANTA MARTA 2016

 

GALERIA DE IMAGENS - BASTIDORES

 

Grupo de imagens de alguns dos bastidores no passado fim de semana na Rampa de Santa Marta, prova a contar para o Campeonato Nacional de MoFOX 4065_CopyFOX 4067_CopyFOX 4068_CopyFOX 4069_CopyFOX 4070_CopyFOX 4071_CopyFOX 4072_CopyFOX 4074_CopyFOX 4075_CopyFOX 4076_CopyFOX 4077_CopyFOX 4078_CopyFOX 4079_CopyFOX 4080_CopyFOX 4081_CopyFOX 4082_CopyFOX 4083_CopyFOX 4084_CopyFOX 4085_CopyFOX 4086_CopyFOX 4087_CopyFOX 4088_CopyFOX 4090_CopyFOX 4091_CopyFOX 4092_CopyFOX 4093_CopyFOX 4094_CopyFOX 4095_CopyFOX 4096_CopyFOX 4097_CopyFOX 4098_CopyFOX 4099_CopyFOX 4100_CopyFOX 4101_CopyFOX 4102_CopyFOX 4103_CopyFOX 4104_CopyFOX 4105_CopyFOX 4106_CopyFOX 4107_CopyFOX 4108_CopyFOX 4109_CopyFOX 4110_CopyFOX 4112_CopyFOX 4114_CopyFOX 4115_CopyFOX 4116_CopyFOX 4117_CopyFOX 4118_CopyFOX 4119_CopyFOX 4120_CopyFOX 4121_CopyFOX 4121_CopyFOX 4122_CopyFOX 4117_CopyFOX 4119_CopyFOX 4123_CopyFOX 4124_CopyFOX 4125_CopyFOX 4126_CopyFOX 4129_CopyFOX 4130_CopyFOX 4131_CopyFOX 4134_CopyFOX 4135_CopyFOX 4137_CopyFOX 4139_CopyFOX 4140_CopyFOX 4141_CopyFOX 4143_CopyFOX 4144_CopyFOX 4145_CopyFOX 4146_CopyFOX 4147_CopyFOX 4148_CopyFOX 4149_CopyFOX 4150_CopyFOX 4151_CopyFOX 4152_CopyFOX 4153_CopyFOX 4154_CopyFOX 4155_CopyFOX 4156_CopyFOX 4157_CopyFOX 4157_CopyFOX 4158_CopyFOX 4159_CopyFOX 4160_CopyFOX 4161_CopyFOX 4162_CopyFOX 4163_CopyFOX 4164_CopyFOX 4165_CopyFOX 4166_CopyFOX 4168_CopyFOX 4170_CopyFOX 4172_CopyFOX 4173_CopyFOX 4174_CopyFOX 4175_CopyFOX 4176_CopyFOX 4177_CopyFOX 4178_CopyFOX 4179_CopyFOX 4180_CopyFOX 4190_CopyFOX 4191_CopyFOX 4192_CopyFOX 4193_CopyFOX 4194_CopyFOX 4195_CopyFOX 4196_CopyFOX 4197_CopyFOX 4199_CopyFOX 4200_CopyFOX 4201_Copyntanha.

 

Fotos de João Raposo na Rampa de Santa marta - www.velocidadeonline.com

 

DOMINGOS FERNANDES DENTRO DOS OBJECTIVOS

 

CAMPEONATO NACIONAL DE MONTANHA 2016

 

 

RAMPA DE SANTA MARTA

 

DOMINGOS FERNANDES DENTRO DOS OBJECTIVOS



Após a ausência na Rampa da Covilhã, eis que o Autobianchi A 112 de Domingos Fernandes regressou ao Campeonato Nacional de Montanha, onde foi autor duma excelente prova, isenta de erros e tendo em conta o carro com que participa.

Assim, nas duas subidas de treinos, o piloto de Armamar faria os tempos de 3.12.068 e 3.02.670, para nas três subidas de prova conseguir melhorar de forma significativa com 2.45.803, 2.43.865 e  2.44.876.

No final da prova, depois de colocar o pequeno Autobianchi A 112 no parque fechado, Domingos Fernandes descreveu-nos esta jornada, disputada bem próximo da sua residência “  correu muito bem, sem problemas, foi sempre a melhorar os meus tempos em cada subida efectuada, o carro esteve impecável, isso graças ao trabalho da Auto Arantes. Por outro lado não cometi erros, em suma tudo cinco estrelas.

De salientar que o champanhe com que os três primeiros classificados festejaram  no pódio, foi uma oferta da marca Terras do Demo, em que Domingos Fernandes foi o interlocutor.

 

 

CLASSIFICAÇÃO  GERAL FINAL


1º Pedro Salvador – Norma

2º Rui Ramalho – Osella

3º Paulo Ramalho – Juno

4º Nuno Guimarães – BRC

5º Gonçalo Manahu – Porsche GT 3

46º DOMINGOS FERNANDES – AUTOBIANCHI A 112

 

CLASSIFICAÇÃO CATEGORIA 5

FOX 4884_CopyFOX 4886_Copy

1º Flávio Sainhas – Ford Escort

2º Pedro Cerqueira _ Ford Escort

3º Parcidio Summavielle – Datsun 240 Z

4º Cândido Monteiro – Datsun 1200

5º Mário Mesquita – Datsun 1600 SSS

6º DOMINGOS FERNANDES – AUTOBIANCHI A 112

 

TEIXEIRA NO PÓDIO EM SANTA MARTA

 

Joaquim Teixeira acumula mais um pódio em Santa Marta

 

A quarta prova do Campeonato Nacional de Montanha disputou-se em Santa Marta de Penaguião, um palco onde Joaquim Teixeira levou o Renault Megane Trophy ao 2º lugar da Categoria 4, garantindo o seu terceiro pódio consecutivo.

 

O piloto da Bompiso já sabia que a Rampa de Santa Marta não seria muito favorável às características do Renault Megane Trophy. Ainda assim, concentrou-se em evoluir o seu andamento e desta vez os problemas mecânicos deram tréguas a Joaquim Teixeira, que conseguiu terminar no 2º lugar da categoria.

“No sábado comecei a tentar ganhar ritmo nas duas subidas de treinos mas o carro estava muito instável nas travagens. Na subida de prova de Sábado, travei muito tarde no último gancho à direita, o carro entrou muito desequilibrado na curva e acabei por fazer um pião que me estragou a subida. No Domingo corrigimos a travagem e o set up e o carro melhorou muito, mas tinha de fazer as duas subidas de prova sem cometer qualquer exagero porque não podia errar sob pena de ficar sem duas subidas que me permitissem pontuar”, explicou o piloto de Murça. “Na primeira andei a um bom ritmo e consegui fazer o mesmo tempo do meu principal adversário, que tem um carro muito evoluído e que é muito superior em zonas sinuosas. Na última cometi um erro que acabou por me condicionar a prestação e perdi 2 segundos em relação à primeira subida.

 

Já sabia que este não era o traçado mais indicado para o Trophy - e não estou a arranjar desculpas porque quem entende de corridas sabe que é verdade. É uma rampa muito estreita, que tem uma zona muito sinuosa e com relevê diferente de curva para curva, o que dificulta a aderência do Megane. Mesmo que o Megane tenha mais potência, segundo o que os meus adversários dizem, atualmente essa diferença é muito menor do que dizem depois das evoluções e alterações que cada um deles tem vindo a fazer. A prova onde poderia ter uma palavra a dizer seria na Falperra mas a chuva estragou os planos. No entanto posso dizer que em face de tudo a prova em Santa Marta de Penaguião não me correu assim tão mal porque mesmo neste tipo de traçado ando ao nível dos mais rápidos da minha categoria, embora ache que poderia ter baixado ao segundo 57 ou 58”, apontou Joaquim Teixeira.

Agora, o piloto da Bompiso vai preparar a emblemática Rampa do Caramulo, quinta prova do Campeonato Nacional de Montanha / Valvoline, agendada para os dias 2 e 3 de Julho.ZMF 6864_CopyZMF 7365_Copy

 

LUIS NUNES E VELOSO MOTORSPORT VITORIOSOS EM SANTA MARTA

LUIS NUNES E VELOSO MOTORSPORT VITORIOSOS EM SANTA MARTA

 

 

A Veloso Motorsport conseguiu no passado fim-de-semana em Santa Marta de Penaguião, o pleno de vitórias até esta altura no Campeonato Nacional de Montanha Valvoline, com Luis Nunes a levar o SEAT Leon Cup Racer da equipa nortenha, ao triunfo na Categoria 4 pela quarta vez em quatro provas disputadas em 2016.

 

Foi com tempo seco e quente, que esta bonita região do Douro recebeu a excelente lista de 48 concorrentes à Rampa de Santa Marta, factores estes, que trouxeram muito público até ao traçado da prova. Luis Nunes evoluiu positivamente ao longo das subidas de treinos, melhorando o “setup” do seu carro de acordo com as condições encontradas, preparando as subidas oficiais onde o esperava uma forte oposição.

 

“Com o piso seco as minhas dificuldades para vencer aumentam, dado que o meu carro não é o mais potente nesta categoria e é mais difícil fazer a diferença. Ainda assim estive sempre no topo da classificação e estava confiante de que poderia vencer. Ataquei forte na primeira subida de prova disputada no Sábado e consegui um bom tempo, facto muito positivo, já que deixava os meus adversários sob pressão. Mesmo assim no Domingo tive de forçar o andamento para conseguir vencer, baixei do minuto 2 e fui bastante constante nos tempos, o que foi fundamental para triunfar. Aqui em Santa Marta já se pôde ver que o resto da época não vai ser fácil, com a oposição a estar cada vez mais perto, algo que eu já sabia que ia acontecer. De qualquer forma este início de época sempre a ganhar, deu-me uma boa vantagem em termos de campeonato, situação que me permite gerir da melhor forma as próximas jornadas. Nada está ainda garantido, mas sinto agora que posso de facto cumprir o principal objectivo do início da época, ser campeão. Vamos com calma e fazer tudo que estiver ao nosso alcance para que assim seja. Agradeço uma vez mais à Veloso Motorsport, por me entregar um carro impecavelmente preparado e excelente em termos de fiabilidade mecânica.” Afirmou Luis Nunes.

 

O Campeonato Nacional de Montanha regressa a 2 e 3 de Julho, para disputar a Rampa do Caramulo, quinta prova desta emocionante competição em 2016.


Fotos de João Raposo na Rampa Santa Marta - www.velocidadeonline.com


NOTA DE REDACÇÃO

O www.velocidadeonline.com   enquanto gestor  desta página e respectiva página do Facebook, é neste caso totalmente alheio quer à qualidade, quer ao teor deste artigo em termos de erros e imprecisões apresentados pela Race Spirit como autor deste textoFOX 4444_CopyFOX 4446_Copy

  

 

FRANCISCO MARRÃO DE SEAT LEON COPA

 

Francisco Marrão esteve em excelente plano na Rampa de Santa Marta, quarta jornada do Campeonato Nacional de Montanha Valvoline 2016. Ao volante de um SEAT Leon Copa MKI, Marrão manteve-se sempre em posição de chegar ao pódio final da Categoria 4, falhando este objectivo por muito pouco e apenas na última subida de prova.

Denotando uma melhoria considerável de tempos em relação ao ano passado, Francisco Marrão está confiante que o pódio que agora lhe escapou por muito pouco, será uma realidade dentro em breve.

“Foi de facto pena ter perdido o terceiro lugar mesmo no final, mas ainda assim estou muito satisfeito com a quarta posição, numa categoria onde existem carros mais potentes e eficazes que o meu, como é o caso dos SEAT de última e penúltima geração e o Megane Trophy. Chegar ao pódio é quase como que uma vitória para mim e este fim-de-semana estive muito perto de o conseguir em Santa Marta. Tenho vindo a melhorar muito os meus tempos em relação ao ano passado, já o fiz na Serra da Estrela e agora aqui, e isso é também reflexo do trabalho que tenho vindo a desenvolver com a Speedy Motorsport e em especial com o Pedro Salvador, que se tem mostrado incansável na ajuda que me tem prestado. É notória a minha evolução e por isso o meu agradecimento a todos eles. Este resultado motiva-me para encarar com optimismo o resto da época, tendo como objectivos evoluir o máximo que conseguir e aproveitar todas as oportunidades que surgirem, para chegar a um dos lugares do pódio na Categoria 4. Não será fácil, mas também não é impossível como se pôde constatar nesta prova.” Disse Francisco Marrão.  

Francisco Marrão volta ao activo dentro de três semanas, para disputar a mediática Rampa do Caramulo, quinta jornada do Nacional de Montanha em 2016.


Nota de Redacção

O www.velocidadeonline.com    enquanto gestor desta página e respectiva página de Facebook, é neste caso totalmente alheio  quer à qualidade, quer ao teor deste artigo  em termos de erros e imprecisões apresentados pela RPRFM130616A CopyPRFM130616 Copyace Spirit como autora deste texto

 

 

VETTRA MOTORSPORT NO PÓDIO EM SANTA MARTA

 

Vitor Ramos e Ricardo Gomes dão pódios à Vettra Motorsport

A região do Douro provou, este fim-de-semana, uma vez mais, que é única no mundo: excelente vinho, paisagens de cortar a respiração e público aficionado pelo desporto motorizado.

Foi sob este cenário que os guerreiros da Vettra Motorsport enfrentaram os seus adversários e, em alguns casos, as suas mecânicas.

Vitor Ramos e Ricardo Gomes alcançaram o pódio nas suas Categorias, com segundo e terceiro lugar, na Categoria 6 e 4, respectivamente.

Jorge Gonçalves e Mário Mesquita também subiram ao pódio, mas desta feita à Classe. Gonçalves tem demonstrado uma cada vez maior adaptação ao exigente Fiat Punto S1600

Na Categoria 2, José Correia, num traçado muito estreito e sinuoso, teve dificuldade em colocar a potência do Nissan GT-R GT3 no chão e isso reflectiu-se na tabela de tempos, com o piloto de Braga a ficar às portas do pódio.

Na Categoria 4, além do pódio de Gomes, Paulo Silva foi quinto e José Francisco Cerqueira foi sétimo. Um ligeiro toque de Paulo Silva e problemas mecânicos no Seat Leon de Cerqueira, afectaram as subidas de treinos mas no domingo tudo correu pelo melhor.

Luís Borges era um homem satisfeito no final da corrida porque “ os homens da Vettra Motorsport, no meio da adversidade, conseguiram dar o melhor de si e colocar os carros prontos a tempo dos pilotos poderem efectuar as subidas de prova sem problema. Aconteceu isso com os Seat Leon – Ricardo Gomes, turbo, Francisco Cerqueira, motor, Paulo Silva, acidente-, com o Ford Escort de Vitor Ramos e com o Nissan Gt-R GT3, em que foi necessário trocar a embraiagem. Os pilotos e restante equipa estão de parabéns pelos resultados obtidos; sem o esforço de todos, nada disto era possível.”IMG 8517_CopyIMG 8571_Copy

 

CANDIDO MONTEIRO COM JORNADA AGRIDOCE

 

CAMPEONATO NACIONAL DE MONTANHA 2016 – VALVOLINE

 

RAMPA DE SANTA MARTA

 

CANDIDO MONTEIRO  COM JORNADA “ AGRIDOCE”

 

 

A sorte parecia  nada querer com o Datsun 1200 de Cândido Monteiro que depois de registar o tempo de 2.28.813  na primeira subida de treinos, acabaria por partir a caixa de velocidades  no inicio da segunda. A verdade é que o piloto do Datsun 1200 azul acabaria por encontrar uma caixa de velocidades semelhante em Braga, permitindo ainda fazer as duas ultimas subidas de prova, alcançando ainda assim os tempos de  2.28.194 e 2.29.635 respectivamente.

 

Por isso no final, Cândido Monteiro falou-nos um pouco das “desventuras” do fim de semana, “ tive a pouca sorte da caixa de velocidades ter partido, por outro lado tive a sorte de encontrar uma caixa semelhante não muito longe de Santa Marta. O meu preparador Nuno Afoito que foi comigo  a Braga, e em tempo contra relógio, montou a nova caixa de velocidades a tempo de poder fazer a segunda e terceira subida de prova. Aproveito esta oportunidade   para agradecer todo o esforço de toda a equipa, que tudo fizeram para que tivesse o Datsun 1200 em condições de poder competir, foi uma noite inteira de trabalho, mas as duas subidas que fiz cautelosamente, acabaram por bem, e permitiram obter tempos  razoáveis, mas suficientes para vencer a Taça 1300 “

 

De referir que por motivos profissionais, Cândido Monteiro irá estar ausente da Rampa do caramulo a ter lugar no primeiro fim de semana de Julho, contando no entanto regressar na Rampa Sra da Graça.

 

CLASSIFICAÇÃO GERAL FINAL

 

1º Pedro Salvador – Norma

2º Rui Ramalho – Osella

3º Paulo Ramalho – Juno

4º Nuno Guimarães – BRC

41º CÃNDIDO MONTEIRO – DATSUN 1200

 

 

CLASSIFICAÇÃO GERAL CATEGORIA

 

1º Flávio Sainhas – Ford Escort

2º Pedro cerqueira – BMW

3º Parcidio Summavielle – Datsun 240 Z

4º CÂNDIDO MONTEIRO N- DATSUN 1200FOX 5903_CopyFOX 6395_Copy

 

JCGROUP COM PROBLEMAS

 

Problemas mecânicos condicionam JCGroup Racing Team na Rampa de Santa Marta


Os pilotos da JCGroup Racing Team tiveram de superar problemas no Nissan Nismo GT-R e no SEAT León Supercopa durante o fim-de-semana em Santa Marta de Penaguião. Ainda assim, José Correia terminou no 4º lugar da Categoria 2/GT e Ricardo Gomes voltou a subir ao pódio (3º lugar) na Categoria 3/Turismos.

José Correia e Ricardo Gomes já sabiam que a Rampa de Santa Marta seria um dos maiores desafios da época, devido às características atípicas do traçado transmontano. Contudo, a dupla da JCGroup Racing Team também teve de lidar com algunns problemas mecânicos que condicionaram a sua performance, principalmente no dia de sábado. “De facto o primeiro dia de prova revelou-se muito complicado para os dois pilotos, embora por circunstâncias distintas. O SEAT teve problemas mecânicos graves e as subidas de sábado foram bastante penalizadoras. O carro não passava das 4.500 rpm e numa rampa com estas características isso é um grave problema. Quanto ao Nissan não nos podemos esquecer que esta foi a primeira vez que o carro fez esta rampa. Este é, com toda a certeza, o traçado mais complexo para o Nissan Nismo GT-R que é um carro muito grande e cujas características mecânicas são em vários aspectos incompatíveis com esta rampa”, explicou Ricardo Gomes.


Ainda assim, a resiliência da equipa de Braga veio ao de cima e o 4º lugar na categoria para José Correia e o 3º lugar na categoria para Ricardo Gomes são resultados importantes para manter a consistência no campeonato. “Não baixámos os braços e lutámos até à última subida de prova, como é nosso apanágio. Os problemas do SEAT ficaram resolvidos durante a noite, graças ao extraordinário trabalho da VettraMotorsport e hoje o carro alinhou em perfeitas condições tendo feito tempos de 2'02, e com isso alcançámos o 3º lugar na categoria Turismos. Já o Nissan, apesar de todos os esforços, revelou fortes problemas de embraiagem em todas as subidas deste domingo, o que nos empurrou para o 4º lugar da categoria GT. Segue-se o próximo desafio que será a Rampa do Caramulo, no início de Julho, e cujo traçado é muito mais interessante para os nossos carros”, referiu o piloto de Braga.

A emblemática Rampa do Caramulo será a quinta prova do Campeonato Nacional de Montanha, estando agendada para os dias 2 e 3 de Julho.ZMF 7009_CopyZMF 7112_CopyZMF 7325_CopyZMF 7328_Copy

 

AMNSPORT E ANTÓNIO NOGUEIRA NO PÓDIO EM SANTA MARTA

 

CAMPEONATO NACIONAL DE MONTANHA 2016 – VALVOLINE

 

 

RAMPA DE SANTA MARTA

 

 

AMNSPORT E ANTÓNIO NOGUEIRA NO PÓDIO EM SANTA MARTA



Depois da ausência na Rampa da Covilhã, por razões profissionais, eis que a equipa da AMN Sport – António Nogueira esteve á partida da Rampa Santa Marta, ao volante do seu já habitual Porsche GT 2 na quarta prova do Campeonato Nacional de Montanha.

António Nogueira  logo nas duas subidas de treinos fez logo  tempos na ordem dos  2.03.876 e 2.00.645  respectivamente, aliás dois excelentes cronos, numa altura em que o Porsche GT 2 começou a debater-se com problemas eléctricos. Mesmo assim o piloto da AMN Sport não baixou os braços, e nas três subidas de prova conseguiu ainda baixar mais os tempos , conseguindo alcançar os tempos de  1.59.729, 1.57.550 e 1.57.537, sempre a melhorar, mas sem duvida alguma insuficientes para ser o vencedor da categoria.

Depois de ter retirado o capacete, e ter bebido um pouco de água, António Nogueira, disse-nos logo “      não deu para mais…não se pode vencer sempre…Tive problemas eléctricos, para além doutra situação numa centralina que não permitiu um melhor desempenho por parte do carro, e face a isso não foi possível fazer melhor. Depois por lapso meu, usei uns pneus da época passada, que também não veio ajudar em nada, mas as corridas são assim mesmo, e temos de saber superar os imprevistos. Dou os meus parabéns ao Gonçalo Manahu por esta brilhante vitória, e posso acrescentar que face ao estado em que o meu Porsche GT 2 se encontra, não ficaria nada surpreendido que o Edgar Reis no seu GT 3, também ficasse à minha frente “.



CLASSIFICAÇÃO FINAL GERAL



1º Pedro Salvador – Norma

2º Rui Ramalho – Osella

3º Paulo Ramalho – Juno

4º Nuno Guimarães – BRC

5º Gonçalo Manahu – Porsche GT 3

6º AMN SPORT – ANTÓNIO NOGUEIRA – PORSCHE GT 2



CLASSIFICAÇÃO FINAL CATEGORIA


1º Gonçalo Manahu – Porsche GT 3

2º AMN SPORT – ANTÓNIO NOGUEIRA – PORSCHE GT 2

3º Edgar Reis – Porsche GT 3

 

 

CIRCUITO INTERNACIONAL DE VILA REAL

 

INDECISÃO NA PARTICIPAÇÃO NO SEIO DA EQUIPA DA  AMN SPORT


FOX 5256_CopyFOX 6107_Copy

Para o Circuito Internacional de Vila Real, a equipa da AMNSport – António Nogueira, tem assegurada a sua participação na prova reservada para o Campeonato Nacional de Clássicos. Há duas semanas atrás, António Nogueira afirmou que  poderia ir de Ford Escort, no entanto o piloto da Régua tem novos planos, que são aqui desvendados “ para já o que está inscrito para as corridas em Vila Real, é o Ford Capri, no entanto ainda estou indeciso, pois já há muito tempo que não corro no Escort, e para já estou nesta indecisão, só mesmo dois , ou três dias antas da prova tomarei decisão sobre qual dos carros é que irei participar, por isso vamos ter de aguardar um pouco mais para depois se saber com que carro é que a AMNSport irá participar no Circuito Internacional de Vila Real “.

 

 

MARTINE PEREIRA DE NOVO COM PROBLEMAS

 

CAMPEONATO NACIONAL DE MONTANHA 2016 – VALVOLINE

 

RAMPA DE SANTA MARTA

 

MARTINE PEREIRA DE NOVO COM PROBLEMAS NA CAIXA DE VELOCIDADES


O Lola T 70 de Martine Pereira tem dado muitas “dores de cabeça” a toda a equipa do piloto de Vila Nova de Famalicão, pois a caixa de velocidades e a embraiagem não estão sintonizadas, e com isso não tem permitido que possa tirar maior partido das potencialidades deste protótipo.

Os problemas na Rampa de Santa Marta surgiram  logo na primeira de treinos, que obrigou a que Martine Pereira tivesse de encostar. Depois a equipa de mecânicos tentou solucionar o problema, e assim Martine Pereira acabaria por conseguir fazer as três subidas de prova, mas com uma série de limitações, tendo conseguido alcançar os cronos de 2.24.124, 2.22.897 e 2.23.361 respectivamente.

No final da prova, depois de retirar o capacete, descreveu-nos como foi o fim de semana” contava que o problema de embraiagem estava solucionado, mas pelos vistos não está, com muita pena minha. Estava esperançado que estivesse tudo resolvido, para assim poder fazer uma boa prova, mas infelizmente não deu para isso. Vamos ter de estudar com o fabricante a melhor solução, para ver se na próxima prova na Rampa do Caramulo, isto pertence ao passado “.

 

CLASSIFICAÇÃO GERAL CATEGORIA

FOX 5951_Copy

1º MARTINE PEREIRA – Lola T 70

 

MANAHU VENCE CATEGORIA EM SANTA MARTA

Vitória de Gonçalo Manahu

Depois de três pódiuns consecutivos, o piloto do Porsche 997 GT3, vence a Categoria e faz um brilhante quinto tempo à geral, na Rampa de Santa Marta de Penaguião.

Gonçalo Manahu entrou com o pé direito e os pneus certos. Logo na primeira subida da manhã, fez o terceiro tempo à geral e incontestavelmente liderava a categoria. “Apostei nos pneus Avon e encontrei um carro completamente diferente, muito mais agarrado ao piso, cheguei ao topo da rampa convencido que tinha vindo devagar e vejo que estou com o terceiro tempo. Acredito que na próxima subida ainda possa fazer melhor, com o conhecimento que vou tendo sobre o comportamento do carro.”

Na segunda subida de prova, com o traçado mais quente, o tempo piorou em dois décimos de segundo o que “é natural, pois estava mais escorregadio. Mesmo assim fiz o melhor tempo da categoria e só os protótipos ficaram à minha frente. Acho que fiz um bom resultado.” O piloto do Porsche 997 GT3 Cup fez quinto à geral, a 54 milésimas(!) do quarto tempo.

Na última subida, com o piso mais quente notou-se que os tempos foram geralmente meio segundo mais lentos. Apesar de ter seguido essa tendência “subi num ritmo idêntico ao da prova anterior mas não consegui fazer baixar o tempo. O mesmo aconteceu com a maioria dos meus adversários e por isso acho que melhor só mesmo com o azar dos outros (risos).”

Gonçalo Manahu, conseguiu o tempo total de 3m 53, 742s que lhe dá a vitória, há tanto perseguida, na Categoria 2. “Adaptei-me muito bem ao traçado. É uma rampa completamente diferente das outras e acho que parece feita à minha medida. Estou muito feliz, pois tinha o objectivo de vencer uma prova este ano e esta vitória é o cumprir disso mesmo. Com este resultado parto para a segunda metade do campeonato com motivação redobrada.” Rematou o vencedor da Categoria 2.

manahu.s.marta manahu.s.marta.2

 

QUATRO SEGUIDAS PARA PEDRO SALVADOR

CAMPEONATO NACIONAL DE MONTANHA 2016 - VALVOLINE

 

RAMPA SANTA MARTA

 

QUATRO SEGUIDAS PARA PEDRO SALVADOR

 

 

Pedro Salvador conquistou em Santa Marta de Penaguião a quarta vitória da época e ainda bateu o record absoluto deste traçado.

O homem da Speedy Motorsport começou bem. Retirou nove décimas ao tempo da primeira subida de prova e consolidou a liderança. “Ontem fiquei com a certeza de que ainda podia melhorar e com a rampa mais rápida baixei o tempo para o segundo 45.” O homem do Norma deixa assim o seu mais directo adversário a 1,3 segundos e bate o record da Rampa e Santa Marta, com o tempo de 1m 45,842s.

Mas se bater o record não foi suficiente, na derradeira subida de prova ainda retirou mais meio segundo. O melhor tempo de sempre na Rampa de Santa Marta é agora de 1m 45,245s.

“Na última subida estava apostado em tentar baixar para o segundo 44 e acho que tinha conseguido, não fosse o facto de na travagem para o último gancho da rampa ter ficado com o pé preso por baixo do acelerador e por isso ter perdido tempo. Mais uma vez, dei o meu melhor, fui rápido e bati mais um record. Acho que esta é a melhor forma de agradecer a todos quantos me apoiam e de dar o melhor espectáculo, que é isso que traz o público às rampas.” Rematou o vencedor da Rampa de Santa Marta de Penaguião.

Contas feitas, Pedro Salvador rodou em 3m 31,087s, no somatório das duas melhores subidas, o que lhe deu uma vantagem de 3,963s sobre o segundo classificado. Com esta vitória, o homem do Norma M20 FC venceu pela quarta vez, em quatro provas, o que o coloca destacado na frente do Campeonato Nacional de Montanha.

salvador.s.marta

 

RAMPA SANTA MARTA 2016

CAMPEONATO NACIONAL DE MONTANHA 2016 - VALVOLINE

 

RAMPA SANTA MARTA

 

PEDRO SALVADOR VENCE A TODA A LINHA

 

 

Chegou ao fim a segunda edição da Rampa de Santa Marta, quarta jornada do Campeonato Nacional de Montanha Valvoline 2016. Numa prova marcada pelo bom tempo, factor que trouxe muita gente para assistir a uma excelente prova, recheada de emoção e muito espectáculo.
Com o tempo total de 3:31s087, a vitória pertenceu a Pedro Salvador em Norma M20FC, que cimenta desta forma a sua liderança no campeonato, onde tem até agora o pleno de triunfos tantos em termos absolutos, como na Categoria 1.
O piloto flaviense conseguiu na última subida de prova a marca de 1:45s245, marca que fica a constituir novo recorde da rampa organizada pelo Clube Automóvel da Régua, com o exemplar apoio da Câmara Municipal de Santa Marta de Penaguião.

 


“Estou muito satisfeito com este triunfo, numa prova que não conhecia. Fui evoluindo ao longo dos treinos, conseguindo baixar os tempos pouco a pouco. Na última subida podia ter melhorado um pouco mais, mas tive um pequeno problema com um pé a ficar preso, o que me impediu de chegar cá em cima no melhor tempo possível. Com este resultado tenho de assumir que o meu objectivo de chegar ao título ficou mais perto, mas ainda há muito caminho pela frente e a concorrência está mais perto como se viu aqui nesta prova.” Afirmou Pedro Salvador.
Sem conseguir bater Salvador, mas a mostrar uma grande evolução em relação a provas anteriores, Rui Ramalho levou o seu Osella PA 21S Evo até ao segundo lugar final da geral e da Categoria 1, deixando o degrau mais baixo do pódio para o seu irmão Paulo Ramalho em Juno CN09.
A correr em casa, Nuno Guimarães esteve sempre muito rápido ao volante do pequeno BRC CM02, conseguindo o quarto lugar final, com Joaquim Rino a completar o lote de pilotos que pontuaram na Categoria 1.

 


Com um excelente quinto lugar absoluto e marca de 3:53s742, Gonçalo Manahu levou o seu Porsche 997 GT3 Cup ao triunfo na Categoria 2, com 0s993 de vantagem para o piloto local António Nogueira em Porsche 911 GT2. Naquela que é uma das mais animadas categorias do Campeonato Nacional de Montanha Valvoline em 2016, foi Edgar Reis (Porsche 997 GT3 Cup) a completar os lugares com direito a pódio.
“Esta é uma vitória arrancada a ferros, mas que acho já merecia! Foi uma luta constante desde a primeira subida de ontem, para ir evoluindo a minha forma de condução e a chegar à melhor afinação para o carro nesta rampa. Optei por utilizar pneus diferentes hoje, que se mostraram mais eficazes e me deram um pouco mais de confiança para atacar forte nas duas subidas de prova. Esta é uma categoria muto competitiva e que só vai ficar decidida mesmo no final, onde espero estar entre os candidatos ao título.” Referiu Gonçalo Manahu.
No quarto lugar da Categoria 2 ficou José Correia em Nissan GT-R Nismo GT3. Pedro Saraiva (Mitsubishi Lancer Evo IX) e João Guimarães (Peugeot 206 RC) ocuparam as duas posições seguintes.

 


Com o bonito Ford Fiesta R5, Manuel Correia soma e segue na Categoria 3, alcançando o triunfo nesta rampa com o tempo total de 3:58s401, depois de liderar as tabelas de tempos durante toda a prova. O pódio desta categoria ficou completo com a presença de Luis Silva em BMW M3 e Sérgio Nogueira em Citroën Saxo.
“Foi mais uma boa vitória. Gostei do traçado e consegui ser sempre muito rápido, tendo sempre no meu carro um aliado de peso, o que me deu vantagem na luta pelo triunfo. Ontem ainda tive a forte oposição de Manuel Pereira, mas como ele bateu e hoje não subiu, fiquei mais à vontade para hoje. Dei um grande passo em direcção ao título, mas ainda é cedo para pensar nisso, temos de continuar a apostar forte e tentar vencer as provas que faltam.” Sintetizou Manuel Correia.
Francisco Morgado foi terceiro com um Mitubishi Lancer EvoVIII, seguido por César Caldas em carro idêntico e Nuno Pinto em Mazda MX5.
Na Categoria 4, o triunfo ficou decidido nos instantes finais da prova, com Luis Nunes (SEAT Leon Cup Racer) a levar a melhor com o tempo total de 3:59s237, conseguindo bater Joaquim Teixeira em Renault Megane Trophy V8, por pouco mais de um segundo. Ricardo Gomes fechou o pódio com o seu SEAT Leon Supercopa MKII.

 


“Hoje foi mesmo muito complicado conseguir vencer a prova. Com o tempo seco e tendo adversários com carros mais potentes que o meu, fica tudo muito equilibrado e por isso até ao fim nunca se sabe quem vai ganhar. Consegui ser eu a vencer e estou obviamente muito satisfeito. Este pode ser um resultado decisivo na luta pelo título, sendo que fico agora em posição privilegiada para o conseguir.” Disse Luis Nunes.
Francisco Marrão em SEAT Supercopa MKI foi o quarto, seguido por Paulo Silva (SEAT Supercopa MKII), pelo piloto espanhol Simon Martinez e José Cerqueira, ambos em SEAT Supercopa MKI.
Com um excelente andamento, Flávio Sainhas conseguiu o tempo final de 4:25s176 e levou o seu Ford Escort MKI ao triunfo na Categoria 5, na frente de Pedro Cerqueira em BMW E30 E30, Parcídio Summavielle em Datsun 240Z e Mário Mesquita em Datsun 1600 SSS.

“Foi uma vitória saborosa e muito difícil. Andei bem, consegui evoluir a cada subida e por isso cheguei ao fim como vencedor, apesar de não ter sido fácil, já que tive bastante oposição e isso não me deixou descansar.” Disse Flávio Sainhas.
Imparável na Categoria 6, Hélder Silva foi o vencedor incontestado com o tempo total de 4:03s240. Atrás do piloto do BMW 323i, ficaram Victor Ramos em Ford Escort MKI e Fernando Salgueiro com um Ford Escort MKII. Martine Pereira fechou a classificação da categoria com o seu Lola T70.

 


“Foi mais uma luta um pouco solitária, onde a principal motivação que tive foi a de fazer o melhor possível à geral. Fui mostrando grande evolução ao longo da prova e os tempos que consegui deixaram-me muito satisfeito. O 13º lugar na geral é uma boa recompensa para mim e para a minha equipa.” Referiu Hélder Silva.
Sempre na frente ao longo do fim-de-semana, Armando Freitas não teve dificuldade para vencer a Taça Nacional de Montanha, levando o pequeno Toyota Starlet ao triunfo com a marca final de 4:42s055. Leonel Brás garantiu o segundo lugar com um Citroen AX Sport na frente de Roberto Meira em Fiat Punto 85.

 


“Não tive grandes problemas para vencer, com o meu carro a estar sempre impecável ao longo da prova. É um resultado merecido e uma justa recompensa para a nossa equipa.” Disse Armando Freitas.
Foi muito suada a vitória conseguida por Cândido Monteiro na Taça Nacional de Clássicos Montanha. O piloto do Datsun 1200, partiu a caixa de velocidades ontem, sendo forçado a abdicar da primeira subida de prova. Com o carro recuperado para Domingo, Monteiro entrou ao ataque e conseguiu um merecido triunfo face à oposição de José Figueiredo em Datsun 1200 e Domingos Fernandes em Autobianchi A112.
“Antes demais quero agradecer aos amigos que me ajudaram a arranjar uma caixa de velocidades e ajudaram na respectiva troca, o que me possibilitou estar aqui hoje a comemorar. Desta vez tive oposição e também por isso o triunfo foi bem mais recompensador.” Adiantou Cândido Monteiro.

 


O Campeonato Nacional de Montanha Valvoline segue agora para o Caramulo, onde se disputa a 09 e 10 de Julho a quinta jornada desta competição em 2016.
Todos os resumos das diversas subidas de prova e treinos, estão disponíveis quer no site oficial do campeonato em www.campeonatomontanha.com, quer no facebook em https://www.facebook.com/CampeonatoMontanha/

 

fOTOS : Foto GTI - Armindo Cerqueira e Pedro Ferreira

 

 

NOTA DE REDACÇÃO

 

O  ,www.velocidadeonline.com  , enquanto gestor desta página e do Facebook, é nesta caso totalmente alheio quer à qualidade, quer ao teor deste artigo em termos de erros e imprecisões apresentados pela Race Spirit como autoria deste texto.PRESS-APF 6520_CopyPRESS-APF 6550_CopyPRESS-GTI 8275_CopyPRESS-GTI 8729_CopyPRESS-GTI 9227_CopyPRESS-GTL 4754_CopyPRESS-GTL 4801_Copy

 

 

RAMPA SANTA MARTA 2016

CAMPEONATO NACIONAL DE MONTANHA 2016 - VALVOLINE

 

 

RAMPA DE SANTA MARTA

 

 

 

Perante uma excelente moldura humana, a última subida do dia, - primeira de prova na Rampa de Santa Marta -, foi bastante atribulada com alguns acidentes a atrasarem o programa da prova organizada pelo Clube Automóvel da Régua.

Nada que incomodasse Pedro Salvador, que colocou o seu Norma M20FC no topo da tabela de tempos da geral absoluta, tanto do Campeonato Nacional de Montanha Valvoline como também da Categoria 1, com o melhor tempo do dia, 01:46s788.

Com a decisão final marcada para amanhã, Salvador parte por isso com vantagem para Rui Ramalho, que conseguiu a segunda posição com o seu Osella PA21S Evo. Nuno Guimarães manteve um excelente andamento com o pequeno BRC CM02 e marcou a terceira melhor marca nesta categoria.

Edgar Reis foi o mais rápido na Categoria 2, registando a marca de 01:58s965 com o seu Porsche 997 GT3 Cup, suplantando António Nogueira em Porsche 911 GT2 por apenas 0s764. Gonçalo Manahu, que liderou os acontecimentos nas duas subidas de treinos com o seu Porsche 997 GT3 Cup, fez apenas a terceira marca nesta subida.

Manuel Correia foi mais o eficaz na Categoria 3, levando a melhor com o possante Ford Fiesta R5. Correia obteve a marca de 02:00s499, suplantando Manuel Pereira em Mitsubishi Lancer Evo VI pela incrível margem de 10 milésimas! Azar, no entanto, para este último, que bateu logo após a tomada de tempos, deixando o bólide japonês em mau estado. Também acidentado, Luis Silva levou o seu BMW M3 até ao terceiro lugar nesta subida.

Com uma excelente subida em 2:00s181, Luis Nunes e o SEAT Leon Cup Racer lideram a Categoria 4. Francisco Marrão conseguiu a segunda melhor marca com o SEAT Leon Supercopa MKI. Em carro idêntico, Simon Martinez obteve o terceiro tempo. Joaquim Teixeira (Renault Megane Trophy V8) hipotecou as suas possibilidades, com um pião a estragar a sua subida.

Flávio Saínhas em Ford Escort MKI foi o mais rápido na Categoria 5 com 02:12s955, na frente de Pedro Cerqueira em BMW E30 e de Carlos Oliveira em Porsche 911 ST.

Na Taça Nacional de Montanha, a primazia pertenceu a Armando Freitas em Toyota Starlet 1.3 S, que fez nesta subida o tempo de 02:23s379, Roberto Meira em Fiat Punto 85 foi segundo, com Leonel Brás a levar o seu Citroen AX Sport ao terceiro lugar.

José Figueiredo em Datsun 1200 foi o mais rápido na Taça Nacional de Clássicos com 02:32s963, com Domingos Fernandes a ser o segundo com o seu Autobianchi A112.

Tiago Ribeiro em VW Golf, único na Categoria 7, continua a melhorar os seus tempos, conseguindo um tempo de 02:08s763.

Amanhã cumpre-se o restante programa da Rampa de Santa Marta 2016, com os pilotos a disputarem as duas últimas e decisivas subidas de prova, antecedidas de uma subida de treinos.

 

 

Resumos dos treinos


Última subida de treinos sem surpresas


Com o calor a continuar a marcar forte presença na Rampa de Santa Marta, a segunda subida de treinos decorreu sem problemas de maior e tantos em termos absolutos, como na Categoria 1, foi mais uma vez Pedro Salvador (Norma M20FC) a realizar a melhor marca com 1:47s772, tirando cerca de 1,2s ao seu tempo anterior. Rui Ramalho (Osella PA21S Evo) foi o segundo mais rápido, mas não melhorando em relação à sua primeira subida de treinos. Nuno Guimarães (BRC CM 02) registou mais uma vez a terceira melhor marca com o seu BRC CM02.

Com o bonito Ford Fiesta R5, Manuel Correia foi de novo o mais rápido na Categoria 3, conseguindo desta feita o tempo de 2:00s285. Manuel Pereira (Mitsubishi Lancer Evo) foi o segundo mais rápido, com Sérgio Nogueira a surpreender com o seu Citroen Saxo e a ficar no terceiro lugar desta categoria.

Na Categoria 2, Gonçalo Manahu em Porsche 997 GT3 Cup voltou a ser o mais rápido com 2:00s370, tirando mais de dois segundos ao seu tempo anterior. António Nogueira foi segundo com o seu fiel Porsche 911 GT2, na frente de José Correia e do espectacular Nissan GT-R Nismo GT3.

Com o SEAT Leon Cup Racer de última geração, Luis Nunes fez 2:023s396 e voltou a ser o mais rápido na Categoria 4, mas a diferença para Joaquim Teixeira, segundo classificado com o imponente Renault Megane Trophy V8, foi agora de apenas 370 milésimos. Francisco Marrão em SEAT Supercopa MKI foi o terceiro mais rápido.

Na Categoria 5 foi Flávio Saínhas em Ford Escort MKI o mais rápido com 02:14s272, na frente de Carlos Oliveira em Porsche 911 ST e Parcídio Summavielle em Datsun 240Z.

Com o tempo de 2:04s184, Hélder Silva (BMW 323i) voltou a ser o melhor na Categoria 6, na frente de Victor Ramos (Ford Escort MKI) e Fernando Salgueiro em Ford Escort MKII. Único inscrito na Categoria 7, Tiago Ribeiro (VW Golf), cumpriu a sua subida em 2:09s930.

Armando Freitas em Toyota Starlet 1.3 S (2:24s009), vai dominando na Taça Nacional de Montanha, com Leonel Brás (Citroen AX Sport) em segundo e Roberto Meira (Fiat Punto 85) em terceiro.

Azar para Cândido Monteiro nesta subida, já que ficou parado com problemas de caixa de velocidades no seu Datsun 1200, deixando o caminho aberto para que fosse José Figueiredo a ser o mais rápido na Taça Nacional de Clássicos (2:37s338), na frente do pequeno Autobianchi A112 de Domingos Fernandes.

 

Rampa de Santa Marta abre com sol e calor



Foi com sol e muito calor que Santa Marta de Penaguião recebeu a caravana do Campeonato Nacional de Montanha Valvoline, onde este fim-de-semana se disputa a Rampa de Santa Marta, - quarta jornada desta empolgante competição em 2016. Depois de três provas onde a chuva marcou presença, chegou finalmente o verão e esta é uma boa noticia para a extensa lista de 48 pilotos inscritos para esta prova.

A primeira subida de treinos abriu o programa da 2ª Rampa de Santa Marta, com o tempo de 1:48s954, Pedro Salvador foi o mais rápido entre todos os concorrentes com o seu Norma M20FC, liderando em termos absolutos e na Categoria 1. Com mais 348 milésimas, Rui Ramalho colocou o seu Osella PA21S Evo no segundo lugar, mostrando que com o tempo seco e uma maior adaptação ao protótipo italiano, o jovem piloto do Porto pode dar réplica a Salvador.

Gonçalo Manahu esteve muito bem nesta primeira subida, colocando o seu Porsche 997 GT3 Cup no comando da Categoria 2 com o tempo de 2:02s615, na frente de Edgar Reis em carro idêntico e de José Correia em Nissan GT-R Nismo GT3.

Manuel Correia foi o mais rápido na Categoria 3, conseguindo a marca de 2:03s705 com o seu Ford Fiesta R5. Mais atrás Manuel Pereira (Mitsubishi Lancer Evo) e Luis Silva (BMW M3), terminaram separados por escassas décimas, na segunda e terceira posição desta categoria.

Luis Nunes continua a mostrar-se como adversário a bater na Categoria 4, alcançando a marca de 2:03s333. Com mais 2,5s que o piloto do SEAT Leon Cup Racer, Joaquim Teixeira (Renault Megane Trophy V8) foi o segundo mais rápido, na frente de Francisco Marrão em SEAT Supercopa MKI.

Na Categoria 5 o mais lesto foi Pedro Cerqueira em BMW E30, seguido por Flávio Saínhas em Ford Escort MKI e Carlos Oliveira em Porsche 911 ST. Hélder Silva continua a dominar na Categoria 6 com o seu BMW 323i, deixando para trás Victor Ramos (Ford Escort MKI) e Fernando Salgueiro em Ford Escort MKII.

Na Taça Nacional de Montanha o mais rápido foi Armando Freitas em Toyota Starlet 1.3 S, com Leonel Brás Citroen AX Sport e Roberto Meira Fiat Punto 85, por esta ordem nas posições seguintes. Por seu turno na Taça Nacional de Clássicos Montanha, o mais rápido foi Cândido Monteiro, seguido por José Figueiredo, ambos os pilotos em Datsun 1200. Domingos Fernandes com o pequeno Autobianchi A112 fechou o pelotão.

 

Fotos : Amindo Cerqueira - Foto GTI e Pedro Ferreirapress 1_Copypress 2_Copypress 3_Copypress 4_Copypress 8_Copy

 

 

NOTA DE REDACÇÃO

 

O www.velocidadeonline.com,  gestor desta página  e respectiva página no Facebook, é neste caso totalmente alheio quer à qualidade, quer ao teor deste artigo em termos de erros e imprecisões apresentadas pela  Race Spirit como autora deste texto.

 

RAMPA SANTA MARTA - PEDRO SALVADOR NA FRENTE

 

O piloto da Speedy Motorsport está na frente da Rampa da Santa Marta de Penaguião, com uma vantagem de 3,264 segundos.

Apesar do desconhecimento do traçado, Pedro Salvador fez o melhor tempo, na primeira subia de reinos da Rampa de Santa Marta de Penaguião. Na segunda, já com melhor conhecimento do traçado, atingiu a marca de 1m 47,772, a melhor marca de treinos e colocou a diferença para o segundo em 1,665 segundos.

“Entrei a com algum cuidado. Na segunda subida de treinos tinha também feito algumas alterações no set-up do Norma e retirei 1,2 segundos. Mesmo assim, acho que ainda é possível fazer melhor.”

E foi mesmo, na primeira subida de prova retirou um segundo redondo e marcou o melhor tempo em 1m 46,788s, o melhor do fim-de-semana neste traçado.

“Tinha um bom set-up e o tempo é reflexo disso. Apostei em andar rápido, mas ainda tenho margem para retirar. Com o traçado mais fresco que espero encontrar amanhã de manhã, acho que poderei ser ainda mais rápido.” Remata o líder do Campeonato Nacional de Montanha.

salvador. santa.marta

 

RAMPA SANTA MARTA 2016

Gonçalo Manahu começa bem.

A Rampa de Santa Marta, de Penaguião começou bem para o piloto do Porsche 911, que está no pódium da categoria.

Gonçalo Manahu entrou com o pé direito e no primeiro contacto com o traçado da Rampa de Santa Marta de Penaguião, fez o quinto melhor tempo do dia, apenas superado pelos protótipos, os veículos favoritos na classificação geral deste tipo de prova.

No segundo treino, o piloto o Porsche retirou 2,3 segundos e manteve o quinto posto da geral: “estamos todos a rodar em tempos muito próximos e qualquer décima faz diferença. Apesar de tudo o que me foi dito sobre esta rampa e sobre as armadilhas que tem, estou a dar-me bem e gosto do traçado.”

Na primeira subida de prova, “estava muito rápido e acho que tinha tudo para fazer um bom tempo, mas na parte final, com o sol de frente deixei de ver e cheguei depressa demais a uma curva, travei demasiado tarde e perdi muito tempo.”

Apesar do atraso, Gonçalo Manahu ficou no grupo dos três da frente da Categoria. “Agora vou ver os vídeos da prova e ver onde posso ganhar e onde perdi. Espero fazer melhor amanhã.” Remata o piloto do Porsche.

Domingo disputam-se as duas últimas subidas de prova e o piloto do Porsche 911 GT3, espera conseguir melhorar.

 

RAMPA SANTA MARTA 2016

CAMPEONATO NACIONAL DE MONTANHA 2016 - VALVOLINE

 

RAMPA DE SANTA MARTA

 

OS DESABAFOS DE RICARDO GOMES

 

 

Ontem não foi o dia! Apesar de todos os esforços e garra a mecânica do Seat Leon Supercopa recusa-se colaborar. Não vamos baixar os braços! Hoje é novo dia aqui a Rampa de Santa Marta de Penaguiao! 

GostoMostrar mais reações
Comentar

 

JC GROUP EM SANTA MARTA

 

JCGroup Racing Team ruma à Rampa de Santa Marta

José Correia e Ricardo Gomes já se afirmaram como protagonistas das respetivas categorias no Campeonato Nacional de Montanha. A dupla bracarense enfrenta agora um traçado atípico em Santa Marta de Penaguião.

Os dois pilotos da JCGroup Racing Team têm acumulado pódios na Categoria 2 (José Correia) e na Categoria 4 (Ricardo Gomes), preparando-se agora para disputar a quarta prova da temporada, a transmontana Rampa de Santa Marta. Depois da última e emotiva prova na Serra da Estrela, a Rampa da Covilhã, a equipa encara a Rampa de Santa Marta com muitas expectativas”, admite Ricardo Gomes, piloto do SEAT León Supercopa. “O traçado de Santa Marta de Penaguião é extremamente exigente e sabemos que é uma dificuldade acrescida para o Nissan Nismo GT3 do José Correia. As características do GT-R em nada estão adaptadas a este tipo de traçado. Contudo, e porque o nosso compromisso é levar o melhor espectáculo possível ao público do Campeonato Nacional de Montanha, encaramos a prova como um grande desafio. Temos vindo a trabalhar bastante, com toda a equipa para tentar encontrar as afinações técnicas para os carros nesta rampa”, referiu o piloto bracarense.

Santa Marta de Penaguião regressou ao calendário nacional em 2015, depois de uma longa ausência. “É um dos mais atípicos que se podem encontrar em rampas”, revela Ricardo Gomes. “Simplificando: é um misto de traçado rápido (típico de uma rampa) com um troço de rali. Estas condicionantes são extremamente exigentes para pilotos e equipas técnicas. Não é das provas mais rápidas (em velocidade de ponta), mas é talvez uma das mais exigentes em termos de percurso. É uma prova cujo traçado é ideal para carros de tracção integral”, concluiu o piloto da JCGroup Racing Team.

 

A quarta prova da época começa este sábado (dia 11) às 14:30 com as primeiras subidas de treinos. No domingo, os pilotos começam os treinos livres às 10:00. MG_1907_Copy MG_2329_Copy MG_2611_Copy MG_2998_Copy

 

PEDRO COELHO SARAIVA EM SANTA MARTA

 

CAMPEONATO NACIONAL DE MONTANHA VALVOLINE - 2016

 

IMG 4082_Copy

Depois do excelente desempenho na primeira subida da Rampa da Covilhã, em que venceu a categoria, Pedro Coelho Saraiva vai estar presente na II Rampa de Santa Marta de Penaguião, ao volante do seu Evo IX. A participação na quarta prova para o Campeonato Nacional de Montanha tem como objetivo ficar logo a seguir aos GT’s em termos de categoria e ganhar o Grupo N. Sobre a prova referiu: “É um traçado que desconheço, de que tenho boas referências e inserido numa paisagem magnifica, esperando adaptar-me bem, evoluindo os tempos ao longo das diversas passagens e divertir-me numa competição de que gosto muito. Tudo aponta para termos, finalmente, uma prova sem chuva, o que vai obrigar a um esforço maior para andar perto dos GT’s”.

Pedro Coelho Saraiva que conta com o apoio da CRP, CHÃOFLEX, SPORTGRASS e T.W. - Truck & Weel. (Foto Manuel Baptista Jr)

 

RAMPA SANTA MARTA É JÁ AMANHÃ

RAMPA SANTA MARTA É JÁ AMANHÃ

 

CAMPEONATO NACIONAL DE MONTANHA 2016 - VALVOLINE

 

 

102 Rui Ramalho 10166 Rui Ramalho 10166 Osella PA21 S EVO 1 CN 2 103 Paulo Ramalho 10165 Paulo Ramalho 10165 Juno CN09 1 CN 2 105 Pedro Salvador 12463 Pedro Salvador 12463 Norma M20FC 1 CN 2 151 Joaquim Rino 7115 Joaquim Rino 7115 BRC OS EVO 1 CM 8 160 Nuno Guimarães 12508 Nuno Guimarães 12508 BRC CM 02 1 CM 8 201 Edgar Reis 10709 Edgar Reis 10709 Porsche 997 2 GT 23 202 António Nogueira António Nogueira Porsche GT2 2 GT 23 207 Gonçalo Manahu 7022 Gonçalo Manahu 7022 Porche 997 GT3 CUP 2 GT 23 210 JCGroup Racing Team 10693 José Correia 10694 Nissan Nismo GT3 2 GT 23 222 Daniela Marques Daniela Marques Subaru Impreza 2 A2 20 223 José Oliveira 11727 José Oliveira 11727 Subaru Impreza 2 A2 20 250 Jorge Gonçalves 10775 Jorge Gonçalves 10775 Fiat Punto 2 A1 15 256 Pedro Marques 11681 Pedro Marques 11681 Seat Leon TDI 2 A1 17 259 João Guimarães 6758 João Guimarães 6758 Peugeot 206 RC 2 A1 16 263 Pedro Coelho Saraiva 7119 Pedro Coelho Saraiva 7119 Mitsubishi Lancer EVO IX 2 N2 14 304 Manuel Correia 11103 Manuel Correia 11103 Ford Fiesta R5 3 E1-A 24 341 Manuel Pereira 10064 Manuel Pereira 10064 Mitsubishi Lancer EVO VI 3 E1-C 31 343 Nuno Flores 11222 Nuno Flores 11222 Ford Sierra 2.0 RS 3 E1-C 30 350 Luís Silva 7183 Luís Silva 7183 BMW E30 M3 3 E1-C 31 351 Sérgio Nogueira 7075 Sérgio Nogueira 7075 Citroen Saxo 3 E1-C 29 352 Rui Oliveira 11924 Rui Oliveira 11924 Citroen AX GTI 3 EC-1 29 353 Francisco Morgado 11922 Francisco Morgado 11922 Mitsubishi Lancer EVO VIII 3 E1-C 31 354 Paulo Nogueira 11220 Paulo Nogueira 11220 Citroen Saxo 3 E1-C 29 355 Jorge Meira 11913 Jorge Meira 11913 Citroen Saxo Cup 3 E1-C 29 356 César Caldas 12000 César Caldas 12000 Saxo 1.6 3 E1-C 29 357 Nuno Pinto 12139 Nuno Pinto 12139 Mazda MX5 3 E1-C 30 401 Bompiso Racing Team Joaquim Teixeira 7922 Renault Megane Trophy 4 TRF 35 402 Francisco Marrão 12082 Francisco Marrão 12082 Seat Leon 4 TRF 35 403 Paulo Silva 11469 Paulo Silva 11469 Seat Leon Supercopa 4 TRF 35 410 JC Group Racing Team 10693 Ricardo Gomes 10695 Seat Leon MK2 4 TRF 35 414 José Cerqueira 11325 José Cerqueira 11325 Seat Leon 1.8 4 TRF 35 415 Escuderia T. Martinez Racing EC-041-G-A Simon Martinez E-1600 G-A Seat Leon 4 TRF 35 450 Veloso Motorsport 10599 Luís Nunes 11026 Seat Leon 4 TRF 35 504 Pedro Cerqueira 11427 Pedro Cerqueira 11427 BMW E30 5 A-PH90 51 525 Parcídio Summavielle 11391 Parcídio Summavielle 11391 Datsun 240Z 5 4-H71 45 535 Mário Mesquita 8833 Mário Mesquita 8833 Datsun 1600 SSS 5 2-H71 43 541 Flávio Saínhas 10671 Flávio Saínhas 10671 Ford Escort MK1 5 2-H71 47 555 Carlos Oliveira 8946 Carlos Oliveira 8946 Porsche 911 SC 5 4-H75 48 601 Martine Pereira 6840 Martine Pereira 6840 Lola T70 6 6 55 660 Fernando Salgueiro 10903 Fernando Salgueiro 10903 Ford Escort MK II 6 5 54 662 Victor Ramos 7197 Victor Ramos 7197 Ford Escort 6 5 54 666 Hélder Silva 10559 Hélder Silva 10559 BMW E21 6 5 55 702 Tiago Ribeiro Tiago Ribeiro VW Golf CUP 7 TCR 60 825 Roberto Meira 11916 Roberto Meira 11916 Fiat Punto 85 4 TRF 4 x 858 Armando Freitas 10144 Armando Freitas 10144 Toyota Starlet 1.3 2 A 2 x 859 Leonel Brás 8327 Leonel Brás 8327 Citroen AX Sport 2 A 2 x 871 Cândido Monteiro 10391 Cândido Monteiro 10391 Datsun 1200 5 2-H71 5 x 872 Domingos Fernandes 10919 Domingos Fernandes 10919 Autobianchi A112 5 2-H71 5 x 878 José Figueiredo 10963 José Figueiredo 10963 Datsun 1200 5 2-H71 5 x 1 José Carlos Almeida 7927 José Carlos Almeida 7927 Subaru Impreza SM X3 14 x 2 Alberto Pereira 10061 Alberto Pereira 10061 Seat Ibiza 1.8T SM X2 12 x 3 Sónia Pereira 10062 Sónia Pereira 10062 Seat Ibiza SM X2 10 x 4 Tiago Silva Tiago Silva Alfa Romeo GTAM SM X2 10 x 5 Marta Neves 11830 Marta Neves 11830 Citroen Saxo SM X1 9 x 6 Arnaldo Guedes 7988 Arnaldo Guedes 7988 Fiat Punto

 

LUIS SILVA CONFIANTE

 

Luís Silva confiante para a Rampa de Santa Marta

 

Depois de uma vitória e mais dois pódios na Categoria 3, Luís Silva quer lutar pela vitória na quarta prova do Campeonato Nacional de Montanha, em Santa Marta de Penaguião.

 

O piloto de Famalicão já mostrou que consegue diminuir a desvantagem teórica do seu BMW M3 E30 face às máquinas da concorrência, preparando-se agora para descobrir o traçado da rampa transmontana, que no ano passado regressou ao calendário após longa ausência.

“Não disputei esta prova o ano passado mas pelas informações que já recolhi o traçado começa numa variante larga e rápida e depois entra numa secção mais estreia, encadeada e a exigir pilotagem. Acredito que é aqui que poderei fazer a diferença. Vamos tentar encontrar uma boa afinação nas subidas de treinos para depois lutar pela vitória na categoria”, afirmou Luís Silva.

A segunda edição da Rampa de Santa Marta começa este sábado (dia 11) às 14:30 com as primeiras subidas de treinos. No domingo, os pilotos entram em pista a partir das 10:00. MG_3094_1_Copy
 

RAMPA DE SANTA MARTA

 

A próxima prova de Pedro Salvador é a Rampa de Santa Marta, em pleno coração da região do Douro.

O piloto do Norma M20FC parte para a quarta prova do Campeonato Nacional de Montanha, com a motivação de sempre, mas com a certeza de que esta é a prova em que vai partir com maior desvantagem: “a Rampa de Santa Marta é uma prova desconhecida para mim, pois nunca lá guiei em condições de corrida. Gosto do traçado, é uma rampa completamente diferente de todas as outras e espero adaptar-me rapidamente, pois tenho consciência de que parto com um handicap face aos meus adversários.”

Pedro Salvador vem de uma sessão de três vitórias em outras tantas provas disputadas este ano e na prova duriense, esse factor ajuda: “vou fazer tudo para ser rápido, pois entendo que essa é a minha melhor forma de agradecer a aposta que o município de Santa Marta de Penaguião e o Clube Automóvel da Régua, fizeram e também a todos quantos me apoiam.” Rematou o homem da Speedy.

A competição arranca já no Sábado.

pedro.salvador.penha

 

RAMPA DE SANTA MARA

Santa Marta de Penaguião é a próxima etapa

Gonçalo Manahu tem no Sábado o próximo desafio do Campeonato Nacional de Montanha e espera conseguir um pódium.

“Esta rampa é uma total novidade e que sei que tem algumas armadilhas. Apesar de tudo gosto deste traçado, único, em que zonas lentas e estreitas se sucedem a zonas largas e rápidas, o final é igualmente rápido e entre muros… vou tentar andar depressa e escapar às tais armadilhas (risos).” Explica o piloto do Porsche 911.

Esta época é a primeira em que Gonçalo Manahu aposta no Campeonato Nacional de Montanha e apesar de ser um ano de adaptação, os resultados têm sido positivos: “sim, tenho andado sempre no pódium, dentro dos GT´s estamos todos com andamentos muito semelhantes e temos discutido as provas à décima de segundo. Aqui acredito que vá ser mais ou menos da mesma forma, mas sempre com a consciência de que todos os outros já cá competiram.” Remata o piloto. 

manahu penha

 

MANUEL CORREIA NA RAMPA SANTA MARTA

 

Manuel Correia chega à Rampa de Santa Marta como líder da Categoria 3

 

Duas vitórias e um segundo lugar dão a Manuel Correia o comando da Categoria 3 do Campeonato Nacional de Montanha. A quarta prova da época será disputada em Santa Marta de Penaguião.

 

Ao volante do Ford Fiesta R5, Manuel Correia demonstrou uma excelente adaptação ao carro preparado pela ARC Sport e está inclusive no top 5 absoluto do CNM. Agora, o desafio é disputar a transmontana Rampa da Santa Marta, uma prova que regressou ao calendário do Nacional de Montanha no ano passado, depois de uma longa ausência.

 

“As minhas expectativas para esta prova não são muito diferentes das outras: quero sobretudo divertir-me e tentar uma boa classificação na categoria”, afirmou o piloto de Braga.

 

“À medida que o campeonato avança a disputa é cada vez maior e isso é bom. Santa Marta de Penaguião tem uma rampa pouco habitual, com um parte inicial muito rápida seguindo-se depois uma secção muito técnica e sinuosa. No ano passado subi ao pódio, vamos ver se é possível repetir esse resultado este ano”, concluiu.

 

Quarta prova da temporada, a Rampa de Santa Marta começa este sábado (dia 11) às 14:30 com as primeiras subidas de treinos. No domingo, os pilotos entram em acção a partir das 10:00.


IMG 4822_CopyIMG 5746_Copy
 

RAMPA SANTA MARTA 2016

RAMPA SANTA MNARTA DE PENAGUIÃO

 

LISTA DE INSCRITOS

 

 

Cat. Gr. Clas. TNM TNCM RR 102 Rui Ramalho 10166 Rui Ramalho 10166 Osella PA21 S EVO 1 CN 2 103 Paulo Ramalho 10165 Paulo Ramalho 10165 Juno CN09 1 CN 2 105 Pedro Salvador 12463 Pedro Salvador 12463 Norma M20FC 1 CN 2 151 Joaquim Rino 7115 Joaquim Rino 7115 BRC OS EVO 1 CM 8 160 Nuno Guimarães 12508 Nuno Guimarães 12508 BRC CM 02 1 CM 8 201 Edgar Reis 10709 Edgar Reis 10709 Porsche 997 2 GT 23 202 António Nogueira António Nogueira Porsche GT2 2 GT 23 207 Gonçalo Manahu 7022 Gonçalo Manahu 7022 Porche 997 GT3 CUP 2 GT 23 210 JCGroup Racing Team 10693 José Correia 10694 Nissan Nismo GT3 2 GT 23 222 Daniela Marques Daniela Marques Subaru Impreza 2 A2 20 223 José Oliveira 11727 José Oliveira 11727 Subaru Impreza 2 A2 20 250 Jorge Gonçalves 10775 Jorge Gonçalves 10775 Fiat Punto 2 A1 15 256 Pedro Marques 11681 Pedro Marques 11681 Seat Leon TDI 2 A1 17 259 João Guimarães 6758 João Guimarães 6758 Peugeot 206 RC 2 A1 16 263 Pedro Coelho Saraiva 7119 Pedro Coelho Saraiva 7119 Mitsubishi Lancer EVO IX 2 N2 14 304 Manuel Correia 11103 Manuel Correia 11103 Ford Fiesta R5 3 E1-A 24 341 Manuel Pereira 10064 Manuel Pereira 10064 Mitsubishi Lancer EVO VI 3 E1-C 31 343 Nuno Flores 11222 Nuno Flores 11222 Ford Sierra 2.0 RS 3 E1-C 30 350 Luís Silva 7183 Luís Silva 7183 BMW E30 M3 3 E1-C 31 351 Sérgio Nogueira 7075 Sérgio Nogueira 7075 Citroen Saxo 3 E1-C 29 352 Rui Oliveira 11924 Rui Oliveira 11924 Citroen AX GTI 3 EC-1 29 353 Francisco Morgado 11922 Francisco Morgado 11922 Mitsubishi Lancer EVO VIII 3 E1-C 31 354 Paulo Nogueira 11220 Paulo Nogueira 11220 Citroen Saxo 3 E1-C 29 355 Jorge Meira 11913 Jorge Meira 11913 Citroen Saxo Cup 3 E1-C 29 356 César Caldas 12000 César Caldas 12000 Saxo 1.6 3 E1-C 29 357 Nuno Pinto 12139 Nuno Pinto 12139 Mazda MX5 3 E1-C 30 401 Bompiso Racing Team Joaquim Teixeira 7922 Renault Megane Trophy 4 TRF 35 402 Francisco Marrão 12082 Francisco Marrão 12082 Seat Leon 4 TRF 35 403 Paulo Silva 11469 Paulo Silva 11469 Seat Leon Supercopa 4 TRF 35 410 JC Group Racing Team 10693 Ricardo Gomes 10695 Seat Leon MK2 4 TRF 35 414 José Cerqueira 11325 José Cerqueira 11325 Seat Leon 1.8 4 TRF 35 415 Escuderia T. Martinez Racing EC-041-G-A Simon Martinez E-1600 G-A Seat Leon 4 TRF 35 450 Veloso Motorsport 10599 Luís Nunes 11026 Seat Leon 4 TRF 35 504 Pedro Cerqueira 11427 Pedro Cerqueira 11427 BMW E30 5 A-PH90 51 525 Parcídio Summavielle 11391 Parcídio Summavielle 11391 Datsun 240Z 5 4-H71 45 535 Mário Mesquita 8833 Mário Mesquita 8833 Datsun 1600 SSS 5 2-H71 43 541 Flávio Saínhas 10671 Flávio Saínhas 10671 Ford Escort MK1 5 2-H71 47 555 Carlos Oliveira 8946 Carlos Oliveira 8946 Porsche 911 SC 5 4-H75 48 601 Martine Pereira 6840 Martine Pereira 6840 Lola T70 6 6 55 660 Fernando Salgueiro 10903 Fernando Salgueiro 10903 Ford Escort MK II 6 5 54 662 Victor Ramos 7197 Victor Ramos 7197 Ford Escort 6 5 54 666 Hélder Silva 10559 Hélder Silva 10559 BMW E21 6 5 55 702 Tiago Ribeiro Tiago Ribeiro VW Golf CUP 7 TCR 60 825 Roberto Meira 11916 Roberto Meira 11916 Fiat Punto 85 4 TRF 4 x 858 Armando Freitas 10144 Armando Freitas 10144 Toyota Starlet 1.3 2 A 2 x 859 Leonel Brás 8327 Leonel Brás 8327 Citroen AX Sport 2 A 2 x 871 Cândido Monteiro 10391 Cândido Monteiro 10391 Datsun 1200 5 2-H71 5 x 872 Domingos Fernandes 10919 Domingos Fernandes 10919 Autobianchi A112 5 2-H71 5 x 878 José Figueiredo 10963 José Figueiredo 10963 Datsun 1200 5 2-H71 5 x 1 José Carlos Almeida 7927 José Carlos Almeida 7927 Subaru Impreza SM X3 14 x 2 Alberto Pereira 10061 Alberto Pereira 10061 Seat Ibiza 1.8T SM X2 12 x 3 Sónia Pereira 10062 Sónia Pereira 10062 Seat Ibiza SM X2 10 x 4 Tiago Silva Tiago Silva Alfa Romeo GTAM SM X2 10 x 5 Marta Neves 11830 Marta Neves 11830 Citroen Saxo SM X1 9 x 6 Arnaldo Guedes 7988 Arnaldo Guedes 7988 Fiat Punto SM X1 8 x Total Inscritos 55 LISTA DE INSCRITOS R

 

VETTRA MOTORSPORT EM SANTA MARTA

 

Vettra Motorsport nos socalcos do Douro


Santa Marta de Penaguião recebe a próxima ronda do Nacional de Montanha. Uma bonita zona do país, onde as vinhas crescem em socalcos beijando o Douro, cenário ideal para o público viver as emoções de um dos mais interessantes campeonatos de automobilismo.
IMG 7445_CopyIMG 8528_Copy

 

PILOTO AMARANTINO NA RAMPA DE SANTA MARTA

 

PILOTO AMARANTINO MARCA PRESENÇA NA RAMPA DE SANTA MARTA

 

O piloto de  Amarante, José Francisco Cerqueira vai estar este fim de semana na quarta jornada do Campeonato Nacional de Montanha, ao volante do seu Seat León 1.8.

Para a prova deste fim de semana que se aproxima  a passos largos, José Francisco começou logo por nos dizer “ Faço um apelo aos aficionados em especial aos amarantinos para darem uma saltada à Rampa de Santa Marta de Penaguião que fica bem próximo de Amarante.

Esta prova que irá decorrer no sábado e domingo, conta com mais de meia centena de inscritos e com um lote de bons carros e bons pilotos, vai ser um grande espectáculo que não vai desiludir quem for assistir.

O Campeonato de Montanha deste ano tem um nível de pilotos, máquinas e competição como nunca se viu no passado e acho que tem tido um enorme sucesso com grande presença de publico mesmo com o péssimo tempo de chuva e inverno que marcou as provas já realizadas. 

Sobre os objectivos competitivos o piloto foi  curto “ é mais uma prova cujo traçado é totalmente novo para mim, sei que o meus adversários que já lá correram levam vantagem, mas vou fazer o meu melhor para rapidamente aprender a rampa, de forma a ir à procura dos tempos que me permitam uma boa classificação final!".

 

Horário da Prova:

Sábado 11 de Junho:

13:30 Fecho da Pista

14:30 Inicio das subidas de Treinos

16:30 Primeira Subida Oficial

 

Domingo 12 de Junho

9:00 Fecho da Pista

10:00 Subida de Treino

10:30 Segunda e Terceira subida Oficial

 

Apoios e Patrocínios:

  • JC Group - Braga
  • Centrocor - Soluções de Reparação Automóvel - Penafiel
  • CLSL Auto - Marco de Canaveses
  • BOSCH / Video Visão - Electrónica - Porto
  • Porto Clássico, Automóveis - Porto
  • AMC - Alexandrino Matias & Cª SA - Oficinas Metalúrgicas - Amarante
  • Reciclacar - Centro de abate automóvel - Maia
  • Portucoler - Tecnologia em reparação de veículos - Arrifana - S. João da Madeira
  • Município de Amarante, Sinta-se Convidado

 FOX 2387_CopyFOX 2388_CopyFOX 4219_Copy

 

MARTINSSPEED VENCEU NA COVILHÃ

MartinsSpeed vence na Rampa da Covilhã | Serra da Estrela.



Teve lugar no passado dia 28 e 29 de Maio, a Rampa da Covilhã | Serra da Estrela, a terceira prova pontuável para o Campeonato Nacional de Montanha (CNM). O S. Pedro voltou a fazer das suas e pela terceira prova consecutiva a chuva foi uma constante, inédito até aqui.

Com o dia de sábado dedicado às verificações técnicas, treinos e a uma subida de prova, o domingo ficou reservado às duas últimas e decisivas subidas de prova. Lembramos que das três subidas de prova, a classificação final é feita pela soma dos dois melhores tempos dessas três.

Com dois carros a participar na Categoria 4, a MartinsSpeed assumiu desde cedo a intenção de lutar pela vitória.

Após dois dias muito competitivos, foi com suor e muito emoção que a equipa Vila-Realense festejou a vitória e o segundo lugar. Um fim-de-semana perfeito.

Luís Nunes - Seat Leon Cup Racer #450

O Piloto de Chaves rubricou pela terceira vez, em três provas, o seu nome no lugar mais alto do pódio. Um início de época fantástico, ao volante do Seat Leon Cup Racer #450. No final o Luís Nunes revelou que “Estava a ver isto complicado, pois as condições atmosféricas castigaram todos os participantes uma vez mais. Já participo há uns anos a esta parte no Campeonato Nacional de Montanha e nunca vi nada assim, três provas, todas elas disputadas debaixo de chuva, simplesmente incrível.” Sobre mais esta vitória “ naturalmente que não foi fácil, é lógico que estou muito satisfeito com mais este resultado pois, para todos os efeitos, esta vitória trouxe-me mais uma série de pontos para o Campeonato, permitindo isolar-me na liderança da categoria. Esta edição da Rampa da Covilhã foi para mim uma “autêntica taluda”, pois durante todo o fim-de-semana nunca foi fácil saber qual o set-up certo, ora subíamos com muita chuva ora com pouca e depois nas duas últimas com piso seco. Mas também neste capitulo só tenho que agradecer a toda a equipa da MartinsSpeed que com um trabalho notável conseguiu que o Seat estivesse sempre a meu gosto.”

 Joaquim Teixeira - Renault Mégane Trophy V6 #401

Joaquim Teixeira voltou a surpreender e a subir mais um degrau no pódio, em mais uma prova com condições desfavoráveis. O segundo lugar foi mais uma demonstração da rápida adaptação ao estrondoso Renault Mégane Trophy V6 #401. No final, o Piloto de Murça contava que “Continua a saga do mau tempo. Já começa a ser desesperante para os pilotos, organizações e público. Durante o sábado o tempo esteve sempre muito instável, o que nos dificultou a escolha de pneus. Além da minha pouca habituação ao Mégane, o carro não é nada fácil em pista totalmente molhada, como foi o caso das subidas do primeiro dia. No domingo as duas subidas de prova já se realizaram com piso seco e aí sim podia tirar mais rendimento e melhorar o meu tempo. Mas na segunda subida de prova ainda estava com o “chip” da anterior, à chuva, e a confiança não era muita. Na terceira e última comecei muito bem, tentando tirar o máximo rendimento do carro, e penso que poderia baixar o meu tempo em 4 ou 5 segundos, mas no último terço da prova voltei a ter os problemas de embraiagem que não me têm largado. Ainda só consegui fazer uma subida e meia em seco mas penso que nesse pouco fiquei com a sensação que posso fazer muito mais e melhor.”

4ª etapa do CNM realiza-se no próximo dia 11 e 12 de Junho, em Santa Marta de Penaguião, com a denominada “Rampa de Santa Marta”
 

PRMINIRACING NA RAMPA DE SANTA MARTA

 

NEWS PRMINIRACING - JUNHO #2016

Terá lugar no próximo fim-de-semana em Santa Marta de Penaguião a 4ª prova do Campeonato de Portugal de Montanha. Situada no coração do Alto Douro, com vistas deslumbrantes, rodeada de fantásticas vinhas e muito próximo da cidade de Peso da Régua, a 2 ª edição desta Rampa no actual traçado tem uma envolvente notável e todas as condições para ser um sucesso.
Com um traçado peculiar, algo fora do usual dos restantes traçados no calendário, em que existe uma zona inicial bastante rápida a convergir depois para uma zona sinuosa e técnica, exigindo bastante da afinação dos chassis, ora delimitada por muros, quintas ou casas e com uma largura reduzida da via, para que nos metros finais antes da linha de meta, se torne realmente claustrofóbica dado que essa extensão é completamente realizada entre muros de quintas, dando uma sensação real dos riscos desta modalidade, em que não pode ser cometido qualquer erro, pois acontecer terá consequências imediatas para infortúnio dos pilotos.
O que ainda não é certo, à data de hoje, é a previsão das condições meteorológicas para o fim-de-semana em questão, pois ainda existe a possibilidade de ocorrer aguaceiros, o que se efectivamente acontecer será completamente atípico para o local e para a época em questão e mais incrível será, pois em 4 provas realizadas esta seria a 4ª consecutiva em que a chuva marcaria presença, não existindo memória de tal acontecer nos últimos 15 ou 20 anos deste Campeonato, sinal de que efectivamente o Clima Mundial está a sofrer sérias alterações.
RUI RAMALHO – OSELLA PA21S EVO # 102

Rui Ramalho regressará ao activo após o infortúnio técnico que teve na prova anterior, em que a ruptura de uma jante hipotecou por completo um novo pódio. A vitória que alcançou no ano passado neste traçado será um factor extra de motivação, que aliado à vontade de querer vingar o azar da Covilhã, poderá em termos psicológicos ser-lhe favorável.
Curiosamente e sendo um traçado atípico e desconhecido de todos no ano passado, o piloto mais jovem da PRMiniracing gostou bastante do traçado, garantindo com relativa facilidade a vitória. Significa portanto que este traçado é um dos seus traçados de eleição, onde se sente à vontade e que se adequa ao seu estilo de pilotagem. Para que tudo corra de feição, será necessário que não existam nem falhas mecânicas nem erros de pilotagem. Na teoria parece tudo fácil, mas na realidade é sempre bastante complicado, potenciado ainda pelo elevado nível competitivo da presente temporada.
Por último Rui agradeceu aos elementos da sua Equipa pelo esforço e dedicação na recuperação do seu Osella neste curto período de tempo que separou a Rampa da Covilhã e esta prova.
PAULO RAMALHO – JUNO CN09 # 103
Paulo Ramalho depois de 3 pódios consecutivos em 3 provas realizadas marcará presença com o objectivo de voltar a discutir um dos lugares do pódio, reforçando com isso a sua classificação no Campeonato, mas mais importante ainda, o resultado global da sua Equipa.
O piloto do Porto no ano passado teve uma avaria de motor no Juno na derradeira subida de prova, hipotecando um dos lugares do pódio que estava perfeitamente ao seu alcance e como tal, este ano, espera contar com a colaboração da mecânica do seu protótipo para alcançar o resultado a que se propõe.

Vídeo promocional da Rampa Santa Marta de Penaguião
alt
Reportagens de TV
alt
CNM Valvoline 2016 - Rampa da Penha
alt
CNM Valvoline Rampa da Penha 2016
alt
Rampa da Falperra - CNM Valvoline 2016
alt
Campeonato Nacional de Montanha Valvoline 2016
Rampa da Falperra 
HORÁRIO
 
SÁBADO # 11 JUNHO
 
14H30          1ª SUBIDA TREINOS
15H30          2ª SUBIDA TREINOS
16H30          1ª SUBIDA PROVA
 
DOMINGO # 12 JUNHO
 
10H00          SUBIDA TREINOS LIVRES
11H00          2ª SUBIDA PROVA
12H00          3ª SUBIDA PROVA

 

GALERIA DE IMAGENS - RAMPA DA COVILHÃ

FOX 1997_CopyFOX 2003_CopyCAMPEONATO NACIONAL DE MONTANHA 2016 - VALVOLINE

 

RAMPA DA COVILHÃ - GRUPO DE IMAGHENS

 

Mais uma série de imagens das subidas na Rampa da Covilhã.

 

Fotos de João Raposo - www.velocidadeonline.comFOX 2004_CopyFOX 2009_CopyFOX 2008_CopyFOX 2010_CopyFOX 2015_CopyFOX 2017_CopyFOX 2021_CopyFOX 2023_CopyFOX 2028_CopyFOX 2029_CopyFOX 2030_CopyFOX 2036_CopyFOX 2037_CopyFOX 2038_CopyFOX 2047_CopyFOX 2048_CopyFOX 2054_CopyFOX 2055_CopyFOX 2056_CopyFOX 2063_CopyFOX 2064_CopyFOX 2065_CopyFOX 2073_CopyFOX 2074_CopyFOX 2075_CopyFOX 2085_CopyFOX 2086_CopyFOX 2087_CopyFOX 2093_CopyFOX 2094_CopyFOX 2096_CopyFOX 2104_CopyFOX 2105_CopyFOX 2106_CopyFOX 2107_CopyFOX 2109_CopyFOX 2110_Copy

 

RAMPA DA COVILHÃ - GALERIA DE IMAGENS

CAMPEONATO NACIONAL DE MONTANHA 2016

 

 

RAMPA DA COVILHà

 

GALERIA DE IMAGENS

 

Grupo de FOX 1721_CopyFOX 1722_CopyFOX 1723_CopyFOX 1733_CopyFOX 1735_CopyFOX 1736_CopyFOX 1737_CopyFOX 1747_CopyFOX 1748_CopyFOX 1751_CopyFOX 1753_CopyFOX 1760_CopyFOX 1761_CopyFOX 1762_CopyFOX 1773_CopyFOX 1774_CopyFOX 1775_CopyFOX 1784_CopyFOX 1785_CopyFOX 1786_CopyFOX 1797_CopyFOX 1798_CopyFOX 1799_CopyFOX 1809_CopyFOX 1810_CopyFOX 1811_CopyFOX 1813_CopyFOX 1814_CopyFOX 1819_CopyFOX 1820_CopyFOX 1821_CopyFOX 1830_CopyFOX 1831_CopyFOX 1832_CopyFOX 1833_CopyFOX 1846_CopyFOX 1847_CopyFOX 1850_CopyFOX 1852_CopyFOX 1853_CopyFOX 1862_CopyFOX 1863_CopyFOX 1864_CopyFOX 1866_CopyFOX 1867_CopyFOX 1874_CopyFOX 1875_CopyFOX 1876_CopyFOX 1877_CopyFOX 1878_CopyFOX 1887_CopyFOX 1888_CopyFOX 1889_CopyFOX 1896_CopyFOX 1897_CopyFOX 1901_CopyFOX 1902_CopyFOX 1903_CopyFOX 1913_CopyFOX 1914_CopyFOX 1915_CopyFOX 1922_CopyFOX 1923_CopyFOX 1924_CopyFOX 1925_CopyFOX 1926_CopyFOX 1927_CopyFOX 1930_CopyFOX 1931_CopyFOX 1932_CopyFOX 1933_CopyFOX 1941_CopyFOX 1943_CopyFOX 1947_CopyFOX 1948_CopyFOX 1949_CopyFOX 1952_CopyFOX 1953_CopyFOX 1954_CopyFOX 1962_CopyFOX 1963_CopyFOX 1964_CopyFOX 1971_CopyFOX 1972_CopyFOX 1975_CopyFOX 1976_CopyFOX 1979_CopyFOX 1980_CopyFOX 1981_CopyFOX 1987_CopyFOX 1988_CopyFOX 1989_CopyFOX 1995_CopyFOX 1996_Copy imagens das subidas de treinos da Rampa da Rampa da Covilhã.

 

Fotos de João Raposo - www.velocidadeonline.com

 

TIAGO SILVA PRESENTE NA RAMPA SANTA MARTA

 

CAMPEONATO NACIONAL DE MONTANHA 2016 – VALVOLINE

 

RAMPA DE SANTA MARTA 2016

 

 

TIAGO SILVA PRESENTE NA RAMPA DE SANTA MARTA



Depois de ter participado na Rampa da Falperra ao volante dum bonito Alfa Romeo GTA, Tiago Silva, está a ultimar a sua participação na Rampa de Santa Marta.

Quanto a objectivos, Tiago Silva começou por nos dizer “Vou participar pela primeira vez nesta rampa para além de experimentar uma marca e composição de pneus para Montanha diferentes daqueles que normalmente utilizamos, comprometendo-me a andar o mais depressa possível, evitando ao máximo cometer erros, com o objectivo da melhor classificação possível. A ver vamos."



ALFA ROMEO ESTEVE EXPOSTO EM VILA RERAL


tiago1 Copytiago2 Copytiago3 Copytiago4 Copy

No passado fim de semana a convite da APCIVR Tiago Silva esteve presente na exposição de carros de competição e promoção do Circuito Internacional de Vila Real com o seu Alfa Romeo, na qual começou por nos dizer “ Foi um evento que se evidenciou a paixão pelas corridas e este tipo de acção é sempre muito importante, pois para além do Alfa Romeo suscitar bastante curiosidade por parte dos visitantes, este evento reuniu largos milhares de visitantes que viram e fotografaram o carro, assim como as empresas nele apresentado que apoiam o projecto, dando-lhes representatividade e o máximo de retorno possível.“

APOIOS:

 

MJ Vendeiro - Instinto Natural; BP Ultimate; Gonditerra,SA; Casa Dolores - Materiais de Construção; Bluechem-Adblue; Carpneu; Marshgo,SA; Mesquimatic; Tubofuro; Predial Poveira; Tecopel; Miraparque,SA; Armipex Shoes; Passos&Pernas; Academia Corpos 3.

 

Fotos : Circuito Internacional de Vila Real

 

EDGAR REIS QUER IR AO PÓDIO

 

Edgar Reis aponta ao pódio na Rampa de Santa Marta

 

Depois da vitória na Categoria 2 na última Rampa da Covilhã, Edgar Reis quer manter-se no pódio na quarta prova do Campeonato Nacional de Montanha, em Santa Marta de Penaguião.

 

O piloto da Transfradelos, campeão em título da categoria, está a apenas três pontos do líder do campeonato após três provas em 2016. Agora, Edgar Reis quer continuar a senda bons resultados apesar da rampa transmontana não ser muito favorável ao Porsche 997 GT3 Cup.

“Nesta prova penso que há um claro favorito devido ao carro e conhecimento da prova (António Nogueira). Por isso, se terminarmos no pódio já será um bom resultado. O traçado de Santa Marta não é muito fácil para os carros da nossa categoria, pois tem uma zona muita estreita e sinuosa. Ainda assim, vamos dar o nosso melhor e tentar terminar no melhor lugar possível dentro da categoria”, afirmou o piloto de Famalicão.


Depois de ter regressado ao Campeonato Nacional em 2015, a segunda edição da Rampa de Santa Marta começa este sábado (dia 11) às 14:30 com as primeiras subidas de treinos. No domingo, os pilotos dão início aos treinos livres às 10:00.

 

VELOSO MOTORSPORT NA RAMPA DE SANTA MARTA

 

Veloso Motorsport quer continuar a ganhar na Montanha

 

 

Depois de mais um brilhante triunfo no Campeonato Nacional de Montanha Valvoline, onde tem dominado a Categoria 4 através de Luis Nunes, a Veloso Motorsport apresta-se para mais uma jornada deste Campeonato, que tem por palco a bonita zona de Santa Marta de Penaguião.

O SEAT Leon Cup Racer preparado pela equipa da Póvoa do Lanhoso, está já pronto para lutar pelo triunfo na Rampa de Santa Marta, onde o rápido piloto transmontano pode mais uma vez levantar o troféu referente ao primeiro lugar.

A acontecer, esta pode ser a quarta vitória em quatro provas disputadas, se bem que seja uma tarefa que não se adivinha fácil como refere o piloto:

“Os meus adversários estão cada vez mais competitivos e acredito que vou ter mais dificuldades para vencer esta prova. No entanto o meu objectivo é a vitória e tudo vou fazer para a conseguir, independentemente quer dos adversários, quer caso seja o caso, das más condições meteorológicas, que como se sabe tem afectado todas as provas até aqui. Já mostrei que sou competitivo tanto no molhado como no seco, pelo que seja em que condições for disputada esta prova, tentarei vencer, contando também com a excelente preparação do SEAT disponibilizado pela Veloso Motorsport, que tem sido fundamental nos resultados obtidos até aqui. No entanto tenho também de começar a pensar no Campeonato, por isso vou dar o meu melhor mas tendo esse factor em conta.”


A Rampa de Santa Marta disputa-se no próximo fim-de-semana e têm o seguinte horário: 

Sábado - 11.06.2016 


14h30 - 1ª Subida Treinos
15h30 - 2ª Subida Treinos
16h30 - 1ª Subida Prova


Domingo - 12.06.2016 


10h00 - 3ª Subida Treinos
11h00 - 2ª Subida Prova


Todos os textos acima reproduzidos são da autoria da assessoria de imprensa mencionada. O www.velocidadeonline.com enquanto gestor da página  é neste caso alheio quer à qualidade, quer ao teor dos conteúdos apresentados.


12h00 - 3ª Subida ProvaVMS070616 Copy

 

TEAM ARFDGMOTORSPORT EM FORÇA EM SANTA MARTA

 

CAMPEONATO NACIONAL DE MONTANHA 2016 – VALVOLINE

 

 

RAMPA DE SANTA MARTA

 

 

TEAM  ARFDGMOTORSPORT EM FORÇA EM SANTA MARTA


FOX 7500_CopyFOX 8330_Copy

Com todos os problemas resolvidos no seu Ford Escort, Victor Ramos está de regresso ao Campeonato Nacional de  Montanha. Segundo o piloto de Braga  “ a ausência na Rampa da Covilhã  surge por não ter havido tempo em substituir o motor que partiu infelizmente na Rampa da Falperra. Agora com outro motor, estou pronto para a minha participação na Rampa de Santa marta, prova que gosto muito.”

Em termos de objectivos, Victor Ramos disse-nos logo “  fazer todas as subidas de treinos e prova sem problemas técnicos, depois tentar bater os tempos que fiz nas subidas anteriores, para além de lutar pela vitória na categoria e fica o melhor classificado possível à geral. Para além disso é importante que me possa divertir ao máximo, e passe um  fim de semana impecável “.

Jorge Gonçalves está optimista e confiante, como nos confirmou “ tudo pronto e motivado para andar depressa. O meu Fiat Punto S1600 está pronto, e quero divertir-me ao máximo, sem cometer erros, sempre a melhorar em todas as subidas, aliás como já aconteceu na prova anterior, na Rampa da Covilhã “.



Quanto a João Vilas Boas, não estará presente nesta prova, e ao que tudo indica nem no restante campeonato. 

Depois de ter sido uma agradável surpresa neste campeonato, registando sempre bons cronos mostrando sempre um andamento notável. 

 

O  Team ARFDG Motorsport é assistido pela Vettra Motorsport, e irão fazer as verificações técnicas e administrativas em Santa Marta da parte da manhã de sábado, pois da parte da tarde dará lugar às duas subidas de treinos, e à primeira de prova. As restantes subidas de prova terão lugar no decorrer de domingo.

 

 

JOAQUIM RINO PREPARADO PARA SANTA MARTA

 

CAMPEONATO NACIONAL DE MONTANHA 2016 – VALVOLINE

 

 

RAMPA DE SANTA MARTA



JOAQUIM RINO PREPARADO PARA A RAMPA DE SANTA MARTA E PORTO DE MÓS



Sempre na luta pelos lugares da frente, é de conhecimento público que Joaquim Rino não gosta muito de correr debaixo de chuva, o que tem acontecido nas provas anteriores do Campeonato Nacional de Montanha. Segundo as previsões, parece que desta o S.Pedro vai fazer a vontade ao piloto da Batalha, e a previsão será de tempo seco com sol e nuvens. Assim sendo, o piloto da Articiemntos irá com certeza mostrar o andamento do seu BRC CM 05 Evo, algo que a chuva não tem permitido.

Perante este cenário, Joaquim Rino disse-nos logo “se for essa a previsão meteorológica, ótimo, pois de certeza absoluta que me vou vingar das provas anteriores em termos de andamento, pois com piso seco sou muito mais rápido, posso ir mais longe com o meu BRC CM 05, e assim poder aproximar-me das barquetas que irão estar presentes. O carro teve alguns problemas na prova anterior mas penso que nesta prova já estará a 100%, para assim poder dar o melhor de mim, podendo lutar pela melhor posição em termos de classificação geral e da categoria. Irei concentrar-me ao máximo para não cometer erros, que se pagam caro nesta rampa, que é das mais rápidas que fazem parte do Campeonato Nacional de Montanha. Pretendo lutar para melhorar os meus tempos em cada subida, e acima de tudo neste fim de semana prolongado poder relaxar, estar com os amigos e divertir-me o mais possível”.



Joaquim Rino e o BRC CM 05 EVO irão fazer as verificações técnicas e administrativas em Santa Marta de Penaguião no sábado de manhã, para da parte da tarde fazer as duas subidas de treinos, e a primeira subida de prova, estando marcada as restantes para o dia de domingo.



PRESENTE NA RAMPA DE PORTO DE MÓS


FOX 4140_Copy

Não contando para o campeonato Nacional de Montanha, a Rampa de PORTO DE MÓS, a 19 de Junho, vai contar com a participação do BRC CM 05 EVO de Joaquim Rino, o piloto explica a razão da sua participação “é a rampa da minha terra, a mais perto do meu local de residência, já participo há vários anos. Também o faço pelos meus patrocinadores que são maioritariamente desta região e assim podem assistir mais facilmente à minha participação, sem terem de fazer grandes deslocações”, disse-nos.

 

CANDIDO MONTEIRO QUER MAIS E MELHOR

 

CAMPEONATO NACIONAL DE MONTANHA 2016 – VALVOLINE

 

 

RAMPA DE SANTA MARTA

 

CANDIDO MONTEIRO QUER MAIS E MELHOR

 

Depois da vitória alcançada na Rampa da Covilhã, Cândido Monteiro quer de novo poder lutar pela vitória, como nos confirmou “ nada mais certo, vou para lutar pela vitória, espero desta feita ter mais adversários em termos da minha categoria, para tornar tudo bem mais interessante. Vou para dar o meu máximo, quero-me divertir o mais que puder, estar com os amigos,  não  cometer erros, pretendo terminar todas as subidas, de preferência sempre a bater os tempos feitos anteriormente, e que o carro não dê nenhum problemas de ordem técnico, são estes os meus objectivos para a rampa de Santa Marta”.

 

Cândido Monteiro irá fazer as verificações técnicas e documentais em Santa Marta de Penaguião no sábado de manha, estando prevista as subidas de treinos, assim como a primeira subida oficial para a parte de tarde de sábado. As restantes subidas de prova terão lugar no dia seguinte, domingo.

 FOX 4176_Copy

 

JOAQUIM TEIXEIRA NA RAMPA DE SANTA MARTA

 

Joaquim Teixeira espera bom tempo na Rampa de Santa Marta


Depois de dois pódios consecutivos na Categoria 4, Joaquim Teixeira espera que as condições meteorológicas e a mecânica do Renault Megane Trophy o ajudem a lutar pela vitória em Santa Marta de Penaguião.


O Campeonato Nacional de Montanha / Valvoline prossegue em Santa Marta de Penaguião, palco da quarta prova da temporada. Joaquim Teixeira tem sido afetado por problemas mecânicos no Renault Megane Trophy que não o têm deixado impor o seu andamento na Categoria 4. Contudo, o piloto da Bompiso espera que essa tendência seja invertida na Rampa de Santa Marta.


“O meu objetivo é sempre vencer na categoria mas sei que isso vai depender de vários fatores como o bom tempo, ter o Megane Trophy sem problemas mecânicos e uma boa adaptação ao traçado, que não será dos mais favoráveis a este carro. No entanto se tiver o Megane em perfeitas condições e se a embraiagem me der finalmente tréguas espero lutar pela vitória”, apontou o piloto de Murça.


A Rampa de Santa Marta regressou ao calendário nacional na época passada e Joaquim Teixeira explica as características da rampa transmontana. “É um traçado com uma zona inicial muito rápida, feita numa variante larga, e depois entramos numa estrada muito estreita e encadeada, com uma mistura de curvas lentas e curvas rápidas. Não é uma rampa fácil porque exige muita concentração. À mínima falha as valetas são muito profundas e podemos ter uma saída. Não é dos traçados de que mais gosto porque a zona inicial para mim não tem muita lógica”, afirmou Joaquim Teixeira.


           A Rampa de Santa Marta começa no próximo sábado (dia 11) com as primeiras subidas de treinos marcadas para as 14:30. No domingo, os concorrentes                     entram em pista às 10:00. MG_2388_Copy MG_3043_Copy


 

PARCIDIO CONFIANTE PARA SANTA MARTA

 

CAMPEONATO NACIONAL DE MONTANHA 2016 – VALVOLINE

 

 

RAMPA DE SANTA MARTA

 

 

PARCIDIO SUMMAVIELLE CONFIANTE PARA SANTA MARTA



Uma vez mais o Datsun 240 Z de Parcidio Summavielle irá estar à partida da Rampa de Santa Marta, prova a contar para o Campeonato Nacional de Montanha, sendo uma estreia para o piloto de Fafe nesta rampa que nunca disputou.

Segundo Parcidio Summavielle e os seus objectivos para esta prova do próximo fim de semana  “ felizmente tem corrido tudo bem nas provas anteriores, poderia correr melhor se as provas não fossem disputadas debaixo de chuva, pois com os pisos escorregadios, as dificuldades aumentam. Para além disso, tenho-me debatido também com problemas de carbuFOX 4204_Copyração, que espero que para esta rampa estejam resolvidos. De qualquer das maneiras esperamos que em Santa Marta, esteja sol, para assim poder andar o melhor que puder, e assim poder tirar partido das potencialidades do meu Datsun 240Z.É a primeira vez que lá irei correr, por isso a primeira subida irá ser feita com algumas cautelas de forma a ver “as manhas” desta rampa, que por aquilo que me disseram  é   muito rápida, e sendo assim até me favorece. Espero que o carro esteja a 100% como tem estado,  não cometa erros, faça sempre as subidas tentando melhorar o meu tempo, e com isso ficar o melhor classificado em termos de categoria  e na classificação geral “, disse-nos.

 

Parcidio Summavielle irá fazer as verificações técnicas e documentais no sábado de manha, estando previsto para a parte da tarde as duas subidas de treinos, e a primeira subida de prova. As restantes subidas de treinos terão lugar no dia seguinte, domingo.

 

 

MÁRIO MESQUITA QUER MELHOR RESULTADO EM SANTA MARTA

 

CAMPEONATO NACIONAL DE MONTANHA 2016 – VALVOLINE

FOX 4198_Copy

RAMPA DE SANTA MARATA

 

 

MÁRIO MESQUITA QUER MELHOR RESULTADO EM SANTA MARTA

 

Depois dos problemas que sentiu no motor do Datsun 1600 SSS na derradeira subida da Rampa da Covilhã, Mário Mesquita espera que para a prova deste fim de semana já esteja tudo perfeito, de forma a poder tirar partido das qualidades do seu carro.

 

 

 

Segundo as previsões meteorológicas,  o tempo estará com sol e nuvens, sem chuva, o que logicamente será do agrado do piloto da Azulima “ já não era sem tempo, se assim for será  muito bom poder fazer uma rampa com bom tempo, o que já não sucede desde o ano passado.
Espero poder ter o SSS em ordem para tirar o máximo partido desta rampa, que é rápida e exige muito dos pilotos. 
Como sempre, vou dar o meu melhor, para conseguir uma boa classificação. 
Para mim é muito gratificante poder competir, divertir-me  e estar com os amigos das lides automobilísticas,  desta vez em terras do Douro “.

 

 

 

 

 

Mário Mesquita fará as verificações técnicas e administrativas  no sábado de manhã em Santa Marta, para da parte da tarde dar lugar às duas subidas de treinos e à primeira de prova. As restantes subidas de prova terão lugar no domingo.

 

NUNO FLORES NA RAMPA DE SANTA MARTA

 

CAMPEONATO NACIONAL DE MONTANHA 2016 – VALVOLINE

 

RAMPA DE SANTA MARTA

 

NUNO FLORES NA RAMPA DE SANTA MARTA

FOX 4234_Copy

Depois da ausência na rampa da Covilhã, e dos problemas na caixa de velocidades na Rampa da Falperra, eis que o Ford Sierra de Nuno Flores está pronto para poder participar na Rampa de Santa Marta, quarta prova do calendário do Campeonato Nacional de Montanha.

Segundo o piloto de Vila Nova de Gaia,  “está tudo pronto para esta participação, já testei o carro e está perfeito. É a primeira vez que vou fazer  esta rampa, por isso as primeiras subidas irão ser feitas com algum cuidado,  pois não quero cometer erros, que depois se pagam caro. Em termos de objectivos, quero andar o melhor possível, esperando que não hajam contratempos técnicos com o carro, e que consiga fazer sempre melhor em cada subida efectuada. Pelos vistos para esta rampa parece que não vai haver chuva, por isso para mim é bom, pois vai permitir arriscar mais um pouco, mas quero fazer o melhor possível, como já disse, o carro está perfeito, por isso agora é fazer todas as subidas, e ficar o melhor classificado possível”, disse-nos.

Nuno Flores irá fazer as verificações técnicas e administrativas em Santa Marte de Penaguião no sábado de manha, para da parte da tarde dar lugar às duas  subidas de treinos, e `a primeira subida de prova. As restantes subidas de prova irão ter lugar no domingo.

 

LISTA DE INSCRITOS PROVISÓRIA RAMPA SANTA MARTA

CAMPEONATO NACIONAL DE MONTANHA 2016 - VALVOLINE

 

LISTA DE INSCRITOS PROVISÓRIA RAMPA SANTA MARTA

 

 

Lista de pilotos sócios da APPAM inscritos para a Rampa de Santa Marta
 

Concorrente Piloto viatura
João Guimarães João Guimarães Peugeot 206 RC
Joaquim a Rino Joaquim a Rino BRC 05 EVO
Paulo  Ramalho Paulo  Ramalho Juno CN09
Luís  Silva Luís  Silva BMW E30-M3
Martine  Pereira Martine  Pereira Lola T70
Domingos  Fernandes Domingos  Fernandes Autobianchi A 112
 Jorge  Meira  Jorge  Meira Citroen Saxo Cup
Bompiso Racing Team Joaquim  Teixeira Megane Trophy V6
Rui  Ramalho Rui  Ramalho OSELLA PA21 EVO
Francisco Marrão Francisco Marrão Seat Leon MK I
Nuno  Guimarães Nuno  Guimarães BRC 02
Veloso Motosport Luis  Nunes Seat Leon MK III
Edgar Reis Edgar Reis Porsche 997 GT3 CUP
José  Figueiredo José  Figueiredo Datsun 1200
Manuel Pereira Manuel Pereira Mitsubishi EVO VI
JC Group Ricardo Gomes Seat Leon Supercopa MK II
Daniela Marques Daniela Marques Subaru Impreza STI
Paulo Silva Paulo Silva Seat Leon Supercopa MK II
Manuel Correia Manuel Correia Ford Fista R5 2.0
JC Group José Correia Nissan Nismo GTR-GT3
Paulo Nogueira Paulo Nogueira Citroen Saxo Cup
Sérgio Nogueira Sérgio Nogueira Citroen Saxo Cup
Mario Mesquita Mario Mesquita Datsun 1600 SSS
Cândido Monteiro Cândido Monteiro Datsun 1200
Flávio Sainhas Flávio Sainhas Ford Escort MK I
Vitor Ramos Vitor Ramos Ford Escort MKII
Pedro Salvador Pedro Salvador NORMA M20 FC
António Nogueira António Nogueira Porsche 911 GT2
José Cerqueira José Cerqueira Seat Leon MK I
Fernando Salgueiro Fernando Salgueiro Ford Escort MK II
 Jorge Gonçalves  Jorge Gonçalves Fiat Punto S1600
José  oliveira José  oliveira Subaru Impreza
Pedro  Marques Pedro  Marques Seat Leon TDI
Rui oliveira Rui oliveira CITROEN AX
César  Caldas César  Caldas Datsun 1200
Gonçalo  Manahu Gonçalo  Manahu Porsche 997 GT3 CUP
Helder  Silva Helder  Silva BMW E21
Nuno  Flores Nuno  Flores Ford Sierra 2.0 RS
Pedro Cerqueira Pedro Cerqueira BMW E30
Carlos Oliveira Carlos Oliveira Porsche 911 SC
Francisco  Morgado Francisco  Morgado Mitsubishi Lancer EVO IX
Tiago Silva Tiago Silva Alfa Romeu GTA SA
Nuno  Pinto Nuno  Pinto Mazda MX5
Pedro  Saraiva Pedro  Saraiva Mitsubishi Lancer EVO IX
Parcidio Summaavielle Parcidio Summaavielle Datsun 240Z
Escuderia T. Martinez Racing Simon Martinez Seat MK I
Leonel Brás Leonel Brás Citroen Ax
Tiago Ribeiro Tiago Ribeiro VW Polo
 

LUIS NUNES NA RAMPA SANTA MARTA

 

CAMPEONATO NACIONAL DE MONTANHA

 

RAMPA DE SANTA MARTA

 

 

LUIS NUNES NA RAMPA DE SANTA MARTA

 

 

 

Três provas, três vitórias no Campeonato Nacional de Montanha, é estre o saldo de participação de Luis Nunes ao volante dos eu Seat León de ultima geração, que tem ganho todas as provas em termos de categoria. Por isso a participação já no próximo fim de semana na Rampa de Santa Marta, quarta prova para o Campeonato Nacional de Montanha não será excepção, e Luís Nunes tem um objectivo definido, como  nos disse “ corro para lutar pela vitória, sempre com o intuito de dar o meu máximo, não cometer erros, e tentar sempre suplantar os tempos que tenho feito. As condições atmosféricas que têm afectado o desempenho de todos os participantes, isso pela chuva que tem caído, em nada tem ajudado, mas há que saber correr em todas as condições, que é aquilo que tenho feito, e para esta prova, o meu lema é lutar pela vitória. Sei que não será fácil, pois os meus adversários estão com andamentos muito semelhantes  ao meu, por isso penso que irá ser mais uma prova renhida, o carro tem estado perfeito, isso graças ao trabalho da Martinsspeed e da Veloso Motorsport”.

 

Luis Nunes irá fazer as verificações técnicas e documentais no sábado de manhã, tendo as duas subidas de treinos previstas para a parte da tarde, assim como a primeira subida de prova. Para domingo será as duas subidas de prova.

 

 

 

 

LUÍS NUNES TEVE EXPOSTO O SEAT LEON NA EXPONOR

 

 

O Seat Leon de Luís Nunes esteve em grande destaque o fim de semana que passou no Salão Automóvel do Porto, onde no espaço da revista Auto Hoje foi muito cobiçado pelos largos milhares de visitantes que não faltaram a este importante evento. Segundo Luís Nunes “ embora não pareça, este tipo de evento é muito importante, pois esta é outra forma  de poder dar  mais retorno às empresas que nos apoiam, pois só neste fim de semana foram vários milhares de pessoas que passaram por este evento e o Seat foi sem duvida o carro de competição mais apreciado.FOX 4004_CopyFOX 4054_Copy

 

GARAGEM AURORA EM DUAS FRENTES

 

CAMPEONATO NACIONAL DE MONTANHA 2016

 

RAMPA DE SANTA MARTA – RALI DE MONCHIQUE

 

GARAGEM AURORA EM DUAS FRENTES JÁ ESTE FIM DE SEMANA

 

Uma vez mais a Garagem Aurora vai marcar presença já no próximo fim de semana em duas frentes distintas, no Rali de Monchique, onde irão assistir o Porsche 911 da dupla João Mexia/Nuno Machado, e na Rampa de Santa Marta, prova a contar para o Campeonato Nacional de Montanha, onde irá participar o Porsche 911 SC de Carlos Oliveira.

Sobre o fim de semana que se aproxima, Eduardo Santos Júnior começou por nos dizer “ uma vez mais vamos ter de dividir a equipa de mecânicos da Aurora Motorsport, uma parte vai para a Rampa de Santa Marta e a outra para o Rali de Monchique”.

Sobre os objectivos, o reputado técnico começou por nos dizer “ como o habitual, o principal objectivo é que os nosso carros cheguem ao final de cada uma das provas, sem problemas técnicos. Depois que os nossos pilotos façam o máximo que puderem  e esteja ao seu alcance, sem cometer erros, para assim poder discutir as vitórias em termos de categoria e à classificação geral. Como é lógico os adversários com que nos iremos debater não são de modo algum fáceis, mas a verdade é que também temos excelentes pilotos e carros, pois toda a equipa da Aurora Motorsport dá sempre o seu máximo. No caso do Porsche 911 do João Mexia, aposta sempre na vitória, enquanto o Carlos Oliveira, ainda numa fase de adaptação ao seu 911 SC, de prova para prova tem demonstrado que o seu andamento é cada vez maior, e fruto disso são os tempos que tem conseguido obter. Por isso estou confiante num bom resultado de conjunto”.

 

Os dois Porsche preparados e assistidos na Garagem Aurora, no caso de Carlos Oliveira irá fazer as verificações técnicas e administrativas na manhã de sábado na Rampa de Santa Marta, para da parte da tarde dar lugar às duas subidas de treinos, seguida pela primeira subida de prova. Depois no domingo terá lugar as duas subidas de prova. Em relação ao Porsche 911 de João Mexia irá fazer as verificações técnicas e administrativas na sexta feira.FOX 2277_CopyFOX 2670_Copy

 

ANTÓNIO NOGUEIRA NA RAMPA SANTA MARTA

 

CAMPEONATO NACIONAL DE MONTANHA 2016 – VALVOLINE

 

RAMPA DE SANTA MARTA

 

 

 

ANTÓNIO NOGUEIRA NA RAMPA DE SANTA MARTA

FOX 4282_Copy

Depois da ausência na rampa da Covilhã, por razões profissionais, eis que António Nogueira está inscrito para a rampa de Santa Marta que irá ter lugar já este fim de semana. Sobre esta participação  piloto da Régua começou por nos dizer “ não podia faltar a esta rampa de modo algum, pois é disputada bem perto da minha terra, por isso fiz rodos os esforços para estar presente e alinhar à partida”. Sobre os objectivos “ é para lutar pela vitória, aliás nas duas provas em que participei com o meu Porsche GT 2, consegui vencer sempre, no entanto foram vitórias suadas, pois os meus adversários não dão qualquer tipo de facilidade, e como já disse foram vitórias bem “suadas”. Por isso o meu objectivo para este fim de semana, para além de me querer divertir, quero também fazer todas as subidas, de preferência sem problemas técnicos, e que que acima de tudo me permita melhorar os meus tempos em cada subida efectuada, não descurando a luta pela vitória em termos de categoria”.

António Nogueira e o seu Porsche GT 2, irão fazer as verificações técnicas e documentais no sábado de manhã, com  as subidas d etreinos e a primeiroa d eprova a er lugar na tarde do mesmo dia dia.No domingo irão decorrer as duas subidas de prova.

 

MARTINE PEREIRA DE REGRESSO AO NACIONAL DE MONTANHA

 

CAMPEONATO NACIONAL DE MONTANHA 2016 – VALVOLINE

 

RAMPA DE SANTA MARTA

 

MARTINE PEREIRA DE REGRESSO AO NACIONAL DE MONTANHA

FOX 7357_CopyFOX 7358_Copy

O Lola T 70 de Martine Pereira está de regresso ao Campeonato Nacional de Montanha, já este fim de semana na Rampa de Santa Marta. Segundo o piloto do protótipo” infelizmente não foi possível alinharmos na Rampa da Covilhã, pois a peça para reforçar a embraiagem veio trocada. Neste momento a troca da peço já foi feita e espero desta feita que os problemas de embraiagem e caixa de velocidades acabem duma vez por todos para assim poder fazer uma prova sem sobressaltos de ordem técnica. Depois espero que as condições meteorológicas melhorem, pois as provas anteriores foram feitas sempre com pisos molhados, que aliado ao problema na caixa de velocidades e  ao piso escorregadio, não deu ainda para ver as potencialidades do novo motor do Lola T 70.Por isso, se estiver sol, já ouvi por aí que poderá haver a possibilidade de disputarmos mais uma rampa com chuva, Deus permita que não seja assim, e que possa desfrutar ao máximo deste carro, sempre a melhorar os meus tempos em cada subida efectuada, sem cometer erros, e sempre a dar o meu máximo, são estes os meus objectivos, não esquecendo os amigos e relaxando ao longo deste fim de semana mais comprido.”

Martine Pereira e o Lola T 70 irão fazer as verificações técnicas e administrativas no sábado de manha, com as subidas de treinos e a primeira de prova a ter lugar no mesmo dia, mas da parte da tarde. As restantes subidas de prova terão lugar no domingo.

 

JOSÉ PEDRO GOMES AUSENTE NA RAMPA DE SANTA MARTA

 

CAMPEONATO NACIONAL DE MONTANHA 2016 – VALVOLINE

 

 

RAMPA DE SANTA MARTA

 

 

 

JOSÉ PEDRO GOMES AUSENTE NA RAMPA DE SANTA MARTA


FOX 2718_Copy

O piloto José Pedro Gomes e o seu Ford Escort WRC , não vão estar à partida da Rampa de Santa Marta, quarta prova do Campeonato Nacional de Montanha.

Segundo o piloto advogado” a minha ausência nesta prova, surge por razões profissionais, não estava a  contar com esta ausência, mas por vezes a profissão obriga a isto, mas penso estar já presente na prova a seguir”, disse-nos.

 

RAMPA SANTA MARTA 2016

 

2ª Rampa Santa Marta

 Campeonato Nacional de Montanha Valvoline 2016 FPAK


Rui Ramalho vencedor da 1ª edição da prova organizada pelo CAR - Clube Automóvel da Régua e Município de Santa Marta de Penaguião já confirmou a sua "Inscrição"

 

O piloto Rui Ramalho inscreve o seu Osella PA21 S EVO com que tem alinhado no Campeonato Nacional de Montanha Valvoline 2016.

Depois da vitória na Rampa Santa Marta 2015, Rui Ramalho, é o Vice-campeão em título, tendo repartido as vitórias com a prova Rampa da Pena 1.

Esta época, Rui Ramalho assina os 2ºs lugares mais altos do pódio, mantendo-se empenhado na luta do título de 2016.

Depois do sucesso do ano passado, Rui Ramalho defende nos próximos dias 11 e 12 de Junho o 1º lugar de um traçado de que guarda as melhores recordações.13007183 263475363986416_8984242533112030183_n_Copy13151905 1038845102869082_4081481710519952943_n_Copy

 

RAMPA SANTA MARTA 2016

 

Rampa de Santa Marta recebe Nacional de Montanha Valvoline 2016

O Campeonato Nacional de Montanha Valvoline 2016, chega a meio da época com a realização da Rampa de Santa Marta, que se disputa nos próximos dias 11 e 12 de Junho em Santa Marta de Penaguião, com organização a cargo do Clube Automóvel da Régua. São muitos os motivos de interesse para esta prova, cuja lista de inscritos regista até à data a presença de 45 pilotos, que esperam que - pela primeira vez este ano -, a chuva esteja ausente das provas do Campeonato Nacional de Montanha Valvoline.

Dominador implacável na Categoria 1 até esta data, Pedro Salvador vai mais uma vez tentar levar o seu Norma M20FC ao triunfo e cimentar a sua liderança no campeonato. Numa época em que estreia um competitivo Osella PA21S Evo, Rui Ramalho não tem tido vida fácil, com a sua adaptação à “barquetta” italiana a ficar condicionada pelas difíceis condições atmosféricas registadas neste inicio de campeonato. Com um excelente campeonato até agora, Paulo Ramalho vai tentar chegar mais uma vez ao pódio com o seu Juno CN09. Joaquim Rino e Nuno Guimarães, em BRC, completam a lista de pilotos desta categoria.

A Categoria 2 tem sido desde o início do campeonato uma das mais imprevísiveis no que diz respeito ao nome do vencedor. Na última jornada disputada na Serra da Estrela, o vencedor foi Edgar Reis em Porsche 997 GT3, que bateu José Correia em Nissan GT-R GT3 por uns infímos 27 milésimos de segundo. Este último chega a Santa Marta na liderança do campeonato, mas não terá vida fácil face a oposição do regressado António Nogueira em Porsche 911 GT2, - vencedor das duas primeiras jornadas -, e de Gonçalo Manahu em Porsche 997 GT3.

Pedro Saraiva (Mitsubishi Lancer Evo. IX), João Guimarães (Peugeot 206 RC) e Jorge Gonçalves (Fiat Punto), lutam também pelos primeiros lugares nesta categoria.

Manuel Correia e o espectacular Ford Fiesta R5 são os líderes na Categoria 3, mas a oposição é muita e não deixa muito espaço de manobra a Correia, como se comprova pelo que se passou nas provas anteriores. José Pedro Gomes em Ford Escort WRC é o principal opositor do líder, mantendo a pressão a um nível muito elevado, como se viu na Serra da Estrela onde perdeu por muito pouco.

Luis Silva em BMW M3 E30 estará à espreita de eventuais deslizes para fazer bons resultados, como foi o caso na Rampa da Penha onde venceu, assim como Manuel Pereira em Mitsubishi Lancer EVO VI, que já mostrou que tem um bom andamento, numa categoria onde competem também entre outros Jorge Meira, Sérgio e Paulo Nogueira todos em Citroen Saxo e Pedro Cerqueira em BMW E30.

Grande dominador neste inicio de temporada, Luis Nunes espera nesta prova voltar a levar o seu SEAT Leon Cup Racer até ao topo do pódio da Categoria 4. O piloto transmontano tem surpreendido com excelentes tempos mesmo em termos absolutos e não tem dado hipótese aos seus adversários. Um dos favoritos no início da temporada, Joaquim Teixeira, não tem tido sorte ao volante do seu bonito Renault Megane Trophy V8, com o mau tempo e alguns problemas ao nível da caixa de velocidades e embraigem, a não permitirem ao piloto de Murça explorar as reais capacidades do carro.PRCNMV 050616_Copy

À espreita de eventuais deslizes deste dois pilotos, vão estar Ricardo Gomes e Paulo Silva em SEAT Leon Supercopa, que já mostraram a sua rapidez nas provas anteriores. Também inscritos nesta rampa estão José Cerqueira e Francisco Marrão (SEAT Leon MKI), sendo de referir a chegada do espanhol Simon Martinez que vem animar esta categoria com um SEAT Leon MKI.

Vencedor na Rampa da Covilhã - Serra da Estrela, Flávio Sainhas leva o seu Ford Escort até Santa Marta de Penaguião e vai certamente voltar a lutar pela vitória na Categoria 5. Carlos Oliveira com um Porsche 911 SC, assim como Parcídio Summavielle em Datsun 260Z, podem também ter uma palavra a dizer neste capítulo. Mário Mesquita em Datsun 1600 SSS

Com um início de época de grande nível, com duas vitórias em três provas e um andamento ao nível do “top dez” absoluto, Hélder Silva em BMW 323i, chega a Santa Marta como o principal favorito ao triunfo, onde vai contar com a oposição de Fernando Salgueiro em Ford Escort MKII. Salgueiro tem feito da regularidade a sua arma e depois de vencer na Penha, tem dois segundos lugares e detém a liderança do campeonato. Ausente na Covilhã, Martine Pereira regressa nesta prova com o seu Lola T70.

Na Taça Nacional de Clássicos Montanha 1300, Cândido Monteiro e José Pedro Figueiredo, vão lutar pelo triunfo ao volante dos seus Datsun 1200. Domingos Fernandes e o seu pequeno Autobianchi A112 completam a lista de inscritos.

De referir ainda que para além da Valvoline, o Campeonato Nacional de Montanha conta ainda com os apoios da Novo Modelo Europa e da PDAuto, como patrocinadores principais e ainda dos parceiros media: Movielight, Autosport, Foto GTi, Manchete e RaceSpirit.

 

JOAQUIM RINO DENTRO DAS POSSIBILIDADES

 

CAMPEONATO NACIONAL DE MONTANHA 2016 - VALVOLINE

 

RAMPA DA COVILHÃ

 

 

JOAQUIM RINO DENTRO DAS POSSIBILIDADES

 

 

Um excelente  sétimo lugar à geral, foi a classificação obtida por Joaquim Rino no passado fim de semana na Rampa da Covilhã, terceira prova a contar para o Campeonato Nacional de Montanha. Por pouco que o piloto da Artcimentos não ia ao pódio em termos de categoria, com a obtenção da 4ª posição.

As péssimas condições atmosféricas que se abateram na Rampa da  Covilhã  na tarde de sábado, não foram de modo algum do agrado deJoaquim Rino, que já por diversas vezes afirmou que a não gosta muito de pilotar com o piso molhado. Mas a verdade é que o piloto do BRC amarelo, faria nas duas subidas de treinos com os tempos de 3.38.770 e 3.28.784, correspondendo ao 20ª e 16º melhor tempo à geral.

Só que Joaquim Rino não baixou os braços, e sempre na procura do melhor compromisso para o seu BRC CM 05 Evo, na primeira subida de prova seria autor dum crono pior, onde a chuva caiu em força na altura em que estava a fazer a sua subida e fruto disso, notou-se logo no tempo efectuado com 3.35.980.

Mas no dia de domingo, com a pista seca, Joaquim Rino “desforrou-se” e logo na segunda subida de prova faria um excelente tempo de 3,03,054, para na derradeira subida fazer ainda melhor entrando no minuto dois com 2.59.695.

Por isso no final, Joaquim Rino descreveu-nos o fim de semana dizendo logo “ o sábado foi um dia difícil para mim, a pista estava muito molhada, muito escorregadia, não quis correr riscos, e por isso optei por levantar o pé. Aliás, com o piso daquela maneira não conseguia colocar a potencia do carro no chão, e isso logicamente que se sentiu no cronómetro. Mas no domingo, com um pouco de sol, e a pista seca, viu-se  logo os meus tempos"

Acrescentou ainda: "Um dos objetivos era bater o meu recorde nesta rampa de 2 minutos e 56 segundos, o que não foi possível. Infelizmente o meu carro não esteve no seu melhor, pois a caixa de velocidades estava com vários problemas a nível eletrónico o que também prejudicou bastante a minha prestação."

 

 

CLASSIFICAÇÃO GERAL FINAL

 

1º Pedro Salvador – Norma

2º João Fonseca – BRC

3º Paulo ramalho – Juno

4º Luis Nunes – Seat Leon

5º Edgar Reis – Porsche 997

6º Manuel Correia – Ford Fiesta

7º JOAQUIM RINO – BRC CM 05 EVO

 

CLASSIFICAÇÃO FINAL CATEGORIA 1

FOX 2611_CopyFOX 2613_Copy

1º Pedro Salvador – Norma

2º João Fonseca – BRC

3º Paulo Ramalho – Juno

4º JOAQUIM RINO – BRC CM 05 EVO

 

PÓDIO NA COVILHÃ PARA LUIS SILVA

 

Luís Silva com mais um pódio na Rampa da Covilhã

 

 

O Campeonato Nacional de Montanha prosseguiu na Serra da Estrela e Luís Silva voltou a disputar os primeiros lugares da Categoria 3. O piloto do BMW M3 E30 terminou no 3º lugar da classe e no top 15 da geral.

 

 

Num traçado extremamente exigente em termos de pilotagem, Luís Silva voltou a imiscuir o seu BMW na luta com carros bem mais potentes na Categoria 3, terminando no 3º lugar e acumulando o seu terceiro pódio em três provas.

 

 

O piloto de Famalicão ainda teve de ultrapassar um problema mecânico no domingo, vindo a terminar no 14º lugar da geral.

 

“Foi uma prova marcada por um problema de transmissão que conseguimos resolver no domingo e depois uma escolha de pneus menos acertada. Até aí estávamos novamente a discutir os primeiros lugares da Categoria, algo que considero positivo atendendo ao nível da concorrência. Mas obter um pódio num dos traçados mais espectaculares do campeonato é sempre importante”, comentou Luís Silva.

 

A quarta prova do Campeonato Nacional de Montanha será a Rampa de Santa Marta, marcada para 11 e 12 de Junho.

  MG_2432_Copy MG_3094_Copy

 

RAMPA PORTO DE MÓS

Rampa Porto de Mós 2016 - Inscrições!

 

Estão abertas as inscrições para o Rallye Regularidade Sport de Porto de Mós, sexta prova a contar para o Series by NDML 2016 que se realizará no próximo dia 19 de Junho. 
Será mais uma prova com a chancela do NDML com duas subidas de reconhecimento durante a manhã e 3 subidas de prova a partir das 12:00h, decorrendo no conhecido traçado da Rampa de Porto de Mós.
Deste modo publicámos o Regulamento Provisório e o Boletim de Inscrição a fim dos interessados poderem consultar.
Qualquer informação ou esclarecimento, contactar através do e-mail Este endereço de e-mail está protegido de spam bots, pelo que necessita do Javascript activado para o visualizar ou pelo telefone 244 814 214.

 

RAMPA FOZ DO ARELHO

Rampa Foz do Arelho 2016 - Fotos e Classificações!

 

A chuva intensa e copiosa durante toda a manhã não retirou a determinação das cerca de 80 equipas presentes em mais esta edição da Foz do Arelho, quinta prova a contar para o Series by NDML 2016.
Por coincidência apenas estavam programadas as duas subidas de reconhecimento para a primeira parte do dia. 
Já com o sol a brilhar a partir das 13:30h viriam a cumprir-se as três subidas de prova perante um mundo de publico que não deixa de acorrer em massa para assistir a esta prova, cada ano superando ainda mais as melhores expectativas, como salientou o presidente da Câmara de Caldas da Rainha na entrega dos prémios.
É habitual termos nas nossas provas um número bastante significativo de Porsche sendo que desta vez, também o Porsche Clube Portugal associou-se ao evento acrescentando maior beleza desportiva bem como depois pelos resultados finais obtidos pela marca. 
Assim nos Clássicos seria o irrequieto e exímio piloto Bernardo Esteves, como habitualmente acompanhado por seu Pai José Luiz Esteves levarem o Porsche 911 2.0 de 1970 ao terceiro lugar do pódio. Em segundo ficaram José e Guilherme Outeiro, equipa também formada por Pai e Filho em Ford Escort RS 2000, tendo vencido a prova dos Clássicos Rui Rito e José Luis Reis em Toyota Starlet.
Nos Desportivos viria a ganhar o lugar mais alto do pódio Pedro Santiago e Maria Adelina em BMW 320is seguido por João Paulo Almeida e Paulo Gomes em Porsche 911 tendo Tiago Baptista e Fausto Esperança conquistado o terceiro posto em Porsche Cayman. O troféu dos desportivos foi para 'Cesar Racing Team'.
Nos Protótipos Samuel Vina em Kartcross viria a alcançar o lugar cimeiro, seguido por José Mota e Luis Almeida, ambos em Semog.
Estão publicadas as classificações totais e as fotografias no nosso site em www.ndml.pt

 

PRMINIRACING NA RAMPA DA COVILHÃ

 

NEWS PRMINIRACING - JUNHO #2016
É costume dizer-se que "não há duas sem três"… efectivamente é a expressão aplicar à 3ª prova do Campeonato de Portugal de Montanha 2016, que teve lugar no passado fim-de-semana na Serra da Estrela – Covilhã, uma vez que pela 3ª vez consecutiva a chuva marcou presença durante o fim-de-semana, com períodos de chuva por vezes forte, deixando o traçado no sábado sempre molhado e a implicar a utilização constante de pneus de chuva. Estas condições climatéricas variáveis, principalmente no sábado, fez com que em cada subida os mais de 40 pilotos encontrassem condições de tempo e aderência diferentes entre si. Felizmente no Domingo, para as duas derradeiras subidas de prova, a chuva parou, permitindo que o traçado secasse rapidamente, fazendo com que os pilotos optassem pela montagem de pneus para seco (slick). Independentemente das condições adversas sentidas ao longo do fim-de-semana, o público marcou presença vincada ao longo do traçado, com muitos deles a pernoitarem em tendas ao longo do percurso em condições dificultadas pela chuva que se fez sentir no sábado o dia todo e na madrugada de Domingo.
O Team PRMiniracing que fez alinhar os irmãos Rui e Paulo Ramalho ao volante dos seus respectivos protótipos, teve tal como todas as outras equipas bastante trabalho ao longo das diversas subidas de treinos e prova. Os elementos técnicos da PRMiniracing fizeram um trabalho fantástico e incansável na busca dos melhores "set-ups" para os protótipos subida a subida, indo de encontro às alterações constantes do traçado e aos inputs manifestados pelos dois pilotos. Infelizmente o Osella de Rui Ramalho teve alguns problemas no comando da caixa ao longo de todo o fim-de-semana e uma ruptura de jante na última subida de prova que hipotecou um resultado no pódio.
RUI RAMALHO / OSELLA PA21S EVO # 102
Rui Ramalho registou aqui a sua 3ª participação ao volante do Osella PA21S EVO e curiosamente, tal como nas duas anteriores provas, novamente com a presença de bastante chuva. O piloto mais jovem da PRMiniracing não teve outra alternativa senão dar continuidade à sua adaptação ao novo protótipo Italiano nestas difíceis condições de molhado. Para além das difíceis condições de aderência no sábado, o piloto manifestou à sua Equipa durante todo o fim-de-semana que o comando da caixa de velocidades por patilhas no volante não correspondia sempre às suas ordens, obrigando o piloto a utilizar como recurso a alavanca manual sequencial, retirando-lhe a rapidez e comodidade da troca de velocidades através da opção de patilhas no volante (paddle shift). Mesmo assim, o piloto mais jovem da PRMiniracing vinha a fazer uma prova eficaz e inteligente, com o 2º lugar controlado e com o conhecimento da previsão do tempo hora a hora a indicar que para as duas derradeiras subidas de prova de Domingo a chuva faria um interregno, Rui tinha como objectivo atacar nas duas últimas subidas de prova, com o intuito de melhorar significativamente os seus registos de tempos, contudo, na derradeira subida de prova, já próximo da linha de meta, a ruptura da jante da frente esquerda do Osella colapsou sem causa aparente, fazendo com que o piloto ficasse sem direcção na saída de uma zona lenta, tocando nos railes de protecção sem importância de registo, mas com o pneu vazio não teve a possibilidade de alcançar a linha de meta e com isso a não garantir pela 3ª vez consecutiva um lugar de relevo no pódio. O seu resultado final foi assim encontrado pelo somatório dos tempos da 1ª subida de prova de Sábado com chuva e a 2ª subida de prova de Domingo, significando um desapontante 12º lugar final.
O piloto e a sua Equipa já se encontram focados na reparação do Osella para a prova seguinte que terá lugar já no próxima semana, com o intuito de alcançar um bom resultado que permita esquecer este desaire técnico.
alt
PAULO RAMALHO / JUNO CN09 # 103

 

Paulo Ramalho ao volante do protótipo Inglês Juno CN09, sentiu igualmente as dificuldades normais de uma prova à chuva, mas sempre com uma estratégia bem definida, que passava pela realização das subidas de treinos de sábado com atenção redobrada, pois as mesmas não tinham qualquer significado para o resultado e um percalço poderia hipotecar o resultado final. Adivinhando ainda pela análise constante das actualizações da previsão do tempo para o local de que no Domingo, sensivelmente para as derradeiras subidas de prova a chuva poderia marcar uma pausa, o piloto do Porto mantinha a esperança de poder melhorar significativamente os seus tempos nessas mesmas subidas e com isso discutir um dos lugares do pódio. Foi precisamente o que aconteceu, dado que nas duas últimas subidas de prova o traçado encontrava-se praticamente seco, permitindo a utilização de pneus slick e possibilitando assim melhorias significativas dos seus registos de tempos, alcançando o 3º lugar absoluto pela 3ª vez consecutiva este ano. No entanto, este resultado soube a pouco, dado que o 2º lugar esteve ao seu alcance por menos de 3 décimos de segundo…
De qualquer das formas este resultado foi muito interessante para as suas contas do Campeonato. 
É agora tempo de preparar a próxima prova que terá lugar na zona da Régua – Santa Marta de Penaguião – com o objectivo de manter a sequência destes bons resultados.
alt

 

MAIS PÓDIOS PARA CORREIA E GOMES

 

JCGroup Racing Team arrecada mais dois pódios na exigente Rampa da Covilhã

 

A Rampa da Covilhã - Serra da Estrela foi a terceira prova do Campeonato Nacional de Montanha. José Correia (Nissan Nismo GT-R GT3) e Ricardo Gomes (SEAT León Supercopa) estiveram em bom plano em condições difíceis, garantindo mais dois pódios nas respetivas categorias.

 

A dificuldade do traçado na Serra da Estrela foi acentuada pelas condições meteorológicas no sábado, com o potente Nissan de José Correia a ser prejudicado pelo piso escorregadio. Contudo, o piloto de Braga esteve na luta pela vitória na Categoria 2 e terminou no 6º lugar da geral, 2º entre os veículos de GT. Ricardo Gomes também teve momentos de excelente pilotagem à chuva, levando o León Supercopa ao 3º lugar da Categoria 4 e ao top 15 da geral.

 

Foi uma prova extremamente difícil, admitiu Ricardo Gomes. A intensa chuva que se fez sentir no sábado acabou por prejudicar a performance de todos os pilotos genericamente. Confesso que me sinto muito confortável a conduzir à chuva e isso foi visível nos tempos que fiz ao longo do dia de sábado, onde cheguei mesmo estar em quarto da geral. Já o meu colega de equipa, José Correia, teve bastantes dificuldades pelo facto de o Nissan ser um carro com muita força e apenas de tração traseira, o que dificulta imenso a tarefa de o levar aos primeiros lugares em chuva.


Contudo no dia de domingo fui melhorando e as derradeiras subidas de prova foram feitas com a pista seca e com pneus slick, o que acabou por permitir que o José Correia impusesse os principais argumentos do Nissan Nismo GT-R fazendo uma condução espectacular e disputando até à ultima subida o primeiro lugar do pódio. Aliás, importa referir que não há memória de um primeiro lugar dos GT's ser disputado ao centésimo de segundo. O José Correia não ficou em primeiro lugar dos GTs por 2 centésimos de segundo, algo impressionante e que demonstra bem o quão competitivo e meticuloso está a ser este campeonato, analisa o piloto bracarense.

 

Ainda assim, o balanço global da JCGroup Racing Team acaba por ser positivo, numa das provas do calendário onde tinham menor conhecimento do traçado. A Rampa da Covilhã é por si só um grande desafio. Poderíamos ter conquistado os primeiros lugares de cada uma das categorias. Era essa a nossa ambiçãé o nosso objectivo. Contudo os pódio arrecadados e os pontos que somámos nesta prova, sem quaisquer tipo de incidentes, são muito importantes para nós, concluiu Ricardo Gomes.

 

O Campeonato Nacional de Montanha regressa agora a 11 e 12 de Junho com a Rampa de Santa Marta de Penaguião.IMG 4193_CopyIMG 5402_CopyIMG 6068_Copy

 

REIS VENCEU NA COVILHÃ

 

Edgar Reis com vitória emocionante na Rampa da Covilhã


Numa das provas mais exigentes da temporada, Edgar Reis levou o Porsche 997 GT3 Cup à vitória na Categoria 2 após uma excelente exibição. O piloto da Transfradelos continua na luta pelo título nacional. 

O traçado da Serra da Estrela é sempre um dos mais complicados de todo o Campeonato Nacional de Montanha e a presença da chuva no sábado tornou tudo mais difícil. Contudo, Edgar Reis mostrou-se muito confiante com o Porsche 997 GT3 Cup e obteve uma vitória emocionante, batendo o potente Nissan GT-R GT3 por 27 milésimos de segundo.

“Foi uma vitória moralizadora e de que estávamos a precisar. O sábado foi complicado por causa da chuva mas mudámos o set-up depois da Falperra e o carro estava melhor. No domingo quando montámos pneus de chuva senti-me mesmo confiante para arriscar nas zonas mais rápidas e conseguimos ganhar. É muito bom regressar às vitórias, principalmente num traçado como este, e agora estamos completamente envolvidos na 

luta pelo título”, comentou o piloto de Famalicão, que ainda conseguiu um excelente 5º lugar da geral.

A quarta prova do Campeonato Nacional de Montanha será a Rampa de Santa Marta, a 11 e 12 de Junho.IMG 3455_CopyIMG 4225_CopyIMG 5308_Copy

 

GALERIA DE IMAGENS - AMBIENTES NA RAMPA DA COVILHÃ

GALERIA DE IMAGENS

 

AMBIENTES NA RAMPA DA COVILHÃ

 

Mais uma série de imagens dos bastidores e ambientes na Rampa da Covilhã, terceira prova do Campeonato Nacional de Montanha.

 

Fotos de João Raposo - www.velocidadeonFOX 2664_CopyFOX 2665_CopyFOX 2666_CopyFOX 2667_CopyFOX 2668_CopyFOX 2669_CopyFOX 2670_CopyFOX 2671_CopyFOX 2672_CopyFOX 2673_CopyFOX 2675_CopyFOX 2676_CopyFOX 2678_CopyFOX 2679_CopyFOX 2680_CopyFOX 2682_CopyFOX 2683_CopyFOX 2684_CopyFOX 2686_CopyFOX 2688_CopyFOX 2689_CopyFOX 2690_CopyFOX 2691_CopyFOX 2693_CopyFOX 2694_CopyFOX 2695_CopyFOX 2698_CopyFOX 2699_CopyFOX 2700_CopyFOX 2701_CopyFOX 2702_CopyFOX 2703_CopyFOX 2704_CopyFOX 2705_CopyFOX 2706_CopyFOX 2707_CopyFOX 2708_CopyFOX 2709_CopyFOX 2710_CopyFOX 2711_CopyFOX 2714_CopyFOX 2717_CopyFOX 2718_CopyFOX 2720_CopyFOX 2721_CopyFOX 2722_CopyFOX 2723_CopyFOX 2724_CopyFOX 2725_CopyFOX 2726_CopyFOX 2727_CopyFOX 2728_CopyFOX 2729_CopyFOX 2730_CopyFOX 2732_CopyFOX 2734_CopyFOX 2735_CopyFOX 2737_CopyFOX 2739_CopyFOX 2740_CopyFOX 2741_CopyFOX 2743_CopyFOX 2744_CopyFOX 2745_CopyFOX 2746_CopyFOX 2747_CopyFOX 2748_CopyFOX 2750_CopyFOX 2751_CopyFOX 2752_Copyline.comFOX 2663_Copy

 

RAMPA SANTA MARTA FOI APRESENTADA

 

2ª Edição da Rampa Santa Marta em apresentações

Esta 6ª feira foi apresentada no Município de Santa Marta e

na próxima 2ª feira (30/05) é dada a conhecer no Porto, na Loja Interativa do TPNP

no Aeroporto Francisco Sá Carneiro a partir das 15.30h

A contar pelo segundo ano para o Campeonato Nacional de Montanha Valvoline 2016, a “organização” da Rampa Santa Marta está a apresentar e mostrar a sua prova que decorre nos dias 11 e 12 de Junho próximos.

O Clube Automóvel da Régua e o Município de Santa Marta de Penaguião organizaram-se este ano, inovando desde logo em relação ao ano passado e, para além da “Apresentação” em Santa Marta de Penaguião perante Convidados e as suas gentes, vão mostrar a sua prova já na próxima 2ª feira no Porto.

Em conjunto com a Entidade de Turismo do Porto e Norte de Portugal, a Loja Interativa da TPNP serve de palco para a “apresentação” às 15.30 horas da Rampa Santa Marta 2016 a par de um recheado programa de atividades para divulgar o Município de Santa Marta de Penaguião, o Douro e a Região.

Esta sexta-feira o Salão Nobre do Município de Santa Marta recebeu uma rica e recheada plateia de Convidados, Pilotos e outros, o que garante desde logo que a marca “Rampa Santa Marta” está solidificada e esta 2ª edição a realizar nos dias 11 e 12 de Junho próximos, promete!

Presentes o Sr. Presidente do Município de Santa Marta de Penaguião, Luis Reguengo Machado, o Sr. Presidente do CAR – Clube Automóvel da Régua, Jerónimo Alves, o representante da Associação Portuguesa de Pilotos de Automóvel de Montanha e Piloto, Nuno Guimarães, que presidiram à mesa e proferiram as respetivas palavras de apresentação, no que foram acompanhados pelos convidados, Sr. Presidente do Município de Mesão Frio, Alberto Pereira e, o membro da Direção do CAR e Piloto, Domingos Fernandes.

Presentes entre outros, o também piloto Nuno Pinto, Convidados, Vereadores, membros da Assembleia Municipal, Presidentes de Junta de Freguesia, Bombeiros, Patrocinadores, Jornalistas e, demais membros dos Corpos Sociais do CAR.

As mais diversas informações, como Regulamento e Fichas de Inscrição (CNM e Rampa Regional) já se encontram disponíveis em:

http://www.fpak.pt/regulamentacao-das-provas/rampa-santa-marta-11-e-12-junho-2016-0

A Rampa Santa Marta conta para o Campeonato Nacional de Montanha (CNM), Campeonato Nacional de Clássicos Montanha (CNCM), Taça Nacional de Montanha 1300 (TNM 1300), Taça Nacional de Montanha Clássicos 1300 (TNMC 1300) e Rampa Santa Marta/Regional.

As inscrições decorrem até ao próximo dia 3 de Junho de 2016, sábado, na Secretaria a Prova – CAR.DSC 0023_CopyDSC 0032_CopyDSC 0042_CopyDSC 0043_CopyDSC 0050_CopyDSC 0056_Copy

 

JCGROUP NO PÓDIO DA COVILHÃ

 

3 provas com 3 pódios para a JCGroup Racing Team

 

Os pilotos Bracarenses José Correia e Ricardo Gomes, conquistaram este final de semana, na Rampa da Covilhã, Serra da Estrela, mais um pódio nas categrias GT e Turismos, posicionando-se nos lugares cimeiros do Campeonato  de Portugal de Montanha.

Com esta conquista, ambos os pilotos conseguem 3 pódios em três provas deste disputado Campeonato Nacional de Montanha que segue para a sua quarta prova dentro de duas semanas, com a Rampa de Sta. Marta de Penaguião.

Segundo explicou Ricardo Gomes, da JCGroup Racing Team, “apesar dos enormes constrangimentos com que todos tivemos de lidar pela forte chuva que se fez sentir ao longo do passado final de semana na Covilhã, demos o nosso melhor e conseguimos alcançar mais um lugar no pódio, o que é sempre muito bom”.

As dificuldades inerentes ao setup correcto para os carros e a chuva intensa que acompanhou toda a prova que decorreu na Covilhã tornou a tarefa de alcançar os primeiros lugares muito complicada. Apesar de tudo, José Correia e Ricardo Gomes lograram a 2ª e a 3ª posição final, sendo que no caso de José Correia o piloto bracarense viu fugir-lhe o lugar mais alto do pódio, o primeiro lugar, por uma diferença de dois milésimos de segundo.

“Encontrar a fórmula de afinações mais adequada ao Seat Leon, e ao Nissan Nismo GT3 foi um autêntico calcanhar de aquiles e encontrar a equação certa para conseguir colocar a potência do Nissan GT3 no chão não foi de todo simples”, explicou Ricardo Gomes.

Apesar das dificuldades, ambos os pilotos somam nesta prova os pontos necessários para continuar nos lugares cimeiros do Campeonato Nacional de Montanha.GTI 6202_Copy

 

TEAM ARFDGMOTORSPORT COM BONS DESEMPENHOS NA RAMPA DA COVILHÃ

 

RAMPA DA COVILHÃ

 

TEAM ARFDGMOTORSPORT COM BONS DESEMPENHOS NA RAMPA A COVILHÃ


FOX 1847_CopyFOX 1850_CopyFOX 2004_Copy

O Team ARFDGMotorsport, esteve presente uma vez mais em mais uma prova do Campeonato Nacional de Montanha, desta feita na Rampa da Covilhã, onde teve a ausência de Victor Ramos, ficando assim a equipa representada por João Vilas Boas em Renault Clio RS 2000 e Jorge Gonçalves em Fiat Punto S1600.

A verdade é que os pilotos da equipa estiveram em bom plano, onde uma vez mais as condições atmosféricas vieram afectar o andamento, no entanto João Vilas Boas dizia-nos antes da primeira subida de treinos “ que se sente á vontade com o piso molhado, pois só assim consigo melhores tempos e ficar mais perto dos carros mais rápidos. Se o piso secar é impossível lá chegar, pois na minha categoria tenho uma série de viaturas mais potentes e actuais, que com piso seco não tenho meios para me bater de igual para igual.”

 

 

A verdade é que o S.Pedro estava com João Vilas Boas durante o dia de sábado, e chuva e piso escorregadio, foi o que não faltou, e por isso o jovem piloto  fez logo nas subidas de treinos o 12ª e o 19º tempo á geral com 3.34.483 e 3.29.788 respectivamente, isto na sua estreia nesta rampa.

Por seu lado Jorge Gonçalves que tal como o seu colega de equipa também se estreava na rampa da Covilhã, faria nas duas subidas de treinos os tempos de 4.10.501 e 4.01.673, evidenciando assim um andamento mais interessante que deu origem ao 36ª e 33ª melhor tempo.

De referir que a chuva continuava a cair na tarde de sábado, e logo na primeira subida de prova João Vilas Boas  é autor dum “tempo canhão” fazendo 3.29.572, ao volante do seu Renault Clio RS 2000 correspondendo à 13ª melhor marca. Quanto a Jorge Gonçalves ao volante do seu Fiat Punto S1600,conseguia melhorar um pouco mais o seu crono, fazendo 4.01.249, correspondendo ao 38º lugar á geral.

No dia seguinte as condições atmosféricas foram outras com o sol a fazer a sua aparição , e o piso a secar, o que poderia á partida ser penalizante para o Renault Clio RS 2000 de João Vilas Boas, que mesmo assim na segunda subida de prova conseguia melhorar o seu tempo de novo, fazendo 3.24.442, enquanto Jorge Gonçalves com o Punto S1600 também faria o mesmo, baixando o tempo para 3.36.604.

Mas a ultima subida reservava mais surpresas, mas como tudo na vida, contra “cavalos não há argumentos”,  mesmo assim João Vilas Boas  volta a conseguir melhorar o seu tempo com 3.23.336, sucedendo o mesmo com Jorge Gonçalves que volta a conseguir melhorar o seu tempo de forma determinante, fazendo 3.32.010.

Por isso no final, depois de colocarem os carros em parque fechado, e ter retirado o capacete, João Vilas Boas fez-nos uma resenha do fim de semana dizendo logo “ fiz o que estava ao meu alcance, enquanto choveu, mas o mais importante é que consegui em todas  subidas baixar os meu tempos, consegui completar todas as   subidas, não cometi erros, o carro está inteiro, e acima de tudo diverti-me rodeado de amigos e participei nesta grande festa que é o Campeonato Nacional de Montanha. É óbvio que com a chegada do sol, e do piso seco, não tive a mínima hipótese de fazer melhor pois contra “cavalos” não há argumentos, todos os carros que ficaram classificados á minha frente, são carros que nada têm a haver com o  meu Renault Clio RS 2000, mas correu bem, participação positiva, e agora há que começar a pensar na próxima prova , a Rampa de Santa Marta”.

Já Jorge Gonçalves visivelmente satisfeito com o tempo a ultima subida, dizia-nos “ correu bem, dentro dos objectivos, foi sempre a melhorar os tempos, não cometi erros, Aliás não tinha hipóteses com os carros que estavam à minha frente, pois estamos a falar de Porsches, um Nissan GTR, em suma carros de outra “constelação.. Depois,  acima de tudo diverti-me, estive com os amigos, correu tudo bem, e agora ala para a Rampa de Santa Marta, onde espero que haja muito sol, e piso seco, para assim poder mostrar as potencialidades do meu carro”.

CLASSIFICAÇÃO GERAL FINAL CATEGORIA 4

1º Luis Nunes – Seat Leon

2º Joaquim Teixeira – Renault Mégane Trophy

3º Ricardo Gomes – Seat León Copa

7º JOÃO VILAS BOAS – RENAUTL CLIO RS e 1º Classe 33

CLASSIFICAÇÃO FINAL CATEGORIA A1

3º JORGE GONÇALVES – FIAT PUNTO S1600 1º Classe 15

 

GARAGEM AURORA EM DUAS FRENTES

 

CAMPEONATO NACIONAL DE MONTANHA 2016 – VALVOLINE

 

BRAGA FESTIVAL OF SPEED

 

GARAGEM AURORA EM DUAS FRENTES NO FIM DE SEMANA PASSADO



A Garagem Aurora esteve no passado fim de semana em duas frentes, no Campeonato Nacional de Montanha, onde uma vez mais com  o Porsche 911 SC de   Carlos Oliveira, e no Braga Festival of Speed, teve a participação do Porsche 911 de António Torres da Silva /Eduardo Santos Júnior. Desta feita o preparador, vestiu o fato de competição e narrou-nos a sua experiencia nesta corrida, na qual acabaria por subir ao pódio.

Quanto ao Campeonato Nacional de Montanha, uma vez mais o Porsche 911 SC de Carlos Oliveira chegou ao final, onde com as péssimas condições atmosféricas começou a sua participação com, uma certa cautela fazendo nas duas subidas de treinos os tempos de 3.58.270 e 3.48.439 e 3.59.370 respectivamente.

Depois nas subidas de prova, o piloto do Porsche laranja faria respectivamente os cronos de 3.47.172, 3.38.304 e 3.26.143, conseguindo bater de forma sistemática os seus tempos em cada subida efectuada.

Assim Carlos Oliveira e o seu Porsche 911 SC terminaram na 25 º posição à geral, e segundos em termos de categoria 5 .Segundo Eduardo Santos Júnior “ foi uma prova calma sem contratempos, aos poucos fomos adaptando o set up do carro, conforme as subidas que foram sendo feitas. Não houve problemas de maior, foi só meter gasolina, e cumprir a prova, sendo o balanço muito positivo, por cima ainda o carlos Oliveira conseguiu melhorar de forma sistemática os tempos que fez em cada subida “.


CLASSIFICAÇÃO CATEGORIA 5


1º F.Sainhas – Ford Escort

2º CARLOS OLIVEIRA – PORSCHE 911 SC

3º Parcidio Summavielle – Datsun 240 Z

 

BRAGA FESTIVAL OF SPEED

 

NO PÓDIO

Desta feita Eduardo Santos Júnior envergou o fato de competição, ao aceder ao convite protagonizado por António Torres da Silva para conduzirem um Porsche 911.Assim na sessão de treinos conseguiu logo um brilhante 4º lugar na grelha de partida, o que surpreendeu muitos dos presentes, alguns deles com máquinas bem competitivas que este Porsche 911.Para a corrida, estava previsto a divisão dos turnos de condução, mas isso acabou por não existir, pois António Torres da Silva impedido por questões de foro familiar acabou por não alinhar e seria Eduardo Santos Júnior, a ficar com a missão de levar o Porsche 911 até ao baixar da bandeira de xadrez, objectivo esse plenamente alcançado depois de um prova isenta de erros, sempre a manter  a mesma toada. No final o Porsche 911 e Eduardo Santos Júnior cortavam a linha de chegada na 6ª posição à geral,  e em primeiro na categoria H 65.

Depois da cerimónia do pódio, Eduardo Santos Júnior, descreveu-nos como foi esta epopeia “ correu bem, embora um pouco fatigado, pois o meu colega de equipa não pode vir, e assim fiquei com a missão de levar o Porsche até final, por isso dever cumprido. A prova correu muito bem, não cometi excesso, foi manter o mesmo andamento e o resultado aqui está. Quero agradecer ao meu colega de equipa, António Torres da Silva pelo convite para fazermos esta corrida. Terminamos em 6ª da geral, e os primeiro da classe H 65, e penso que foi um excelente resultado, isso tendo em consideração a concorrência que tivemos em pista. O Porsche 911 portou-se lindamente, o meu muito obrigado a todo os mecânicos da Aurora Motorsport, para além da minha mulher e toda a minha família que esteve presente, inclusive o meu pai, o mestre Eduardo. Para todos o meu muito obrigado”.


CLASSIFICAÇÃO GERAL FINAL

 

1º João Sousa – Paulo Sousa – BMW 635 CSI

2º Paulo Sousa – Saab Sonet

3º Carlos Brizido – Bruno Albuquerque – Porsche 911 3.0 RS

4º Luis Alegria – Datsun 1200

5º Miguel Vaz – Fernando Soares – Datsun 1600 SSS

6º ANTÓNIO TORRES DA SILVA – EDUARDO SANTOPS JUNIOR – PORSCHE 911


CLASSIFICAÇÃO CATEGORIA H 65

FOX 2276_CopyFOX 2789_CopyFOX 3719_Copy

1º ANTÓNIO TORRES DA SILVA – EDUARDO SANTOS JUNIOR«+ – PORSCHE 911

2º João Vieira – Volkswagen

3º Luis Sousa Ribeiro – Ford Cortina Lotus

 

RAMPA DA COVILHÃ

CAMPEONATO NACIONAL DE MONTANHAZ 2016 - VALVOLINE

 

RAMPA DA COVILHÃ

 

E foi assim que Rui Ramalho perdeu as hipóteses de ascender ao pódio coRAMALHO1 CopyRAMALHO2 CopyRAMALHO3 Copym o seu Osella, isso depois desta jante ter tocado à berma, numa das subidas da rampa da Covilhã.

 

CANDIDO MONTEIRO PRECISA DE MAIS CONCORRENCIA

 

CAMPEONATO NACIONAL DE MONTANHA 2016 – VALVOLINE

 

 

RAMPA DA COVILHÃ

 

CANDIDO MONTEIRO PRECISA DE MAIS CONCORRÊNCIA


FOX 1723_CopyFOX 2217_Copy

Depois a ausência por razões profissionais na Rampa da Falperra, eis que Cândido Monteiro e o seu inseparável Datsun 1200 regressaram ao Campeonato Nacional de Montanha, para disputar mais uma edição da Rampa da Covilhã.

Assim nas subidas de treinos, Cândido Monteiro, mostrou que estava ali para vencer em termos de categoria e logo nas duas subidas de treinos acabou por rubricar bons tempos, alcançando  4.00.379 , conseguindo na subida seguinte melhorar um pouco mais conseguindo fazer 3.59.343, sempre debaixo de difíceis condições atmosféricas, com o piso muito molhado, e escorregadio. A verdade é que o piloto do Datsun 1200, na primeira subida de prova, ainda conseguiria melhorar de novo chegando aos 3.53.005,. Para a segundas subida, Cândido Monteiro queria melhorar o seu tempo anterior, mas a verdade é que motivado pelo set up do carro não conseguiu fazer melhor fazendo    nas restantes subidas, fazendo 3.53.772  e 3.49.521 respectivamente.

Antes do inicio da cerimónia da distribuição de prémios, Cândido Monteiro fez-nos um resumo do que foi a prova, “ correu muito bem, só foi pena não ter mais adversários, para assim poder envolver-me numa luta engraçada, onde me possa divertir ao máximo. No sábado com as más condições atmosféricas tirei partido, e graças a isso consegui tempos interessantes, mas depois com o piso seco, a situação foi bem diferente”.

 

CLASSIFICAÇÃO CATEGORIA

1º F.Sainhas – Ford Escort

2º Pedro Gaspar – BMW 325

3º Parcidio Summavielle – Datsun 240 Z

4º CÃNDIDO MONTEIRO – DATSUN 1200

 

 

MÁRIO MESQUITA FICOU AQUÉM DAS EXPECTATIVAS

 

CAMPEONATO NACIONAL DE MONTANHA 2016 – VALVOLINE

 

RAMPA DA COVILHÃ

 


MÁRIO MESQUITA FICOU AQUÉM DAS EXPECTATIVAS

 

Desta feita algo se passou com o comportamento em pista por parte do Datsun 1600 SSS de Mário Mesquita que não permitiu que o piloto do porto pudesse ficar mais bem classificado.

 

A verdade é que o piloto da Azulima, nas duas subidas de treinos, disputadas debaixo de péssimas condições atmosféricas, com muita chuva e vento, faria  um tempo de 4.23.257 e 4.05.863.

 

Após as subidas de treinos Mário Mesquita fez a sua aposta nas subidas de prova, mas o mau tempo que assolou a zona da rampa no decorrer da primeira subida, não permitiu fazer melhor do que  4.09.331.No dia seguinte, isto é, no domingo, as condições meteorológicas melhoraram um pouco e isso permitiu que o piloto portuense acalentasse as esperanças de melhorar o seu tempo, o que na realidade se veio a concretizar, conseguindo fazer 3.56.939.A partir daqui Mário Mesquita colocou  a fasquia mais alta para a derradeira subida, só que o motor é que não quis colaborar, e no final faria um tempo de 4.12.068, bem aquém dos tempos feitos anteriormente.

 

Por isso depois de colocar o carro no parque fechado, Mário Mesquita disse-nos logo ” duma maneira geral correu bem, fui sempre melhorando os meus tempos, mas na ultima subida, de repente o motor começa a perder potencia, e com isso não tinha a velocidade necessária para fazer a Rampa como gostaria. Não sei o que se passou, mas no início da semana vamos ver a origem da quebra de potência.
Tive pena, pois estava apostado em melhorar o tempo da minha melhor subida, mas paciência.  Agora, vamos resolver o problema e por o carro em condições para a próxima prova, que é a Rampa de Santa Marta

 

CLASSIFICAÇÃO FINAL CATEGORIA 5

1º F.Sainhas – Ford Escort

2º Pedro Gaspar – BMW 325

3º Parcidio Summavielle – Datsun 240 Z

4º Cândido Monteiro – Datsun 1200

5º MÁRIO MESQUITA – DATSUN 1600 SSS

 FOX 1802_CopyFOX 2306_Copy

 

VELOSO MOTORSPORT NA RAMPA DA COVILHA PARA VENCER

 

Veloso Motorsport brilha na Montanha com Luis Nunes

 

 

A Veloso Motorsport esteve brilhantemente representada na Rampa da Covilhã - Serra da Estrela por Luis Nunes, que conseguiu ao volante do SEAT Leon Cup Racer da equipa nortenha, um expressivo triunfo na Categoria 4, registando ainda um notável quarto lugar absoluto.

Com este resultado, o piloto transmontano reforçou a sua liderança no Campeonato Nacional de Montanha Valvoline – Categoria 4, conseguindo até esta altura o pleno de vitórias nas três provas disputadas em 2016.

“Estou muito satisfeito com mais esta vitória conseguida em condições difíceis. O tempo esteve muito instável e isso torna tudo muito mais complicado, já que nunca sabemos como vamos encontrar o piso e isso mexe com as afinações e na escolha do tipo de pneus ideais para utilizar. No Sábado, com muita chuva, as coisas não me saíram muito bem, mas hoje já estive ao meu nível e consegui ser o mais rápido. Estava curioso para saber como estaria em relação à concorrência, numa situação de piso seco como tivemos este Domingo e a resposta foi muito positiva para nós! Felizmente tudo correu bem e pude contar mais uma vez com um carro muito bem preparado pela Veloso Motorsport, que me deu confiança para atacar. Com este resultado começo a acreditar que podemos chegar ao título, já que com esta vitória reforçamos a liderança do campeonato e temos agora uma margem de erro maior. Temos ainda muitas provas pela frente, mas a motivação e a vontade de ganhar saíram reforçadas, após este excelente resultado na Serra da Estrela.” Disse Luis Nunes.

O Campeonato Nacional de Montanha Valvoline 2016 prossegue dentro de duas semanas, com a realização da Rampa de Santa Marta na zona da Régua. VMS300516A Copy

 

CARLOS GASPAR HOMENAGEADO NO HISTORIC ENDURANCE

 

Corrida emocionante homenageou

 

homenagem1 Copyhomenagem2 CopyCarlos Gaspar Duas dezenas de equipas, constituídas por quase 40 pilotos apaixonados por automóveis, reuniram-se numa corrida de 50 minutos, ao melhor estilo das competições das décadas de 60 e 70 do século passado, para prestar tributo um dos grandes nomes do automobilismo português, Carlos Gaspar. Num dia bastante preenchido, o momento alto foi a entrega de uma imagem autografada por todos os participantes ao homenageado em plena recta da meta do Circuito Vasco Sameiro preenchida pelos carros que iam iniciar a prova. O dia foi repleto de simbologia e significado. A manhã foi dominada pela sessão de treinos cronometrados. A pista molhada beneficiou os modelos mais ágeis e menos potente. Luís Alegria, em Datsun 1200 Sedan, aproveitou as condições para estabelecer o melhor tempo e garantir a pole-position para a corrida. Ao início da tarde, a recta da meta engalanou-se para a cerimónia de homenagem a Carlos Gaspar. As equipas colocaram os automóveis estacionados em espinha junto ao muro das boxes, enquanto os pilotos se perfilaram no lado oposto para, logo após a entrega do quadro, aplaudirem esta figura incontornável do desporto automóvel em Portugal. Com toda a gente a postos, Carlos Gaspar deu o mote para a partida da corrida tal como se fazia nas corridas de antigamente. Os pilotos correram para as suas máquinas e deram uma volta ao traçado antes da partida oficial que aconteceu mal voltaram à grelha. Ao longo de 50 minutos, os quase 40 pilotos envolvidos, discutiram a corrida do Historic Endurance. No final, a dupla Sousa/Sousa, em BMW 635 CSI, foi a primeira a ver a bandeirada e triunfou na classe H-Convidados. Paulo Sousa, ao volante do irreverente Saab Sonet II, não se destacou apenas pela imagem do seu automóvel. Em pista foi mesmo o melhor da classe 76, num pódio completado pelo Porsche 911 3.0 RS de Brízido/Albuquerque, que ficou em segundo, e pelo BMW 2002 TI de Simplício e Marco Pinto. A corrida foi totalmente disputada com piso seco, algo muito raro durante o fim-desemana do Braga Festival of Speed. Mas se isso daria vantagem aos clássicos mais potentes, não impediu Luís Alegria de triunfar na classes H-71 e 1300cc com o Datsun 1200 Sedan e terminar em quarto da classificação final. Francisco Sanchez ocupou o segundo lugar em ambas as categorias, enquanto Aníbal Rolo e Jorge Corrêa, em Datsun 1200 Coupé, completaram o pódio da classe 1300cc. Na classe dos mais históricos e com mais classe, o Porsche 911 preparado pela Garagem Aurora e pilotado por António Torres da Silva e Eduardo Santos obteve o triunfo. Para o organizador do Carlos Gaspar Trophy, Diogo Ferrão, a iniciativa não podia ter corrido da melhor forma. “Foi muito comovente o momento que vivemos antes do Carlos Gaspar Trophy. Para além de todos os pilotos à partida, muitos mais vieram expressamente a Braga dar um abraço a este grande homem. Carlos Gaspar é uma figura incontornável desta modalidade pela qual todos temos uma imensa paixão. Esta foi uma forma simples, mas genuína, de prestar homenagem a um piloto tão importante do automobilismo português e isso sentiu-se com a vontade de tanta gente em querer associar-se ao acontecimento”, afirmou.

 
Mais artigos...

João Raposo

Telemóvel: +351 961 686 867
E-mail: jraposo-air@portugalmail.pt